Malafaia pede aos evangélicos que não votem em candidatos do PT e do partido de Marina Silva

1

O pastor Silas Malafaia afirmou que as “pessoas de bem em geral” devem ficar atentas ao discurso de propaganda eleitoral dos partidos de esquerda durante a campanha que está em andamento, e pediu que “em hipótese alguma” o voto do povo cristão seja entregue a candidatos dessas legendas.

Malafaia não deu voltas ao incluir o partido fundado pela missionária assembleiana Marina Silva, ex-senadora e ex-ministra do Meio Ambiente, entre aqueles que não devem receber votos de evangélicos.

“Eu quero dar um alerta aos cristãos, ao povo evangélico, às pessoas de bem em geral. Agora chegou a nossa vez. Essa esquerda corrupta que destruiu economicamente o Brasil, agora também quer destruir a família, certo? Só que, nesse período eleitoral, eles escondem a ideologia deles. Quero dar um alerta para você não votar em candidatos, em hipótese alguma, desses partidos: PT, PSOL, Rede [Sustentabilidade], PCdoB e PV”, disse Malafaia.

O pastor, que em 2014 chegou a comemorar o fato de que Marina Silva – à época no PSB – liderava as pesquisas de intenção de voto após a morte de Eduardo Campos, demonstra ter se desiludido com a postura da Rede Sustentabilidade.


“Essa turma defende casamento gay, aborto… essa turma quer erotizar crianças. Ideologia de gênero nas escolas. Quer tirar dos pais o poder da educação moral que está garantido no artigo 229 da Constituição Brasileira e garantido também na Convenção Americana de Direitos Humanos, que o Brasil é signatário”, afirmou, referindo-se ao grupo dos partidos de esquerda.

“Nós não podemos cair na conversa fiada. Eles são bons de bico, gente. São bons de falar. Manda os candidatos desse partido agora, abrirem a boca e defenderem a ideologia que eles defendem durante quatro anos. Eu quero ver o pessoal da Rede, do PT, do PSOL, do PV, do PCdoB, abrir a boca para defender o lixo moral que eles defendem durante quatro anos”, desafiou.

Novamente, Malafaia comentou que no período de eleições, todas as propostas “progressistas” são deixadas de lado para atrair a população: “Agora, por causa do voto evangélico, por causa do voto cristão, eles calam a boca e dão uma de bom moço, bom na fita, bom na fotografia. Chegou a nossa vez de exercer a cidadania, e dizer não para essa gente. Pode falar bacana, pode falar bonito, mas eles escondem porque são covardes. Cínicos e covardes. Essa esquerda corrupta que nunca disse uma palavra contra esse governo corrupto que destruiu o Brasil. Fica aqui o meu protesto”.

Assista:

Assine o Canal

Saiba tudo que envolve o mundo evangélico em relação às eleições 2016 neste link.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA