Festival Coachella, de música secular, é marcado por ministração evangelística de Justin Bieber Festival Coachella, de música secular, é marcado por ministração evangelística de Justin Bieber

A igreja ChurcHome (antiga City Church), liderada pelo pastor Judah Smith, alugou um espaço no Festival Coachella – um evento secular – e montou um palco onde músicas com mensagens evangelísticas eram apresentadas. E durante os shows promovidos pela igreja, o cantor Justin Bieber ministrou com canções de bandas de adoração contemporânea. O Festival Coachella é realizado na cidade de Indio, no deserto da Califórnia (EUA), e é considerado um dos eventos mais concorridos da Costa Oeste e altamente badalado pela mídia. A iniciativa da ChurcHome é voltada ao evangelismo e teve grande repercussão ao redor do mundo. Justin Bieber

“Ousado amor de Deus”: Justin Bieber prega a graça cantando ‘Reckless Love’ no Instagram “Ousado amor de Deus”: Justin Bieber prega a graça cantando ‘Reckless Love’ no Instagram

Reckless Love é uma das canções mais famosas do grupo de adoração contemporânea Bethel Music, e fala sobre o “esgamador, inesgotável e ousado amor de Deus”. A música foi tema de uma publicação do cantor Justin Bieber nas redes sociais, em um vídeo publicado no modo Stories, do Instagram. A publicação, feita na última segunda-feira, 09 de abril, foi uma interpretação acapella e chamou atenção de seus seguidores, que identificaram os versos da canção. “Não há nenhuma sombra que Você não iluminará, ou montanha que Você não escalará ao vir me buscar; não há parede que Você não derrubará ou

“Porque estão me julgando?”: Snoop Dogg rebate críticas por sua conversão ao Evangelho “Porque estão me julgando?”: Snoop Dogg rebate críticas por sua conversão ao Evangelho

Snoop Dogg revelou em 2017 que havia entregado sua vida a Jesus e este ano lançou seu primeiro disco gospel, intitulado “Bible of Love”. Tamanha mudança gerou críticas e ataques, que agora são questionados pelo rapper. Parte dos questionamentos feitos a Snoop Dogg se deve ao seu histórico de polêmicas, pois já foi acusado de oferecer álcool e maconha para adolescentes menores de idade, envolvimento com prostituição e também sua adesão ao islamismo em 2009, e posteriormente, ao movimento rastafari, em 2012. Agora, que tem afirmado seu compromisso com a fé cristã, Snoop Dogg tem sido obrigado a afastar as

notícias em seu site/blog