Religiosos se unem ao deputado Marco Feliciano e pedem veto a projeto de lei que autoriza o aborto

46

Nessa quarta feira (17) o deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP), protocolou à presidente Dilma Rousseff um pedido de veto parcial do Projeto de Lei da Câmara dos Deputados (PLC) 03/2013, que autoriza o aborto. O projeto passou “despercebido” por parlamentares e foi recentemente aprovado por unanimidade na Câmara.

Participaram da reunião representante de entidades como Confederação dos Bispos do Brasil (CNBB), Federação Espírita do Brasil, Fórum Evangélico Nacional de Ação Social e Política, Movimento Nacional da Cidadania pela Vida – Brasil sem Aborto, Associação Nacional da Cidadania pela Vida e Confederação Nacional das Entidades de Família.

O pedido de veto tem como foco os incisos IV e VII do artigo 3° do projeto, que diz: “O atendimento imediato, obrigatório em todos os hospitais integrantes da rede do SUS, compreende os seguintes serviços: (…) IV – profilaxia da gravidez; (…) VII – fornecimento de informações às vítimas sobre os direitos legais e sobre todos os serviços sanitários disponíveis”. A proposta considera como violência sexual qualquer relação sexual não consentida.

O pedido foi formalizado depois de uma reunião onde estiveram presentes representantes de seis entidades religiosas, os ministros Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil), e representantes do Ministério da Saúde.


A justificativa para o pedido de veto é que o uso do termo “profilaxia” abre brecha para médicos realizarem o aborto nas pacientes, além de caracterizar a gestação como uma doença, segundo o site do PSC.

– A gravidez não pode tratada como uma patologia. Muito menos o bebê gerado ser comparado a uma doença ou algo nocivo – afirma Feliciano.

O deputado, que é presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, afirma ainda que o inciso VII deve ser vetado porque não cabe a hospitais oferecer orientação jurídica às vítimas, responsabilidade que deve ficar a cargo das delegacias de polícia e autoridades competentes.

– O aborto não é um direito e sim um crime previsto pela Constituição. Além de tudo, não podemos correr o risco de que mulheres vítimas de violência sexual sejam induzidas a essa prática, mesmo tendo convicções contrárias, e tome remédios abortivos. Além de cometer um crime, elas estarão atentando contra a própria vida – completou o deputado.

Os representantes do Ministério da Saúde que estiveram na reunião defendem a aprovação do texto completo da lei, e afirmam que o termo profilaxia não abriria brechas para a liberação do aborto. De acordo com eles, o termo se refere ao uso da chamada “pílula do dia seguinte”, que teria poder apenas para evitar a fecundação, e não para interromper uma gestação.

Por Dan Martins, para o Gospel+


46 COMENTÁRIOS

    • O mais engraçado é falar em “ditadura gay”…
      Quem é que quer determinar, com base em suas convicções religiosas, como as pessoas devem se comportar, o que podem fazer, como se vestir, o que aprender nas escolas, que tipo de programação deve ter na tv? São os gays?

      • Sim claro, os gays tem imunidade tributaria, tem bancada no congresso para defender seus interesses. Obrigam as pessoas a serem gays. Tem canis e programas de TV para fazer apologia ao odio… Claro tem uma ditadura gay!

  1. ‘- O aborto não é um direito e sim um crime previsto pela Constituição. Além de tudo, não podemos correr o risco de que mulheres vítimas de violência sexual sejam induzidas a essa prática, mesmo tendo convicções contrárias, e tome remédios abortivos. Além de cometer um crime, elas estarão atentando contra a própria vida – completou o deputado.’

    Senhor infeliciano, o senhor ainda vai pagar muito caro na sua vida por cada discriminação que o senhor promoveu contra negros, homossexuais, ateus, católicos, mulheres, e etc, e ainda promove.

    A vida é muito curta, e o senhor tem filhas mulheres, eu vou torcer para que elas sejam estupradas e violentadas sexualmente, quem sabe assim, a hipocrisia do senhor junto com o seu falso moralismo, possa cair por terra!

  2. Afonso, você acha que só porque postou alguns videos de pessoas anti-cristãs você vai convencer alguém dos seus fracos e imorais argumentos? Pegue seu ateismo doentio, e vá vomita-lo para um publico que se interesse!!! Todos os comentarios aqui, que são feitos por-anti-cristãos vem de perfis fakes, ou trolls!!!

  3. Pregadores do ateismo!!! O que me admira muito é estes ateus que vivem em foruns, e agora até em sites cristãos, será que eles pensam que vão conseguir converter alguém? kkkkkkkkkkkkkkkkkk Infanticidas hipócritas!!! Lutam, por direitos que dizém ser humanos, mas para matar criancinhas inocentes que não cometeram crime algum, eles vem como uma tempestade!!!

  4. O pessoal do facebook tem sérias dificuldades de interpretação de texto.

    É tão dificil entender que pelo projeto basta a vítima se dirigir a uma unidade de saúde, SEM O LAUDO DO CRIME ( AO PESSOAL DO FACEBOOK ESPECIFICAMENTE) e afirmar que ficou grávida sem seu consentimento, e não é levado em conta o tempo de gestação !!!

    Isso é a maior porta aberta para a implantação da política escancarada do aborto no país. SABEM DE QUEM É O PROJETO ???

    DEPUTADOS DO PT !!!!!

    Parabens aos grupos de defesa da vida, esperamos o apoio incondicionat de todos os cristãos !!!

    Paz e Bem

  5. O pessoal do facebook tem sérias dificuldades de interpretação de texto.

    É tão dificil entender que pelo projeto basta a vítima se dirigir a uma unidade de saúde, SEM O LAUDO DO CRIME, o exame de corpo de delito ( AO PESSOAL DO FACEBOOK ESPECIFICAMENTE), afirmando que ficou grávida sem o seu consentimento ! Detalhe, não é levado em conta o tempo de gestação !!!

    Isso é a maior porta aberta para a implantação da política escancarada do aborto no país. SABEM DE QUEM É O PROJETO ???

    DEPUTADOS DO PT !!!!!

    Parabens aos grupos de defesa da vida, esperamos o apoio incondicionat de todos os cristãos !!!

    Paz e Bem

  6. Espaço para comentários sem moderação tem como resultado o que podemos observar abaixo. Militantes invadem, postam dezenas de mensagens e inviabilizam o debate do publico para o qual o espaço prioritariamente é destinado (no caso evangélicos e religiosos). O pessoal do “gospel mais” precisa ser mais criterioso para inibir ações de militantes.

  7. Outro texto e mais uma tentativa !!

    Enquanto a população saía às ruas para pedir o fim da corrupção na política e melhores condições de vida, no Congresso Nacional era votada a ‘toque de caixa’ a proposta da deputada Iara Bernardi (PT-SP), que trata do atendimento obrigatório e integral de pessoas em situação de violência sexual.

    O projeto de lei aprovado e que está nas mãos da presidente Dilma Rousseff para sanção, tem como pano de fundo a legalização do aborto no Brasil. Por mais que se queira dizer o contrário, o próprio texto da lei deixa clara a possibilidade de por fim a vida do feto em qualquer hospital credenciado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

    O texto fala em “profilaxia” da gravidez. O sinônimo de profilaxia é prevenção, ou seja, ato ou efeito de prevenir. Outro ponto indicativo da legalização do aborto é considerar “violência sexual qualquer forma de atividade sexual não consentida”. Não é sequer necessária a realização de exames para constatar a suposta violência sexual. Isto significa que a mulher, ao descobrir uma gravidez indesejada, pode procurar um hospital e pedir a profilaxia da gravidez e terá que ser atendida.

    Não seria esta a prática do aborto? Não seria esta uma ação de por fim a uma vida, no caso do feto ainda em formação?

  8. Enquanto a população saía às ruas para pedir o fim da corrupção na política e melhores condições de vida, no Congresso Nacional era votada a ‘toque de caixa’ a proposta da deputada Iara Bernardi (P-T-SP), que trata do atendimento obrigatório e integral de pessoas em situação de violência sexual.

    O projeto de lei aprovado e que está nas mãos da presidente Dilma Rousseff para sanção, tem como pano de fundo a legalização do aborto no Brasil. Por mais que se queira dizer o contrário, o próprio texto da lei deixa clara a possibilidade de por fim a vida do feto em qualquer hospital credenciado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

    O texto fala em “profilaxia” da gravidez. O sinônimo de profilaxia é prevenção, ou seja, ato ou efeito de prevenir. Outro ponto indicativo da legalização do aborto é considerar “violência sexual qualquer forma de atividade sexual não consentida”. Não é sequer necessária a realização de exames para constatar a suposta violência sexual. Isto significa que a mulher, ao descobrir uma gravidez indesejada, pode procurar um hospital e pedir a profilaxia da gravidez e terá que ser atendida.

    Não seria esta a prática do aborto? Não seria esta uma ação de por fim a uma vida, no caso do feto ainda em formação?

  9. OS EVANGELICOS ADORAM PROIBIR OS PECADÕES E OS PECADINHOS ? DEUS DÁ A TODOS O DIREITO DE PRATICAR O BEM OU O MAL. QUEM SOMOS NÓS PARA PROIBIR UMA PESSOA DE FAZER AQUILO QUE ELA QUER FAZER? SEJA BEM OU SEJA MAL.. ENTRETANTO ELA DEVE ESTAR PREPARADA PARA A PUNIÇÃO, POIS TODO ATO TEM SUA CONSEQUENCIA. ( DT 30:15 e 19 ). O HOMEM DE DEUS ENSINA ( II TM 2:24-26 ). USANDO A BÍBLIA ( II TM 3:16-17 ).

  10. Evengelicos sempre querendo controlar a vida dos outros, o que fazem na cama, o que fazem em casa, em que evdem acreditar… Queria ver se fossa a filha a irma a mae do pastor….
    E por falar em pastor, não é o Marcos Feliciano que tem uma mãe aborteira e ele ajudava…
    Vou te falar viu… PQP

  11. Se não fosse de caso pensado, bastaria então sugerir colocar um adendo ao texto, exemplo: “EXCETO ABORTO QUE É ESTRITAMENTE PROIBIDO!”

    Vocês acham que eles vão colocar??? NUNCA!!!

  12. ´´Não matarás´´ (Ex 20:13);

    ´´Do homem são as preparações do coração, mas do Senhor a resposta da boca´´ (Pv 16:1),

    Polêmicas e discussões à parte, importa que se prossiga orando, intercedendo para que essa brecha pró-Aborto na PLC 03-2013 seja derrubada, em nome de Jesus.

    Incentivemos com urgência, uns aos outros, à intercessão (1a Tm 2:1-4) pela Nação, pelas autoridades, no nome de Jesus, para o bem de todos. Afim de que não caia sobre nossa Nação o crime, o pecado do derramamento de sangue inocente legalizado neste País. Que Deus tenha misericórdia de nossos erros e nos fortaleça em Seu poder, pra sermos Sal na terra. Oremos.

    Em tempo: Observemos as inversões de valores, e a cegueira espiritual, o espírito do Engano que opera na sociedade, que vem num adoecimento crônico espiritualmente, moralmente, humanamente:
    A Palavra de Deus diz que ´´Por aumentar a iniquidade, o amor de muitos esfriará´´. Ora, o aumento da violência, num mundo onde a raça-humana é dirigida em prol dos seus instintos, ao dar as costas para Deus nosso Criador, e criar seus próprios deuses – seja o Ego, a Arrogância, a Covardia, o Endeusamento do Sexo, o Endeusamento do Dinheiro… todas estas atitudes e outras + tornam o homem um ser bestial, a ponto de violentar sexualmente alguém. Isso é animalesco. É diabólico. Essas coisas ocorrem pq as pessoas têm perdido o respeito a si mesmas e a Deus, a Seus ensinamentos, e consequentemente, o amor ao próximo:

    ´´E Jesus respondeu-lhe: O primeiro de todos os mandamentos é:
    Ouve, Israel, o Senhor nosso Deus é o único Senhor. Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento.
    E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que estes.´´ (Marcos 12:29-31)

    Contudo, qual ´solução´ a Sociedade sugere, contra a violência? Sugere outra violência ainda maior, que é derramar sangue inocente, abortar. (leia o Salmo 139).

    ´´Por Ti tenho sido sustentado desde o ventre, Tu és Aquele que me tiraste do ventre de minha mãe…´´ (Salmo 72:6)

    Não nos afastemos da Soberania de Deus… Se buscarmos Seu conselho, em Sua Palavra, se reaprendermos a Humildade, a Gentileza, SE descermos do trono e entronizarmos ao Senhor, certamente encontraremos caminhos supremos, sábios, muito além da violência-que-gera-violência. Violência que o PLC 03-2013 carrega sim, em seu bojo. Violência só gera violência. A solução não é abortar fetos indefesos, mas sim seguirmos os passos de Jesus:

    ´´E o Senhor continua declarando: Parai sobre os cruzamentos e observai; indagai pelos caminhos antigos, interrogai pelo bom Caminho! Agora, pois, caminhai por ele! Então alcançarei paz e descanso para vós. Contudo replicastes: Não cremos nisto! Não o seguiremos!´´ (Jeremias 6:16)

    Pois é, ´´quem crerá na nossa pregação?´´ parafraseando o profeta Isaías, 2.700 anos atrás. Quem crerá, nesta sociedade que destrói tudo de que se apropria…? Qual ser vivo, além nós, destrói o próprio planeta em que vive? Destrói a própria vida, tendo por certo destruir a vida que é gerada dentro de si… O mundo individualista não percebe o malefício q é: ir contra a natureza. Somos imediatistas demais, consumistas desgovernados. Guiamo-nos pela aparência, não atentando que tudo é vaidade, tudo passa. Precisamos ser + simples, buscar e cuidar do essencial; zelar por nossas famílias. Voltar ´´ao primeiro amor´´, como aconselha Jesus.

    O desregramento de vida, a erotização emancipada das crianças (q tmb é uma violência à sua Inocência – como erramos, como somos irresponsáveis, e nos falta Sabedoria). A manipulação permissiva da mulher como produto de consumo (sim, a própria mulher se diminui e se desvaloriza, desrespeita-se, dessa maneira, e acaba por estimular, incentivar o consumo sexual, a violência sexual). É questão de princípios – ou da falta deles. Todas estas coisas são ´sementes de violência´. Não se pode fugir da lei da Semeadura e Colheita, na vida. Vamos desacelerar o passo, ver o q tem se tornado nossa vida, valores. Aborto, ´´profilaxia da gravidez ´´não fará a nação progredir nem resolverá a questão da violência sexual.

    Por fim, na mesma inversão-deturpação de valores, outro projeto busca aprovação, em prol do ´´desenvolvimento social brasileiro´´ (o_O): Na Câmara dos Deputados, está sendo proposta a regulamentação da atividade dos profissionais do sexo, como prioridade antes que chegue a Copa em 2014 e dos Jogos Olímpicos de 2016, devido à expectativa de milhares de turistas que haverá no País. Que Deus tenha piedade de nós.

    Paz.

DEIXE UMA RESPOSTA