Internacional

Policiais teriam confundido pastor evangélico com traficante por causa de sua cor de pele

Comments (8)
  1. josecarvalho disse:

    POLICIA FAZENDO SEU TRABALHO.

    1. Reinaldo disse:

      Polícia fazendo seu trabalho (2)

      só complementando que nenhuma policia do mundo possui ainda a tecnologia da “bola de Cristal” para saber quem é quem sem efetuar abordagens….

      1. josecarvalho disse:

        REINALDO
        SEMELHANÇA AJUDA A POLÍCIA A INVESTIGAR, QUER QUE TENHAM UM SUSPEITO E NÃO AVERIGUEM SUA PROCEDENCIA? SÓ VC

        1. Reinaldo disse:

          uai José.. não entendi seu posicionamento..
          estás a favor ou contra o trabalho dos policiais???

      2. Fabio Costa disse:

        Reinaldo,

        Realmente, não possuem bola de cristal, mas os EUA é um péssimo exemplo no trabalho policial quando faz essas abordagens, não escapam : latinos, negros, árabes, etc. especificamente ameríndios, mexicanos, brasileiros típicos (miscigenados), pessoas da religião islâmica e árabes (observam os traços físicos e a precedência étnica ou religiosa. Ou seja um branquelão terrorista passaria despercebido por essa mesma abordagem. Foi em uma dessas que o estado da Califórnia viveu quase uma guerra civil na década de oitenta, pelo fato de a policia discriminar pessoas pela cor da pele, e pela origem.

        1. Reinaldo disse:

          Não vejo desta forma amigo…

          sabe-se que hj a miscigenação é mundial…

          não se tem mais um paremetro real de cada pais (tirando os asiáticos kkkk)

          a reportagem traz claramente que a abordagem se deu por conta da semelhança dos abordados com traficantes procurados..

          “Após perguntar aos policiais o motivo da abordagem, um policial teria dito que ele se encaixava no perfil de um traficante de drogas procurado pela corporação e que o veículo que estava dirigindo seria investigado, no caso de um possível roubo.”

          pessoas são abordadas todos os dias, em todos os lugares..

          e se isso ocorresse com mais frequencia, estariamos mais seguros ainda…

          1. Reinaldo disse:

            o unico parametro para analise que temos aqui, é o que relata a matéria, portanto que, lendo a matéria, vemos que abordagem foi perfeita.. respeitosa, inclusive com explicação dos policiais para o motivo, coisa que muitas vezes não é feito…

  2. Se todos que forem parados pela polícia reclamarem,
    nenhum ladrão será preso.
    Se houve abuso, os vídeo vai confirmar .

  3. E verdade, nao vejo nenhum problemanisso, os policiais estao a cumprir a sua missao.

  4. Uma simples abordagem não significa discriminação. Agora, depende do tipo da abordagem! A matéria não dá maiores detalhes a respeito. Logo, parece que os policiais estejam certos.

  5. Alex disse:

    Olha isso aconteceu lá nos states né.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *