Cantor mirim viraliza ao liderar ministério de louvor em culto: “Minha pequena luz, eu vou deixar brilhar”

0

Caleb Tyler é um ministro de louvor mirim que, aos 4 anos de idade, tornou-se uma pequena celebridade por sua espontaneidade ao cantar na igreja. Ele já concedeu entrevista em programas de TV e um vídeo dele cantando “Minha Pequena Luz” na igreja se tornou viral nas redes sociais.

A música “This Little Light of Mine”, tida como um clássico cristão internacional, foi interpretada pelo jovem cantor em um momento de louvor na igreja onde seu avô é pastor, em Greensboro, Carolina do Norte (EUA).

O vídeo com Caleb mostra sua desenvoltura com o microfone na mão e a receptividade dos fiéis. A repercussão foi tanta que, posteriormente, ele recebeu um convite para participar do talk show Little Big Shots, do apresentador cristão Steve Harvey.

“Ele vai ser um incrível líder de louvor. Jovens e velhos, Deus não tem limitações para chamá-los e servir o Seu reino… a Deus seja toda a glória”, comentou uma internauta na página I’m So Blessed Daily, no Facebook. O vídeo já acumula mais de 2,7 milhões de visualizações em menos de um mês.


“Eu simplesmente o amo… Deus estenda suas mãos sobre o Caleb. Graças a Deus por essa família que mantém este bom trabalho e tenho certeza que Deus está sorrindo para ele agora”, escreveu outra usuária.

Assista:

Assine o Canal

 

Carisma

Na entrevista dada a Steve Harvey, o cantor mirim deu amostras de seu carisma ao falar de tudo que aprendeu com o avô.

“Meu ‘Paw-Paw’ [vovô] está aqui. ‘Paw-Paw’, fique de pé. Vamos! Foi ele que me ensinou a cantar. Ele também canta na igreja”, disse, empolgado, frisando que aprova o repertório e o figurino do avô: “Eu gosto, porque ele usa o mesmo tipo de coisas que eu! Se veste como eu!”, exclamou, para o deleite da plateia.

Convidado pelo apresentador a conduzir a plateia em louvor da mesma forma que faz na Baptist Church New Hope, pastoreada por seu avô, o menino cantou “Down in My Soul” (“Do Fundo da Minha Alma”), um clássico do gospel norte-americano nas igrejas de comunidades negras.

“Do fundo da minha alma, eu clamo ‘Santo!’, eu clamo ‘misericórdia!’. Do fundo da minha alma santificada, eu clamo ‘Santo'”, diz um trecho da música.

Confira:

Assine o Canal

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA