Quem vai à igreja e se relaciona com a comunidade vive mais, diz pesquisa Quem vai à igreja e se relaciona com a comunidade vive mais, diz pesquisa

A frequência em cultos ou celebrações religiosas reduz o risco de morte, revelou uma pesquisa abrangente realizada ao longo de dez anos por pesquisadores dedicados ao estudo da saúde pública. O estudo foi publicado pela Public Library of Science (PLOS), com dados que apontam para a redução do risco de morte entre as pessoas que participam de algum grupo religioso e frequentam cultos ou reuniões ao menos uma vez por semana. Os pesquisadores reuniram 18,3 mil norte-americanos com idades em torno de 50 anos e passaram a colher dados a respeito de sua rotina religiosa, hábitos sociais e condições de

Descoberta de DNA humano no Alasca comprova relato da Torre de Babel, dizem estudiosos Descoberta de DNA humano no Alasca comprova relato da Torre de Babel, dizem estudiosos

O relato da Bíblia Sagrada sobre a Torre de Babel diz que Deus espalhou os povos que intentavam chegar aos céus através da construção do edifício, confundindo-os através das línguas. Agora, uma descoberta científica pode comprovar que houve uma migração em massa da Ásia Oriental para a América do Norte. Pesquisadores criacionistas da Universidade de Harvard descobriram um antigo material genético humano no Alasca, e publicaram um relatório a respeito do estudo na revista Nature, na última semana, com uma comparação do genoma extraído dos restos mortais de uma criança enterrada no Alasca há milhares de anos. De acordo com

Geólogos fazem descoberta que reforça a narrativa do Gênesis sobre o dilúvio: “Se encaixa no relato bíblico” Geólogos fazem descoberta que reforça a narrativa do Gênesis sobre o dilúvio: “Se encaixa no relato bíblico”

A descoberta de árvores fossilizadas por geólogos que trabalhavam em uma pesquisa na Antártida trouxe evidências que reforçam a narrativa bíblica em Gênesis a respeito do dilúvio. A pesquisa foi feita pelos geólogos Erik Gulbranson e John Isbell, da Universidade de Wisconsin-Milwaukee, nos Estados Unidos. Ao todo, eles coletaram fragmentos de treze árvores e descobriram que os fósseis possuem 260 milhões de anos. “As árvores foram encontradas nos Montes Trans antárticos da Antártida e incluem uma mistura de árvores de folhas perenes, árvores decíduas e ginkgos. Esta descoberta não deve ser nenhuma surpresa para aqueles que tomam Gênesis como uma

Design inteligente: Wikipedia censura a teoria científica que explica a vida e o universo Design inteligente: Wikipedia censura a teoria científica que explica a vida e o universo

A Teoria do Design Inteligente se tornou um assunto debatido sob holofotes da mídia recentemente, quando a Wikipedia excluiu a página que descrevia a biografia e trabalhos de pesquisa do cientista alemão Günter Bechly. O conceito científico surgido nos anos 1980 defende que a vida não é obra do acaso, mas fruto de um projeto detalhado de uma mente inteligente. Bechly é um paleo-entomologista especializado em história de fósseis e origem dos insetos, e se tornou um entusiasta da Teoria do Design Inteligente (TDI) por considerar que ela explica a origem da vida e do universo de forma mais assertiva

Neurologista garante: a prática da oração em gratidão a Deus beneficia o cérebro humano Neurologista garante: a prática da oração em gratidão a Deus beneficia o cérebro humano

A ciência vem, ao longo dos últimos anos, fazendo descobertas a respeito da influência positiva da fé, oração e gratidão sobre o corpo humano. Agora, o neurologista David Perlmutter, a relação com Deus pode fortalecer o cérebro. O neurologista concedeu uma entrevista à emissora Christian Broadcasting Network (CBN), e falou sobre a influência da gratidão a Deus sobre o corpo humano: “Estou falando da gratidão em termos de ação. A expressão de gratidão ultrapassa os nossos pensamentos. Ela se estende para nossas ações do dia a dia”, afirmou. “Nós sabemos que quando participamos de ações que estão em torno da

notícias em seu site/blog