Bono Vox, vocalista do U2, diz acreditar ser “um Jesus intolerável e arrogante”

9

Bono Vox, vocalista do U2, é conhecido por seu engajamento em questões sociais em nível internacional, e também por suas composições repletas de significados religiosos.

Num discurso durante a conferência TED (que em tradução livre, significa Tecnologia, Entretenimento e Design), Bono afirmou considerar-se “um Jesus intolerável e arrogante”. Apesar de o site Cifra Club News não noticiar o contexto da declaração, a menção a Jesus pode ter sido feita numa referência de sua luta pessoal pelo bem estar dos mais pobres.

O músico entende que “a tecnologia pode eliminar a pobreza extrema até o ano de 2030″, e diferentemente do que muitos imaginam, isso é possível a partir do engajamento das pessoas, empresas e governos, com investimentos em pesquisas e tecnologias.

Bono afirmou ainda que as taxas de mortalidade infantil e por malária tem caído, e que mais pessoas infectadas pelo vírus do HIV tem tido acesso ao tratamento contra a doença. Para ele, esses dados internacionais são sinais de que novos avanços são possíveis.


A plateia do discurso de Bono continha diversos empresários, além do fundador da Microsoft, Bill Gates. Em tom convidativo, Bono disse: “Esqueça a ópera rock. Esqueça as bombas. A única coisa que cantarei hoje são os fatos. Eu realmente abracei o lado nerd que há em mim. Deixei de ser o rock star. Acione o ativismo evidente, o ativismo dos fatos”, afirmou.

O artista/ativista ainda brincou dizendo que o dinheiro necessário para que novas pesquisas visando o fim da pobreza extrema no mundo poderiam vir de “apenas três concertos de despedida dos [Rolling] Stones com transmissão online e monetizada”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

9 COMENTÁRIOS

  1. Se Bono e a sua platéia doassem as suas fortunas aos pobres, com certeza tirariam milhoes de pessoas da pobreza. Nesse caso o arrogante e o intolerante foi ele.

  2. A declaração tem um contexto. Não devemos nos precipitar, do contrário julgaremos erroneamente. No Brasil é comum utilizar-se de uma expressão parecida com a do Bono, Exemplo: “Querem me fazer de Cristo!”. No caso ele acrescentou a declaração de que seria um “jesus” (um cristo) intolerável e arrogante (é assim que muitos julgam a ativistas dos direitos humanos, como Bono). Mas, até onde eu sei ele é um cristão legítimo que transmite a mensagem do evangelho através da música, e influência milhões de pessoas que nossos irmãos de paletós e gravatas nem chegam perto, por serem santos demais aos seus próprios olhos.

    • Amigo, perfeito seu comentário! Quem não sabe interpretar o contexto e não conhece a carreira e a pessoa que é o Bono, julga sem saber de nada, apenas por fanatismo religioso sem nenhum embasamento.

  3. Só um comentário, quando leio os comentários aqui postados vejo o quanto perdemos em interação humana num ambiente tão propício ao enriquecimento. A paz do Senhor a todos.

  4. vamos parar com esse joguinho de “cabo de guerra” tb sou cristão e me envergonho de não ter feito nem 10% do esse cara faz. o Bono é gente boa. todos nós podemos ser usados uns por Deus e outros sei lá por quem.. se Deus usou até um jumento….. o bono. poderia estar morando na suissa colecionando ferraris e lambourghinis.como a maioria dos milionarios pop. mas prefere doar seu tempo sua popularidade e influencia em pról dos menos favorecidos e assim angariar recursos para fazer óbras que melhore a vida de quem não tem quase nada. Deus te abencoe Bono Deus te abençoe Sting.

  5. essa de direitos humanos é um braço da ONU que é a besta achando assim que acabaram com as guerras, a fome e ostra coisa mais.veja a aceitaçao do homossexualismo a na verdade uma imposiçao da onu ,do direito a igualdade de todos viverem como quiserem.quanto a adoraçao a cristo é contrario ao ensino de cristo,o unico a ser adorado é O DEUS VERDADEIRO,

  6. Será que ninguém aqui é capaz de interpretar um texto? Ele não se compara a Jesus como pessoa, e sim com as ações em prol dos mais desfavorecidos, que era como Jesus fazia e também enfrentou muitas barreras, com a diferença de ser intolerável e arrogante. Para aqueles que não o conhecem, antes de julgarem e falarem merda, procurem saber a respeito do Bono, suas ações e suas crenças e principalmente os esforços pra ajudar os mais pobres, coisa que a maioria que se acha tão santo nunca fez.

  7. É difícil entrar neste bate-boca sem se irritar. Bono,creio que ele disse que era ” intolerável e arrogante ” em suas ações humanas sob a visão do mundo violento. Jesus foi intolerável para os
    líderes religiosos de sua época, e “arrogante” por não aceitar a parceria com gente de sua época.
    Será tão difícil ler a história com os olhos vendados ? tito from brasília.

  8. as pessoas precisam ler mais…pois eu entendi perfeitamente o que o Bono quis dizer…neste mundo tão cheio de religiosos e de super crentes…ele quer dizer que estas pessoas passam isso…não que Jesus seja isso…Jamais aprendemos muito com Jesus….Jesus é sinonimo de humildade, amor, paz e é isso que temos que ser parecidos com ELE…mas o mundo dos crentes está tão cauterizados com fanatismo e religiosidade que só lêem e entendem aquilo que querem…Á PAZ DO SENHOR JESUS..

  9. Não posso afirmar que Bono está certo ou errado, como também não convivo com ele pra saber se ele é de fato imitador de Jesus Cristo. Uma coisa eu garanto, nem como meus esforços eu sou parecido com Jesus, quanto mais quem se afirma ser. Tem que ter MUITO PEITO pra afirmar que é imitador de Jesus Cristo, tem que ser REALMENTE um tal. Eu não vou ficar defendendo o Bono nem criticar. Eu defendo o que está escrito na BÍblia e ponto!

  10. se nós não perdessemos o foco com estas discussões que em nada edificam e saíssemos a pregar o evangelho de JESUS de mt 28,o ide…não ficaríamos achando quem tem ou não razão

DEIXE UMA RESPOSTA