Brasileiro desaprova governo Dilma e considera a presidente mentirosa e desonesta, diz pesquisa

78

A imagem da presidente Dilma Rousseff (PT) perante à sociedade brasileira está bastante desgastada devido à crise econômica e ao escândalo da Petrobrás revelado pela Operação Lava-Jato.

Uma pesquisa realizada pelo instituto Datafolha mostra que a desaprovação ao segundo mandato de Dilma Rousseff é altíssima: 44% consideram a administração como ruim ou péssima, enquanto 33% avalia como regular e outros 23% entendem ser ótima ou boa.

O número de aprovação há dois meses, quando o Datafolha havia feito a última pesquisa sobre o desempenho de Dilma à frente do Palácio do Planalto, era 42%, enquanto a desaprovação era de 24%.

Mentiras

A maneira como Dilma conduziu sua campanha eleitoral e as medidas drásticas para tentar conter a crise econômica contribuíram para que a avaliação dos eleitores sobre seu desempenho fosse bastante crítica.


46% dos eleitores acredita que a presidente mentiu antes das eleições, pois tomou medidas que negou serem necessárias logo após a vitória. Para 14% dos entrevistados, a presidente não disse uma única verdade durante a campanha, o que indica que 60% dos brasileiros sentem-se enganados pela mandatária.

O levantamento do Datafolha revelou que 47% dos brasileiros consideram a presidente desonesta, 54% a consideram falsa e 50%, indecisa.

Derrota?

Tamanha rejeição levou à maioria dos eleitores a afirmar que não votaria nela se o segundo turno fosse hoje, de acordo com outro instituto, o Paraná Pesquisas. Dilma Rousseff perderia a eleição para Aécio Neves (PSDB) caso a votação decisiva fosse realizada hoje.

Durante os dias 21 e 27 de janeiro, o instituto Paraná Pesquisas perguntou a 2.027 eleitores de todo o país se eles manteriam o voto dado em 26 de outubro de 2014, e ouviu de 21,7% dos que votaram em Dilma que não repetiriam a escolha.

Aécio Neves também teve uma perda, com 3,8% de seus eleitores dizendo que não votariam no senador mineiro para ocupar o Palácio do Planalto.

Traduzindo em quantidade de votos, Dilma deixaria de receber os 54,5 milhões de votos e teria apenas 42,7 milhões, enquanto Aécio sairia da casa dos 51 milhões para 49,1 milhões de votos, o que o colocaria à frente de Dilma.

78 COMENTÁRIOS

    • Isso não quer dizer muita coisa, afinal o Malafaia foi um opositor ferrenho…rs
      Esses gurus Gospeis só querem poder e dinheiro e aí cada um faz sua escolha.

      Dilma não terminará seu mandato, o que não sei se é pra rir (meu desejo) ou chorar em ver a possibilidade de termos Michel Temer como presidente.

      Graças a Deus nossa pátria não é esta mas a celestial, senão estaríamos perdidos.

  1. FAZER O QUÊ? Por mais falado e avisado que foram e nada adiantou. Quem votou e apoiou tem grande parcela de culpa e longe de Deus. Como pode votar naqueles que estão denunciado e comprovados lesadores do país e do povo. Estão sendo contra os nossos filhos e nossas famílias. Quanta falta de no mínimo o mínimo de saberia e de Deus para não cair nessa.

        • Carpir latifundio será o futuro de muitos se o projeto comunista for levado a cabo no Brasil.

          Assim é na China e em todos os países que vivem sob esse regime estúpido que escraviza pessoas.

          A China escraviza a mão e obra para produzir tecnologia barata para os EUA….kkkk Olha a incoerência do Comunismo…uma verdadeira piada.

          • Quem te disse isso?
            A tua midia de elite? O teu superior maçom?
            Ou foste lá para verificar?
            Se tú foi lá até posso crer em tua palavra. Mas do contrário
            não força.

          • Eu nunca fui a um país Socialista e nem pretendo, ficaria enojado com o que os Comunistas são capazes de fazer com seu povo, porém, conheço inúmeros amigos que fizeram esta aventura na China e em Cuba e puderam relatar as condições precárias e miseráveis da população.

            Vamos pegar o exemplo de Cuba, se lá fosse tão bom porque os Cubanos fogem para Miami???

            Já sei, são maçons disfarçados andando de barco se fingindo de Cubanos….kkkkkkk Você é uma piada.

      • Pro pmdb seria lindo um impeachment da dilma… o temer seria o presidente do brasil, sendo que o partido do temer já possui a presidencia da camara com eduardo cunha e do senado com renan calheiros.

        Muita concentração de poder para um partido como o pmdb, que sempre foi conhecido como “partido de aluguel”, que sempre apoiou qual governo federal fosse, psdb ou pt, em troca de cargos e vantagens.

      • mauro,

        Acredito que o Temer só não assumiria se ele também fosse condenado no Petrolão, como ele é bem esperto não deve respingar nada nele.

        Veja o texto:

        A declaração da vacância da Presidência da República compete ao Congresso Nacional, salvo no caso de condenação do presidente em processo judicial. Tal declaração, todavia, é suscetível de controle judicial, na medida em que ferir direitos individuais. Sem que esteja vaga a Presidência da República, pode o presidente estar afastado do exercício do cargo. Esse afastamento pode ser voluntário, o que ocorre quando o presidente se licencia, ou involuntário, quando o presidente não pode exercer o cargo por motivo de doença grave, aprisionamento pelo inimigo, sequestro etc., e também quando é suspenso de suas funções em razão de processo contra ele movido, por crime comum ou de responsabilidade.

        Fernando Collor deixou a presidência após sofrer um processo de impeachment.
        Em caso de vacância da Presidência da República, sucede definitivamente no cargo o vice-presidente. No caso de afastamento, também é o vice quem substitui interinamente o presidente. Não havendo vice-presidente, ou não querendo ou não podendo este assumir o cargo de presidente da República, nele será investido o presidente da Câmara dos Deputados e, no impedimento deste, o presidente do Senado Federal. Na circunstância deste último também estar impedido, a Presidência da República será exercida interinamente pelo presidente do Supremo Tribunal Federal. Note-se, porém, que o exercício da Presidência da República pelos presidentes da Câmara dos Deputados, do Senado e do Supremo Tribunal Federal é sempre provisório e até a eleição do novo presidente, no caso de vacância do cargo.

        Ocorrendo a vacância da Presidência e da vice-presidência da República nos dois últimos anos do período presidencial, os novos presidente e vice serão eleitos indiretamente, pelo Congresso Nacional, conforme determina o parágrafo primeiro do artigo 81 da Constituição Federal. Em qualquer caso de substituição, os novos eleitos deverão terminar o mandato vigente.

        Recentemente, há um projeto em tramitação no Congresso Nacional que impede que o vice-presidente seja empossado em caso de vacância. A prerrogativa é de que o vice, como substituto legal, possa apenas assumir o cargo quando o titular se ausentar por motivos diversos. No caso de renúncia, morte ou impedimento do titular, segundo o texto da proposta, serão convocadas novas eleições. O vice será tratado exatamente como no início da República Brasileira, como “substituto” e não como “sucessor”. O titular do cargo, o Presidente do Brasil, deverá sempre ser escolhido por eleições diretas. Não será mais admitido que os presidentes da Câmara, do Senado, do STF ou o vice-presidente completem o mandato vigente.

      • mauro,

        Acredito que o Temer só não assumiria se ele também fosse condenado no Petrolão, como ele é bem esperto não deve respingar nada nele.

        Veja o texto:

        A declaração da vacância da Presidência da República compete ao Congresso Nacional, salvo no caso de condenação do presidente em processo judicial. Tal declaração, todavia, é suscetível de controle judicial, na medida em que ferir direitos individuais. Sem que esteja vaga a Presidência da República, pode o presidente estar afastado do exercício do cargo. Esse afastamento pode ser voluntário, o que ocorre quando o presidente se licencia, ou involuntário, quando o presidente não pode exercer o cargo por motivo de doença grave, aprisionamento pelo inimigo, sequestro etc., e também quando é suspenso de suas funções em razão de processo contra ele movido, por crime comum ou de responsabilidade.

        Fernando Collor deixou a presidência após sofrer um processo de impeachment.
        Em caso de vacância da Presidência da República, sucede definitivamente no cargo o vice-presidente. No caso de afastamento, também é o vice quem substitui interinamente o presidente. Não havendo vice-presidente, ou não querendo ou não podendo este assumir o cargo de presidente da República, nele será investido o presidente da Câmara dos De p utados e, no impedimento deste, o presidente do Senado Federal. Na circunstância deste último também estar impedido, a Presidência da República será exercida interinamente pelo presidente do Supremo Tribunal Federal. Note-se, porém, que o exercício da Presidência da República pelos presidentes da Câmara dos De p utados, do Senado e do Supremo Tribunal Federal é sempre provisório e até a eleição do novo presidente, no caso de vacância do cargo.

        Ocorrendo a vacância da Presidência e da vice-presidência da República nos dois últimos anos do período presidencial, os novos presidente e vice serão eleitos indiretamente, pelo Congresso Nacional, conforme determina o parágrafo primeiro do artigo 81 da Constituição Federal. Em qualquer caso de substituição, os novos eleitos deverão terminar o mandato vigente.

        Recentemente, há um projeto em tramitação no Congresso Nacional que impede que o vice-presidente seja empossado em caso de vacância. A prerrogativa é de que o vice, como substituto legal, possa apenas assumir o cargo quando o titular se ausentar por motivos diversos. No caso de renúncia, morte ou impedimento do titular, segundo o texto da proposta, serão convocadas novas eleições. O vice será tratado exatamente como no início da República Brasileira, como “substituto” e não como “sucessor”. O titular do cargo, o Presidente do Brasil, deverá sempre ser escolhido por eleições diretas. Não será mais admitido que os presidentes da Câmara, do Senado, do STF ou o vice-presidente completem o mandato vigente.

        • Essa PEC altera o artigo 79 da Constituição Federal que prevê a sucessão do vice na vaga, em caso de impedimento, e o artigo 81, estabelecendo o prazo de 90 dias para nova eleição em caso de vacância no cargo de Presidente da República. Atualmente, a determinação vale apenas caso ocorra vacância nos cargos de presidente e vice. Se a vacância ocorrer nos dois últimos anos do mandato, a eleição deverá ser realizada em 30 dias.

          Mas acho que o Temer vai aparecer no Petrolão.

          • mauro,

            Eu duvido que o Temer apareça no Petrolão, eu o acompanho não é de hoje e o que está ocorrendo é o ápice do plano orquestrado a muito tempo.

            Infelizmente teremos de engolí-lo como presidente tendo Renan Calheiros como presidente do Senado e um outro PMDBista (Eduardo Cunha) na Câmara que até então começou bem, mas vamos ver até quando.

        • Zambuj
          Quem te disse isso?
          A tua midia de elite? O teu superior maçom?
          Ou foste lá para verificar?
          Se tú foi lá até posso crer em tua palavra. Mas do contrário
          não força.

        • Zambujeiro

          “É A ESCORIA FAZENDO ESCOLA”

          “Recentemente, há um projeto em tramitação no Congresso Nacional que impede que o vice-presidente seja empossado em caso de vacância”

          João Belchior Marques Goulart, ou simplesmente Jango, como era conhecido, governou o país de setembro de 1961 a março de 1964. Nasceu em São Borja, no Rio Grande do Sul. Entrou para a política com o apoio de seu conterrâneo e amigo particular, Getúlio Vargas.
          Seu primeiro cargo público foi como Deputado Federal, em 1950. Logo depois foi Ministro do Trabalho, Indústria e Comércio no segundo governo de Vargas. Como Ministro, ele concedeu muitos benefícios aos trabalhadores, inclusive aumentou o salário mínimo em 100%, fato que provocou sua renúncia, pois desagradou a muitos empresários.

          Jango venceu duas eleições como Vice-presidente da República, sempre pelo PTB (Partido Trabalhista Brasileiro). A primeira vitória foi como segundo de Juscelino Kubitschek, em 1955. Após cinco anos, foi eleito vice de Jânio Quadros.

          Parlamentarismo

          Com a renúncia do Presidente Jânio Quadros, em agosto de 1961, João Goulart deveria assumir o governo. Mas partidos da oposição, como a UDN (União Democrática Nacional) e os militares tentaram impedir a sua posse. Nesta ocasião, Jango, que era tido como simpatizante do comunismo, estava em visita oficial à China (país comunista).

          O Governador do Rio Grande do Sul, Leonel Brizola, cunhado de Jango, encabeçou a chamada Campanha da Legalidade, a fim de garantir o direito previsto na Constituição de 1946 de que na falta do Presidente, assume o candidato eleito a vice.

          Brizola foi às rádios conclamando a população para que se manifestasse a favor de Jango. Ele conseguiu o apoio do Comando Militar do Rio Grande do Sul e também de líderes sindicais, de movimentos estudantis e de intelectuais.

          A solução encontrada pelo Congresso Nacional foi instaurar o sistema Parlamentarista, no qual o poder do Presidente fica limitado. Ele indica, mas pouco interfere nas ações dos Ministros. No dia 07 de setembro de 1961 Jango tomou posse. O Primeiro Ministro indicado foi Tancredo Neves, do PSD (Partido Social Democrata) mineiro.

          Em janeiro de 1963 houve um plebiscito (consulta popular), para que se decide sim ou não pela continuidade do Parlamentarismo. Com 82% dos votos, o povo optou pelo fim deste sistema de governo e pela volta do Presidencialismo.

          Plano econômico

          Jango adotou uma política econômica conservadora. Procurou diminuir a participação de empresas estrangeiras em setores estratégicos da economia, instituiu um limite para a remessa de lucros das empresas internacionais e seguiu as orientações do FMI (Fundo Monetário Internacional).

          Contudo, o Presidente sempre foi maleável com relação às reivindicações sociais. Em Julho de 1962, os trabalhadores organizaram o CGG (Comando Geral de Greve), convocando uma greve geral. Conquistaram com este movimento um antigo sonho dos funcionários: o 13º salário.

          Com o fim do Parlamentarismo, restavam ainda três anos de mandato para João Goulart. Elaborado pelo economista Celso Furtado, o Presidente lançou o Plano Trienal, que previa geração de emprego, diminuição da inflação, entre outras medidas para pôr fim à crise econômica. Porém, o plano não atingiu os resultados esperados.

          Reformas de base

          Jango acreditava que só através das chamadas reformas de base é que a economia voltaria a crescer e diminuiria as desigualdades sociais. Estas medidas incluíam as reformas agrária, tributária, administrativa, bancária e educacional.

          Em um grande comício organizado na Central do Brasil, no Rio de Janeiro, Jango anunciou a mais de 300 mil pessoas que daria início as reformas e livraria o país do caos em que estava vivendo.

          Este comício, entretanto, foi mais um motivo para que a oposição o acusasse de comunista. A partir daí houve uma mobilização social anti Jango.

          O Golpe Militar

          A classe média assustada deu apoio aos militares. Alguns dias depois do comício, foi organizada a Marcha da Família com Deus pela Liberdade, com o objetivo de dar apoio aos militares. No dia 31 de março de 1964, os militares se reuniram e tomaram o poder, com apoio dos Estados Unidos.

          Jango não resistiu. Deixou o governo e se refugiou no Rio Grande do Sul. De lá, foi para o exílio no Uruguai e na Argentina, onde morreu aos 57 anos, vítima de um infarto.

  2. To nem ai to nem ai, não votei nesta gusana portanto estou livre desta carga aqueles que a puseram la que se virem, agora aguenta, principalmente aqueles do lado do deputado mequetrefe aeruvilles aeruilles isbisvilles num sei das quantas e os nordestinos, somente sei que os inteligentes votaram no minero de São João del Rei, agora se virem canbada chupa essa manga podre

  3. Um ninho de serpentes destilando seu veneno.
    Vão orar répteis. Ou tbm vós descereis ao fogo
    do inferno. Hipócritas malditos manisfestais vossa preocupação
    com o rabo alheio mas não vos preocupais com os próprios.
    Orem pela mulher junto com seu governo, ou todos vós
    morrereis juntamente. Quando vosso governos de coxinhas
    ladrões surrupiavam os cofres da nação, detinham suas cabeças
    em um buraco e fingiam não assistir a nada. Agora querem posar
    de lanternas vigilantes da moral e dos bons costumes.
    Queimem no inferno vermes.

    • Alexandre Machado,eu defendo a esquerda – não a extrema esquerda.A minha revolta e
      de milhões e milhões de brasileiros contra o PT é por causa das corrupções contínuas
      sem punição e sem que o PT faça nada. Eliane Calmon e Joaqui Barbosa sairam por
      serem honestos,mas essas pessoas iriam passar a limpo começando pelo Judiciário,ma
      a Baianinha arretada foi expulsa a pedido do PT.

      • Janio
        A ti eu respondo, pois me parece sério em seu comentário.
        Tem um idiota ai acima, que pensa que por haver social já é um problema.
        Logo o jaguara se revela partidário da miséria, da pobreza, da seca, da favela, etc..
        Até entendo, pois se não houver miséria não haverá como sustentar esse pequeno discurso falido do cristianismo. Pq cristianismo é paganismo com pinçadas de judaismo. Apenas isso. O ” idiota”, que até aqui tem rejeitado a pecha de evangélico e se denomina de “Cristão”, finge desconhecer que foi contra isso que o Cristo lutou. Contra a miséria e contra tudo que à ela está afeito. O asno de plantão crê insanamente que Cristianismo é mercado de capitais, mercado de ações, bolsa de valores, usura, sistema bancário espoliativo, latifúndio,escassez, desemprego e o que vem atrás disso. O “nóia” julga que Deus é mamom. E ele tem razão porque o dele é. Porém o ETERNO é socialista desde o princípio. Vc verá o pedante me acusando de defensor de um cristianismo ” judaizante”. Como se ” o” Cristo fosse um romano pagão. Nem grego e nem egípcio. Mas JUDEU. É evidente que não concordo com a corrupção, pois se assim fosse, estaria lutando contra o ETERNO. Mas o que este ninho de vespas se recusa a ver, pois são inimigos de Deus, é que Deus se cansou de assistir a tanta miséria tendo como pano de fundo uma falsa palavra, um placebo, uma losna, sendo dada a um povo sofrido e cansado. O que vc sempre verá por aqui, mas com alguma dificuldade de identificar é o ” patife” maçom, liberal travestido de amiguinho de Jesus. E podes ver, Janio, que todos eles são vigilantes do sexo alheio, partidários de uma direita corrompida e corruptora, porém quando o jogo muda em favor de milhares de pobres que assolam a face desta nação, pobres criado por eles mesmo, manisfestam-se como defensores e contra a corrupção. A bem pouco tempo, já havia alguns por aqui dizendo: Com o dinheiro da Petrobras, daria para fazer milhares de casas para os pobres. Interessante, já que os pobres nunca estiveram na agenda desta elite medíocre e corrupta. Isso não te lembra ninguém Janio? Marcos 14:1-10 . Agora eles lembram que existem pobres. É um recurso no qual a elite não consegue por as patas, então lembra dos pobres. Já disse antes , e torno a repetir, mil vezes tolerar e conviver com quem faz opção sexual diversa da minha, pois é uma opção que o próprio Deus lhes assiste, com algum porém, do que com um bando de pseudopastores que doutrinam a si mesmos e que insistem na manutenção da miséria como matéria prima para um discuso falso de liberdade e salvação. O placebo não pode salvar ninguém. Ainda postarei aqui a filiação política de cada um dos diretores envolvidos na corrupção da Petrobras, provando assim que a elite covarde deste país é fiadora deste saco de corrupção da nação brasileira. .

        • Alexandre Machado,li seu comentário inteligente e concordo em gênero,número e grau com ele.AS BOAS NOVAS DE JESUS CRISTO prova
          que ele é um socialista perfeito.DEUS não deixou o capitalismo selvagem e
          esse sistema cruel foi inventado por homens sem compaixão pelo próximo
          e movidos de ganâncias e toda sorte de preconceitos e exclusão geral.Se não fossem os partidos de esquerdas com seus ativistas sociais,a direita extremista não reconheceria nenhum dos direitos trabalhista obrigando a plebe a trabalhar mais de 16 horas por dia apenas por um prato de comida.Os direitos sociais foram conquistados
          com muita luta e sacrifícios.Você é inteligente e já deve conhecer a
          Declaração Universal dos Direitos Humanos.Esse documento deveria ser
          feito por líderes cristãos,mas não foi,viu.Todos eles foram contra e são
          até hoje.As manifetações em defesa dos pobres deveriam começar pelas
          igrejas evangélicas e não por estudantes em sua grande maioria ateus
          que,mesmo sem saber,imitam e fazem a vontade de JESUS RISTO:A luta
          por justiça social,que tanto agrada a DEUS.As igrejas evangélicas odeiam
          e satanizam o PCB,o PSOL,o PSTU e todos os partidos de esquerda que
          defendem a honestidade e a igualdade entre todos os homens.Os líderes
          evangélicos defendem a extrema direita e té fazem alianças (é que são
          rejeitados),enquanto seus seguidores,em sua grande maioria são da plebe
          mesmo,e são pessoas de bem,sérias em sua fé em JESUS….Mas o hoimem,por causa do livre árbitrio,é a obra imperfeita de DEUS.Mas DEUS,em sua infinita misericórdia,quer salvar a todos.Vamos ter fé em DEUS e amar ao próximo incondicionalmente que,quem sabe,a salvação
          é pela graça,e DEUS salva o homem que ele achar graça,que ele quiser.
          Amor, é o amor fraterno,limpo,puro,da inclusão porque todos são iguais
          perante a DEUS.A divisão de classes e políticas de exclusão não agrada
          a DEUS e é invensão de homens desprovidos da verdade de DEUS que é
          o AMOR.

          • Janio
            Agora o cachorro esta “ladrando”, aqui embaixo de mim. “Ladrando”! Entendeu? Kkkkkkkkkkk
            Eu mandei meia folha provando históricamente que os marídos capitalistas dele não passaram de um bando de ladrões, a começar pelo Adam Smith, mas o amigo do zambujeiro, o coxinha moderador trancou tudo.

          • O socialismo extremo não funciona por ser um terrível Ditadura.Mas
            o Socialismo democrático é o caminho para a Nova Ordem Mundial.
            Estes Países servem de modelo:Dinamarca,Suécia,Finlândia,Holanda,
            Islândia,Nova Zelândia e Canadá.A distribuição de renda contempla
            a todos.Latifundiários não existem.A Reforma Agrária foi justa.Todos tem o que JESUS disse em Mateus:Tendo onde morar,o que comer,o que beber,estejais contentes…Vejam os lírios
            do campo……E eles tem muito mais do que comida e bebida.A
            imprensa daqui não citam o modelo econômico destes Países
            porque é uma imprensa comprometida com os especuladores em
            geral deste nosso Regime Capitalista,considerado selvagem e um
            poço de injustiças sociais.E mais:O Lula foi bom,ficou na história,mas em se tratando de passar o Brasil a limpo,é omisso e
            deixa muito a desejar.Também foi na era Lula que os banqueiros
            ganharam mais dinheiro e poder para aumentar os juros,os lati

          • Janio,

            Alguns equívocos:

            Dinamarca, Suécia, Holanda, Nova Zelândia e Canadá Não tem absolutamente nada de Socialismo, não sei de onde você tirou isso.

            Dos que você citou somente a Finlândia é Marxista Leninista, a Islândia é como o Brasil, é governada por Socialistas inúteis mas não se trata de um país com um regime Socialista.

            Falando da Finlândia especificamente:

            A Finlândia nunca fora um exemplo de economia socialista, mas o contrário: o Estado do bem-estar social declinou na década de 1980 levando a liberalização. Houve a desregulamentação dos mercados, redução de impostos, privatização de estatais. A Finlândia tornou-se a economia mista que mais se aprofundara no processo de liberalização, ocupando a 19º colocação no Índice de Liberdade Econômica.

            A Finlândia é um exemplo típico de que um regime Socialista é Utópico e coisa de mentes debilitadas como a do Latoeiro. Se quiser puxar conversa para a educação da Finlândia, sem problemas, te explico que há muita falácia e a realidade não é bem essa.

          • Outra coisa Janio,

            Falar em reforma agrária em pleno Século XXI é motivo de chacota até entre os Socialista que tem um neurônio (os demais não tem nenhum). Esta questão da propriedade privada daquela besta Karl Marx já foi derrubada pelos próprios sucessores do ideal Comunista.

            Todos os países com alto índice de IDH possuem grandes latifúndios produtores, essa ideia de que as familias precisam e uma terrinha para plantar pra comer é querer devolver ao homem a sua condição de ser primitivo, isso não existe em lugar nenhum e é só bandeira de movimentos sociais que tem outros interesses menos esse.

            O que as pessoas querem é trabalho, salários, ou até quem sabe condições de empreenderem, serem donas de sí mesmo e não marionetes nas mãos do estado.

        • blá, blá, blá…só ilações contidas nos folhetins comunistas pagos com dinheiro público. Deve ter passado a noite estudando esses “argumentos” baseados em nada e em coisa nenhuma.

          Eu tenho a você Latoeiro “professor de história” (kkkkk não guento) um argumento irrefutável.

          Me mostre UM, somente UM país socialista que não seja MISERÁVEL.

  4. Se a eleição de Dilma estiver comprometida com o petrolão e for comprovado que parte do dinheiro desviado foi para sua campanha, assim como do vice, é possível, sim, a convocação de novas eleições. Impeachment nela e no vice.
    Não adianta esbravejar, nem xingar. Não votei nela porque sabia no que ia dar, e, agora, todos os que não votaram e os que votaram, já começamos sofrer as consequências. Resta, ao menos, mantermos a nossa dignidade e indignação, indo as ruas protestar! Ela precisa ver a nossa revolta e tomar consciência que desrespeitou o povo brasileiro com suas mentiras eleitoreiras! E isso não se faz e não pode passar batido!

  5. Olha só, Alexandre Machado mandando nós orar e depois mandando pro inferno ? Temos alguém satisfeito com a carga tributária, cortes na educação, aumento na gasolina, conta de luz lá nos céus. Vc só pode ser do partido dela jovem kkk.
    Aqui vc é descoberto rapá !

  6. Em 1999 o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) tinha índices de rejeição maiores que os registrados na pesquisa Datafolha divulgada neste final de semana sobre o governo Dilma, e nem por isso houve esse mimimi…

    O que acontece é que os que perderam a eleição querem dar um golpe.

    Não há provas de nada sobre a Dilma envolvida em nada.

    • O que acontece hoje é a conivência com a falta de caráter e a total ausência de respeito com a coisa pública.

      Os petistas superam de longe a capacidade de sentir vergonha. O país precisa ser passado a limpo, caso contrário vamos continuar nessa draga por muito anos, complicando as gerações futuras.

      Defender é pior, acredite.

      • o que precisamos é de um partido conservador com gente séria. Chega de monopólio da esquerda brigando entre eles para ver quem será o ladrão da vez destruindo o patrimônio publico, aumentando impostos e destruindo os valores da sociedade.

        • O Partido Social Cristão é extrema direita, e o nome de maior expressão é
          Marcos Feliciano – do cura gay e o pastor everaldo,derrotado nas eeições
          com 0,75 dos voto válidos a nível de Brasil.Se prestasse,esse seria um partido
          conservador bom para melhorar o nosso sofrido BRASIL. Chega de corrupção.

          • Janio,

            Eles se colocam como conservadores mas não são, o próprio nome do partido já os denuncia, pois tem o “Social” no meio, usam somente o conservadorismo moral e nada mais, nunca leram um livro sobre conservadorismo na vida, o negócio deles é poder e dinheiro. Infelizmente são importantes para frearem alguns avanços socialistas mas longe de serem solução para alguma coisa.

  7. Se a presidente não sabe que indicados dela roubaram bilhões do povo, ela não tem competência para governar o Brasil.
    Sem contar que foi eleita com dinheiro roubado da Petrobras, o que é ilegal !
    #impeachment já !

  8. SE A PRESIDENTA TIVESSE FEITO IGUAL AO GOVERNO DE FHC, QUE MANDAVA ENGAVETAR E ARQUIVAR TODAS AS DENÚNCIAS DE CORRUPÇÃO, ESTARIA MAIS BEM AVALIADA. NUNCA,ANTES NA HISTÓRIA DESSE PAÍS HOUVE TANTA LIBERDADE PARA CAÇAR OS CORRUPTOS. UMA PENA QUE O BRASILEIRO VÁ NA ONDA DA IMPRENSA GOLPISTA.

    • kkkkk, imprensa golpista.

      Esta imprensa golpista não soltava uma nota sobre o escândalo durante o período eleitoral e a Veja era a única que divulgava os fatos. Agora como vêem que não tem mais como esconder estão publicando por não haver alternativa.

      A Globo, Folha, Estadão e 99% da mídia é da esquerda, acorda pra vida.

        • Muito bem lembrado Janio, houveram que eu me lembre trê ou quatro atos de protestos pedindo Impeachment de Dilma Roussef e do seu vicê e não saiu uma nota na “imprensa golpista” e o pouco que saiu fizeram questão de desacreditar as manifestações colocando numero ínfimos de participantes e dizendo que o movimento pedia intervenção militar, o que era MENTIRA.

          Agora vem a Janete e outros tontos dizer que a culpa é da imprensa golpista, ora, não maltrate a mão que sempre os alimentou.

      • Quem precisa acordar para a vida é vc idiota pentecostal. Come cocô a pinga gotas, paga a conta com ágio
        e ainda bate palma para uma camarilha que vende a nação todos os dias.
        Se levantarmos a ficha da escória corrupta veremos que eram capachos subservientes e vassalos do capital. E ainda quer apregoar um evangelho capitalista.
        Só um imbecil, demente comedor de cocô poderia sugerir a outrem, que acorde para a vida.
        Já acordamos, asno, por isso o PT governa. Por isso tornaremos a trazer O Presidente Lula. E não adianta chorar neném.

        • Ai, ai, ai Latoeiro,

          Você não toma jeito mesmo.

          1º Não sou pentecostal (Graças a Deus).

          2º Você quer falar em pagar conta com ágio defendendo o PT, governo recordista em arrecadação de impostos, responsável pela volta da inflação, aumento do dólar, desemprego, estagnação econômica, etc, você é um fanfarrão.

          3º Se eu pregasse um evangelho capitalista eu seria favorável à teologia da prosperidade, porém, ao contrário das mentes doentes como a sua, eu não misturo evangelho com questões políticas, pois, o Evangelho trata do Reino celestial e a política trata do reino humano, aquele reino que tentaram implantar desde Babel e que até hoje os Comunistas assim como Ninrode querem levar à cabo.

          4º O PT não governa, ele desgoverna e tire seu cavalo da chuva, pois, o Molusco não voltará, e digo mais, nas próximas eleições o PT (se ainda existir) não elegerá nem síndico de condomínio.

          Chora neném.

    • Janete,
      Vc deve se alimentar das notícias da imprensa chapa branca e dos blogs financiados pelo PT: Conversa Afiada, Brasil 247, Pragmatismo político, etc…
      Procure acompanhar os jornalistas independentes, senão vc fica muito pior do que os crentes que vc tanto critica! Deixe de ser fanática e ponha o pé na realidade, saia dessa seita do PT!

  9. João Belchior Marques Goulart, ou simplesmente Jango, como era conhecido, governou o país de setembro de 1961 a março de 1964. Nasceu em São Borja, no Rio Grande do Sul. Entrou para a política com o apoio de seu conterrâneo e amigo particular, Getúlio Vargas.
    Seu primeiro cargo público foi como Deputado Federal, em 1950. Logo depois foi Ministro do Trabalho, Indústria e Comércio no segundo governo de Vargas. Como Ministro, ele concedeu muitos benefícios aos trabalhadores, inclusive aumentou o salário mínimo em 100%, fato que provocou sua renúncia, pois desagradou a muitos empresários.

    Jango venceu duas eleições como Vice-presidente da República, sempre pelo PTB (Partido Trabalhista Brasileiro). A primeira vitória foi como segundo de Juscelino Kubitschek, em 1955. Após cinco anos, foi eleito vice de Jânio Quadros.

    Parlamentarismo

    Com a renúncia do Presidente Jânio Quadros, em agosto de 1961, João Goulart deveria assumir o governo. Mas partidos da oposição, como a UDN (União Democrática Nacional) e os militares tentaram impedir a sua posse. Nesta ocasião, Jango, que era tido como simpatizante do comunismo, estava em visita oficial à China (país comunista).

    O Governador do Rio Grande do Sul, Leonel Brizola, cunhado de Jango, encabeçou a chamada Campanha da Legalidade, a fim de garantir o direito previsto na Constituição de 1946 de que na falta do Presidente, assume o candidato eleito a vice.

    Brizola foi às rádios conclamando a população para que se manifestasse a favor de Jango. Ele conseguiu o apoio do Comando Militar do Rio Grande do Sul e também de líderes sindicais, de movimentos estudantis e de intelectuais.

    A solução encontrada pelo Congresso Nacional foi instaurar o sistema Parlamentarista, no qual o poder do Presidente fica limitado. Ele indica, mas pouco interfere nas ações dos Ministros. No dia 07 de setembro de 1961 Jango tomou posse. O Primeiro Ministro indicado foi Tancredo Neves, do PSD (Partido Social Democrata) mineiro.

    Em janeiro de 1963 houve um plebiscito (consulta popular), para que se decide sim ou não pela continuidade do Parlamentarismo. Com 82% dos votos, o povo optou pelo fim deste sistema de governo e pela volta do Presidencialismo.

    Plano econômico

    Jango adotou uma política econômica conservadora. Procurou diminuir a participação de empresas estrangeiras em setores estratégicos da economia, instituiu um limite para a remessa de lucros das empresas internacionais e seguiu as orientações do FMI (Fundo Monetário Internacional).

    Contudo, o Presidente sempre foi maleável com relação às reivindicações sociais. Em Julho de 1962, os trabalhadores organizaram o CGG (Comando Geral de Greve), convocando uma greve geral. Conquistaram com este movimento um antigo sonho dos funcionários: o 13º salário.

    Com o fim do Parlamentarismo, restavam ainda três anos de mandato para João Goulart. Elaborado pelo economista Celso Furtado, o Presidente lançou o Plano Trienal, que previa geração de emprego, diminuição da inflação, entre outras medidas para pôr fim à crise econômica. Porém, o plano não atingiu os resultados esperados.

    Reformas de base

    Jango acreditava que só através das chamadas reformas de base é que a economia voltaria a crescer e diminuiria as desigualdades sociais. Estas medidas incluíam as reformas agrária, tributária, administrativa, bancária e educacional.

    Em um grande comício organizado na Central do Brasil, no Rio de Janeiro, Jango anunciou a mais de 300 mil pessoas que daria início as reformas e livraria o país do caos em que estava vivendo.

    Este comício, entretanto, foi mais um motivo para que a oposição o acusasse de comunista. A partir daí houve uma mobilização social anti Jango.

    O Golpe Militar

    A classe média assustada deu apoio aos militares. Alguns dias depois do comício, foi organizada a Marcha da Família com Deus pela Liberdade, com o objetivo de dar apoio aos militares. No dia 31 de março de 1964, os militares se reuniram e tomaram o poder, com apoio dos Estados Unidos.

    Jango não resistiu. Deixou o governo e se refugiou no Rio Grande do Sul. De lá, foi para o exílio no Uruguai e na Argentina, onde morreu aos 57 anos, vítima de um infarto.

  10. Zambujeiro
    Tú não precisa comer sopa de letrinha . Vc já caga de qualquer maneira, basta ver tuas postagens.
    E depois, tu tem comido cocô na torneira, o que agrava teu estado débil.

  11. Os latifundiários de terras improdutivas continuam cada vez mais investindo em terras,enquanto
    os sem terras e os sem tetos clamam por justiça social e o PT não faz nada.Reforma Agrária
    já.E políticas públicas para moradias populares também.Os 83 bilhões desviados pela
    corrupção daria para construir um casas populares para um grande País.Viva os ativistas
    sociais que ainda lutam por justiça social e uma sociedade mais fraterna.A Dilma e os grandes
    capitalistas temem os movimentos sociais e por isso,enche-os de promessas e promessas,mas que nunca são cumpridas.Uma hora a casa cai.Eu sou do PSDB,mas adoro
    manifestação,a anarquia mesmo.Nestas de São Paulo e Rio de Janeiro eu compareço a quase
    todas.Já apanhei,já fui preso,mas não desisto de lutar em prol dos mais fracos,dos necessitados e por uma sociedade mais justa como deseja JESUS em sua mensagem de
    amor.Sou odiado por muita gente e tenho muitos inimigos.Se amanhã eu morrer,morro
    feliz,não tenho medo de nada,só de DEUS que pode matar o corpo e mandar o espírito
    para o inferno e até matá-lo.

  12. Marcos Oliveira,eu estou me referindo aos grandes latifundiários improdutivos que sonegam impostos,invadem terras públicas,ameaçam e expulsam os pequenos agricultores de suas
    terras com seus jagunços e praticam toda sorte de especulação imobiliária geral,e tudo só
    aqui no Brasil mesmo.As piores são as Regiões Norte e Centro Oeste.Estes latifundiários
    além de inúteis,são bandidos e merecem cadeia.O Brasil precisa de uma Reforma-Agrária
    justa com urgência.

  13. Alexandre Machado,o PT precisa de uma séria correção,é só pela dor que vão aprender;precisam os seus valores perdidos,pois, a cada dia que passa estão cada vez mais
    sendo rejeitados pela sociedade geral.É fácil:É só voltar para as suas origens quando defendiam a moral,os bons costumes e a justiça social.

  14. Alexandre Machado,
    Vc deu a entender que apenas o Janio considera o Marcos um cristão sincero em suas colocações além de ser um cara bem informado.
    Não é só o Janio, eu tb acho o mesmo. Posso não concordar em tudo, mas reconheço que ele se informa sobre o assunto em pauta, antes de fazer seus comentários.
    Isso é bom para nós outros, pq dividimos opiniões e conhecimento, tb. Afinal, é muito bom discutir com pessoas inteligentes, pois podemos compartilhar informações e conhecimentos.
    Fique na paz.

    ET. O Janio tb é um cara bem informado, cristão, católico, gentil e irreverente, ao mesmo tempo.

    • Mary, querida,eu sou muito engraçado mesmo,um palhaço completo.Essas besteiras que
      eu falo com o Dell e outros fanáticos,ficou preocupado por magoá-los.Para eles eu digo:
      Sou uma mula-sem-cabeça tambémkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.O clamando não
      dorme,não come e nem bebe,só orando e jejuando pedindo a DEUS a minha destruição.
      É se acha um crente ungido.E um mula também.JESUS te proteja,Mary.Gosto muito dos
      seus excelentes comentários.És muito bem informada e inteligente.

  15. e eu e minha familia votamos no PT samos 22 votos estamos arrependidos .agora vamos luta para q tire ela de la o mais rapido possivel de uma coisa eu sei q Aecio neves sempre muito verdadeiro e competente e com certeza o proximo presidente do Brasil

  16. Isaías 10
    1 Ai daqueles que fazem leis injustas, que escrevem decretos opressores,
    2 para privar os pobres dos seus direitos e da justiça os oprimidos do meu povo, fazendo das viúvas sua presa e roubando dos órfãos!
    3 Que farão vocês no dia do castigo, quando a destruição vier de um lugar distante? Atrás de quem vocês correrão em busca de ajuda? Onde deixarão todas as suas riquezas?
    4 Nada poderão fazer, a não ser encolher-se entre os prisioneiros ou cair entre os mortos. Apesar disso tudo, a ira divina não se desviou; sua mão continua erguida.

DEIXE UMA RESPOSTA