Justiça proíbe cultos em trens de passageiros no Rio de Janeiro após registro de mais de cem reclamações

40

Após a decisão da Justiça que proibiu a realização de cultos evangélicos nos vagões de trens da Supervia, no Rio de Janeiro, a 7ª Vara Empresarial da Capital decidiu que multará a empresa diariamente em R$ 5 mil caso as celebrações continuem ocorrendo.

Além de colocar avisos sobre a proibição da realização de cultos durante as viagens, a Supervia deverá fazer uso de força coercitiva para se fazer cumprir a ordem judicial.

O inquérito que deu origem à decisão da justiça registrou mais de 100 queixas de passageiros, que relataram incômodo com os cultos evangélicos durante as viagens nos trens, além das queixas relativas à entonação de cânticos, uso instrumentos musicais, gritarias e ofensas verbais aos demais passageiros que não compartilham da mesma fé.

A decisão não foi bem vista por parte dos passageiros: “A pessoa pode se expressar onde quiser. De vez em quando é chato , mas acho [a proibição] um abuso de poder”, afirmou Débora Fernandes, jornalista, em entrevista ao G1. “Eu acho que cada um se manifesta da maneira que quer. Mas tem que ter um local apropriado, porque nem todos do trem gostam de ouvir”, ponderou o técnico de informática Carlos Esteves.


A Supervia afirmou que já colocou avisos nas bilheterias e também realizou reuniões com os religiosos, pedindo a colaboração na questão.

O pastor Silas Malafaia comentou a decisão da Justiça e criticou a alegação de incômodo: “Só agora os cultos estão incomodando? Ninguém fala da quantidade de pessoas que pensavam em se matar e desistiram depois de ouvir a palavra dos pregadores. Ou dos dependentes químicos que deixaram as drogas. O que é lixo moral tem ampla divulgação. Quero ver o promotor mandar acabar com a Parada Gay. Esta sim causa muito mais constrangimento às famílias brasileiras. Mas, é claro, não se pode falar nada, pois é homofobia. Só lamento a decisão da Justiça. Temos que acatar”, escreveu.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


40 COMENTÁRIOS

  1. há diferença do culto numa praça de um culto num trem, onibus, metro… a pessoa é obrigada a ouvir o que não quer, e no caso no culto em uma praça ela tem a opção de ir se afastar se quiser…

    aí a pessoa tá tranquila no trem e vem um cara falando alto, pregando… e a pessoa é obrigada a ouvir… não tem pra onde correr… a lei está correta nesse ponto.

    a lei brasileira dá liberdade de culto e inviolabilidade de local de culto, desde que seja um templo algo do tipo, mas incomodar passageiros com pregações dentro dos trens é abusar da liberdade… da mesma forma que não é legal vc estar num trem e gente ouvindo som alto, funk, sertanejo etc… é um ambiente coletivo e silencio é respeito.

    Silas malafaia é contra pq ele não anda de trem… todo mundo sabe que malafaia está longe de viver uma vida igual aos cristãos simples.

    • Stardust,
      Você está totalmente certo! Se o Brasil fosse um país sério, esta gente deveria estar é na cadeia fazendo pregação para as paredes! E o tal do Malafaia junto!

      • tbm concordo com o Stardust, esses evangélicos são uns dementes, querem OBRIGAR a todos a assistir um culto evangélico dentro do trem, depois de um dia de trabalho.
        Depois ainda acham ruin que são considerados uns CHATOS por toda a sociedade, tem coisa mais chata do que enfiar suas convicçoes religiosas goela a baixo da sociedade ???
        sou a favor da lei, e devia abranger tbm quem fica com som alto e comércio .
        as pessoas merecem um pouco de paz e sossego .

        ahahaha
        Malacraia só anda de avião particular
        pago por suas ovelhas cegas – porém não mudas – infelizmente

        • meu caro Felipe, sou evangélico e não procedo assim como vc diz. pois Jesus nos ensinou que o reino Dele não se conquista nem por força e nem por violência, da minha parte vc aceita se quiser ou não aceita, vc tem o livre arbitrio, onde vc vai querer passar a eternidade é problema seu, eu só posso de dizer que com Jesus é muit, mas muito melhor. um abraço

  2. Que eu saiba evangelismo diz respeito à exemplo de vida. O que adianta ver um retardado gritar a palavra de seu deus dentro de um transporte coletivo? Que mau exemplo de vida é este??????????????? Fazer o quê, se alguns creem que o evangelho deve ser pregado a toda criatura não importando o método de tortura!!!!!!!!!!!

  3. sou evangélico, e não concordo com esse tipo de coisas, além do que isso não pode ser privilégio só de um segmento religioso. Já imaginaram se toda as correntes, fossem cultuar dentro dos ônibus? candomblé, espiritismo kardecista, mórmons, testemunhas de Jeová etc etc??? Por que sou contra: ” a luz da bíblia CULTUAR à Deus, segundo 1º Cor. 14:40 exige.. – Mas faça-se tudo decentemente e com ordem……onde encontrar isso dentro de trens lotados??????? isso mais atrapalha do que ajuda a propagação das boas novas.

    • Paulo esta proibição já existe no RJ há pelo menos 3 anos em decisão do TJ RJ. Só que muitos grupos evangélicos desrespeitam a decisão.
      Não falo de uma proibição total( e vc sabe que sou catolico), pois algumas das pessoas que pregam nos trens são respeitadoras, falam em tom manso e cordial sem ficar atacando as crenças dos demais.
      Agora já vi um sujeito que se apresentava como ex-traficante e parecia ainda cheio de odio em seu coração. Toda vez que alguem discordava ou reclamava dele. O “cristão” respondia: “É reza pra mim não voltar pra vida do crime, pois, se acontecer ai talvez eu venha aqui pra me acertar contigo”.
      OU seja ameaçava.
      Um outro até pregador até passou vergonha. Pois predicando nas 9 da noite num trem cheio de gente dormindo falava: “Pra vc que ta fingindo que tá dormindo”. Um homem reclamou falando que ele ofendia trabalhadores e ai uma senhora alta e gorda levantou e deu um tapa na cara do profeta do trem. Ela disse: “Eu não sou falsa e estava dormindo mesmo seu cretino!”

      De todo modo costuma ser barulhento e muitas vezes faltava etica em relação aos demais segmentos religiosos.

      • Depois de Jesus, Paulo ex Saulo, quantas vezes lemos de suas surras, e espancamento, das prisões. Sei que muitos extrapolam em suas mensagens, mas não podemos generalizar. Podemos ter a certeza, de que se os Apóstolos, esmorecessem nas ofensas e dificuldades que passaram para levar o nome de Jesus, se Paulo, recua se a cada surra que levou, hoje talvez não conheceríamos á Jesus. Mesmo a igreja católica se cedesse as perseguições, hoje não existiria. Tenha certeza, Leandro, que sempre irão querer calar a boca dos Cristãos. Fica na Paz de Deus.

        • De minha parte não desejo calar a boca de grupo cristão nenhum. E nem generalizei que são todos chatos e mal educados. Se olhar direitinho vai ver que postei que muitos sabem pregar em tom manso, didatico e sem insultar os demais.

          Os casos que relatei são apenas o que vi e o que talvez explique a decisão da justiça. No caso do profeta mal educado que apanhou, eu não concordo com a atitude da senhora que o agrediu. Por outro lado, ele também errou ao falar que tinha gente fingindo que estava dormindo. Ela não é Deus pra ficar julgando o sono ou cansaço dos outros e falou sem prudência e sabedoria.

          E ninguém quer ouvir um tipo que ofende com acusaçôes indevidas.

    • Querido irmão Paulo. fico triste em ler suas palavras, desde de quando pregar o evangelho é falta de decência. Somos comprados pelo sangue de Jesus, que nos deixou uma ordem, ” ide e pregai o evangelho” disse a todos povos e nações e línguas. Não sei se acompanha as noticias de muitos Missionários sendo mortos em países onde o evangelho é proibido, Se leres atentamente a vida de Paulo e de todos os Apóstolos e como eles foram mortos , talvez não relataria estas palavras, pois todos morreram pregando a Palavra. Jesus disse ” ide, eis que vos mando como cordeiros ao meio de lobos” (Lc;10-3). Não sei se as outras religiões tem uma ordem de seus mestres, certamente não! Para ser Cristão é ter a certeza de uma missão perigosa que exige um comprometimento sincero. Por falta de ousadia, não podemos querer desencorajar aqueles valentes atalaias de Cristo levando a bandeira o Evangelho. Quando vamos, nos presídios, nas cadeias, na cracolândia, nos hospitais, muitas vezes somos mau recebidos, mas mesmo assim, temos que fazer o ide de Jesus. Porque as companhias de trens, não proíbe, as musicas altas, dos repentistas fazendo piadas indecorosas, de grupo de jovens, cantando musicas, denegrindo as mulheres. Não foi uma atitude para o sossego. Foi mais um ato de perseguição a Palavra de Deus. Amado, que a graça do Senhor Jesus esteja contigo!

      • Desculpe, mas voce esta totalmente errado. Existe lugar pra tudo, e transporte PÚBLICO realmente NÃO é lugar pras suas pregações.
        Você certamente iria se incomodar com pregação de outras religiões. Já imaginou voce entrar no trem e dar de cara com um grupo fazendo um despacho ??
        Ah, faça me o favor, se voce quer pregar, VÁ PRA IGREJA .
        Lá sim, quem quiser assistir a sua pregação entra e assiste.
        Agora voces escolhem o transporte coletivo, onde as pessoas estao praticamente presas, e são OBRIGADAS a escutar a sua pregação doente. Voce acha isso correto ?? Gostaria de passar por essa situação, ouvindo pregação de uma religião que não é sua ??
        É engraçado, que são voces – os evangélicos – sempre criticam religiões afro, mas eu nunca fui obrigado a assitir um ritual de umbanda dentro do trem.
        E são voces tambem que falam da ditadura gay, mas o que você fazem não é uma ditadura ?? Voces obrigam a todos ali presentes, cansados, muitas vezes de pé no maior sufoco, e ainda tem que ficar ouvindo um louco gritando e pregando ??
        Isso pode ser considerado uma tortura pra muitos, mas voce não tá nem ai, ainda estimula as pessoas a continuar com essa papagaiada ……
        Vá cuidar da sua vida, pregar pra quem tem interesse e não OBRIGAR a todos a compartilhar das suas loucuras..

      • Meu caro irmão, notadamente essas pessoas são as mesmas que todos os dia pegam esse meio de comunicação, então é bom observarmos que o IDE de Jesus é fundamental, mas também devemos acatar o que Ele fala após, como está aqui…: Tito 3:10-11
        10 – Ao homem herege, depois de uma e outra admoestação, evita-o,
        11 – Sabendo que esse tal está pervertido, e peca, estando já em si mesmo condenado.. Ora essas mesmas pessoas todos os dias ouvindo e nem dando bola, o evangelista que saia a procura de outras pessoas que ainda não ouviram falar de Jesus, pra não ser mais rude citando o Senhor Jesus que disse: Não deiteis vossas pérolas aos porcos”. infelizmente sabemos que milhões de pessoas preferem os outros atos que vc cita, nas nem querem saber da palavra da salvação, paciência. Paz seja contigo também.

  4. Sou evangelico a mais de 20 anos e concordo sim que nao haja nem um tipo de manifestaçao nos transportes coletivos seja ela de natureza religiosa ou nao ,os transportes coletivos foram criados para transportar o povo de um local para o outro e na sua maioria trabalhadores,mas tambem a lei deve ser para todos sem cultos,sem pagode,sem aniversario,sem baleiro,gente pedindo esmola…Abraços.

  5. A PAZ!

    Elias, STARDUST, os DIS estão coberto de razão, quem conhece, sabe que uma tortura, ateo aqui em Sampa, distribuir folhetinhos (santinhos para alguns) e legal, Cantar uns louvores em capela e Bacana,mas pregar o Evangelho, como fazem lá no Rio e tortura mesmo, chega a ter o tom de escarnecimento de fato, pior e que tem vendedores, pedintes de tudo quanto e sorte da vida, haaa!
    fumantes, casal malhando, uns puxando um fuminho, outros com radio, e uma loucura total, ou seja uma zorra total, sabe as vezes tenho saudades dessa loucura lá d Rio, ônibus cheio de óleo no chão a noite, e por aí vai.

  6. Eu viajo de trem a anos e isso sempre incomodou, e concordo com esta decisão, pois liberdade de expressão é uma coisa outra é incomodar os passageiros com pregações e excessos de barulho, porque nem todos compartilham do mesmo credo, então sempre terão pessoas que irão se incomodar. Sou a favor tambem de proibirem samba, funk, vendas e qualquer manifestação que cause incomodo aos passageiros, pois ninguem merece voltar pra casa cansado em um trem cheio e ainda por cima com pessoas barulhentas. Nada da direito a qualquer religião a entrar em um ambiente coletivo e obrigar outros usuários a aceitarem suas pregações é para isso que existem os templos religiosos.

  7. Esses cultos sempre incomodaram a maioria dos passageiros. Concordo plenamente com esta decisão, pois liberdade de expressão é uma coisa outra é incomodar os passageiros com pregações e excessos de barulho, porque nem todos compartilham do mesmo credo, então sempre terão pessoas que irão se incomodar. Sou a favor tambem de proibirem samba, funk, vendas e qualquer manifestação que cause incomodo aos passageiros, pois ninguem merece voltar pra casa cansado em um trem cheio e ainda por cima com pessoas barulhentas. Nada da direito a qualquer religião a entrar em um ambiente coletivo e obrigar outros usuários a aceitarem suas pregações é para isso que existem os templos religiosos.

  8. Eis que vem dias diz o Senhor Jeová,em que enviarei fome sobre a terra,não fome de pão,nem sede de água ,mas de ouvir as palavras do Senhor.E irão de um mar até o outro mar,e do norte até ao oriente,correrão por toda a parte,buscando a palavra do Senhor mas não a acharão .Amós:8.11-12

    • Não acharão a “palavra” do seu deus porque não existe.

      Nenhum deus falou alguma coisa a ninguém em nenhum momento. Se alguém ouviu o seu deus falar, era um esquizofrênico.

      • Deus é bondade infinita mas também é justiça meu caro HAL-9000 e não é Ele que lhe envia mais fome e sofrimentos, isso vem de vc, se vc esta passando por isso, examine-se a si mesmo e veja onde está errado, não lhe conheço, mas se vc tá passando problemas sei que boas coisas vc não anda fazendo. ” O salário do pecado é a morte” veja no que andas pecando e procura arrepender-te e busca a Jesus, Ele lhe espera de braços abertos. se vc quiser, Ele e nem ninguém lhe obriga, a liberdade é somente sua.

  9. Esses evangélicos são sem noção mesmo… metro e trem é para transportar e não são uma extensão da igreja deles. Pago por um serviço e quero um serviço de qualidade e isso inclui ter paz e não ser incomodado por uma criatura alucinada berrando e gritando, essa gente tem que aprender a ter educação e respeito pelas pessoas que não seguem essas facções religiosas. Se um dia eu encontrar um desses eu vou pedir para ele parar se ele se recusar eu vou chamar o seguranca e exigir retratação da igreja que vende seus serviços no transporte publico.

    • Luis. você disse se acontecer com você, vai chamar segurança, vai pedir retratação, tudo bem, mas quero ver você, fazer isto estiverem ali, como de costume tem, jovens ouvindo sons altos, com aquelas caixinhas de som, ouvindo, funk, arrocha, repentista, fazendo piadinha indecorosa, você, vai ficar caladinho, pois certamente vai ficar com medo, ou gosta, agora chamar segurança pra evangélico é bem fácil. também quero ver se você tem peito, suficiente, para chamar a policia, para aqueles barzinho que ficam até a madrugada co som alto, quero ver se tens peito para chamar a policia, quando aqueles demente, ligam o carro com som de mala, no último volume. Você é daqueles valente que escolhem com quem mexer,.

      • Não importa que muitos façam uma deteminada coisa errada, ainda assim ela continuará a ser errada. – A lei existe para ser seguida, não só pelos evangélicos, mas por todos os religiosos, pessoas que tem o habito de usar aparelhos sonoros sem o fone de ouvido, ambulantes e seja quem for. O que se espera daqueles que dizem seguir a Deus é que no mínimo sigam a lei e respeitem o seu proximo, independente da religião desse proximo. O que não dá é pra ficar justificando erros baseando-se em pessoas menos esclarecidas que ouvem funk ou fazem sei lá o que. Sem querer pegar pesado, mas aproveitem que ja sabem ler a bíblia e leia a legislação e sigam-na.

  10. Está ficando cada vez mais chato acessar este sitio. Comentários sem pé nem cabeça. Vejam o significado da palavra CULTO em língua portuguesa. Os verdadeiros adoradores adoram em espírito e em verdade. Não se trata de culto e sim de bagunça mesmo. Parecem torcidas organizadas de time de futebol. Apenas levam o comportamento de casa, para lugares outros e não se envergonham. Olha que sei o que é culto e toda minha família é protestante. Inclusive uma bisavó minha do século dezenove, mas aqueles que se dizem evangélicos trouxeram toda essa bagunça para dentro das Igrejas e querem impo-lo ao restante da população. Foi muito bom ser protestante num pais católico nos meus primeiros anos de vida, onde havia respeito. Dos anos 90 para cá, tenho vergonha.

  11. Eu lamento esta manifestação do MPE, numa violação ao art. 5°, IX, da Constituição Federal, o que constitui uma perseguição ao Evangelho Brasil. Vamos aguardar também as próximas manifestações, que devam ser certamente, proibindo outras manifestações culturais, em especial baile funk, blocos de carnaval, torcidas organizadas, que geram medo e insegurança aos passageiros, o comércio de guloseimas etc. É importante lembrar à Justiça no Rio que o Evangelho transformando vidas é uma ação gratuita que o Estado não paga. Não se vê por evangélicos criando perturbação da ordem pública, característica daqueles que não temem a Deus, muito menos às autoridades.

    • Concordo PLENAMENTE vivemos em um Estado Laico, o que possibilita a TODOS, não só a nós evangélicos a possibilidade de falar da fé que professamos, assim diz a Palavra de Deus:
      Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.
      Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue?
      E como pregarão, se não forem enviados? como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam o evangelho de paz; dos que trazem alegres novas de boas coisas.
      Mas nem todos têm obedecido ao evangelho; pois Isaías diz: Senhor, quem creu na nossa pregação?
      De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus.
      Mas digo: Porventura não ouviram? Sim, por certo, pois Por toda a terra saiu a voz deles, E as suas palavras até aos confins do mundo.
      Romanos 10:13-18.
      Não desista, pregue, pregue, pregue!!! A norma máxima em termos de direito no Brasil nos permite esse direito, a constituição Federal, vejamos:

      Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
      IV – é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
      VI – é INVIOLÁVEL a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias.
      Aos discordantes digo JESUS VOS AMA E NOS QUE O SERVIMOS TAMBÉM!!!

  12. Esses crentes são obrigados a pregar porque o líder divino deles os obrigou, ameaçando-os ao Inferno caso não o façam. Por isso que enchem tanto o saco tentando pregar nos lugares mais inusitados.

    A ordem judicial está certíssima, religião tem seu lugar para ocorrer, quem quer ouvir a palavra de alguma divindade sabe onde se dirigir: seus respectivos templos religiosos (no caso dos evangélicos, uma passada no Centro Auditivo Telex é quase uma necessidade).

    Necessária também é o impedimento de celulares tocando alto o que quer que seja, ninguém é obrigado a viajar horas ouvindo o que não quer na marra.

  13. Muitas vezes viajando nesses trens já vimos pessoas fumando maconha, tocando pagode como se estivesse no bar, ladrões, ambulantes e vários outras coisas agora querem calar os crentes isso que é perseguição deixa eles, tem uns que falam demais mais a maioria anunciam a palavra de Deus.

    • ninguem proibe,,predicar,,o que se busca é respeitar o espaco que pertence a todos,,,isso gera sem duvida armonia,,,nao todos somos evangelicos ,,nem catolicos,,nem temos os mesmos gostos musicais,,,e quando sentimos necesidade de procurar a deus,,,,,u de certo tipo de music,,,ligamos a tv,,,ou vams num igreja,,,ou se queremos escutar x tipo de musica,,,,frecuentamos un lugar adecuado pra fazer isso

  14. péssoal,olha bem oque foi proibido foi culto religioso,nao so evangelico,quando proibil poluissão sonora todos concordaram,fumar cigarro,ate vander coisas,eu vou ser cincero,dar uma palavra a alguem em particular vai dar mas resultado,e nisso os crentes tiram de letra,não sei porque o espanto.ja pensou num vagão evangelicos no outro espiritas no outro catolicos depois budista etc.ai eu quero ver alguém ser a favor.

DEIXE UMA RESPOSTA