Cachê de R$ 200 mil para André Valadão gravar DVD em cidade pobre gera polêmica

63

A gravação de um DVD em uma cidade que atravessa problemas financeiros gerou uma enorme polêmica e críticas ao cantor André Valadão. O evento, que será realizado no próximo sábado, rendeu ao artista um cachê de R$ 200 mil.

A cidade de Cabo de Santo Agostinho, no litoral sul de Pernambuco, como todo o país, atravessa um momento delicado financeiramente, com anúncios de medidas de contenção de gastos, corte no salário dos funcionários comissionados e outras ações.

De acordo com informações do Diário Oficial dos Munícipios do Estado de Pernambuco, a negociação entre André Valadão e a prefeitura da cidade foi intermediada pela produtora Amando Vidas, sediada em Londrina (PR) e que deverá ficar com parte do valor acertado em contrato.

O DVD que será gravado no próximo sábado, 26 de setembro, vai ser lançado com o título “Crer Para Ver”. No site oficial de André Valadão, há a confirmação do evento na agenda do cantor.


“A contratação gerou controvérsias, não só pelo exorbitante valor pago ao cantor, mas pela atual situação da cidade. Cabo de Santo Agostinho passa por uma crise financeira […] No entanto, a contratação de André Valadão foi divulgada no Diário Oficial, e foi feita em regime de inexigibilidade de licitação, ou seja, não passou por licitação pública”, informou Mariana Gouveia, do site Consciência Cristã.

O presidente da Câmara Municipal de Santo Agostinho, vereador Mário Anderson da Silva Barreto (PSD), criticou a decisão tomada pelo prefeito Vado da Farmácia (PTB), afirmando que houve incoerência: “Na verdade, o prefeito exonerou alguns cargos comissionados de baixo escalão, porém nomeou outros em níveis mais altos e promoveu alguns, fazendo com que tais medidas se tornassem inócuas. O pior é que o prefeito demitiu mais de quarenta médicos e dentistas, debilitando ainda mais o sistema de saúde do município, que é tocado por um professor e agente de polícia, que nada entende da pasta”, disparou, segundo informações do Blog do Janildo, do portal UOL.

O vereador acrescentou ainda que as despesas da prefeitura não se resumem ao pagamento do alto cachê ao cantor: “Para contrastar ainda mais e provar que não há crise, é que o prefeito está gastando mais de R$ 400 mil para que o cantor gospel André Valadão grave o seu DVD em nossa cidade, sendo R$ 200 mil só de cachê”, criticou.

Há a promessa, por parte de Barreto, de que a polêmica se estenda ainda mais, pois ele irá pedir que o Ministério Público (MP) de Pernambuco e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) investiguem o contrato e a origem das verbas.

A prefeitura afirmou em nota que a contratação de André Valadão para a gravação de um DVD na cidade desempenha papel importante no “aquecimento do comércio local, da rede hoteleira e da potencialização do turismo, além de divulgar o município dentro e fora do país”, acrescentando que a expectativa é que a cidade receba em torno de 40 mil visitantes no dia do evento.

Confira o anúncio da contratação de André Valadão no Diário Oficial:

diario oficial cabo de santo agostinho - andre valadao

Na agenda do site oficial do cantor, também há confirmação de participação no evento:

agenda andre valadao

 


63 COMENTÁRIOS

  1. Distintos irmãos, graça e paz!

    Nada que acontece de absurdo no meio evangélico deveria ser visto como coisa de outro mundo.
    Afinal, não temos dúvidas que estamos vivendo as últimas horas da Igreja de Cristo aqui na terra.
    Sobre o acerto entre o citado "cantor" e a mencionada prefeitura, se está sendo feito dentro da legalidade, o mesmo não está cometendo nenhum delito.
    Em verdade, quem deve explicação aos seus munícipes é o prefeito da cidade.
    Ora, pelo que acompanhamos nos telejornais, o Brasil atravessa um dos momentos mais críticos no tocante à economia, mas, pelo visto, o município de Cabo de Santo Agostinho está nadando em dinheiro.
    Do contrário, não estaria patrocinando tal evento.
    No entanto, não desconhecemos que no segmento "gospel", salvo honrosas exceções, a exploração financeira é regra, bem como o delírio do estrelismo.

  2. Depois me criticam quando falo que esses cantores golpes são lixo e filhos da pauta imundos e insensíveis que se enriquecem à custa de otarios! O engraçado é que eles são tachados de homens e mulheres de Deus e ungidos…e bandas de metal que fazem shows beneficentes são obras de Satanás e o caralho a quatro…nojo de cristãos que coopera com esses malditos monstros lobos e safados. E o mais fofa é que essa mesma gentalha ataca os católicos de idólatras, mas quando vêem um desses cantores de merda, grita e se esperneia adorando esses nojentos, e ainda gasta horrores…putas que pariu! Vão usar o que vocês chamam de cérebro porra! Nojentos!

  3. O problema não é pagar $200 mil para um cantor evangélico, o problema é gastar um valor exorbitante enquanto a cidade está em crise. Não sou contra a evangelização, mas é preciso levar em conta que a cidade também tem outras necessidades.

  4. 2 Pedro 2.3 também, movidos pela ganância, e com palavras fingidas, eles farão de vós negócio; a condenação dos quais já de largo tempo não tarda e a sua destruição não dormita.

    1 Timóteo 6.5 Contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de lucro.

  5. Qual espanto?nenhum a familia valadao esta bilionaria,eu sou de belo horizonte,e sei dessa tropa toda,a lagoinha assim como todas e uma verdadeira lavanderia de dinheiro,a familia valadao esta podre de rica,isso esta estampado em cada palmo desta familia,milionarios desta prostituta chamada religiao(cristianismo e seus mecanismo de engano) os maçons valadões os simbolos e figuras maçonicas satanicas estao espalhados por todos conteudos da familia valadao..um mercenário desse,lucra milhoes,enquanto la mesmo dentro desses currais de burro,esta cheio de gente,endividado que mau se alimenta dura o mesmo corretamente..conheço gente assim,e a ignorancia,cegueira os faz tranquilamente pastar por la pela lavagem cerebral a religiao faz na cabeça das pessoas,os ensinamentos do messias,se consistiam em repartir com o proximo,em amar,doar,a caridade,e nao arrancar nada de ninguem COMPARE A VIDA DESTES CANALHAS DE TERNO E GRAVATA,E COMPARE com o messias e seus discipulos,verao que existem infinitamente larga experiencia,O REINO DESTES CAES FICA AQUI,PRA ELES NUNCA TEM CRISE,A MESA E FARTA,REDONDA,verdadeiros ladroes,mercenarios,maçons comedores de grana..as custas da ignorancia dessa gente cega que lota este locais de espetaculo chamado IGREJA X TEMPLO RELIGIOSO,e seus mecanismos de engano..mais sempre tem uma desculpa e por uma boa causa A OBRA NAO PODE PARAR $ A OBRA DE $ATAN..

  6. O que faz acreditar tudo isso não ser de Deus não é tanto a questão político/financeira dessa cidade, mas a zoeira nos comentários de uma matéria como essa. As pessoas que nem se conhecem se xingando e agredindo-se umas as outras de GRAÇA, enquanto os causadores de tal polêmica nem sequer tomam conhecimento da existência de alguém aqui. O diabo aplaude de pé!!!

  7. Na minha opinião, o André é um músico (artista),independente da fé que professa. Seria errado ele cobrar esse valor pra cantar na igreja. Se fosse um cantor secular,ninguém ia se importar. Engraçado, as pessoas ouvem as músicas,acham lindas,mas não param pra pensar que isso tem custo, ele tem que pagar músicos e toda uma equipe para proporcionar a qualidade do DVD e CD que vc ouve em sua casa. Se a cidade está com problemas financeiros, cabe ao prefeito reduzir os gastos. Vamos parar de hipocrisia. Isso não é vender dom. O cara come e tem família pra sustentar, se ele vive da música (não sei se realmente vive), ele tem que ter um retorno de alguma forma. Se não cobra na igreja, vai fazer um show pro povo assistir de graça? Sou evengélica, mas às vezes tenho vergonha da mesquinhez que existe entre nós. É por isso que tem muitos músicos evangélicos que preferem tocar no meio secular. Não vou entrar no mérito se isso é certo ou errado, mas é por isso que a música evangélica ainda não chegou no patamar da secular. Músico bom é músico que investe em estudo instrumentos,etc… E isso tem um custo. Se o evangélico não paga bem seus músicos, o mundo vai pagar, e vai ter o melhor que eles tem a oferecer, enquanto a gente fica com as sobras. Insensatez!

  8. Já foram desmascarados estes falsos mestres que NEGAM O MESSIAS e levam a perdição em forma de entretenimento em nome de deus…. Pelo próprio messias que disse:

    DE GRAÇA RECEBESTE DE GRAÇA DAI!!!!

    Mas estes são os cães gulosos profetizados por ISAIAS, são os MERCENÁRIOS profetizados pelo messias que vocês chamam de JESUS, em João 10.

    São os falsos profetas profetizados por PEDRO e PAULO….

    Criadores de shows, eventos… o povo que os segue, adora show, evento…

DEIXE UMA RESPOSTA