Evangélicos Marina Silva, Marco Feliciano e Neymar são colocados pela revista Época na lista dos 100 mais influentes do Brasil

5

As 100 personalidades mais influentes da sociedade brasileira foram listadas pela revista Época numa seleção feita pela publicação da Editora Globo desde 2007.

Entre os evangélicos, o pastor Marco Feliciano e a missionária Marina Silva aparecem na lista dos brasileiros mais influentes na política. O jogador Neymar, evangélico e camisa 10 da Seleção Brasileira e jogador do Barcelona, também figura da lista, como um dos “heróis” da sociedade.

Feliciano substitui na lista o pastor Silas Malafaia, que no ano passado, era o único líder evangélico presente na seleção da Época.

A Época coloca ainda, o funkeiro Naldo Benny – que apesar das músicas que falam de sexo explicitamente se declara evangélico – na lista das pessoas mais influentes do Brasil, assim como outros artistas, como o pagodeiro Thiaguinho (ex-vocalista do ExaltaSamba) e a sertaneja Paula Fernandes.


Outras figuras mais substanciais à sociedade, como o ministro presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa e o governador Eduardo Campos (PSB-PE) também foram listados pela Época.

A presença de Marco Feliciano (PSC-SP) se deu por sua eleição à presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara dos Deputados, e por sua postura firme contra o casamento gay e à favor do projeto apelidado como “cura gay”, que previa a legalização do atendimento psicológico a homossexuais que desejam abandonar tal comportamento.

A missionária assembleiana Marina Silva entrou para a lista por ser a líder do movimento Rede Sustentabilidade, que busca tornar-se partido, e ainda, por ter sido a terceira colocada nas eleições para a presidência da República em 2010 e figurar como segunda colocada nas pesquisas para as eleições do próximo ano.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA