“Não negociamos princípios”: Malafaia diz a Doria e Alckmin que, se apoiarem ideologia de gênero, serão rejeitados por evangélicos “Não negociamos princípios”: Malafaia diz a Doria e Alckmin que, se apoiarem ideologia de gênero, serão rejeitados por evangélicos

O governador Geraldo Alckmin e o prefeito João Doria (ambos do PSDB) ouviram um recado claro durante a abertura da Expocristã 2017: se apoiarem a ideologia de gênero, serão execrados pelos eleitores evangélicos. O mensageiro foi um dos líderes com menos papas na língua: pastor Silas Malafaia. “Não negociamos nossos valores. Quem apoiar ideologia de gênero, segue seu caminho”, disse Malafaia aos dois políticos, considerados favoritos a receberem a indicação do PSDB para a disputa das eleições presidenciais em 2018. “Nós, como maioria, vamos nos fazer prevalecer. Nossos princípios são inegociáveis”, reiterou o pastor. Como sempre, o líder da Assembleia

“Hillary é uma discípula comprometida com Cristo”, diz pastor amigo da ex-candidata à presidência dos EUA “Hillary é uma discípula comprometida com Cristo”, diz pastor amigo da ex-candidata à presidência dos EUA

A ex-senadora Hillary Clinton perdeu a eleição presidencial para Donald Trump. Grande parte dessa derrota se deve à imagem liberal e “progressista” que a esposa do ex-presidente Bill Clinton construiu, frustrando muitos evangélicos norte-americanos com seu apoio ao aborto e temas ligados à militância LGBT. No entanto, o pastor Bill Shillady declarou que Hillary é uma “discípula de Cristo profundamente comprometida” com o Evangelho. Ele acaba de lançar um livro chamado Strong for a Moment Like This (ainda sem título em português, mas que pode ser entendido como “resista a esse momento”), onde ele compartilha os sermões enviados à então

“O futuro a Deus pertence”, diz João Doria sobre possibilidade de se candidatar a presidente “O futuro a Deus pertence”, diz João Doria sobre possibilidade de se candidatar a presidente

João Doria (PSDB) já recebeu manifestações de intenção de apoio de diversas lideranças evangélicas diante da possibilidade de disputar a presidência da República em 2018. Mas, o prefeito de São Paulo afirmou em entrevista recente que “o futuro a Deus pertence”. O empresário que venceu as eleições em 2016 para a prefeitura paulistana no primeiro turno foi introduzido na política pelo governador do estado, Geraldo Alckmin (PSDB), que também ambiciona disputar uma nova eleição para presidente. Em 2006, ele foi ao segundo turno, mas terminou derrotado por Lula (PT). Criticado porque tem feito viagens para diversas cidades importantes do Brasil

Michel Temer encontra líderes evangélicos na Expocristã por apoio à reforma da Previdência Michel Temer encontra líderes evangélicos na Expocristã por apoio à reforma da Previdência

O presidente Michel Temer (PMDB) visitou a Expocristã 2017 para se encontrar com lideranças evangélicas neopentecostais e tentar recuperar parte de sua popularidade junto aos eleitores. A ideia é que, de quebra, receba apoio para tocar a reforma da previdência. A visita de Temer à Expocristã 2017 aconteceu nessa quinta-feira, 17 de agosto, durante um café da manhã com representantes de denominações “de grande, médio e pequeno portes”, segundo informações do jornal Folha de S. Paulo. Temer se encontrou reservadamente com líderes das igrejas Assembleias de Deus, Renascer, Mundial, Fonte da Vida, entre outras, de forma privada, e explicou detalhes

Malafaia nega que tenha decidido quem apoiará nas eleições 2018 e repudia boatos: “Coisa de bandido” Malafaia nega que tenha decidido quem apoiará nas eleições 2018 e repudia boatos: “Coisa de bandido”

As eleições de 2018 serão marcadas pelo grande número de candidatos à presidência, de diversos partidos. Os aspirantes já fazem negociações nos bastidores e, outros, começam a disputar o apoio público de lideranças evangélicas. Nesse contexto, o pastor Silas Malafaia veio a público para negar que tenha decidido quem apoiará. A postura de Malafaia foi uma forma de desmentir um texto que circula nas redes sociais, usando seu nome para apoiar ideias de extrema direta. O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) frisou que ninguém é, ainda, oficialmente candidato a presidente. “Já começou a onda de boataria

Autoridades demonstram preocupação e dizem que igrejas têm sido usadas para fins eleitorais Autoridades demonstram preocupação e dizem que igrejas têm sido usadas para fins eleitorais

O Brasil atravessa uma crise política sem precedentes e as eleições 2018 serão uma oportunidade para que a população escolha candidatos que não estejam envolvidos com corrupção. No entanto, a Procuradoria-Geral Eleitoral teme que candidatos ligados a igrejas tenham vantagens, pois considera que as denominações têm sido usadas para fins eleitorais. O vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino, disse que a PGE tem “extrema preocupação” com a disputa das eleições no próximo ano. “Em linhas regrais é um fenômeno que tem se revelado muito frequente”, afirmou, fazendo referência às denúncias por abuso de poder religioso. Informações publicadas pelo portal Uol apontam que

notícias em seu site/blog