Renato Pelado, ex-baterista do Charlie Brown Jr., lamenta a morte de Champignon: “Acho que faltava Deus na vida dele”

3

A morte do músico Champignon, ex-integrante da banda Charlie Brown Jr foi muito lamentada por artistas e colegas de profissão, que publicaram mensagens de condolência e desejos de consolo da parte de Deus para a família dele.

No entanto, um destes colegas, o baterista Renato Pelado, que fez parte da formação original do Charlie Brown Jr ao lado de Champignon e Chorão (vocalista da banda morto em março deste ano) e tocou com o baixista por treze anos, concedeu uma entrevista ao G1 dizendo que sentia que havia faltado Deus na vida do amigo.

Pelado comentou que a postura de Champignon, mesmo quando se distanciaram, foi de amizade: “A última vez que eu vi ele, por incrível que pareça, foi no enterro do Chorão. O que nos separou foi a banda, eu segui outro caminho, segui o caminho de Deus. Ele me apoiou, nunca ficou me pressionando, respeitou minha escolha. É lamentável, estou muito surpreso”.

Segundo Renato Pelado, ele tentou agendar um encontro com o amigo na última vez que conversaram por telefone: “A gente era amigo, eu liguei para ele e pedi para que quando estivesse em Santos me encontrar”.


O baterista, que atualmente é membro da igreja Bola de Neve, lamentou o ocorrido e a falta de Deus na vida do amigo: “Ele deixou alegria, a técnica, a lembrança ficará sempre no coração. Uma pena que tudo afetou ele. Eu chego a conclusão de que o sucesso não é isso, sucesso é outra coisa. É um engano, você acha que está fazendo sucesso, mas no fundo está vazio, eu acho que faltava Deus na vida dele. Eu fujo do tumulto, achei minha paz”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

3 COMENTÁRIOS

  1. Quem somos nos para jugarmos o próximo.Que atire a primeira pedra quem não for pecador.Deixe nas mãos do SENHOR,com certeza ELE terá misericórdia.Descanse em paz irmão…….

  2. Para aquele que nos chamam de “evanjegue” só saberão a razão de tudo o que NÓS, Evangélicos fazemos no dia em que tudo o que foi profetizado terminar de se cumprir, e antes eu viver a minha vida com um propósito do que viver uma vida vida de acordo ao Alexandre Lins (comentário logo acima) : sem sentido. O sentido da minha vida é JESUS, e se você quiser ele pode ser o sentido da sua também!!

  3. Tem gente q n sabe das coisas e sai falando… quem disse q foi droga? O cara estava com depressão, por causa da pressão psicológica(GERAL) ele estava passando por um problema como qualquer um, o erro foi de não procurar ajuda e ter arma (PQ ARMA NÃO TEM “UTILIDADE” NENHUMA) e realmente Renato Pelado está certo, ele precisava de buscar sua paz, pq fama não é tudo nessa vida… Diz: Pelado DEUS foi onde ele encontrou a ajuda e assim ele saiu da fama com isso ele ganhou a paz, sem assédio, e pessoas lhe dizendo como você “tem q fazer e o q fazer”… Agora ele tem paz para fazer projetos e o bem o quer fazer da vida!

DEIXE UMA RESPOSTA