Home » Internacional, Israel

Judeus ultra-ortodoxos criam “óculos anti-pecado”, que os impede de olhar para mulheres “sem recato”

Avatar de Dan Martins Por Dan Martins em 9 de agosto de 2012
Tags: , ,

Notícias Gospel em seu email

Receba Notícias Gospel em seu email gratuitamente! Insira seu email:

Gospel+ no Twitter!

ou no facebook

Judeus ultra-ortodoxos criam “óculos anti-pecado”, que os impede de olhar para mulheres “sem recato”

Uma organização de judeus ultra-ortodoxos em Israel, o “Committee for Purity in the Camp” oferece uma série de dispositivos para ajudar os homens a diminuir seu campo de visão, e assim os auxiliar a “evitar o pecado”. Entre esses produtos está os “óculos anti-pecado”, que borra a visão dos homens para que não consigam ver as mulheres que estão vestidas “sem recato”.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Os óculos, vendidos pelo equivalente a 32 euros (R$ 80), são cobertos por um adesivo que desfoca as imagens. Fazendo com quem os utiliza consiga ver claramente o que está a poucos metros, mas fazendo com que seja quase impossível se perceber o que está a alguns metros, incluindo as mulheres.

Na interpretação da lei judaica feira por esses religiosos, é proibido o contato entre homens e mulheres que não são casados.

Conhecidos por sua rigidez ao seguir a Torá, os ultra-ortodoxos se esforçam para manter seu estilo de vida. Entre seus costumes, eles pedem que seus seguidores evitem estar no mesmo espaço com as mulheres que não sejam de sua família, e em seus bairros existe separação nos ônibus, calçadas e outros espaços públicos.

A organização oferece também lenços de cabeça que se estendem sobre os olhos para proteção adicional contra a concupiscência, e um dispositivo para ser usado em aviões que, além de impedir o contato visual com mulheres, impede que os religiosos assistam aos filmes exibidos a bordo.

De acordo com o News Yahoo, em regiões nas quais os ortodoxos são maioria é comum encontrar-se placas e sinais exortando as mulheres a usarem gola alta, blusas de mangas compridas e saias longas. Há, inclusive, um histórico de agressões de extremistas contra as mulheres que eles acreditam ter desrespeitado o código.

Redação Gospel+



PS.: Comentários via Google+ estão logo abaixo desabilitados no momento.


Comentários via Facebook

4 comentaram, comente você também!

  1. GOSTO DO POVO JUDEU

  2. eita fogo no raaaaaabo!!!! depois colocam a culpa na mulher!!!…Jesus disse…o que contamina o homem é o que tá no coração …MAT 15;18-20…..se a inquisição valesse hoje eu nem teria nascido…eita bando de ignorantes….!!!!!

  3. ARTIGO FEITO COM AMOR AOS JUDEUS…

    CEGUEIRA QUE LEVA A MORTE – Como Satanás engana o povo de Deus… um povo que recebeu a revelação do próprio Deus Único e verdadeiro …

    Veja como a recomendação deste líder religioso é contrária ao ensino do Deus Eterno: Jó disse: “FIZ aliança com os meus olhos; como, pois, os fixaria numa virgem? “. Jó 31:1. Para entender: Determinado Pastor comentou com o outro, no púlpito, sobre uma irmã que estava com um vestido muito insinuante, dizendo: “estamos no púlpito e essa mulher me atenta”. O outro Pastor disse: “o problema não é a mulher com o vestido insinuante, o problema é você! Precisa de libertar-se do poder do pecado!”
    Portanto o problema não são as mulheres, mas os judeus que estão entregues ao pecado e aos espíritos de prostituição.

    Jesus falou que o desejo do pecado não deveria permanecer nos que vivem a Nova Aliança… Mateus 5:27-30. “Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério. 28 Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela. 29 Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. 30 E, se a tua mão direita te escandalizar, corta-a e atira-a para longe de ti, porque te é melhor que um dos teus membros se perca do que seja todo o teu corpo lançado no inferno”.

    Os judeus, por romperem a Aliança com o Deus eterno, são presas fáceis de espíritos enganadores. Veja aqui algumas provas que atestam que o Deus eterno rompeu a Aliança com os Israelitas.

    PRIMEIRA PROVA QUE O ETERNO ROMPEU A ALIANÇA COM ISRAEL: A PERDA DA PRONÚNCIA DO NOME YAHVEH
    - A pronúncia do Nome YAHVEH perdeu-se no tempo… esse Nome caracterizada a Aliança entre Deus e o povo de Israel .. perdeu-se a pronuncia do Nome YAHVEH, rompeu-se a Aliança entre o Eterno e o Povo de Israel… Ele orientou que o povo clamasse pelo Nome da Aliança, YAHVEH. Contudo a “tradição” judaica compilada pelos “sábios” de Sião, ou seja, pelos líderes religiosos tiraram do povo de Israel a pronúncia do Nome… substituíram a RECOMEMDAÇÃO divina por conselhos de “sábios” religiosos judaicos… trocaram a Palavra de Deus por doutrinas de homens… deixaram de serem servos de Jeová e passaram a serem servos de homens, de líderes religiosos, na verdade, dos espíritos enganadores que inspiram os líderes judaicos… deixaram de seguir a Palavra do Eterno, conseqüentemente, Ele se afastou dos israelitas… passaram a servirem as doutrinas dos “sábios” de Sião, ou seja, de proeminentes judeus, na verdade passaram a servirem os espíritos imundos que inspiravam esses líderes… Criaram o Talmud que é um conjunto de interpretação do Tora (parte do Antigo Testamento)… substituíram, no longo dos séculos, a Palavra de Deus (Tora) pelo Talmud… tornaram servos dos espíritos que inspiraram o Talmud e largaram de serem servos de YAHVEH, por isso Deus os abandonou… e Satanás lhes tirou da Aliança com o Nome do Eterno…

    - OS “SÁBIOS” DE SIÃO, inspirados por demônios, proibiram de usar o Nome do Eterno sobre o pretexto de Ser Santo demais para ser pronunciado… ou seja, queriam ser mais piedosos que o próprio Deus… tornaram servos de suas próprias tradições… ou seja, se a Palavra de Deus diz uma coisa e a Tradição (Talmud) judaico diz outra, eles desprezam a Palavra de Deus e ficam com o Talmud, a tradição judaica… são servos do judaísmo e não mais são servos de YAHVER

    - O ETERNO MANDOU QUE CHAMASSE PELO SEU NOME DO PACTO
    . Êxodo 3:15 E Deus disse mais a Moisés: Assim dirás aos filhos de Israel: O SENHOR Deus de vossos pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó, me enviou a vós; este é meu nome eternamente, e este é meu memorial de geração em geração.
    . Deuteronômio 21.5. Então se achegarão os sacerdotes, filhos de Levi; pois o SENHOR teu Deus os escolheu para o servirem, e para abençoarem em NOME do SENHOR; e pela sua palavra se decidirá toda a demanda e todo o ferimento;
    Deuteronômio 28.10. E todos os povos da terra verão que é invocado sobre ti o NOME do SENHOR, e terão temor de ti.
    Deuteronômio 32.3. Porque apregoarei o NOME do SENHOR; engrandecei a nosso Deus.
    Salmos 9.10. Em ti confiarão os que conhecem o teu NOME; porque tu, SENHOR, nunca desamparaste os que te buscam.
    Salmos 18.3. Invocarei o NOME do SENHOR, que é digno de louvor, e ficarei livre dos meus inimigos.

    SEGUNDA PROVA QUE O ETERNO ROMPEU A ALIANÇA COM ISRAEL: O Templo foi destruído rompeu-se a Aliança entre o Deus Único e os povo de Israel
    - O Sacrifício de animais (quer representa o Sacrifício de Cristo na Cruz) era a única forma do Deus Único se relacionar com Israel… sem derramamento de Sangue não quebraria a Aliança… o único lugar do sacrifício, depois do Êxodo, seria o Templo em Jerusalém que foi destruído e em seu lugar os muçulmanos construíram a Mesquita de Alcsa e a Cúpula da Rocha onde invocam demônios… O Templo foi destruído rompeu-se a Aliança entre o Deus Único e os povo de Israel
    Deuteronômio 12.11. Então haverá um lugar que escolherá o SENHOR vosso Deus para ali fazer habitar o seu NOME; ali trareis tudo o que vos ordeno; os vossos holocaustos, e os vossos sacrifícios, e os vossos dízimos, e a oferta alçada da vossa mão, e toda a escolha dos vossos votos que fizerdes ao SENHOR.

    TERCEIRA PROVA QUE O ETERNO ROMPEU A ALIANÇA COM ISRAEL: A quantidade de judeus
    - o Eterno disse que eles seriam em quantidade como a areia do mar ou como as estrelas do céu… em todo o mundo há 13.500.000 de judeus, sendo 7 milhões em Israel e 7 milhões no Mundo…. ou seja a quantidade de judeus no mundo é igual a quantidade de habitantes na cidade de São Paulo… os Chineses que não tem nenhuma promessa do Eterno somam 1.500.000.000, os Indianos somam 1,3 bilhão… ou seja, a quantidade de judeus no Mundo é uma prova que o Deus Único rompeu com o povo judeu…

    QUARTA PROVA QUE O ETERNO ROMPEU A ALIANÇA COM ISRAEL: A extensão territorial de Israel…
    Israel não ocupa a totalidade do território prometido por Deus, isso porque Deus está rompido com o povo de Israel… NUNCA na verdade tomaram posse de todo o território prometido…
    Josué 1:4. Desde o deserto e do Líbano, até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus, e até o grande mar para o poente do sol, será o vosso termo.

    QUINTA A PROVA QUE O ETERNO ROMPEU A ALIANÇA COM ISRAEL: Os judeus rejeitaram a Jesus como o Messias… essa é na verdade o motivo principal e cabal que f3ez Deus romper a Aliança com o povo judeu… o povo de Israel…
    Deuteronômio 18:18-19. Eis lhes suscitarei um profeta (Jesus de Nazaré) do meio de seus irmãos, como tu, e porei as minhas palavras na sua boca, e ele lhes falará tudo o que eu lhe ordenar. 19 E será que qualquer que não ouvir as minhas palavras, que ele falar em meu nome, eu o requererei dele.

    COMO UM JUDEU PODE REATAR SUA ALIANÇA COM O DEUS ETERNO: Aceitando a Jesus…
    A única forma de um judeu retornar a Aliança que Deus fez com Abraão, Isaque e Jacó é aceitando a Jesus, o Messias, como sendo o próprio Senhor e Salvador.
    João 1:11-12. 11 Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. 12 Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;
    João 3:16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

  4. Sempre as mulheres são fonte do mal.. Em todas religiões modernas. inventadas, escritas e dirigidas por “eles”.

  5. tá ai uma das raízes castradoras do cristianismo, no que diz respeito a sexo…tudo que passa do "papai e mamãe" e fora do casamento é pecado, até olhar ou pensar, rssrsrs

  6. aiii,,,,, e quem tem a gula? come demais? oque fazer??

  7. Parece-me exagerada a santificação sexual deles, mas acho que é uma coisa muito ruim forçar eles a ficarem sem enxergar direito ao invés de dar a eles um espaço apropriado a seus valores. Não é bom que o santo feche os olhos, é bom que as coisas que contaminem sejam controladas e tiradas.

    Nós vivemos uma coisa meio parecida no Brasil. filtros na internet tentando segurar uma bomba de desordem sexual. Acho que fechar os olhos não é a atitude certa, e que nós somos violados enquanto tentamos não ver a desordem dos outros. Todos deveriam obedecer os padrões divinos, para não tentar ninguém, gerando ordem sexual, e não fabricas de adultérios, pedofilia, homossexualidade, dentre outros.

    O ato de fechar os olhos é um ato que permite deixar o pecado ir aumentando. Eles deveriam é mostrar que estão ofendidos com determinadas coisas, lutar pela defesa dos seus valores, forçando uma discussão até que conciliassem todos numa santificação razoavel. Enfim, adiar discussões só AUMENTA as causas para a discussão.

    Acho isso um mal da cultura de respeito pluricultural e religioso.

  8. Poxa, gente. Na boa, mas isto já é exagero.

  9. Ainda bem que os judeus ao longo dos séculos evoluiram para melhor, tornando-se o povo, na minha rude opinião, mais inteligente e mais bem-humorado da face deste planeta.Não é a toa que 20% de todos os prêmios Nobel foram parar nas mãos de judeus.Atualmente a cultura judaica não lembra em nada o povo fundamentalista e supersticioso que vivia do pastoreio de ovelhas na Palestina.
    Esses ultra-ortodoxo representam uma minoria com bastante influência econômica e política, mas o para restante da população judia mundial eles não passão de matéria-prima para boas piadas.Toda expressão religiosa tem seus loucos que se acham o exemplo máximo de conduta moral e espiritual.No judaísmo não podia ser diferente.Mundo afora, de Jerusalém a Nova York, o povo judeus em sua maioria não leva nem um pouco a sério a mitologia judaica, sendo que no ocidente a maioria deles pratica sua religiosidade apenas por questões culturais.

  10. a palavra nos liberta, não precisa de subtefugios

  11. Lutar contra o pecado nesses termos é inútil (Se o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres)

    

Sua resposta

Adicione seu comentário abaixo, ou faça trackback de seu site ou blog. Você pode também assinar esses comentários via RSS.
Seja legal. Não escreva em CAIXA ALTA. Mantenha no tópico. Limite de 3000 caracteres no comentário.

Há 431,024 comentários no Notícias Gospel.