Home » Internacional, Mundo Cristão

Na Alemanhã evangélicos são vistos como elementos perigosos

Por Redação Gospel+ em 2 de outubro de 2008

Notícias Gospel em seu email

Receba Notícias Gospel em seu email gratuitamente! Insira seu email:

Gospel+ no Twitter!

ou no facebook

ALEMANHA – As atitudes do público em relação aos evangélicos na Alemanha têm mudado. Antes ignorados, agora eles são o alvo das atenções.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Na terra natal do reformador Martinho Lutero, a mídia tende a se dirigir aos evangélicos com hostilidade. Segundo Stephan Holthaus, reitor da Academia Teológica Livre, os 1,3 milhões de evangélicos do país são tratados como fundamentalistas perigosos.

Falando em uma reunião da Aliança Evangélica Alemã no município de Blankenburg, em 27 de setembro, Holthaus criticou a mídia por apresentar uma imagem indiferenciada dos evangélicos. Eles são sempre descritos como “radicais” ou “militantes” em nome de sua fé.

Questões mínimas, como o ensino doméstico (em alguns países, os pais podem providenciar que a educação de seus filhos seja em casa), foram exageradas. A mídia parece afirmar que os evangélicos, no geral, recusam-se a enviar seus filhos às escolas públicas.

Para a maioria dos evangélicos, entretanto, essa não é a questão, afirma Holthaus.

Muitos jornalistas também tentam explorar o medo criado pelo extremismo religioso. Assim, colocam terroristas islâmicos e evangélicos em um mesmo patamar.

“Os evangélicos não se encaixam no sistema de uma sociedade totalmente tolerante. Nós evangelizamos e afirmamos a existência de uma verdade absoluta”, afirma Holthaus. Esse ponto de vista choca-se com o relativismo pós-moderno que governa Estados ocidentais.

Holthaus admitiu que os evangélicos tenham falhado algumas vezes em debates públicos, por não terem argumentos bons o bastante.

Aproximadamente 400 congregações evangélicas não são afiliadas a nenhuma igreja já estabelecida na Alemanha, segundo dados do governo. O número de igrejas formadas por imigrantes também está crescendo. 

Fonte: Portas Abertas
Via: O Verbo

Mais Lidas da Internet

Recomendado para Você - Gospel+

Comentários via Facebook

2 comentaram, comente você também!

  1. Missionária Delair disse:

    A REJEIÇÃO CONTRA AQUELES QUE VESTEM A CAMISA DO EVANGELHO VERDADEIRO É MUITO COMUM EM TODOS OS PAÍSES. QUANDO DIGO “EVANGELHO VERDADEIRO” SIGNIFICA SEGUIR A BÍBLIA COMO ELA ENSINA. MUITOS DIZEM QUE TEM DEUS NO CORAÇÃO MAS NÃO FAZ O QUE ELE MANDA.POR ISSO REJEITAM OS DISCÍPULOS DE JESUS ATÉ OS DIAS DE HOJE.
    MESMO ASSIM VALE A PENA SEGUIR JESUS E SEUS MANDAMENTOS !!!!
    AINDA BEM, QUE VAMOS MORAR NO CÉU…
    ISSO É QUE CONTA!!!
    ESSA É A FÉ DOS VERDADEIROS ADORADORES DE DEUS!!!!

    • A rejeição não provem de seguir as Escrituras, mas de ser intolerante. Quem gosta de pessoas que se sentem donas da verdade? Os tolerantes não gostam. Os intolerantes tb não gostam, pois afronta a verdade deles.
      O Cristianismo foi disseminado no meio do paganismo. Os pagãos tiveram a humildade de ouvir, o que os judeus não quiseram. Os primeiros cristãos, tão perseguidos, não puderam nada impor, mas conquistaram pela força das ações. Assim como São Francisco de Assis tb conquistou. A força do exemplo é que move montanhas. Não adianta gritar a palavra de Deus e cuspir na cara de um ateu ou muçulmano. A semente não gerará frutos.

    

Sua resposta

Adicione seu comentário abaixo, ou faça trackback de seu site ou blog. Você pode também assinar esses comentários via RSS.
Seja legal. Não escreva em CAIXA ALTA. Mantenha no tópico. Limite de 3000 caracteres no comentário.

Há 555,180 comentários no Notícias Gospel.