Perseguida pelo regime comunista, cristã revela dias de tortura na Coreia do Norte Perseguida pelo regime comunista, cristã revela dias de tortura na Coreia do Norte

Por mais que tenhamos notícias sobre perseguição religiosa em várias partes do mundo, é difícil ter uma noção fiel à realidade dos que enfrentam diariamente a intolerância religiosa em nome da fé. Hea-Woo, uma refugiada da Coreia do Norte, tentou detalhar um pouco mais como isso acontece na prática. Ela viveu por vários anos nos campos de trabalhos forçados, na Coreia do Norte. O país é hoje considerado o mais terrível do planeta para um cristão, ocupando o posto número 1º da lista publicada anualmente pela organização Portas Abertas. Às condições de vida para um cristão na Coreia do Norte

“Quanto mais eu for perseguido, mais crescerei na fé”, diz ex-hindu ameaçado de morte “Quanto mais eu for perseguido, mais crescerei na fé”, diz ex-hindu ameaçado de morte

A conversão ao cristianismo não é só uma batalha espiritual, mas também social e cultural. Muitas pessoas enfrentam dificuldades políticas e até familiares, por decidir entregar suas vidas ao Senhor Jesus. Esse é o caso do jovem Shikhar, que após abandonar a idolatria no hinduísmo passou à enfrentar a intolerância religiosa dos seus parentes e conhecidos. “Quando cheguei a Cristo, eu era o único cristão em minha família. Minha família ficou chocada e disse que tinham feito uma lavagem cerebral em mim. Sofri ameaças e agressões. Meu irmão me procurava na igreja ou onde eu estivesse para me bater e me

Ex-homossexuais fazem campanha pela terapia de conversão: “A transformação é possível” Ex-homossexuais fazem campanha pela terapia de conversão: “A transformação é possível”

Neste exato momento, milhões de pessoas ao redor do planeta estão sofrendo por conflitos de natureza sexual. Apesar da grande promoção que a mídia faz em defesa da homossexualidade, a verdade é que essa orientação sexual está longe de ser um consenso entre os acadêmicos, no tocante às causas do seu desenvolvimento. Influências biológicas ou sociais, experiências traumáticas de abuso sexual, o tipo de representatividade paterna ou materna, o ambiente familiar e, mais recentemente, forte influência da mídia e de personalidades, todos esses fatores são discutidos como possibilidades no desenvolvimento da homossexualidade. Por essa razão, um grupo de ex-homossexuais decidiu

Missionários calculam que todos os dias 70 mil pessoas morrem sem ter ouvido falar de Jesus Missionários calculam que todos os dias 70 mil pessoas morrem sem ter ouvido falar de Jesus

Um grupo de entidades missionárias internacionais realizou um estudo e concluiu que, atualmente, há 2,5 bilhões de pessoas no mundo que não ouviram falar sobre Jesus Cristo e o plano da Salvação. E nesse cenário, 70 mil morrem todos os dias sem conhecer o Evangelho. O caso de uma tribo de uma tribo de animistas da Índia, que costumavam “caçar cabeças”, e foram evangelizados apenas com o livro de João, por falta de um exemplar completo da Bíblia, foi usado para ilustrar o poder transformador da Palavra e alertar sobre a necessidade de investimento em missões. O relato foi feito

Para tratar surto de AIDS, missionários precisam confrontar a Teologia da Prosperidade Para tratar surto de AIDS, missionários precisam confrontar a Teologia da Prosperidade

A Teologia da Prosperidade não advoga apenas bençãos financeiras como, supostamente, reflexo da presença de Deus na vida humana, mas também a possibilidade de cura através do “querer” do indivíduo, fazendo parecer que situações naturais de sofrimento físico não fazem parte, também, da vida terrena. Com base nisso, alguns pregadores da teologia da prosperidade, na África, afirmam que uma das doenças mais difíceis de serem tratadas, o HIV, é na verdade um “vírus demoníaco” que pode ser expulso. É o que diz, por exemplo, a Igreja Cristã de Deus na Africa (African charismatic Redeemed Christian Church of God) aos cerca de

Cristão perdoa terroristas que mataram sua mãe em atentado: “Talvez fosse o plano de Deus” Cristão perdoa terroristas que mataram sua mãe em atentado: “Talvez fosse o plano de Deus”

No meio do terror, situações inusitadas para a maioria das pessoas chamam atenção do público. Dificilmente, por exemplo, imaginamos alguém ser capaz de perdoar os responsáveis pela morte de um parente, especialmente da própria mãe. Mas foi exatamente isso o que fez Kurnianto, um cristão filho de uma das vítimas da série de atentados ocorridos na Indonésia no último dia 13. “Em nome de minha mãe, peço desculpas se ela cometeu algum erro durante sua vida. Agora ela está no céu. E quanto aos perpetradores, nós os perdoamos e acredito que minha mãe está na Casa do Senhor”, disse ele, segundo

notícias em seu site/blog