Ateu convicto se converte ao Evangelho após ficar em coma e receber cura milagrosa

1

Existe um ditado popular que diz que não há ateu em leito de morte. Se é verdade, ninguém pode comprovar, mas a história de Lee Strobel dá indícios de que sim, ateus se convertem quando se deparam com aqueles que podem ser os últimos momentos de vida.

Strobel era um ateu convicto e quando uma série de problemas de saúde se acumulou, ele se viu diante do que não acreditava.

Ele havia acabado de passar por um procedimento de rotina no coração, mas houve complicações, e juntamente a isso, uma pneumonia passou a se desenvolver nos pulmões. Seu organismo teve uma rara reação alérgica e os medicamentos que ele estava tomando causaram problemas às suas cordas vocais.

Além disso, Strobel teve uma hiponatremia, que é a redução drástica do nível de sódio no sangue, o que causou uma “penetração” da água do corpo em suas células, o que estava inchando o cérebro.


Certo dia, sozinho em casa, passou por uma experiência que o assustou: “Eu me senti sem energia, incapaz de sequer levantar um braço. A sala começou a escurecer. Uma presença ameaçadora e malévola encheu a casa. Meu coração disparou. Eu estava descendo para o inferno”, relatou Strobel, segundo informações do Charisma News.

À época, Lee Strobel já tinha 60 anos e havia passado sua vida com convicções incrédulas quanto à espiritualidade. Mas aquele episódio estava mudando as coisas: “O quarto estava frio e úmido. Eu me senti sufocado pelo medo e desespero. Criaturas ameaçadoras começaram a surgir na sala e vinham em minha direção. Cobras e demônios se arrastavam no chão. Eu queria levantar os pés para escapar deles, mas eu não podia me mover”, contou o ateu. “Na parede, o relógio parou, então o ponteiro começou a andar para trás. Eu senti que era como a eternidade do mal”, acrescentou.

Foi nesse momento que sua esposa, Leslie, chegou e o encontrou abalado, pálido. Ela perguntou o que estava acontecendo, e ele, com vergonha de admitir que havia tido uma experiência espiritual, se manteve em silêncio.

Sua esposa preparou um chá e voltou a questioná-lo: “Você está bem?”. A resposta não poderia ser mais chocante para ela que havia convivido com um ateu por tantos anos: “Leslie, você acha que haverá muitas pessoas no inferno?”, disse Strobel. Atordoada com a resposta, sua mulher levou a fala como um delírio natural de sua condição de saúde: “Eu não sei, por que você disse isso. Você está suando. Você não parece bem. Por que você não deitar por um tempo?”, sugeriu, levando-o ao quarto do casal.

Sozinho novamente, os sintomas da hiponatremia pioraram, e Strobel se tornou totalmente convencido de que tudo na vida tinha acabado, e se sentia exausto com o tumulto emocional que havia experimentado.

Depois disso, Leslie o encontrou no chão do quarto, em coma, e chamou por socorro. Quando Strobel acordou, estava em um quarto da emergência do hospital, com um médico olhando para ele. “Você está a um passo de um coma, e a dois passos da morte”.

Essa foi a última coisa que ele lembra de ter ouvido antes de ficar inconsciente novamente. Porém, as experiências que ele teve durante o período de inconsciência o levaram a acreditar em Deus.

Hoje, Lee Strobel, se tornou um escritor cristão e pastor em uma Igreja no Texas, e compartilha seu testemunho através de livros e palestras.

1 COMENTÁRIO

  1. é sempre assim, quando podem ver o que os espera, tremem e se voltam para o criador, comigo também aconteceu, não em morte, mas Deus me abriu os olhos depois de colocar um ebó na encruzilhada e me mostro para quem eu estava servindo, realmente e terrível

  2. Hoje fui a uma livraria, como sempre faço, pois este é um dos meus grandes prazeres na vida (devorar livros) e minha atenção foi, creio que pelo Senhor, dirigida para um livro recém-lançado e que percebi ser de imenso valor ao examiná-lo antes de comprar.

    Trata-se do livro de Deepak Chopra e que se chama “O Futuro de Deus”. Nessa obra – já estou lendo e me emocionando a cada página – o sábio e compassivo autor defende com grande força argumentativa e numa linguagem cativante, a existência e importância de Deus também para o homem moderno. Além disso, refuta os militantes do novo ateísmo, é não menos contundente com os fundamentalistas e intolerantes religiosos e aponta caminhos para o verdadeiro conhecimento e realização de Deus.

    Comentando o livro, o escritor Sheldrake assim se expressa:

    “O Futuro de Deus é um livro necessário. De maneira convincente, Chopra expõe as limitações, a arrogância e a cegueira intelectual dos ‘novos ateus’. Ele reconhece que a descrença tem o seu papel, mas também mostra como ir além do dogmatismo estreito dos ateus e apresenta uma experiência rica e compreensível da realidade.”

    Assim se expressou, também comentando o livro, o professor emérito de físico-química na Universidade de Arkansas, Lothar Schafer:

    “Num momento em que as revoluções das ciências físicas estão mudando nossa compreensão da consciência humana, O Futuro de Deus é um livro que precisava ser escrito e ninguém poderia tê-lo feito melhor que Deepak Chopra. Nesta análise brilhante, ele mostra como Deus esta evoluindo com a nossa consciência, e como os fundamentalistas religiosos e ateus estão focados em um Deus desatualizado. Este livro é um tesouro com insights profundos que não só irá tocar seu coração, mas também levá-lo a entender como um Deus sem ilusões é uma condição necessária para o seu bem-estar pessoal.”

    Recomendo o livro tanto para ateus como para cristãos e outros religiosos.

          • lulala que conversa é essa?

            O que esta pretendendo, afinal?

            Por que esta preocupado com o que pensa ser minha idade?

            Eu não estou aqui para chamar a atenção para mim, mas para expressar o que eu penso. Creio que você também faz o mesmo ao expor seu pensamento. Então por que você esta interessado em saber coisas como minha identidade e idade? Qual a relevância disso?

            Eu não me lembro de ter acrescentado você, pois não sei quem você é apenas por seu pseudônimo, mas se isso ocorreu envie uma mensagem para mim, no espaço próprio reservado do facebook, assim saberei se o acrescentei mesmo (se este foi o caso – o que não creio – não vou excluir você), bem como poderei conversar pessoalmente com você e entender melhor suas motivações. Outra coisa, não fiz aniversário recentemente, e minha idade não aparece no facebook até porque isso não tem relevância para mim. A minha preocupação é com ideias, com temas envolvendo amor, compaixão, espiritualidade, direitos humanos e direitos animais, entre outros grandes temas, não com questões pequenas vinculadas ao ego. Portanto, acho que você esta me confundindo com outra pessoa, e espero que não esteja ressentido.

          • lulala, sua persistência em manifestar preocupação comigo no sentido de descobrir minha identidade, me faz pensar na hipótese de você estar muito ressentido comigo em face de alguma eventual palavra ou frase que eu tenha dirigido a você e que o ofendeu de alguma forma.

            Se for este o caso, posso formalizar um pedido de desculpas e dizer, de coração, que minhas divergências com você, bem como com qualquer outra pessoa aqui do gospelmais, se dão única e exclusivamente no campo das ideias, jamais no campo pessoal, de relações humanas.

          • Sandro
            Sério já que a conversa tomou este rumo.
            Quero lhe pedir perdão pelos ataques pessoais.
            Percebo que vc e uma pessoa muito bacana.
            Que Deus te abençoe.

          • Puxa, lulala, sério mesmo?

            Você diz palavras de amor, união e fraternidade!

            Não tem o que perdoar, meu querido, de coração!

            Não há mágoas em mim; nenhuma, nenhuma!

            Mas também quero humildemente pedir perdão por haver dirigido a você algumas palavras rudes, duras mesmo.

            Meu consolo é que em nenhuma das palavras mais rudes que expressei – e elas foram redigidas mais como uma espécie de recurso semântico não ideal, do que como um sentimento – em nenhuma delas foi junto qualquer coisa de rancor, de ira, de inimizade. Portanto, me desculpe, e saiba que te considero também um cara muito legal. Deus te abençõe, e aos seus!

            Foram palavras expressas apenas como força

      • Ainda não henrjk. Mas esta anotado. Atualmente já estou lendo vários livros. Inclusive comprei, além do livro “O Futuro de Deus”, um livro super incrível e que recomendo entusiásticamente. É um livro contendo 960 páginas, em papel couchê belíssimamente ilustradas e cujo título é “1001 Ideias que mudaram nossa forma de pensar”. O livro trata resumidamente de todos os grandes temas das ciências, incluindo as religiosas, e o faz em linguagem bastante compreensível. A proposta é te dar uma visão importante, ainda que breve, de grandes temas do saber. Vale a pena ter uma obra de fôlego como essa. O livro, que tem diversos autores colaboradores, é editado por Robert Arp e publicado no Brasil pela Sextante. Custa em torno de R$ 70,00.

    • Deepak Chopra é um médico indiano que escreve livros de auto ajuda. É um dos adeptos das tais escrituras Védicas.

      Prefiro ler autores que tem como base as Escrituras Sagradas.

      • Marcos Oliveira, conheci pastores evangélicos instruidos, cultos e que liam, além dos livros cristãos, livros de budismo, hinduísmo, entre outros. Não pode haver preconceito contra o conhecimento meu caro. Ler é saber.

    • Sandro eu fico a preocupar com o seu ecumenismo que o tira cada vez mais de uma profunda experiência com Deus.Vc, independentemente de ter boas referencias sobre livros principalmente de conteúdo espiritual deveria consultar mais profundamente sobre suas origens o perfil de cada escritor.Deepak chopra e considerado um dos maiores bruxos esotéricos da atualidade e com certeza influenciara vc para longe de Deus.Para alguns ele e tido como ateu e existe um vídeo na internet onde em uma frase de uma pessoa na plateia que o indaga apenas em uma frase e ele fica totalmente perdido.Bem,tenha certeza e absoluta de que se vc investigar vera quem e Deepak Chopra, de raízes reencarnacionistas ,adorado pelos grandes artistas e místicos.Nada com Jesus.Se vc adotar como tem feito,este miscelânea espiritual nunca encontrara a verdade.Tres são os inimigos,atuais do cristianismo,1 ecumenismo,por pregar vários caminhos para Deus quando seu único representante e JESUS.As pessoas irão a Deus, por atalhos e não pela única ponte legal,ficando perdidos em torno da realidade do caminho 2 relativismo que não e bíblico e a coloca em uma condição de conter a palavra de Deus e não de ser como ela afirma totalmente inspirada.3 Universalismo, lembre-se de Rob Bell que e visto por milhares e milhões, porem com a visão de que no final todos se salvarão em contraste com o claro juízo de Deus onde na bíblia, que e um livro de advocacia espiritual,existe julgamento porem no período da graça também existe um advogado.Porque procurar tantas doutrinas se nem uma delas pode advogar sua vida como Jesus fez por nos pagando na cruz o preco exigido por Deus de nossos pecados.Qual e a proposta destes que nada podem fazer e não tem uma proposta melhor e segurança para a eternidade com Deus.Hebreus 9/27 cabe ao homem morrer uma so vez vindo em seguida o juízo.Uma bíblia sem juízo e no mínimo uma bíblia segundo um homem jamais arrependido e sem convicções de que esta perdido.Uma maneira muito boa de se observar e acompanhar que tipode seguidores este homem tem.Vc buscando não vera sequer um que e modelo de santidade,de humildade,de reverencia a Deus.So irei dirigir-me a vc com intuito de preserva-lo e alerta-lo para o juízo de Deus.Faco isto há 29 anos e com conhecimento experimental das religiões.Experiencias sim vc pode ter inicialmente, porem como um ex guru me disse ;No começo e lindo as visões e experiências são tremendas e se assim não fosse não haveria seguidores ,depois começa os tormentos e a prisão,consequentemente difícil de sair.Se não quisr refletir ,o

      • Caro servo, agradecendo mais uma vez sua preocupação – e a forma urbana, educada, amorosa com que escreve seus comentários buscando converter as pessoas para a sua visão de Deus e da espiritualidade – gostaria de pontuar brevemente algumas questões que você coloca em seu comentário e sem a pretensão de querer mudar suas opiniões.

        Primeiramente, gostaria de esclarecer que Deepak Chopra não é um “bruxo esotérico”, como você diz. Observe o que consta a respeito dele no livro “O Futuro de Deus”:

        “Deepak Chora é especialista em endocrinologia, área na qual atua desde 1971, e da qual foi o chefe no prestigioso New England Memorial Hospital, nos Estados Unidos. Em 1985, fundou a Associação Americana de Medicina Védica. Em 1993, mudou-se para San Diego e abriu o The Chopra Center For Well Being, no qual desenvolve seus próprios programas e cursos para o desenvolvimento pessoal. Chopra é autor de mais de 25 livros, traduzidos em 35 idiomas. Entre eles estão os best-sellers A Cura Quântica, As Sete Leis Espirituais do Sucesso e Criando Saúde. Com milhões de cópias vendidas no mundo todo, o escritor e médico hindu é figura midiática recorrente sempre que o assunto é espiritualidade. Em 1999, a revista Time o considerou uma das cem personalidades do século, chamando-lhe de poeta e profeta das medicinas alternativas. Visite-o em DeepakChopra.com”. Ele se apresenta com terno e gravata.

        E, não, ele não é ateu, muito pelo contrário, pois defende muito a Deus e respeita a Jesus inclusive apresentando-o como modelo, mestre divino e autoridade espiritual.

        Quanto ao ecumenismo, os cristãos não são proibidos de ler obras de autores de outras religiões, sendo que o próprio Paulo disse “Examinai tudo e retende o que é bom”, havendo ele mesmo lido autores gregos, uma vez que os cita em suas epístolas.

        O relativismo, inclusive aquele de caráter religioso, é um fato que ninguém jamais poderá em sã consciência negar, sendo que até você, servo, é também relativista, já que é simplesmente impossível não relativizar as coisas neste mundo em que vivemos.

        Quanto ao universalismo, trata-se de uma visão bíblica muito antiga e tendo em Orígenes robusta defesa. Há muitos teólogos e autores universalistas e isso não constitui perigo algum, pois não há mal em pregar que Deus salvará a todos; o mal seria dizer que Deus não salvará. Em outras palavras, ninguém peca porque pensa que todos serão salvos, mas peca em pensar que em Deus não há salvação. No máximo, os universalistas estariam equivocados em sua crença, mas esse equívoco não seria causa de perdição, da mesma forma que os adventistas não seriam condenados por pregar que é pecado tomar café se, no final, eles estiverem errados quanto a isso.

        Quando você diz, citando Hebreus, que cabe ao homem morrer uma só vez vindo em seguida o juízo, você se esquece que o juízo que aí fala é aquele que os redividos (os que voltaram à vida depois de clinicamente mortos) referem como ocorrendo por ocasião do encontro com o Ser de Luz, e esse juízo não prova que haja uma só vida, ou que não haja reencarnação, até porque Lázaro, o filho da viúva de Naim, e diversas outras pessoas que a Bíblia diz que foram ressuscitadas, morreram mais de uma vez.

        • Caro Sandro,conheco as virtudes, a capacidadade literária, além dos pensamentos e qualificações intelectuais de Deepak Chopra.Sao inquestionáveis,e jamais poderia desmerece-las.O problema não e este,e quando usei a expressão de bruxo esotérico e por que por detrás da suas atribuições humanas existe alta magia e ocultismo.E fácil e so investigar,pois ele e aprovado por vários sites de magia,astrologia e ocultismo .E so acessar.O Jesus de Chopra não e o Jesus bíblico bem como a nova era do qual seus pensamentos procedem, espera um salvador como os cristãos, não porem Jesus e sim o maytreia,leia-se anticristo bem como Jesus posteriormente vira para derrota-lo,juizo apocaliptico.Como no espiritismo e espiritualismo Jesus e realmente um mestre divino como outros iluminados, e não o Deus conosco como a bíblia fala,sendo apenas um exemplo e não o salvador ,o doador do Espirito Santo, que e o selo dos redimidos e salvos,fica claro não ser a mesma pessoa que esta em questão. Aos três inimigos que citei basta dizer que não se precisa confrontar a ninguém, apenas dissipar sua fe,ou dividi-la em porcoes,com a sugestao de que varias porcoes possam levar a um conteúdo, porem elas não tem,a essência da origem divina para isto, e apenas servem para fazer um caldeirão que não tem a formula original ou seja não resolve o problema do pecado e da falibilidade humana perante Deus,apenas traz soluções paliativas como por exemplo reencarnação,ou satisfação de necessidades momentâneas sem paz interior.Quanto a interpretação de hb 9/27 vc esta totalmente equivocado, e e so ler o contexto bíblico usando a hermenêutica e buscando fontes seguras.Ali fala de juízo final.No grego koine a língua de tradução do nt isto e claro.Finalmente,sugestoes literárias para que vc examine pois creio muito em sua capacidade intelectual.LEIA Mais que um carpinteiro,Josh Mcdoweel,e acesse google, entrevista do Dr Ravi Zacharias, o proposito de seu livro Why Jesus;Pq Jesus.O que mais vc precisa e se interar sobre o jesus bíblico, para depois compara-lo ao jesus que se apresenta hoje ate em igrejas hereges evangélicas.Dependo do Jesus que se cre nada de consistencia espiritual acontece em nossas vidas,podendo ate recebermos benefícios terrenos pois Deus e tao bom, que da oportunidades e bencaos ate aos que não crem nele.E so observar a historia de Israel,pois apesar do sustento no deserto não usufruíram da canaa prometida ou seja,receberam pao,carne, vestes, porem morreram no deserto por incredulidade ou seja houve perda ad vida eterna.1corintios 15/19 ,se a nossa esperança em Cristo,se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes dos homens.Cordialmente e certo do amor de Deus por vc apenas um servo.

          • Caro Servo, agradeço pelo tempo e energia mental que você despendeu em meu favor sem cobrar ou esperar nada em troca, mas apenas pelo profundo amor que você sente pelas almas e o desejo incontido e até comovente que tem no sentido em que elas sintam também a grande paz e alegria celestial que você sente em seu caminhar diário com Cristo. E eu me sinto até deselegante em pensar em refutar suas palavras, porque nelas eu sinto muito, como disse, de sua fé tão firme e pura, bem como de seu amor desinterassado, altruísta e verdadeiro. E não digo, como um orgulhoso diria, que nunca poderei um dia considerá-las como expressão da verdade que você procura demonstrar, mas neste momento em condições de fazê-lo não estou. Observe, por exemplo, que o fato de Deepak Chopra ser citado e aprovado em “vários sites de magia, astrologia e ocultismo”, depõe tanto contra ele quanto contra Jesus, pois Cristo é figura divina citado e aprovado em muitos sites e por quase todas as religiões, inclusive no Budismo e no Hinduísmo. O fato, porém, é que Deepak Chopra não pratica magia negra ou qualquer outra forma agressiva de religião, sendo um homem culto, amoroso, compassivo, sábio e profundamente voltado para o amor a Deus e ao próximo. Quero esclarecer, todavia, que não sou um discípulo dele, mas um recém leitor do mesmo, como expliquei mais acima. Quanto à visão que religiões não cristãs têm de Cristo, elas vão variar da mesma forma que variam dentro do próprio contexto cristão. São visões que divergem em alguns aspectos, mas que se conservam unânimes em muitos outros e importantes, tais como os que falam do caráter de Cristo e de seu trato para com a humanidade. A questão da expiação, por exemplo, é assunto não unânime dentro do próprio cristianismo, onde o sacrifício de Cristo vai ter um certo sentido e significado para uns (ele morreu para apagar meus pegados), um diferente para outros (ele morreu para quebrantar o coração e atrair, com o sacríficio de um inocente que muito amou, a humanidade para si), outro também diferente (Cristo foi nosso exemplo na vida e na morte), etc.

            Em relação a Maitreya, ele se trata na realidade do novo Buda que os budistas aguardam, assim como os cristãos aguardam Jesus e os hinduístas aguardam o Senhor Kalki (a próxima reencarnação de Krishna, e que deverá acontencer não antes de 400 mil anos – para entender melhor sobre Kalki, consulte no Google esta frase e acesse o primeiro site: O Senhor Kalki é Predito no Apocalipse da Bíblia? – Volta ao Supremo), mas tanto no caso de Maitreya como de Kalki, não existe essa interpretação que notadamente os evangélicos dão, ou seja, se um anticristo vindo em contexto de perseguição contra os fiéis, Não, não se trata de nada disso. A vinda desses avatares não é descrita em contexto cristão, como querem fazer crer os evangélicos; é algo totalmente diferente, ou seja, no contexto da cosmovisão do Budismo (Maitreya) e do Hinduísmo (Kalki). É só estudar os ensinamentos dessas religiões na própria fonte, e não através do filtro ou da visão evangélica sobre os mesmos. Quanto a Paulo, ele tem sido assunto de grandes controvérsias no cristianismo, inclusive porque várias de suas cartas estão sendo reavaliadas ante a possibilidade de terem outros autores e que só emprestaram o nome de Paulo para conferir autoridade a esses escritos. Um interessante estudo sobre esse tema é apresentado pelo estudioso de igreja primitiva Bart D. Ehrman, em seu livro “Quem Escreveu a Bíblia?”

            Servo, lei todos os seus comentários e fico feliz quando você escreve em minha atenção. Você terá sempre minha atenção e minha admiração. Gostaria que você orasse por mim, pois estou buscando em Deus forças para superar um grande desafio. Desde já, muito obrigado.

  3. Cadê o Nostafora?

    A irmandade dele perde mais um adepto,

    E o convertido encontrou cobra falante, pagaio com assoviando, mula dirigindo carro fúnebre, mar vermelho de sangue se abrindo pra servir de sua sepultura, relógio que dá ré e dança.

    O cara já era há bastante tempo convicto do seu não acreditar, bem assim amadurecido o suficiente pra não ser acusado pelos seu ex-companheiros de aventureiro em busca de dinheiro, ele era o papa da igreja ateia.

    Agora que o nome dele lembra de alguém, isso é fato, o stardust. Deve ser o irmão dele, só que o de lá é autêntico, strobel, enquanto o gêmeo daqui, é tão verdadeiro quanto uma nota de três reais.

    Na conversão do nosso, passará o mundo do Deus eterno a dispor de uma baita dupla do cancioneiro gospel mundial: stardust e strobel, sucesso na certa.

    • Di novo Levy??

      qual a novidade em uma pessoa inteligente acabar se entregando as bizarrices religiosas Levy??

      na contra-mão dele, há os que saem do “ostracismo religioso” e se tornam ateus.

      nao viu vc as matérias aqui mesmo no site dando conta do pastor que se tornou ateu?

      ora Levy, vc é um fanfarrão!!!!

      • Sim, há sei.

        Os desinformados, os precipitados, os sem noção, os carentes de atenção, os de pouca ou quase nada regulação mental.

        Quem pensa, não entra nessa. Quem pensa direitinho, retorna,

        • Levy, seja honesto, vivo lhe pedindo isso. eu e outros tantos lhe pedem isso aqui no site.

          pense comigo: a matéria diz – “Ateu convicto”

          ora bolas, se fosse ateu convicto, não se converteria.

          é o mesmo que vcs protestantes dizem quando um de vcs se converte ao catolicismo romano ou ao ateismo.

          por exemplo o caso do pastor que virou ateu ou de pastores que se tornaram católicos.

          poxa, eram protestantes convictos e se tornaram ateus ou católicos?

          não Levi, eram pessoas com duvidas interiores.

          basta vc dar uma olhada nas referidas matérias e constatar que vcs protestantes sempre alegam que tal pessoa “não era verdadeiro convertido”.

          hj posso dizer o mesmo. o ateu não era ateu de verdade. seu cérebro era de minhoca e ele achava que funcionava kkkk brincadeira Levy.

          mas veja Levy, as conversões ocorrem para todos os lados. são católicos virando ateus ou protestantes ou espíritas ou judeus etc. etc. às vezes em maior ou menor numero.

          são protestantes virando ateus, espíritas, católicos, judeus etc. etc.

          não entendi porque vc quis cantar vitória pra cima de mim nesta matéria!!!

          vejo isso como uma grande hipocrisia.

          • Nostafora,

            Primeiro, que não era um qualquer. Tratava-se de um senhor com sessenta anos de idade, portanto sabendo muito bem o que quer, nada de arroubos de inexperientes, de descomprometidos, vá com calma, pois era quase um papa ateu. Larga vivência, larga experiência e era convicto, mas tão convicto que até hoje, do que se l~e, ainda estão todos boquiabertos, um radical,, um estudado.

            Hipocrisia da minha parte?

            Não meu caro, são vocês que litigam orquestradamente no mundo todo contra toda e qualquer pessoa que manifesta uma regra de fé, zombando, xingando, desfazendo, dando a entender que os crédulos são idiotas e que só vocês são os espertos do mundo,

            Não me venha com postura de anjo entronado.

          • Nosferatu,

            Uma pessoa só pode alegar convicção como imutabilidade de ideias se ela conhece toda a carreira de vida, do nascimento à morte, de fora, e raciocina por todo esse tempo de vida a partir de fora do tempo, conhecendo tudo ao ponto de ter um parecer único e quase exato sobre tudo ao ponto de jamais mudar de ideia. Afinal, conhecimento (diferente de opinião) exclui a possibilidade de mudar.

            Se faz tal afirmação dentro do tempo e da vida individual, dentro de um dado espaço do tempo apenas, ignorando as peripécias do devir e os tantos mistérios entre o céu e a terra, a pessoa interpretará eventos como o vivido por Lee Strobel, de que sempre duvidou, que sempre ignorou, de que sempre zombou, a partir de preferências interiores ao fato, e não da própria experiência vivida. A partir daí, passa a ser auto-indução de conclusão só para não querer mudar.

          • bem, nesta linha de pensamento, devo e, posso também dizer que pa$tores de grandes denominações que se tornaram católicos ou ateus, também NÃO ERAM QUALQUER UM..

            pessoas bem instruidas nas matérias religiosas e que tiveram, não um, mas vários encontros com teu deus, e que mesmo assim, passaram a acreditar que encontraram com um deus errado no protestantismo ou enxergaram que esse deus era só criação de suas mentes…

            VÁ COM CALMA LEVY, pois pastores também são quase “papas” do protestantismo, não eram inexperientes e muito menos descomprometidos… inclusive, de tão comprometidos que eram, se dedicaram ao estudo e conseguiram sair da escuridão mental do protestantismo, alguns tiveram só um lampejo e foram para o Romanismo e os que conseguiram enxergar a luz, vieram para o ateismo. os novos romanistas, se continuarem estudando, também viram para a luz definitiva. kkkk

            Hipocrisia DA TUA PARTE SIM LEVY.

            vc enxerga e dá crédito e valor ao Ateu que virou protestante e não dá valor aos protestantes que se tornaram ateus.

            matéria deste mesmo site levY.

          • Nostafora,

            Meu caro, eu fui protestante, depois ateu, voltei para as concepções protestantes(ou qualquer um que acredite num ser além de buchudinho iguais a nós);

            Não me ative como se burro mulo fosse, passando, uma vez livre, a investigar esse Deus em todos os lugares e formas não ao modelo de ninguém.

            Hoje sou o mais credo dos credos, e, desculpe a imodéstia, com certo poder de dissuasão, nada de gênio, só pro gasto mesmo.

            Em síntese, não fiquei no jardim de casa, e nem muito menos fazendo turismo na minha cidade, foi um voo rasante, mas muito proveitoso. Dê-se a si esse conselho, saia da redoma,

          • saiu do assunto Levy.

            vc veio aqui, INVOCANDO meu nome, como se a “conversão do ateu” ao protestantismo fosse algo inédito, ou que acabaria com o ateismo.

            Mas Levy, o inverso ocorre na mesma proporção, ou como temos visto nos EUA, até em maior proporção, onde protestantes saem do protestantismo e vão para o romanismo ou ateismo.

            isso é hipocrisia Levy. vc é hipócrita.. e pior.. não assume.

          • Nostafora,

            Cada um presta conta de si,meu caro,

            Não falei por ter o americano professado o protestantismo, mas sim a crença em Deus.

            Vc é que distorce ps fatos de acordo com a tua biruta.

          • não estou distorcendo nada Levy, é vc que não compreende uma linha do que lê.

            vc “cantou de galo” por conta do ateu ter se tornado “deista” (vamos corrigir então) e finge que não sabe que esta via é de mão dupla…

            contudo a via que vem para o protestantismo é bem mais movimentada, conforme vemos ocorrer nos EUA.

  4. Sandro continuo.Se não quiser refletir o que farei?Apenas me preocupo com alguém confuso que prefere ouvir o que quer,do que se colocar diante de Deus e conhecer sua vontade.Isto e respeitável porem Ezequiel diz 3/17, Filho do homem eu te dei por atalaia,sobre a casa de Israel,da minha boca ouviras a minha palavra e os avisaras da minha parte.Quando eu disser ao perverso,traduza-se apartados de Deus,;Certamente morreras,e tu não avisares e nada disseres para o advertir do seu mal caminho,para lhe salvar a vida este perverso morrera na sua inquidade,mas o seu sangue, da tua mao o requererei.Mas se avisares o perverso , e ele não se converter da sua maldade e do seu caminho perverso ele morrera na sua iniquidade, mas tu salvaste tua alma.Meu papel e este advertir ,o resto não e comigo.Que Deus te abençoe e vc tenha coragenm de se dirigir a ele e ouvir sua voz.Se precisar de alguma ajuda sempre estarei disposto ,porem se quiser ouvir o que lhe agrada e não buscar a paz que excede todo entendimento eu nada poderei fazer.Faca prova sincera diante de Desu do que lhe disse,afinal engolir sem questionar jamais.Abraco

    • Servo, não sou um confuso como você diz, e não temo ameaças de profetas ou gurus que falaram muitas vezes dando apenas a opinião que eles tinham sobre temas diversos.

      Sou, na realidade, uma pessoa que se libertou de uma visão muito estreita de religiosidade para contemplar horizontes mais amplos, belos, sábios e generosos que aqueles do gueto evangélico em que vivi alguns anos atrás. E isso tem sido bom para mim, pois desde que comecei a estudar um pouco de budismo e hinduísmo, além de cristianismo, a minha fé em Deus e no mundo espiritual só aumentaram e se fortalecerem, pois, além do tesouro espiritual que há no cristianismo, fui encontrar muitos outros tesouros preciosíssimos e belíssimos nessas antiquíssimas e venerandas religiões orientais. Assim, agradeço por sua preocupação, mas eu não vou deixar de examinar todas as religiões e desfrutar das grandes maravilhas que cada uma delas tem a oferecer. Nisto farei como Paulo – examinarei tudo e conservarei o bem.

  5. Albert Einstein disse uma vez que “Há duas formas para viver sua vida: uma é acreditar que não existem milagres. A outra é acreditar que todas as coisas são milagres.” Vivo a segunda forma.

  6. Palmas para os dois…gostei da humildade dos dois também. É assim que tem que ser.
    Mesmo não concordando um com o outro em relação à questões filosóficas, comportamentais, bíblicas ou doutrinárias, mas o respeito tem que haver entre vocês.

  7. Gomes Ivan tudo bem? sabe que o que você mencionou pode até ser válido? só não entendi o porque da palavra “crentelho”. Sei que talvez nem fosse sua intenção mas assim como muitos crentes (não generalizo) usam de sua crença para discriminar homossexuais por exemplo, sinto que você poderia estar fazendo algo semelhante e sei que não é o assunto deste post mas da uma olhada nisso que acabei de ler em outro site: “A discriminação acontece quando há uma atitude adversa perante uma característica específica e diferente. Uma pessoa pode ser discriminada por causa da sua raça, do seu gênero, orientação sexual, nacionalidade, religião, situação social, etc.”

  8. Sandro ,estarei orando por vc,pois a vida e cheia de desafios para todos nos.Os desafios são para pequenos Davis, nas mãos de um grande Deus.Este disse ao Golias;Tu vens contra mim com espada, com lanca,e escudo;eu, porem vou contra ti em nome do Senhor dos Exercitos,1sm17/45.Sandro.Tome o cajado,simbolo de autoridade, pegue cinco pedras, aliança sl25/14,fidelidade lm3/22e23,santidade hb12/12a14,submissao fp2/5a11,e fe ap14/12,palavras do Senhor,que estão lisas, pois foram lapidadas no seu rio de agua viva Joao7/38,seu Espirito,depois guarde-as no seu alforje,biblia,e lance mao da sua funda que e a palavra lançada mediante acao do Espirito Santo,e encare o gigante,vs40,e vers49 Uma frase,que me veio a mente a alguns anos atrás,leva-me a pensar no sacrifício que Jesus fez pela humanidade, e consequentemente em seu insondável amor por nos rm11/33a36,justificando a minha intercessão.Coisas passam,porem PESSOAS são ETERNAS.Abraco.

DEIXE UMA RESPOSTA