Estudiosos revelam que pergaminhos encontrados no Mar Morto contém promessas de Deus

Resultado das pesquisas foram publicados em dois livros, com riqueza de detalhes

0

Um grupo de arqueólogos anunciou a publicação de estudos a respeito de 25 fragmentos de manuscritos encontrados no Mar Morto há algumas décadas e, até então, alvo de pesquisas dos estudiosos, que buscavam determinar sua originalidade. Nos textos, há promessas feitas por Deus ao povo como recompensa de sua obediência aos dez mandamentos.

Cada um dos 25 fragmentos que foram publicados agora remete a livros do Velho Testamento, e de acordo com os testes realizados, teriam sido escondidos nas cavernas de Qumran, na Cisrjordânia – local onde foram encontrados –, no ano 68 a. C. com o objetivo de preservá-los da invasão romana.

De acordo com informações do Christian Today, esses pergaminhos são alguns dos mais antigos manuscritos bíblicos de que se tem conhecimento. Sua descoberta aconteceu entre os anos 1947 e 1956, no sítio arqueológico de Qumran, quando pesquisadores desenterraram milhares de fragmentos de cerca de 900 manuscritos.

O conteúdo dos 25 publicados agora remete aos livros de Gênesis, Êxodo, Levítico, Deuteronômio, Samuel, Ruth, Reis, Miqueias, Neemias, Jeremias, Joel, Josué, Juízes, Provérbios, Números, Salmos, Ezequiel e Jonas. Os textos dos fragmentos foram publicados nos livros “Seleções das Cavernas: Rolos do Mar Morto e artefatos da Coleção Schøyen” e “Coleção Fragmentos de Manuscritos do Mar Morto no Museu”, de acordo com o portal Live Science.


Na coleção Schøyen há o conteúdo, dentre outros, dos fragmentos do livro de Levítico, em que Deus promete recompensas aos que seguirem os dez mandamentos e guardarem o sábado: “Se você andar de acordo com as minhas leis, guardar os meus mandamentos e implementá-los, então eu concederei chuvas a seu tempo, de modo que a terra será produtiva, com as árvores do campo e os seus frutos”, diz parte do texto, que foi traduzido por Torleif Elgvin.

“Vou conceder a paz na terra e você poderá deitar-se, sem ser perturbado por qualquer pessoa. Eu vou exterminar as bestas da terra e nenhuma espada atravessará a sua terra […] Vou olhar com favor sobre você e o farei fértil e multiplicando-vos”, continua o texto.

O History Channel, canal de TV por assinatura que se dedica a explorar fatos históricos descobertos por estudiosos, noticiou que ainda não se tem notícia sobre quem são os autores dos pergaminhos que tiveram seus fragmentos descobertos, mas que os estudiosos acreditam que eles podem ter sido escritos pelos essênios, um grupo judeu conservador que viveu na Judeia à época que a região estava sob o Império Romano.


SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA