Senador Magno Malta ataca pacote anticorrupção proposto por Dilma: “Tapa-buraco”; Assista

10

O senador Magno Malta (PR-ES) voltou a criticar o governo Dilma Rousseff (PT) durante um discurso em plenário. Desta vez, o foco das observações do parlamentar foi voltado ao pacote anticorrupção apresentado pelo governo às pressas após as manifestações do dia 15 de março.

“Se você fechar um buraco de rato, ele abre em outro lugar. Uma lei contra corrupção é tapar um buraco de rato. Nós estamos fazendo papel de parlamentar ou de pedreiro? Você (eleitor) precisa, com seu título, com seu voto, com sua cidadania, matar o rato”, afirmou o senador.

Magno Malta, afeito às ilustrações práticas durante seus discursos, afirmou que o pacote anticorrupção apresentado por Dilma é como “um cadeado de bicicleta”, que não impede o furto: “O ladrão rouba a bicicleta com o cadeado”.

“Considero uma grande infelicidade taxar a corrupção de ‘senhora’. É uma ofensa a todas mulheres. Eu considero esta corrupção ativa e passiva, um monstro que destrói o nosso país. Senhoras não fazem isso”, afirmou Malta, fazendo alusão à afirmação da presidente Dilma Rousseff de que a “corrupção no Brasil é uma velha senhora” presente na sociedade há muito tempo.


Na sequência do longo discurso, Magno Malta pediu que os eleitores reflitam sobre suas escolhas antes de irem às urnas e participem politicamente da sociedade, para que as decisões dos rumos do país tenham maior legitimidade. O senador disse também que de nada vai adiantar aprovar um pacote de leis anticorrupção se os corruptos continuarem sendo eleitos.

Malta rebateu as afirmações de integrantes do PT de que as manifestações do dia 15 de março tinham sido orquestradas pela oposição ao governo. “As pessoas que foram às ruas não são oportunistas ou gente paga pelo PSDB”, disse o senador, acrescentando que os manifestantes são pessoas que não aguentam mais as denúncias de corrupção, nem as atitudes do governo que “afrontam” o povo, como por exemplo, o gasto com publicidade em defesa da Petrobras em horário nobre da TV.

Assista:

Assine o Canal

O que propõe o pacote anticorrupção?

“Pacote anticorrupção de Dilma repete proposta de Lula feita há 10 anos [no auge do escândalo do mensalão]. Em 2005, no auge do escândalo do mensalão, o então presidente Lula também lançou um pacote anticorrupção que previa, entre outras medidas, a criminalização do enriquecimento ilícito. Dez anos depois, Dilma repete proposta”, comentou a jornalista Jessica Welma, do jornal O Povo.

Veja abaixo, no infográfico do jornal, um comparativo das propostas anticorrupção feitas pela presidente Dilma Rousseff após as manifestações do dia 15 de março, e as do ex-presidente Lula em 2005:

infografico pacote anticorrupcao dilma

10 COMENTÁRIOS

  1. Esse fala fala fala , mas ta metido até o pescoço na podre política., cadê um projeto dele para acabar com a roubalheira ., não confio em políticos brasileiros em nenhum sem exceção., se chutar uma lata de loco sl sao políticos.,

  2. Qual será o projeto que Magno Malta preparou como alternativa? Pergunto porque criticar é fácil, quero ver é participar com ideias melhores do que aquelas que se criticou.

  3. UM CARA QUE ABANDONOU A ESPOSA LEGÍTIMA PARA SE AMASIAR COM UMA POLÍTICA QUE TAMBÉM ABANDONOU O CASAMENTO LEGÍTIMO, E AINDA SE AUTO-INTITULAR PA$TOR, NÃO TEM MORAL PARA JOGAR PEDRA NO TELHADO DE NINGUÉM.

  4. O projeto do governo federal é um engodo.

    +++

    Recomendo os leitores do G+ a ótima e lúcida entrevista do Rodrigo Chequer, um dos responsáveis pelo grupo Vem Pra Rua.

    youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=QP1H153FVwA#t=0

    youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=NEb_THhhE1U#t=0

    youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=U-n3RqQAtB8#t=0

    youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=3wzVruXQ4cM#t=0

    • O que muda com a nova lei é a quantidade de burocratas que topam se corromper. Com medo da punição mais severa, menos gente se dispõe ao crime. Com menor concorrência, os servidores corruptos podem aumentar o valor do suborno. Têm mais dinheiro e, por causa da maior punição, maior incentivo para corromper quem está acima da hierarquia e os promotores e juízes que deveriam persegui-los. O número de corruptos diminui, mas aumenta a força dos que permanecem no mercado – e a possibilidade do negócio se transformar em crime organizado.

    • O jornal Zero Hora mostrou que, uma década depois, a presidente Dilma Rousseff repete a receita utilizada pelo seu antecessor e padrinho político um mês após o estopim da crise do mensalão.

      Em julho de 2005, ao lado de Dilma, então ministra-chefe da Casa Civil, Lula também anunciou um pacote anticorrupção – e, desde então, a corrupção só aumentou no Brasil. O PT reincidiu no crime e roubou pelo menos 300 milhões de dólares dos brasileiros por meio da Petrobras. Novas medidas anticorrupção foram anunciadas por Dilma em 2011, mas tampouco adiantaram.

      O Brasil não pode cair de novo no mesmo truque. Errar uma vez é humano, duas é burrice, três é a mais profunda idiotice útil ao PT.

  5. A hipocrisia dessa bancada evangélica é absurda.
    Malta é corrupto com dezenas de processos nas contas.
    Cunha o presidente da Câmara está na lista do petrolão, assinou bolsa maldade, triplicou as verbas para os partidos entre outras barbáries com nosso dinheiro
    A bancada evangélica está envolvida em todo tipo de falcatrua até desvio de dinheiro para compra de ambulâncias.
    O que este senhor não quer é que se crie leis contra a corrupção acham que alguém legislaria contra si e seus irmãos corruptos.
    Ridículo.

  6. O Legislativo é um LIXO.
    Renan um dos safados e corruptos mais conhecidos na lista do Petrolão.
    Cunha , corrupto (se veste com uma roupagem de evangélico) também na lista do petrolão.
    Presidente da Câmara e do Senado investigados por corrupção se tivessem vergonha na cara renunciariam, como em qualquer país civilizado se faria.

DEIXE UMA RESPOSTA