Home » Brasil, Capa

Cristão pode fazer tatuagem? Teólogos e pastores discutem se é pecado ou não

Avatar de Redação Gospel+ Por Redação Gospel+ em 14 de janeiro de 2011

Notícias Gospel em seu email

Receba Notícias Gospel em seu email gratuitamente! Insira seu email:

Gospel+ no Twitter!

ou no facebook

Cristão pode fazer tatuagem? Teólogos e pastores discutem se é pecado ou não

“Hoje eu não faço mais tatuagem e não aconselho ninguém a fazer”. Poucas pessoas associariam essa afirmação a Rodolfo Abrantes. Com os braços quase cobertos por tatuagens, muitas do período em que atuou como vocalista da banda secular Raimundos, e a imagem de um candelabro tatuada no pescoço, feita após sua conversão, o músico conta que tatuar-se era algo habitual: “Quando eu me converti, eu continuei fazendo tatuagem porque já fazia muito e eu confesso que não sentia muita paz nisso. Durante meu processo de conversão, senti Deus falar comigo que eu não precisava mais daquilo. Quando decidi parar, senti muita paz. Desde então, nunca mais fiz tatuagem alguma. Quando eu continuei me tatuando depois de convertido, só transferi uma coisa que eu já era para dentro da minha nova vida. E realmente eu não precisava mais disso”.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Em entrevista ao Portal Guia-me, Rodolfo expressou o que pensa hoje sobre tatuagem: “Na real, eu acho que tatuagem é uma grande ‘duma vaidade”. “As pessoas dizem: ‘Eu vou para Jesus, mas eu vou levar tudo o que eu gosto’. Mas têm certas coisas que talvez Deus queira simplesmente tirar do teu coração. Eu interpreto da seguinte forma: quando eu senti que era Deus falando comigo, que era para eu parar de fazer tatuagem, creio que era uma ordem simples, que se eu conseguisse obedecer, eu conseguiria obedecer a ordens maiores também. Eu cumpri e senti uma paz tremenda. Toda vez que eu obedecer a Deus, vou sentir Paz”, explica o cantor.

Vista como forma de expressão, símbolo de rebeldia e juventude, a tatuagem possui diferentes estilos, que vão do tradicional ao maori, estilizado, psicodélico, religioso, tribal, entre outros. Seus temas variam tanto quanto as personalidades das pessoas que as fazem. As imagens escolhidas podem ser definidas pelo contexto histórico, influências musicais, modismos, ideologias e crenças. Crenças que chegaram à igreja e dividem opiniões. Aceita por algumas denominações e pastores, condenada por igrejas e lideranças, a “tatoo” divide opiniões até mesmo em interpretações de trechos bíblicos, como o de Levítico 19:28 – “Não fareis lacerações na vossa carne pelos mortos; nem no vosso corpo imprimireis qualquer marca. Eu sou o Senhor”.

Para o professor de teologia Carlos Vailatti, o versículo faz parte de um contexto maior, um “código de santidade”: princípios para demonstrar ao povo de Israel elementos indispensáveis ao relacionamento com Deus. Na opinião de Valilatti, é importante destacar também a palavra ‘marca’: “Esta palavra é derivada do hebraico qa´aqa´, cujos significados básicos são: ‘incisão, tatuagem’. Já na Septuaginta (a tradução grega do Antigo Testamento hebraico – datada do III século a.C.), a palavra ‘marca’ é a tradução do grego stikta, palavra esta derivada do verbo stizo, ‘fazer um sinal com um instrumento agudo ou candente; pintar, tatuar; fazer sinais com golpes’ [...] Deus não quer que Israel pratique esses hábitos pagãos e se comporte como as demais nações que vivem ao seu redor. Deus quer que Israel seja uma nação santa, isto é, uma nação separada para servi-lo e que tenha um estilo de vida diferente das demais”. Para o teólogo, o trecho inicial do versículo de Levítico 19:28, relaciona-se a 1 Reis 18:28: “No confronto entre Elias e os adoradores de Baal no monte Carmelo, onde vemos que estes últimos ‘se retalhavam com facas e com lancetas, conforme o seu costume, até derramarem sangue sobre si”.

No entanto, Sandro Baggio, líder do Projeto 242, igreja que há mais de dez anos trabalha com pessoas da cultura alternativa e dedica-se a missões urbanas, entende que o trecho de Levítico não pode ser aplicado à tatuagem. “Trata-se de uma lei específica direcionada a um povo em particular. Aqueles que querem aplicar essa lei para o contexto de hoje (usando este versículo para proibir as pessoas de fazer tatuagem) precisam estar dispostos a aplicar também os versículos anteriores que proíbem vestir roupas de tecidos diferentes, plantar sementes de diferentes espécies no mesmo jardim e aparar a pontas do cabelo e da barba. As pessoas não estão fazendo tatuagem por causa de qualquer ritual relacionado a mortos, mas como expressão estética”, explica o líder.

Baggio fez a primeira tatuagem em 1988, logo após sua formação no seminário teológico. Para ele, tatuar-se é uma forma de expressão corporal e cultural: “Antes era particular de alguns povos e culturas, mas como o mundo se tornou uma aldeia global, a tatuagem (assim como outras expressões culturais) ganhou espaço nos mais diversos meios e contextos. A única diferença entre fazer uma tatuagem e uma pintura ou mesmo corte de cabelo é que a tatuagem tem uma característica mais permanente e não pode ser removida facilmente. Portanto, exige-se que se pense muito mais antes de se fazer uma tatuagem do que, por exemplo, antes de tingir os cabelos ou fazer dreads neles”.

Símbolo de rebeldia?

Tattoo, do taitiano tatau, significa marcar. O nome foi dado por James Cook, o capitão inglês que descobriu o surfe e, em 1769, ficou admirado ao chegar ao Taiti e ver a população local coberta de desenhos em vez de roupas. A população da região era conhecida como maohis, ou maoris na Nova Zelândia, povo que tatuava-se em rituais ligados à religião. As imagens significavam status e poder, marcavam a passagem da infância para a maioridade, ou contavam as histórias da família e da tribo. Mas, os primeiros registros de pigmentação com tintas sobre a pele remetem há pelo menos 5 mil anos. No Egito, também foram encontradas múmias tatuadas, que datam do período entre 4000 e 2000 a.C.

Na América,tatuar-se também era prática das civilizações maia e asteca. No Japão feudal, criminosos eram marcados para que fossem identificados como maus elementos. Tempos depois, em meio a um forte clima de opressão dos governantes, organizações ostentavam tatuagens como símbolo de transgressão ao poder vigente. Assim, surgiu o famoso dragão da Yakusa, a máfia japonesa, imagem comum de muitas tatuagens no mundo.

Com todo esse contexto histórico, a tatuagem é vista, ainda hoje, como símbolo de rebeldia. O pastor Eduardo Silva, conhecido como pastor Edu, conviveu com muitos “irmãos tatuados” até gravar uma mensagem em seu braço e conta que recebeu com isso muitas críticas. Membro da igreja Renascer em Cristo, foi o primeiro a escrever em seu corpo, a frase “Renascer até morrer”. “A minha motivação veio num momento em que a Igreja sofreu um forte ataque. A intenção dos que nos atacavam era na verdade o fechamento e extinção da Igreja Renascer, como se as portas do Inferno pudessem prevalecer contra a Igreja de Cristo. Muitas pessoas comentavam que a Igreja não sobreviveria a esse momento, isso foi em fevereiro de 2007. Sou pastor desde janeiro de 1993, mas atuo no ministério desde jovem”, conta o Pr. Edu, que revela que a atitude trouxe grande repercussão: “Algumas positivas, outras violentamente negativas. O que me causa estranheza, é que a tatuagem afeta tão somente a minha vida. No que diz respeito à minha comunhão com Deus ou santidade, não aumenta ou diminui. Mas, muitos foram contumazes em dizer que essa atitude era fruto de uma alienação, que éramos como gado marcado etc. Apenas entendo que não devemos julgar para não ser julgados!”. Ele explica a iniciativa narrando a passagem bíblica de II Samuel 15:21: “Em meio à guerra, Davi contava com homens valentes como Itaí (II Sm 15,21), que estavam em aliança, para vida ou para a morte. Não adianta estar em aliança apenas quando tudo vai bem. Baseado nesse princípio é que muitos de nós escolhemos essa frase. A igreja, corpo de Cristo, estava sendo atacada, o rebanho precisava ser protegido e pastoreado e algumas pessoas e instituições se esqueceram desse conceito de corpo! Como pastor, senti o desejo de deixar clara a minha posição em favor do rebanho”.

Para o reverendo Baggio, pessoas que consideram tatuagens símbolos de rebeldia estão “estacionadas no tempo”. ” Hoje em dia, tatuagem não tem absolutamente nada a ver com rebeldia, mas sim com estética. Sem dúvida que há preconceitos por parte de algumas pessoas (religiosas ou não), mas qualquer coisa pode ser passível de preconceito, principalmente expressões culturais. Preconceito é fazer um juízo superficial a partir de idéias ou conceitos pré-estabelecidos. O profeta Samuel fez um ‘pré-conceito’ ao procurar ungir o futuro rei de Israel. Cristãos que seguem a Bíblia não deveriam fazer ‘pré-conceitos’ com relação à aparência das pessoas, mas infelizmente não é isso o que acontece. Pessoas sofrem preconceitos por se vestirem de certa maneira, por causa do seu penteado (ou por não ter nenhum penteado) de cabelo, pelo modo como falam (se sua linguagem não for cheia de chichês evangeliquês, não é espiritual) etc. Eu já sofri preconceitos por todas as coisas, mas geralmente depois que as pessoas me conhecem, elas percebem que tais coisas são superficiais e acabam deixando o preconceito de lado”, narra o reverendo. A segunda tatuagem de Baggio veio para cobrir a primeira. “Aquela velha tatuagem era bem “old school” e no ano passado decidi cobri-la com um novo desenho. A velha tatuagem foi feita com um desenho de uma pomba e uma cruz e eu estava pensando do texto bíblico que diz que Cristo estabeleceu a paz por meio da cruz. A nova tatuagem é um desenho celta do ganso selvagem, o símbolo celta do Espírito Santo. O que esse desenho expressa para mim é a afirmação de que fui selado pelo Espírito e meu desejo profundo de viver a grande aventura da vida guiada por Ele”, expõe o líder do Projeto 242.

Mas, para o professor Carlos Vailatti, a tatuagem pode ser compreendia como elemento de rebelião: “Ela pode representar a aderência aos movimentos da contra-cultura, como, por exemplo, o movimento punk da década de 80, o qual estava associado com formas de protesto social e anarquismo. Além disso, ela também pode ser vista como um símbolo anárquico dentro da própria igreja, de acordo com postura que certas denominações adotam com respeito a ela”.

Fazer-se igual para ganhar os diferentes?
Líder do Projeto 242, que tem como alvo missionário evangelizar pessoas marginalizadas socialmente, como: mendigos, prostitutas e dependentes químicos, Sandro Baggio não compreende a tatuagem ou outros visuais como agentes de evangelização. “Isso depende muito mais do testemunho de vida e caráter, no poder do Espírito Santo, do que na aparência”, aponta.

“Creio ainda que existem tatuagens que são puramente estéticas e muitos irmãos tatuados, são instrumentos para alcançar essas tribos ou grupos alternativos. Muitas pessoas que me perguntavam a respeito da tatuagem acabaram ouvindo a respeito da fé em Jesus e da obra que ele realizou em minha vida. Mas não quero usar esse argumento. Creio que devemos ter acima de tudo respeito e amor. Só pra constar assim que possível vou fazer outra. Tatuados ou não, cabeludos ou não, com maquiagem ou sem, com brinco, com piercing, pentecostal ou tradicional, o que conta mesmo é sermos novas criaturas. No mais, vivamos em paz uns com os outros (I Ts 5,13)”, expressa o pastor da igreja Renascer em Cristo, Edu.

Para o cantor Rodolfo Arantes, o fato de ter tatuagens só o aproxima de outras pessoas tatuadas ou grupos alternativos, à medida que elas o enxergam com uma pessoa mais parecida com Cristo.”Cara, se tem alguma coisa em mim que possa ter atraído alguém, é mais pelas as pessoas que estão fora da igreja e estão vendo: ‘Pô, aquele cara todo tatuado tá pregando. Aquele cara todo tatuado tá fazendo a obra de Deus, aquele cara todo tatuado está adorando Jesus com a guitarra na mão. Quer dizer que eu também posso?’. Eu creio que numa hora dessas, se tem algo que eu possa aproveitar, é mais por poder mostrar que Jesus Cristo renova todas as coisas e que não interessa quem você é, o que você fez, não interessa as marcas que você carrega. Se você entregar sua vida para Deus, ele vai te usar [...] O link que a gente tem que ter com essas pessoas perdidas, com as pessoas que a gente quer alcançar, é o link do amor. Amar as pessoas independentemente das diferenças delas. Às vezes nos afastamos das pessoas que são diferentes, que estão afundadas em trevas, como se a gente tivesse que manter distância, como se fosse contagioso e não é, a gente é que é contagioso, é o nosso amor que vai mostrar se a gente é de Jesus ou não, eu acho que é muito mais por aí”, explica Rodolfo. Para ele, quem busca Jesus está procurando novidade de vida: “Em tudo que eu já li a respeito de Jesus na Bíblia, eu nunca ouvi dizer que ele precisou se parecer com as prostitutas para falar do amor de Deus para elas. Eu nunca o vi tendo que se parecer com o endemoninhado gadareno para falar de Jesus para ele. Tudo o que ele fazia é ser luz nas trevas, é isso o que a gente precisa. Quem faz a diferença na vida de uma pessoa é a Palavra de Deus e não qualquer artifício. Isso é uma estratégia humana muito da ‘mixuruca’ perto do que é o poder de Deus”.

Da mesma forma, o teólogo Vailatti entende que Jesus também interagiu com grupos alternativos e marginalizados de sua época, mas comportou-se de forma diferente. “Acredito que a tatuagem pode sim auxiliar na evangelização de tais grupos, tomando como hipótese que aquele que os evangeliza também está tatuado. Isso cria uma identificação entre ambos. Porém, uma vez que o exemplo a ser seguido pelos cristãos é Cristo (cf. 1 Jo 2.6), temos que ter em mente que o que havia em Jesus que atraía as pessoas era justamente o fato dele ser “diferente”, e não “igual” aos demais. Dito de outra forma, se Jesus vivesse em nossos dias ele certamente não precisaria se tatuar para evangelizar pessoas tatuadas, pelo mesmo motivo pelo qual também não precisou se tornar mendigo para proclamar o evangelho a estas pessoas. Aliás, Jesus também interagiu com os “grupos alternativos” de sua época, tais como “as prostitutas, os leprosos, os mendigos e os coletores de impostos”, dentre outros, os quais, assim como os grupos alternativos de hoje, também eram marginalizados pela sociedade. Todavia, o que atraía as pessoas em Jesus, entre tantas outras coisas, era o seu amor incondicional por elas, o seu respeito pelos excluídos da sociedade e a sua falta de preconceitos para com todos. Jesus conquistava pessoas de todas as camadas sociais não porque se adaptasse a cada uma delas, mas sim porque ele continuava a ser ele mesmo dentro do pluralismo religioso, cultural e social de sua época. Acredito que o nosso maior desafio nos dias de hoje seja evangelizar tais “grupos alternativos” (seja lá quais forem) sem, contudo, perder ou anular a nossa própria identidade”.

Com informações de Whiplash, Guia-me e Portal Tattoo



PS.: Comentários via Google+ estão logo abaixo desabilitados no momento.


Comentários via Facebook

16 comentaram, comente você também!

  1. AccessoriesNo appearance is done without proper accessories to enhance any outfit. There is also a lots of veils, tiaras, venture attire not to mention fascinators by Richard Variations as well as Trudy Shelter with a variety of jewelry not to mention footwear.
    There’s an easy massive amount of wedding dresses by way of D’zage, Trudy Lee, W1/White One particular, Perpetuity, Margaret Lee plus Isabel Environnant les Mestre together bridesmaids just by Veromia, D’Zage, Schokohutige Went up by together with Everlasting nature. Wide selection involving Veils, Tiaras, Bridal Boots or shoes and even Rings. Polite very own company
    throughout our casual buy. Get in touch with 01604 622277 to have an date.
    Wedding day DressesWe tend to be retailers about Trudy Lee, D’Zage, Tous Vos Jour, W1/White A particular, Atelier Straight and even Isabel De Mestre. Our company offers a variety of attire for most seems as well as sizes. We currently accommodate pieces coming from dimensions
    6 26
    DirectionsWe have reached Weston Favell township, near your Wellingborough Rd on Northampton.
    283 wellingbrough road
    Best lady together with Flowergirl DressesWe have an assortment regarding reciprocal maid-matron of honour, youngster and flowergirl styles in lots of colourings. Utilizing gowns by simply D’zage, Veromia along with Tous ces Jours
    you are sure to find the best gowns to improve wedding and reception apparel.
    We’ve got various prom gowns around

  2. Conseils dans le but de décorer votre veste depuis moto
    Si vous|il|vous-même|bien entendu vous} n’êtes pas membre d’un club signifiant moto et aussi ne pas avoir un logo que mais vous|il|vous-même|bien entendu vous} pouvez faire dans un patch, alors nonobstant vous|il|vous-même|bien entendu vous} pouvez toujours recourir à l’utilisation d’un tout type qui prend place pour patch dans le but de le veste. Ils|Il|Vous-même|Bien entendu vous} pouvez acheter des patchs avec depuis nombreux types signifiant décorations depuis pygargue à croix par fer, qui remplace camions semi-remorques. Mais vous|Il|Vous-même|Bien entendu vous} pouvez même acheter un patch qui possède un tracteur John Deere sur elle. Le point est, si vous|il|vous-même|bien entendu vous} avez une idée pour ce patch parfait afin d’ la veste, alors les chances sont que nonobstant vous|il|vous-même|bien entendu vous} serez en mesure pour le trouver quelque chose comme ça, ou au moins avoir fait sur mesure afin d’ ils|il|vous-même|bien entendu vous}.
    Lorsque mais vous|il|vous-même|bien entendu vous} achetez la veste, nonobstant vous|il|vous-même|bien entendu vous} remarquerez qu’il ya un certain nombre pour domaines dans lesquels pour nouveaux éléments peuvent être ajoutés. Les manches sont un endroit idéal afin d’ des objets décoratifs, le panneau arrière s’avère à être une meilleure place, et aussi mais vous|il|vous-même|bien entendu vous} verrez qu’il ya beaucoup qui remplace place à l’avant ainsi. Zones plates depuis la veste où il n’y a pas qui prend place pour matériel, coutures ou autres obstacles sont les zones idéales dans le but de divers objets depuis décoration.
    Donc ils|il|vous-même|bien entendu vous} avez acheté de nouvelles vestes qui remplace moto en cuir ainsi que que mais vous|il|vous-même|bien entendu vous} voulez les réaliser ressembler à des vestes qui prend place pour motards vrais hein Il ya un certain nombre de choses que mais vous|il|vous-même|bien entendu vous} pouvez faire dans le but de décorer votre veste afin signifiant lui donner un look motard plus classique. Voici quelques bonnes idées.
    Nonobstant vous|Il|Vous-même|Bien entendu vous} pouvez également décorer votre veste pour moto en ayant travaux qui prend place pour broderie fait pour elle. Vous|Il|Vous-même|Bien entendu vous} pouvez établir votre propre conception fraîche, prenez une conception signifiant l’Internet, ou trouver un design des n’importe où ailleurs ainsi que avoir cousu dans la veste en n’importe quel endroit que vous|il|vous-même|bien entendu vous} aimez. Broderie conceptions dans la veste peut nonobstant vous|il|vous-même|bien entendu vous} aider à ajouter pour la couleur, ce caractère ainsi que l’unicité pour le la blouson d’un moto. C’est ce pouvoir qui anime vraiment un vélo ou donne la force dont il a besoin. C’est la raison afin de laquelle les motards rêvent pour elle car elle pourra être ce
    centre pour la performance du vélo. Il. Apprenez les règles simples pour le la direction, l’équilibrage mais aussi appuyé sans les complexités habituelles pour le roues pour formation ou ped.
    Une fois que mais vous|il|vous-même|bien entendu vous} avez identifié les domaines sur le veste qui prend place pour moto qui sont droit pour le modification, alors tout ce que vous|il|vous-même|bien entendu vous} avez à faire pourra être pour le décider ce que vous|il|vous-même|bien entendu vous} allez y mettre. Voici quelques idées.
    Êtes-vous dans un club des moto Si c’est ce cas, avec si le club a un logo, alors il serait le plus décoratif parfait à le veste. Mais vous|Il|Vous-même|Bien entendu vous} pourriez avoir une énorme pièce composée des la logo avec l’ont cousu sur ce dos qui remplace votre veste ou n’importe où ailleurs qu’il s’adapte afin de cette question. L’apposition d’un logo
    par club des moto pour une veste d’un motard s’avère à être en fait une chose
    assez populaire à faire, car il permet signifiant montrer l’unité et le dévouement à un but précis. C’est une façon qui prend place pour montrer comment les motards se serrer les coudes et aussi qui prend place pour rester fidèle à l’autre.

  3. Quanto à questão de tattos, eu lembro mais daquele texto que fala sobre não escalizar o irmão. Eu acho maneiríssimo tatuagem, já tive vontade de fazer e confesso que ainda me sinto tentada, às vezes. Mas, na minha consciência, pesa a possibilidade de fazer muita gente pecar, me julgando, criticando a mim e talvez até o Evangelho. Acho que o cristão que já não toma mais “leite espiritual” deveria pensar em como seu modo de viver, suas escolhas, podem afetar a vida dos que estão ao seu redor.

  4. Presbítero Junior – “Sou presbítero da Renascer, esta tatuagem foi feita em demonstração do meu amor ao nosso pai Apóstolo Estevam e a nossa mãe Bispa Sônia, minha família hoje é totalmente restaurada e salva em Cristo e tudo isso devo a Deus e ao meu Apóstolo e minha Bispa por terem sidos pessoas integras na presença de Deus. E é por isso que sou Renascer Até Morrer!” – http://noticias.gospelmais.com.br/pastores-e-membros-da-igreja-renascer-se-tatuam-com-inscricoes-renascer-ate-morrer.html

    Achei estranho essa declaração,do presbítero Junior,nos seguintes pontos: “…nosso pai Apóstolo Estevam e a nossa mãe Bispa Sônia…”

    Pode o cristão chamar algum líder religioso de “Pai” ou “Mãe”? – E a ninguém na terra chameis vosso pai, porque um só é o vosso Pai, o qual está nos céus. Mateus 23:9

    O cristão deve a sua salvação a Jesus a Deus e a seres humanos?

    “…minha família hoje é totalmente restaurada e salva em Cristo e tudo isso devo a Deus e ao meu Apóstolo e minha Bispa…”

    Eu pensei que o único MEDIADOR era Jesus,eu nunca pensei que apóstolo e bispa fizessem parte da MEDIAÇÃO – Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. 1 Timóteo 2:5

    Eu também achei que a MARCA que o cristão teria seria aquela dada por Jesus – A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome. Apocalipse 3:12

    Eu nunca imaginei que deveríamos carregar a MARCA ,tatuagem, de uma denominação no corpo.Será que a MARCA que o Apóstolo Paulo tinha no seu corpo era o nome,tatuado, da igreja do apóstolo Hernandes? Ou alguma tatuagem de imagens de líderes religiosos nas costas? – Desde agora ninguém me inquiete; porque trago no meu corpo as marcas do Senhor Jesus. Gálatas 6:17

    OU TUDO ISSO NÃO PASSA DA: “MARCA DOS BESTAS?”

    POR QUE SERÁ QUE DEUS DEIXOU ESSES AVISOS NA BÍBLIA? – Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo. 2 Coríntios 11:13 – Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo. 1 João 4:1

  5. Ué, o Rodolfo semtiu de Deus de parar, tá , ele ia tattuar mais aonde, na cara?
    kkkkkk! Foi mals, Curto pra caráio o Rodolfo, mas essa eu não aguentei.

  6. eu tbém estou com vc Darc Soares.

    • Tudo bem vc não concordar,eu respeito a opinião de quem discorda,mas hj os cristãos estão condenando de forma dura outros cristãos por usarem piencings e tatuagens,ninguém é obrigado a concordar,mas jamais devemos dizer que tais cristãos não herdarão o Reino de Deus simplismente porque se vestem diferente e usam piencings,pois isso é um absurdo total.

  7. Não creio que seja Pecado o uso de tatuagens e piencigs a questão é mas de bom senso.Tem que ter sabedoria porque é uma marca que ficara para sempre no corpo.

  8. Raphaela F. L. disse:

    ”Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma. ”
    1 Coríntios 6:12

    Eu creio que quando é feio com um objetivo amem, agora quando é feito por pura estética, Aaa então devemos reavaliar nossas vontades pois, hoje em dia é bonito, mas e daqui a alguns anos continuara sendo??

    Maas vai de cada um

    bjobjo, fiquem com Deus!

    • Eu penso o seguinte… tudo depende do que significa para você.
      As pessoas tem maneiras diferentes de expressar as coisas que gostam. Umas compram camisas estampadas, outras tem posters colados na parede do quarto, outras usam solares com escritos ou desenhos marcados, outras se marcam na pele.
      Por exemplo eu, música é a minha vida! Eu quero expressar isso em mim de alguma forma. Já tenho mtas coisas mas não é suficiente pra mim. Então fiz uma tattoo de uma clave de sol. Ela é bem discreta e poucas pessoas percebem. Quando alguém vê sempre me pergunta “pq vc tem uma clave de sol tatuada?” e eu respondo “pq música é a minha vida, e eu quero ter essa marca em mim!”.

      Conversei com uma amiga que conversou com o pastor dela que queria fazer uma tattoo. E o pastor disse que depende muito do que aquilo significa para ela.

      Temos que tomar cuidade para não escandalizar nosso irmão. Fazendo tatuagem estravagantes de ir no altar para cantar tocar ou pregar.

      Deus não olha sua aparência, ele olha seu coração!

      Tem mta gente dentro da igreja que gosta de tatuagem e piercings que são mto mais comprometidas e íntimas com Deus do que os irmãos sem, que fazem mtas coisas piores que fazer uma simples tattoo.

      Mas… como disse o colega acima.
      Vai de cada um…
      O que importa é compartilhar opiniões.

      Mariana

  9. "Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Quem fala mal de um irmão, e julga a seu irmão, fala mal da lei, e julga a lei; e, se tu julgas a lei, já não és observador da lei, mas juiz. Há só um legislador que pode salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas a outrem?" Tiago 4.11-12.

  10. Cinthia Regina disse:

    “As pessoas dizem: ‘Eu vou para Jesus, mas eu vou levar tudo o que eu gosto’. Mas têm certas coisas que talvez Deus queira simplesmente tirar do teu coração. Eu interpreto da seguinte forma: quando eu senti que era Deus falando comigo, que era para eu parar de fazer tatuagem, creio que era uma ordem simples, que se eu conseguisse obedecer, eu conseguiria obedecer a ordens maiores também. Eu cumpri e senti uma paz tremenda. Toda vez que eu obedecer a Deus, vou sentir Paz” – Rodolfo Abrantes

    

Sua resposta

Adicione seu comentário abaixo, ou faça trackback de seu site ou blog. Você pode também assinar esses comentários via RSS.
Seja legal. Não escreva em CAIXA ALTA. Mantenha no tópico. Limite de 3000 caracteres no comentário.

Há 431,843 comentários no Notícias Gospel.