Política

Deputado José Bruno, vocalista da banda Resgate, vai a plenário contra a lei da homofobia

Comments (8)
  1. Cleidiana Rocha disse:

    Estejamos mas do que nunca de joelhos no chão pedindo por misericórdia a nosso Deus, porque sabíamos que esse dia ia chegar, a perseguição religiosa do Brasil esta deixando de ser oculta.
    Nos tornaremos como os paises do orientais? Gostaria de diz que pagaria para ver, mas na verdade não será possível pagar porque a verdade é inevitável, pois, está escrito que veremos muitas coisas, choros, dores sofrimentos, perseguições mas, ainda não será o fim. Sejamos fortes e a cada dia e nos perguntemos: Estamos prontos para não negar a Jesus, nosso Senhor?
    Cleidina Rocha

  2. fabricio disse:

    boa tarde!
    quero tbem deixar minha decisão sobre a lei pl 122/06, eu sou totalmente contra essa lei, na nossa costituição já temos lei que proteje a todos nós, mesmo sendo negros, homossexuais e muito mais, de lei o pais esta cheio, eles estão querendo nos amordaçar e não uma proteção, sou contra, sou contra, sou contra

    fabricio vieira

  3. clayton vitor disse:

    A paz amados!
    Estou aqui para expressar a minha total indiguinação com está lei PL 122/06.
    Nós que fomos chamados por Deus não podemos deixar de orar contra isso,não somos homofóbicos.Precisamos derrubar isso e pregar a verdade que liberta,quanto mais politícos cristãos estiver no senado maior e melhor será para essa nação…

  4. Ozznofa disse:

    Primeiramente, Boa Tarde!
    “Segundamente”, o autor cometeu um pequeno equívoco: “Segundo essa lei, toda opinião contrária a qualquer manifestação homossexual deve ser tratada como crime. Com isso, as pessoas deixarão de ter a liberdade de emitir opinião contrária ou expressão.”. A lei não trata como crime opiniões e expressões contrárias à homossexualidade, mas discriminação, atos vexatórios, proibições/negações de serviços, expulsão e negação a atos afetivos em locais públicos ou abertos a este, e demissões/alterações trabalhistas em função de raça, cor, religião, opiniões político-filosóficas e, claro, orientação sexual.
    O Excelentíssimo José Bruno não será tratado como criminoso por declarar suas opiniões, e a sexualidade do pastor do exemplo dele só será a causa de acusações caso: 1_Ele denuncie. 2_A ligação dele com a igreja, caso ele denuncie, represente ligação contratual de trabalho.
    Espero melhor entendimento apartir deste comentário! Abraço a todos!

  5. JB disse:

    Cometários acima: O mesmo fanatismo de sempre

  6. Sérgio disse:

    Como pode, filhos de Deus, em reunião, orientar massas CONTRA alguma coisa?

    Pessoal, vocês estão ignoranto totalmente a condição da homosseuxualidade. Isso sempre vai existir, por mais que vcs berrem, gritem CONTRA, sempre existiu

    vocês não pensam? O Mundo É AQUI, somos nós que fazemos, comecem dentro da casa de vcs!

    RESPEITO À CIDADANIA

    CONTINUEM CONTRA E DARÂO A APROVAÇÂO DE BANDEJA

  7. ÚLTIMO CRISTÃO disse:

    Parabéns a este nobre Deputado, está corretissímo. Enquanto muitos da bancada evangelica ficam com medo dos gays, este demostrou coragem.

    Se eu fosse deputado federal iria propor uma lei que condenasse os gays a pena de morte, como acontece nos países árabes.

    Mas um dia este país, chamado Brasil, evoluirá a tal momento maravilhoso.

  8. Genaina disse:

    Meu amigo que se denomina ultimo cristão, acho que você está louco, 1º você não é o ultimo e nem unico. Agora dizer que homossexuais deveriam morrer meu Deus è demais meu irmão.Por mais que nós não concordemos com esta opção eles existem e Deus os ama do mesmo jeito sem fazer acepção de ninguém. Com essas idéias daqui a pouco você vai estar venerando até o HITLER. Me poupe de tanta ignorancia!!!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *