Publicitária lança livro comparando discurso religioso da Igreja Universal com práticas de marketing

33

Na última semana a publicitária Rafaela Barbosa lançou um livro em que analisa as doações propostas por igrejas evangélicas em troca de benefícios espirituais. Tendo como foco de estudo a Igreja Universal do Reino de Deus, ela buscou retratar a transformação e apresentação do discurso religioso como discurso mercadológico.

Intitulado “Fé, vitrines e mercado: O marketing na Igreja Universal”, o livro é fruto de uma pesquisa iniciada em 2005, que contou com entrevistas a fiéis e pastores além de diversas visitas a templos da Igreja Universal.

– Eu queria entender como essa relação religiosa estava aliada a esse discurso de mercado – afirmou a escritora.

Segundo o Portal do Dia, a publicitária iniciou o trabalho “in loco” na igreja em 2008 e, nesse período, buscou compreender como as doações interferem nos discursos religioso transmitidos aos fiéis e como essas mensagens são interpretadas por eles. A autora explica que a instituição religiosa analisa os problemas e a situação de vida de seus fiéis de forma a desenvolver estratégias de convencimento.


– A partir dos problemas dos fiéis, a igreja cria um discurso de que a pessoa precisa se converter para que ela atinja uma vida de graças – pontua a publicitária sobre suas pesquisas, afirmando ainda que a publicação traz um novo olhar sobre os discursos religiosos e o marketing.

– O livro é uma perspectiva pra que possamos olhar pra sociedade e se entender, como que uma religião se apodera de algumas teorias da administração pra se expandir no Brasil e no mundo – completou.

Por Dan Martins, para o Gospel+


33 COMENTÁRIOS

  1. Com certeza a Universal vai um pouco mais além do marketing. As “conversões” são um misto de hipnose e controle mental. Até hj tenho resquícios em minha mente, mas já melhorei 95%.
    Graças ao bom Deus!

  2. Quem melhor explicou o discurso mercadológico da IURD foi, STARDUST, com o seu comentário em 27 de junho de 2013. Parabéns. Peço sua licença para posta-lo.
    ====
    “STARDUST disse: 27 de junho de 2013 ás 11:34 am
    “ESTUDO BÍBLICO – FOGUEIRA SANTA DA IURD TEM FUNDAMENTO NA BÍBLIA?
    Em que parte da biblia vemos a palavra fogueira santa?
    Vemos O Senhor Jesus pregando algo semelhante a essa campanha?
    Os apóstolos mencionaram algo semelhante?”

  3. Mas Mas isto acontece com aqueles seres humanos que procurão estas igreja no intuito de progredirem e ganhar dinheiro na realidade os dois lados são culpados a igreja passa para o otario ops pessoa o que ela esta a buscar um evangelho facio sem regras onde se procura tudo o que e realacionado a dinheiro ter casas boas ter carros bons ter empresas ter riquesas, enqunto que o verdadeiro evangelho não existe isso, e as regras estatutos ou seja preceitos tem que serem seguidos, basta ver os menbros destas igreja a caminho das mesma que não se ve um se quer com suas biblias nas maões estes sim são aqueles dos quais os do mundo dizem que andão por cabeça de pastor pois não tem conhecimento de causa e são sim guiados pelas palavras que saem da boca dos que estão no pulpito, mas por ventura querem o verdadeiro e arduo evangelho? ora a luta do crente verdadeiro e uma luta constante e ardua, ser crente verdadeiro e de uma congregação verdadeira não e para os fracos e para os fortes, ser crente sem haver renuncia de forma alguma pode-se obter exito em sus vida evangelica, porque o principal esta na renuncia, morrer para o mundo viver no mundo mas não participar de suas nefastas coisas pois como sem duvidas o mundo jaz no maligno e com certeza suas coisas são malignas e as quais ao crente verdadeiro são vedadas, como ja afirmei e torno a afirmar ser um crente autentico e para os fortes e não para os fracos, RENUNCIA RENUNCIA esta e a palavra chave apos o seguir as regras e claro, e por isto que muitos vem para ser crente e logo se disvirtua pois não houve renuncia, outros por saberem dos rigores do evangelho verdadeiro procurão estas igrejas modernista de um discurso progrecista, e quando vem dar por se muitas veses ja se enrolaram ate o pescoço.muitos são os testemunhos de crentes hojes autenticos que por esta eles passaram mas conseguirão escapulir de seus laços e hoje estão felizes com Jesus ,

  4. Não é a primeira que fala sobre o assunto
    ===
    PASTOR ESTUDA A IGREJA UNIVERSAL E CONCLUI QUE A DENOMINAÇÃO PRESTA UM “DESSERVIÇO A FÉ CRISTÔ
    pastor americano David Allen Bledsoe, 44 anos e há 14 no Brasil, durante três anos frequentou cultos, ouviu fiéis e líderes
    ” RARO OUVIR UM ADEPTO DESSE MOVIMENTO QUE FAÇA MENÇÃO AO NOME DE JESUS PARA A BASE DE SUA SALVAÇÃO. Com pode alguém ser cristão sem Cristo?
    A UNIVERSAL PROPAGA UMA MENSAGEM DISTORCIDA DO EVANGELHO, PRENDENDO SEUS ADEPTOS EM UMA COSMOVISÃO RELIGIOSA POPULAR, EM VEZ DE LIBERTÁ-LOS DESSA ARTIMANHA DIABÓLICA. Ela também emprega rituais religiosos narcisistas e animistas.

  5. POIS ENTÃO COMPRAR O LIVRO DO MACEDO OU COMPRAR O LIVRO DELA, QUAL SERÁ O MAIS ESPERTO DOS DOIS….NÃO COMPRE NENHUM É SÓ GENTE QUERENDO GANHAR DINHEIRO EM CIMA DE VOCES, E QUEM ME GARANTE QUE NÃO É ALGUÉM DA IGREJA TENTANDO GANHAR MAIS UM, DONDE QUE MACEDO VAI DEIXAR QUALQUER PESSOA ENTREVISTAR SEUS PASTORES SEM SEU CONTROLE. KKKK AI TEM RABO DE ARRAIA

  6. UM EX PASTOR DA IURD , QUE FUNDOU A UNIVERSAL JUNTO COM O EDIR MACEDO.ESSA DENÚNCIA DELE, SAIU NA REVISTA ÉPOCA DE 21/09/2009.(LEIA A MATÉRIA)
    ‘Aprendi a extorquir o povo’, dispara ex-pastor(Gustavo Alves da Rocha) da Igreja Universal do Reino de Deus

    Um ex-pastor(Gustavo Alves da Rocha) da Igreja Universal relata como o bispo Edir Macedo o instruía a tirar dinheiro dos fiéis e a depositá-lo em contas no exterior

  7. “OFERTA DE SACRIFÍCIO”- mecanismo religioso é um instrumento de manipulação,
    o pastor, Ed Rene Kivitz, da Igreja Batista de Água Branca. contou a história do pai de uma fiel DE SUA IGREJA QUE, EM ESTADO TERMINAL DEVIDO A UM CÂNCER PEDIU PARA SER LEVADO À IGREJA UNIVERSAL PARA RECEBER A BÊNÇÃOS DOS PASTORES DA IGREJA. Ele conta que após ela passar por três vezes em uma fila para receber uma suposta oração de cura, foi chamada a uma sala onde pastores disseram que eles precisavam dar uma “oferta de sacrifício” já que era a terceira vez que passavam pela fila o que, segundo eles, significava falta de fé para receber a suposta benção. Ele explica então que, DIANTE DE TAL SITUAÇÃO, A PESSOA ACABA POR DAR TUDO QUE TEM EM NOME DO SUPOSTO SACRIFÍCIO, QUANDO A SAÚDE DE UM ENTE QUERIDO É USADA CONTRA ELA COMO ARGUMENTO.
    Ele afirma ainda que a religião é o único refúgio de um povo sofrido em um país como o Brasil, e que muitos usam disso para se aproveitar de tais pessoas e de sua fé”

  8. técnicas de marketing? E a psicologia que eles utilizam que é bem mais nítida? Eu mesmo vi lá um pastor na época de fogueira santa dizer aos membros, que certa vez um senhor não quis dar o carro dele na “campanha”, e ao sair da reunião, um carro veio, bateu no veículo dele ( por coincidencia o mesmo que ele se recusou dar lá) e ele quase morreu…

    E o pastor ainda encerrou a história assim: ” não tô querendo assustar ninguém… ”

    É a psicologia do terror aplicada.

  9. Os templos da universal são como uma rodoviária, a maioria está de passagem e pagam, claro por isto, veem atrás de um descarrego rápido para tirar a urucubacá, assim como muitos” evangélicos” que a reconhecem como uma igreja boa para fazer exorcismo e voltam para suas denominações para fugirem do emaranhado da universal para arrancar grana dos passantes e ficantes por alí, a receita é infalível, quer que Deus resolva o seu problema pegue o seu envelope?!!

  10. Não passa de uma publicação barata e que lhe pode render até a saída prematura dessa jornalista da terra, visto que não fala sobre a Igreja tal ou tal e sim contra os princípios de Cristianismo e contra o Próprio Jesus e Deus e quem tal coisa faz, recebe as promessas de benção ou maldição que está na palavra, essa jornalista deveria primeiro ler a Bíblia Sagrada para conhecer essas benção e maldições e depois veríamos se ela teria coragem de publicar tais mensagens ou talvez ela seria uma grande doadora.

    • q coisa,! so não entendi q voce falou: e a jornalista q e contra os princípios de Jesus ou a igreja universal q é? se vc disser q e a universal, eu concordo com vc, pois esse discurso da iurd e descaradamente anticristão.

  11. Peraí, aqui nem todo mundo é analfabeto e não são maria vai com as outras.

    Qual igreja que não usa de marketing?

    Cristo fez isso e muito.

    Chegava nos carentes e perguntava, o que queres que te faça? Ora, não era cego, então pra que perguntar?

    Vai que não queria ficar livre da cegueira, sim um prato de comida.

    Qual padre vai num hospital orar pra quem está enfermado pedindo que Deus aprove no vestibular um filho?

    Claro, tem que Cristo queria saber a vontade do pedinte para operar como queria, já imaginou dando dinheiro para a mulher que sofria de hemorragia se os médicos não a curou.

    Qual igreja que não faz marketing, digna escritora?

  12. Não é novidade. Aliás, a temática já fora amplamente pesquisada e foi alvo não de especulação de uma “publicitária” e sim de um reconhecidíssimo doutorado, ou seja, esse tema fora tratado pelo Dr. Leonildo Silveira Campos, que como fruto de sua tese, gerou-se o livro:
    “Teatro, Templo e Mercado”.
    A proposta da tese do Dr. Leonildo era: se esse “empreendimento religioso” se vale de técnicas do marketing, e se utiliza recursos técnico midiáticos, então é possível fazer uma “desconstrução” a partir do discurso e das práticas da IURD. A suspeita se confirmou chegando à conclusão que esse empreendimento está amparado por abordagens técnicas sofisticadas, assessorado por consultores que entendem profundamente de “fenômeno e matriz religiosa brasileira”, economia e “trocas simbólicas”, etc. Então, não há nada de novo a se propor sobre aquilo que já sabemos faz muito tempo. Infelicidade da escritora em achar que estar propondo o “desconhecido”. Por outro lado, é interessante perceber a quantidade de artigos, testes, dissertações sob diversos ângulos (psicologia,sociologia, antropologia, ciência da religião) de pesquisadores das: PUC-SP, PUC-RJ, UMESP, EST-IEPG, UFG-Juiz de Fora, e por aí vai.

  13. E vai aí o link do livro do Dr. Leonildo Silveira Campos:
    http://editora.metodista.br/livros_teatro.htm

    Interessante é o plágio até no título que essa escritora propõe para seu livro, cujo conteúdo não atinge sequer 5% daquilo que fora pesquisado pelo Dr. Leonildo. Bibliografia pobre, e não expressa qualquer amparo metodológico para o trabalho. Não encontrei sequer o currículo da Rafaela Barbosa na Plataforma Lattes. Qual a titularidade acadêmica dela, qual a instituição que amparou a pesquisa e que nota CAPES possui a instituição validadora da pesquisa?

  14. Logo, esse trabalho não passa de fruto de “senso comum” carregado de obviedades, expressando desonestidade intelectual e que não merece qualquer respeito.
    Fenômeno religioso brasileiro é algo complexo de se estudar, congrega a necessidade amparo multidisciplinar, metodologias consistentes e definições bem específicas de objetos para não se entrar em “furadas” como essas. Mesmo como observador da IURD com mais de 80 horas de trabalho em campo, jamais ousaria publicar qualquer coisas até chegar a uma consistência academicamente responsável, afinal, apesar do senso comum “demonizar” o discurso da IURD, quem se propõe a publicar o que quer seja sobre isso, não pode trata-la de maneira tão superficial (visão apenas jornalística, rsssss). O que posso dizer? Tsc, tsc, tsc…

DEIXE UMA RESPOSTA