Marina Silva ressalta suas “convicções religiosas” e diz que Estado laico garante direitos a homossexuais

47

A ex-senadora Marina Silva (Rede) comentou suas preferências políticas e as acusações que essas posições geram contra ela no meio evangélico.

Terceira colocada nas eleições presidenciais de 2014, com pouco mais de 22 milhões de votos, Marina explicou que está atenta às possibilidades de que políticos tornem a legenda que ela ajudou a fundar numa espécie de Partido dos Trabalhadores.

“Tem muita gente querendo colocar cavalo de troia na Rede, mas fizemos o diálogo com muitos deputados e entraram no partido pessoas com identidade programática”, disse.

Em entrevista à Agência Estado, Marina disse que não irá repetir o erro cometido quando era filiada ao PT, quando, por 30 anos, pregou uma sacralização do partido, hoje conhecido como o mais corrupto da história republicana brasileira: “Diz-se que os sábios aprendem com os erros dos outros e que são estúpidos os que não aprendem nem com os próprios erros. Se não fui sábia, não quero ser estúpida”, ponderou. Para ela, “a Rede é uma tentativa de contribuição [com a democracia brasileira]”.


Sobre o debate gerado em torno de sua figura, evangélica, e ainda assim, defensora de direitos e liberdades civis para os homossexuais, Marina disse que tem suas convicções religiosas a respeito do assunto, mas que isso não a limita no reconhecimento da igualdade dos seres humanos.

“O direito à diversidade é cada um fazer o que lhes é mais conveniente para suas vidas. Esse debate é muitas vezes tratado de forma desonesta. Tenho 16 anos como senadora, qual projeto de lei meu você encontra que tenha qualquer sombra de variação em relação aos direitos LGBT?”, questionou.

“Eu tenho minhas convicções religiosas, mas vivemos em um Estado laico, que garante os direitos dos que creem e dos que não creem”, acrescentou Marina, que também exerceu função de ministra do Meio Ambiente durante o governo Lula.

Questionada sobre seu apoio a Aécio Neves (PSDB-MG) no segundo turno das eleições de 2014, Marina ressaltou que o apoio foi individual, e não da Rede, e que foi manifesto publicamente após o então candidato se comprometer com uma série de pautas.

47 COMENTÁRIOS

  1. Alguem ja viu a marina criticar o lula? Alguem aqui ja ouviu um depoimento da marina no caso petrolão. Eu ja ouvi a marina defender todos os ladrões petistas do mensalão. ACORDA BRASIL!!!

    ESSA AI NÃO PODE ENGANAR NINGUEM. SAIU DO PT, MAS O PT NAO SAIU DELA.

    A MARINA É O LULA DE SAIA, E A DILMA COM UM MINIMO DE QI.

  2. A paz de Cristo, a realidade é uma só, evangélicos até pode votar nela; agora, o verdadeiro cristão jamais votará nela. Os direitos constitucionais sempre foram garantidos pela carta magna, O que se deve levar em conta é as nossas convicções ao que se refere aos costumes e comportamentos, isto é:…aquilo que defendemos como cristãos.AGORA, EU PARTICULARMENTE ACHO QUE, ELA NÃO TEM TRAQUEJO POLITICO PARA GOVERNAR UM PAIS COMO O BRASIL.

  3. Homossexuais podem sim ter direitos, mas não privilégios!
    Falando nisso, eu vi na TV que um “casal” de amantes formado por 2 homens, assassinou brutalmente a namorada de um deles, pois a mesma estava desconfiada do envolvimento dos dois. Aí vem a pergunta:Será que os assassinos terão privilégios na hora do julgamento por serem gays? Não seria esse um caso de heterofobia, já que quando acontece algo com um gay eles dizem logo que foi por homofobia?

    • Eu não que privilégios, aliás, nunca precisei de privilégios para alcançar o patamar social, apesar de a família, a sociedade e a igreja conspirarem contra o meu sucesso. Sem precisar pagar dízimos, fique bem claro. Não sou ativista gay, mas luto para que a nova geração de homossexuais não passem pelo que eu passei. Isso que você qualifica como privilégio são direitos garantidos por um Estado democrático. Os negros já alcançaram seus direitos. Faltam os homossexuais.

      • Os negros merecem respeito pelo fato de terem sido escravizados por muito tempo, merecem mais oportunidades, dignidade, pois eles sim são os que mais sofrem com a violência e desigualdade social.
        Que comparação ridícula essa sua!

        • VANESSA

          Diz a Constituição Federal que todos são iguais perante a lei, então é desigualdade e racismo o caso das cotas para negros.
          Eles não conseguem entrar na faculdade sem elas?
          Acredito que sim, afinal somos todos seres humanos iguais.
          E como ficam os brancos pobres?
          Ah, claro, todo branco é rico…

          Mas certos indivíduos negros não querem igualdade.
          Eles querem é vingança pelos séculos de escravidão e racismo, assim como há gays querendo vingança pelos séculos de homofobia.
          É o chamado “revanchismo”.
          A escravidão acabou há mais de 100 anos, deixando como legado o racismo aberto ou disfarçado, mas até mesmo o racismo está cada vez mais fraco.
          Ainda há gente racista, mas muito menos do que havia no início do século passado e a tendência é diminuir até desaparecer, conforme a humanidade evolui moralmente.

          E tem gente que pensa que racismo é só quando o branco discrimina o negro, mas essa afirmação é falsa.
          O branco também tem direitos, também não pode ser discriminado.

          Conheci um sujeito negro que falou na presença de todos onde trabalho, que nenhuma das filhas dele ia casar com brancos.
          E quando um pai branco diz que nenhuma das filhas dele vai casar com negros?
          Qual dos dois casos configura o crime de racismo?
          Acertou quem respondeu “OS DOIS”.

          Lula Molusco tinha uma ministra da “IGUALDADE RACIAL”, guardem bem essas palavras, pois voltaremos a elas.
          A qual disse em público que “os negros têm o direito de discriminar os brancos”, frase evidentemente racista e quase ninguém protestou…
          Que belo exemplo esse de igualdade racial da ministra do Molusco…

          Ela, sim, se não conseguia respeitar as outras raças, devia limpar as gavetas e ir embora, pois era partidária da “DESIGUALDADE RACIAL”.
          Os brancos são obrigados a respeitar os direitos dos negros, mas os negros não têm essa mesma obrigação?
          Em qualquer caso, o descumprimento configura racismo.

          • Amiga querida, Saudades♡♡♡♡♡♡
            Amiga, eu acho que todos devem ser respeitados,negros e brancos,pois todos somos seres humanos!
            Quanto ao assunto cotas para eles em universidades, eu acho um assunto complicado, mas complicado ainda é ver alguns homossexuais pegando carona em cima disso para se beneficiarem!

        • Vanessa, seu comentário está incompleto. Faltou dizer que os negros foram escravizados por serem considerados seres sem alma. Quem declarava isso eram os mesmos cristãos que hoje atacam os homossexuais com essa estória de pecado.

          • Cláudio, eu nunca tratei mal uma pessoa homossexual, e também não compreendo por que existe racismo nesse mundo, sempre convivi com negros numa boa!
            Agora, a Bíblia diz que a prática da homossexualidade é sim pecado, e diz também que são dignos de morte os que tais coisas praticam . Mas já que você não crê na bíblia, viva a sua vida sem se preocupar com o que há de vir, vai na fé!

    • VANESSA

      Minha amiga, você tem razão.
      Sim, isso é “heterofobia”, palavra pouco usada por não se referir à maioria.
      Se o sujeito queria ficar com outro homem, que fosse e deixasse a mulher em paz.
      Ou melhor, nem se envolveria com ela, já que o que sente é por homens.

      Volto a martelar o caso da professora lésbica que não deixou as crianças assistirem ao desenho da Branca de Neve, alegando que era “agressivamente heterossexual”, por conter um príncipe e uma princesa.
      É um caso em que o politicamente correto passou dos limites.
      O direito de um termina onde começa o do outro.

      Então, quem quiser liberdade absoluta, tem de morar num deserto sozinho.
      Em sociedade, como vivemos, sempre haverá direitos dos outros a respeitar.
      A propósito, há elementos da minoria que “esquecem” que a maioria também tem direitos, como no caso da professora homossexual, em que os alunos tinham o direito de ver o desenho que quisessem.

      Em nenhum momento alguém cerceou a liberdade dela de ser lésbica, não foi assediada, nem ameaçada, nem demitida.
      Mas não tinha o direito de fazer o que fez, tendo cometido um abuso de poder.
      Quem for homossexual que seja, mas os héteros também merecem respeito.
      É por isso que as pessoas temem uma “ditadura gay”.

      A pretexto de assegurar direitos deles, certos individuos gays querem avançar sobre os nossos direitos, não são todos, a maioria quer mesmo viver em paz, mas tem os que querem direitos especiais, privilégios indevidos e tratamento diferenciado.

      Como naquele PL 122, onde tentaram obter cotas para gays em concursos e vestibulares, sem sequer informar onde o candidato ia provar sua condição.
      Não poderia valer só a declaração dele, que poderia estar mentindo, muita gente ia se “assumir” só pra entrar mais fácil na faculdade.

      E retirar as palavras “pai” e “mãe” dos documentos oficiais, acabar com o Dia dos Pais e com o Dia das mães, bem como obrigar professores a incentivar o homossexualismo nos alunos, a expressão no PL era “incentivar a diversidade sexual”, alguém explica pra esses tontos o significado das palavras “incentivar” e “diversidade”.

      Tem um filme francês, O Armário, onde um sujeito trabalhava numa empresa onde estava havendo demissões, então teve uma idéia genial, declarou publicamente que estava assumindo, “saindo do armário” (daí o nome do filme), mas o funcionário não era gay coisa nenhuma, era esperteza dele para escapar da degola, confiando que a empresa não iria demití-lo para não ser acusada de homofobia.
      E o plano do cara dá certo…

      Já pensaram se isso acontece por aqui, as empresas não poderiam demitir gays ou haveria uma altíssima multa, como o adicional que as pessoas recebem no FGTS em caso de dispensa sem justa causa…

      Iam proliferar como cogumelos no esterco os casos de funcionários gays vagabundos, que seriam “intocáveis”, ao contrário dos héteros, que seriam demitidos sem pena.
      Como já dito, tratamento diferenciado.

      Até aquele ativista gayzista Jean BBB (Burro, Besta, Babaca) que dentro do programa anunciou que era gay, assim é fácil, um truque sujo para vencer, para a Globosta era interessante que a vitória fosse de um gay, por causa do politicamente correto.

      Se era gay, é porque sempre foi, eles mesmos dizem que ninguém escolhe nem vira gay, mas já se nasce assim, então por que não “assumiu” antes?
      Aí tem…um forte cheiro de trapaça.

      Se eu estivesse no BBB, anunciaria que era lésbica, para ganhar o prêmio de um milhão vale tudo, afinal lá dentro é tudo encenação mesmo…

  4. o principe da paz fala que os mornos deus cuspira, ou vc e a favor de deus nesta guerra espiritual contra a obras do diabo, maria madela tinha seis demonios em cima dela e jesus expulsou, os gay tem um legiao,que creem cristo tem que fazer da mesma forma que jesus fez exorcisar os demonios que esta em cima do gay

  5. Marina, entendo sua posição porém, explica porque seu novo partido deu abrigo a defensores da liberação das drogas, aborto, casamento gay e outros. Me explica qual a diferença do ativismo religioso com o das causas que estas pessoas pessoas defendem. A Rede abrigou todo lixo possível advindo de outros partidos, gente da extrema esquerda. No fim, você nao quer admitir, mas tem laços profundos com a ideologia petista, m ais que isso, lá no fundo, você admira o Lula e tudo que ele representa. Seu discurso é ambíguo, você nao sabe se vai ou se fica, e acaba “findo”. Você é uma boa pessoa, mas precisa escolher abandonar seu passado para construir um novo futuro, e decidir se seus valores mais fortes são os da fé ou os do ativismo por “direitos civis”, quando a maioria das reivindicações desses ativistas – são dogmas pessoais, nada tem de direito fundamental. Cade o direito fundamental da criança abortada? cade o direito fundamental de um homo sexual rever sua decisão e poder voltar a ser homem? De uma lésbica procurar tratamento para voltar a ser mulher? Antes de ousar ser presidente, ouse clarear suas escolhas. Líderes não nadam em águas turvas

        • Escritor,

          Eu defendo a concessão de drogas para os drogados, não para assistir a situação deles piorar, mas pra que eu que não sou usuário possa sobreviver, e uma vez estando vivo, consiga cuidar de gente doente acometida da pior doença, o vício. Vício instigado a essa massa toda de viciados quando ainda crianças, doze ou treze anos(faça pesquisa).

          Deus quando mandou seu filho morrer na cruz, é que Ele é adepto da morte na cruz?

          Vamos refletir antes de ficar fazendo julgamentos desproporcionais.

          Quanto aos outros temas. Ora se Deus que é Deus não impede o homem de pecar, será Marina que vai impedir o homem de se casar com quem queira? Deus impediu de Moisés inserir o divórcio nas suas leis, de pai matar filhos desobedientes? O homem, ou melhor, cada uam que preste ante Deus os feitos.

          • Escritor vc tem razão.
            Não é a toa que Deus ja entregou eles as suas propias paixões,porquer será em?creio que o escritor ja respondeu.

        • Não adianta tentar falar educadamente com pessoas intransigentes fanáticas como certos evangélicos. Tomara que você tenha um filho ou neto gay pra saber se muda ou não. No teu caso, parece que a imbecilidade, assim como a homossexualidade, não tem cura. Vai morrer imbecil.

    • RESPOSTA : ” começastes pelo Espirito e terminastes pela carne “(Galatas 3,ver 3 )
      ; a Marina fundou um partido que abriga a raiz do que há de pior no PT,PSTU,PSOL, pessoas que defendem o uso de drogas,casamento de pessoas do mesmo sexo,aborto,divisão de raças, contra a propriedade privada .
      nem satanás faria uma seleção desta envergadura !

        • não disse nenhum mentira . ou os menbros deste novo partido ” REDE ” , não é composto de ex- filiados do PT,PSOL,PSTU ?
          pode me chamar de satanás , o Senhor Jesus quando expulsava demônios os fariseus diziam que ele expulsava em nome de belzebu (MATEUS 12, vers 24 )
          cheguei a pensar que você era cristão . más pelo visto você é homosexual .
          nada contra sua opção . más me estranha você estar num site “gospel”
          pela logica deveria estar na Gmagazine !

          • Renildo,

            Vá com calma. Nunca fui e nem sou gay.

            Cristo não deu esse exemplo de taxar as pessoas apenas por conta do que defendem.

            Ele defendeu a nós todos, impios por essência, então era também ímpio?

            Vá com calma, meu caro.

            Defendo do direito da mulher ser assistida enquanto aborta, não que eu ache certo o aborto, mas eu e Deus preferimos essa mulher viva para um dia pedir perdão do seu pecado. Defendo que o estado forneça drogas aos comprovadamente usuários, não que eu queira o mau deles ou seja usuário, mas pelo fato de que o comércio que ladeia essa atividade tem feito muitas vítimas, e o estado perdeu a guerra, todos os países que combatem enfrentando de frente, sem uma política sábia, estão perdendo e feiamente.

            Deus nos deu o sangue de Cristo como redenção, é que Ele(Deus) é adepto da morte, e morte cruel? Claro que não. No andar de interpretação, breve estarei chamando Deus de homicida perverso;

  6. Estado laico garante direito a todo tipo de credo e orientacao sexual.
    somente assim se garante que a religiao nao doutrine a sociedade como um todo, mas apenas aqueles que aceitarem tal doutrinacao.

  7. Vanessa, se você fosse homossexual e fosse obrigada a interagir com determinado segmento religioso que tratasse você como abominação, possuída por demônios, que está condenado ao inferno se não “voltar a ser hetero”, você se sentiria bem tratada? Só o dono do sapato sabe onde o calo aperta. O sofrimento psíquico e a rejeição social que vocês promovem nas pessoas que não seguem seus princípios religiosos e imensurável e irreversível, mas vocês acham normal. Pimenta no dos outros é refresco.

    • Interessante observar que as pessoas que lutam para mudar esta realidade são taxadas de ativistas gays e intolerantes religiosos. Gostaria muito de saber se a situação fosse inversa, os gays fossem maioria é seguissem um “livro sagrado” que taxasse os cristãos com esses predicativos. Vocês não se sentiriam atacafos? Seria um elogio para vocês serem chamados de abominação? O que falta para vocês é fazerem um laboratório e se colocarem no lugar das pessoas que atacam alegando um pecado previsto na religião DE VOCÊS.

  8. A líder Marina Silva faz a correta separação entre religião e estado laico. Pena que a maioria dos crentes evangélicos fundamentalistas, com seus cérebros dispondo de um único neurônio, não consiga entender questão tão simples, tão óbvia: religião e política não se misturam, gays têm os mesmos direitos que os héteros e um regime democrático não se confunde com regime teocrático.

    • Disse tudo, Sandro. Esses paranóicos tem que aprender a discernir uma coisa da outra. Mesmo porque o período em que igreja e Estado se confundiam ficou conhecido como a “idade das trevas”. Para os estudantes de um livro só – portanto, incultos -, estou falando da Idade Média.
      .

      • Precisamente, caro Cláudio, e obrigado pelas importantes contribuições que você tem feito aos debates que travamos com os evangélicos, ajudando a aclarar ideias, iluminar mentes, refutar erros e estabelecer fatos. ; )

    • Resposta para Vanessa pela sua postura com relacão a Malafaia e Feliciano. Corporativismo nojento. Não é à toa que são tão odiados. Esses dois queimam a imagem e comprometem a reputação de todo o segmento evangélico.

    • Resposta para Vanessa pela sua postura com relação aos seus representantes Malafaia e Feliciano. Esse corporativismo chega a dar nojo. Com dois representantes dessa estirpe, não é à toa que vocês são tão odiados. Gente desse tipo compromete a imagem de todo o segmento evangélico.

          • Não sou eu que guardo este sentimento, é a sociedade. Hoje, quando se fala que é evangélico, as pessoas torcem o nariz. Vocês se odeiam a vocês próprios, dependendo da seita evangélica que freqyentam. Aqui mesmo neste site já vi evangélico atacando Edir Macedo e Malafaia.

          • São pensamentos diferentes, discordar de alguém não significa que temos ódio uns dos outros!
            Por muitas vezes eu discordo do meu marido, mas isso não significa que eu o odeie . Você está muito equivocado, aliás essa sociedade atual está totalmente equivocada, pois me parece um bando de alienados que não pensam por si só, parece que todos tem que ter o mesmo pensamento, estamos na era do “politicamente correto” onde quem não concorda com “casamento gay” é taxado de homofóbico, quem não concorda com o aborto é chamado de retrógrado e assim por diante, na verdade estamos vivendo uma ditadura da opinião!

  9. MARINA , queria ser o lula , passar a imagem de mulher coitadinha que venceu na vida .
    más tomou uma rasteira do PT , e fundou esse partido antagônico uma serpente de 7 cabeças : de comunistas ,ateus,gays,de varias vertentes e ideologias , tem de tudo . menos santos !
    ” aquele que ouve a Deus ouve o que Deus diz , e obedece ” (joão 8 , vers 47 )
    ou seja : Marina quer fazer a vontade do mundo !

    • Renildo,

      “Tem tudo, menos santos” Ora, diga aí onde é que existe uma agremiação, partido, governo, escola, entidade, instituição que possua pelo menos um santo.

      Você achou pouco e ainda colocou no plural, santos, razão de eu perguntar. Você se encontra desencarnado e no céu? O único lugar que existe santos é aí no céu. Com a palavra o morto, enterrado, mas com poderes de usar um teclado e a internet direto do trono de Deus. Tá fazendo frio ou calor aí? Chove ou faz sol?

      • LEVI . santos sãos os que amam fazer a vontade de Deus .
        ” preciosa é a vista do senhor a morte dos seus Santos ”
        pegue sua biblia e veja SALMO 116 , vers 15.
        existem pessoas Levi que apesar de tudo faz a obra por amor .
        estes são os santos como diz ” tive fome e me deste de comer , e por ai vai .
        um abraço , irmão !

        • Renildo,

          Então Deus não é santo.

          Ora, se Ele mesmo concedeu ao homem o direito de errar, o livre arbítrio, e sob o uso dessa prerrogativa o homem erra e quantas vezes queira, aí você quer que Marina impeça as pessoas de fazerem o que querem, meu caro?

          Deus estabelece a norma, cumpre quem quer. Se quer casarem, que casem. Se querem abortar, que abortem. Se querem usar drogas, que usem. Você viu algum dia Deus impedindo com a mão dele o pecador de fazer vez enquanto pecador?

          Se o estado permitir drogas, casamento do mesmo sexo, isso não significa que está autorizado na bíblia, Veja que coisa idêntica ocorre com o divórcio, onde aqui no Brasil encontra-se legalizado, mas nunca se cogitou em mudar a bíblia nesse sentido e nem as igrejas deixaram de pregar que é um erro o divórcio.

          Por causa do erro dos outros nós estamos pagando. Sim, em razão da gente ter lei que impeça o uso de drogas, pagamos com a vida, os militares também, tendo hoje uma sociedade sem paz. Não seria melhor que fosse permitido? É o modo escaparmos com vida, e com vida tentar colocar na cabeça dessas pessoas que eles estão se matando. Quanto ao aborto, pergunto, quem foi que impediu uma mulher de abortar quando ele se decide? Poucos conseguiram, o que faz com que a maioria aborte, e destas, muitas morrem por ausência de assistência, mas eu e você, tão pecadores quanto elas, não damos colo, não assistimos, do contrário, esfregamos nossos cinco dedos contra ela e a chamamos de monstras como os que estavam prestes a apedrejar a mulher adúltera ante Cristo, cujo resultado sabemos nós todos.

  10. Vanessa, ditadura de opinião esta perpetrada pelos evangélicos – os católicos nem tanto -, fique bem claro. A pressão é tão forte que as pessoas estão condenadas ao martírio eterno, se não seguirem seus princípios biblicos, princípios estes que vocês próprios não seguem ou só seguem o que lhes é conveniente.

DEIXE UMA RESPOSTA