Mark Driscoll é criticado por seu novo livro sobre sexo considerado por muitos como explícito

21

Os pastores Mark e Brace Driscoll são novamente alvo de polêmica. Muitos pastores, e outros líderes evangélicos, estão criticando o novo livro sobre sexo escrito pelo casal, por considerá-lo muito explícito. O livro fala sobre o casamento e o sexo e aborda uma série de tabus sobre o tema.

Publicado pela editora Thomas Nelson, Real Marriage: The Truth About Sex, Friendship And Life Together [Casamento Real: A Verdade Sobre Amizade, Sexo e a vida em conjunto] está na listas de mais vendidos da Amazon e Barnes & Noble desde o seu lançamento, na semana passada.

Segundo o Daily Mail a lista de tabus abordados pelo casal de pastores inclui: masturbação, sexo oral, sexo anal, fantasias sexuais, sexo durante a menstruação, sexo virtual, brinquedos sexuais, controle de natalidade, cirurgia estética, medicação sexual e agressão sexual. Esses assuntos não estão agradando os cristãos mais conservadores.

Muitos pastores consideram que o conteúdo do livro é demasiadamente explícito e constrangedor para os cristãos. O escritor cristão Denny Burk classifica o livro como “uma receita para o desastre conjugal”, o escritor completou dizendo: “Existem perversões de que eu nunca tinha ouvido falar antes de ler o livro do pastor Driscoll. Parece-me que há algo de errado com isso”.

David Moore afirmou que o livro minimiza a importância das mulheres e acaba sendo excessivamente focado na satisfação do sexo masculino. E Tim Challies escreveu que há uma falta de coesão interna no livro, “pois não fica claro se é um guia de sexo ou um livro sobre relacionamentos”.

Rachel Held Evans desse em seu site que considera o livro “nojento”, “chocante” e “preocupante”. Segundo ela o livro é um reflexo do “relacionamento sexual conturbado” de Mark com sua esposa.

Driscoll responde às críticas e dizendo: “Tentei escrever um livro sobre sexo junto com minha mulher… Não é apenas um material que eu criei… Estas são as questões com que tenho lidado nesses mais de 15 anos de ministério… Vou suportar as críticas tanto quanto for necessário, para ajudar tantas pessoas quanto puder… Sabíamos que esse livro seria um momento difícil e desafiador para recordamos alguns dos nossos momentos mais difíceis no relacionamento”.

O pastor completa dizendo: “Pela graça de Deus, foi uma experiência unificadora e transformadora, que nos tornou melhores amigos e amantes”.

Fonte: Gospel+

21 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA