Mundo Cristão

Lei da Homofobia é sinal dos tempos do Juízo Final, diz deputado

Comments (47)
  1. cosme f.ferreira dos santos disse:

    deixa D
    eus ti usar

  2. required disse:

    Eu não sou homossexual, tenho muitos amigos homoxessuais e não sou influenciada por eles, e também não os influencio!!!Então porque toda esta hipocrisia!!!hipocrisia pura, porque a homossexualidade parece ser uma coisa natural de todo o MAMÍFERO! Não entendo o porque dos religiosos em querer impedir esta lei que seria uma justiça para estas pessoas que merecem o direito de não ser espancadas por homofóbicos complexados, esta lei não mudaria o fato das pessoas que se relacionam deixassem de se relacionar por isso, pelo contrário lhes daria a sensação de ser seres humanos como todos os outros… aliás, não é isso que eles são? seres humanos também?

  3. Em relação à movimentação que temos presenciado na mídia (inclusive na agência de notícias do Senado Federal) em relação à verdadeira “cruzada” que se promove contra a aprovação do Projeto de Lei que criminaliza a homofobia, temos algumas ponderações a fazer.
    Inicialmente nos parece “estranha” esta cruzada dos evangélicos, não contra uma lei como querem fazer parecer, mas contra 10% da população mundial (sim, pois a ciência já demonstrou que esta é a porcentagem de indivíduos com orientação homossexual). Na realidade, muitos não deveriam nem se auto-denominar “evangélicos” pois o termo “Evangelho” se refere ao novo testamento e Jesus, Ele mesmo, jamais pregou a intolerância ou o preconceito, pelo contrário, vivia entre prostitutas, cobradores de impostos e mendigos e, ao que consta, não deixou que apedrejassem a adúltera, conforme previa a lei judaica. Disse Ele, que atirasse a primeira pedra aquele que não tivesse pecado. Repito a frase de Jesus, o mestre dos mestres, aos nossos pastores, nem sempre modelos de virtude ou de moral ilibada.
    Mesmo Paulo, e sua famosa carta aos romanos, não é Jesus, embora afirme falar em nome Dele.
    Além disso, se os “evangélicos” querem aludir ao Levítico e à Lei Judaica, na condenação à homossexualidade, então, porque não seguem na íntegra a tradição judaica, ou seja: santificam o sábado, deixam de comer carne de porco e circuncisam os seus filhos homens ao oitavo dia…Tudo isto está escrito na Bíblia!
    Temos a ponderar também que em nosso país existe liberdade religiosa: cada um tem o direito de professar a fé na qual melhor se encontrar. Mais do que isto, nos é garantido pela Constituição Federal, em vigor desde 1988, que o cidadão tem o direito de livre expressão, inclusive o direito de expressar livremente a sua sexualidade. A mesma legislação que garante aos fiéis o direito de serem evangélicos (até 1889 o catolicismo era a religião oficial do Estado brasileiro) também garante os direitos dos homossexuais, que eles discriminam. Mais do que isto, garante que qualquer pessoa que se sinta diretamente agredida por comentários, inadequados e pouco éticos, recorra a um processo judicial: isto é um exercício de cidadania. Devemos lembrar que sempre que houve “caça às bruxas” e que os “hereges” queimaram nas fogueiras da inquisição também foi “em nome de Deus”. Resta saber de qual Deus: Iaveh dos Judeus, Krshna, Jeová, Javé, Alah, Deus Pai Todo Poderoso… Todos permitidos no Brasil, isto sem necessitar citar nominalmente todas as entidades que compõe o panteão das religiões afro-brasileiras, igualmente permitidas.
    Também devemos lembrar que a Bíblia não é o único livro santo; os judeus tem o Torah, os muçulmanos o Corão, os indianos o Badhara Gita e assim por diante. Mesmo em relação à Bíblia, todas as igrejas cristãs afirmam estar fundamentadas nos textos bíblicos, mas, havemos de admitir, existe grande diversidade de opiniões, de posturas e de práticas entre elas. Há lugar para todos nós neste planeta: para todas as cores de pele, todas as crenças, todas as línguas e todas as opções sexuais. Todos somos filhos de Deus, independentemente do nome que damos a Ele e, inclusive, gostaria de saber onde está a procuração assinada pelo Todo Poderoso, que autoriza apenas alguns a falar em nome Dele.

  4. Cicero de Oliveira disse:

    Um povo que não era povo, mas agora é chamado povo de Deus, uma comunidade que não recebia misericórdia do sistema religioso, mas agora do Espírito Santo recebe misericórdia. Esta é a raça eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo de propriedade exclusiva de Deus. (1 Pedro 2, 9-10)

  5. Agostinho disse:

    Sr. Luiz
    Somos todos criaturas de DEUS mas nem todos somos filhos de DEUS,

    e uma coisa te garanto um homosexual não é filho de DEUS.

  6. Matheus disse:

    Será que tds somos filhos de Deus, nem sabemos se Deus existe seus crentes de merda, se vcs realmente fossem cristãos como dizem repeitariam a todos sem preconceitos!!!

  7. João disse:

    Quem disse que nós Evangélicos somos preconceituoso? Temos sim conceito formado, Quem disse que não respeitamos os homossexuais ? Respeitamos sim, não queremos a morte para eles, não somos radicais como os Nazistas, afinal vida é um direito de todos,
    Queremos que tenham vida e vida com abundancia libertos dessa prática Imoral.

    Agora dizer que não é um Distúrbio o homossexualismo vcs então de brincadeira NÉ? Dizer que é algo normal é demais!

    Com certeza é um distúrbio um beração ou algo do gênero, com certeza os homossexuais não vieram ao mundo através de uma relação “natural” de homossexuais, Mas sim de HETEROSEXUAIS.

    Com certeza um mundo de homossexuais nunca iria existir (Graças a Deus) a dádiva dá vida da concepção é dada por Deus, a um casal

  8. marcelo Costa de freitas disse:

    È com tristeza que vejo que os homossexuais terão mais direitos que o trabalhador e o assalariado que paga seus impostos neste pais do Sarney.Pessoas que concebem naturalmente serão discriminadas por esses homossexuais que acham que são anjos, ledo engano ja que em genesis os anjos cruzaram com as femeas humanas e nasceram gigantes malvados sendo que o DEUS ETERNO mandou Noé construir uma arca e o diluvio matou os malvados. Mas,o grande problema foi sodoma e gomorra comprovado pelo NATIONAL DISCOVERY que existiu mais uma prova de que á biblia é verdadeira. E O GRANDE DEUS ETERNO destruiu estas duas cidades por praticarem tudo que é perverso aos olhos de DEUS que é sexo com animais ate o homosexualismo que é mencionado quando tentaram ,sodomizar os anjos mandados para libertar, Ló e a familia.Paulo em Corintios também teve esse problema em tentar fazer com que os homossexuais desta cidades se convertessem ao cristianismo e mudassem seus coraçoes para DEUS que criou a concepção natural no paraiso entre Adão e Eva.E quem deveria ter direito que é o trabalhador honesto,tera menos direito que os homossexuais.

  9. Ana disse:

    João,

    Aberração é o seu português. Aprenda a escrever, vá estudar e deixe de ser alienado.

    Marcelo Costa de Freitas,

    Ninguém está pedindo mais direito que ninguém. Queremos apenas a mesma liberdade que os heterossexuais têm, queremos os MESMOS direitos. Só. E perveso é descriminar, não amar qualquer pessoa independente do sexo.

    Agostinho,

    Quem é você para dizer que é ou não é filho de Deus?

    Eu tenho pena de vocês, é muita alienação para pouco raciocínio lógico!

  10. junior disse:

    Conforme disse o Senhor Jesus: O mundo jaz no maligno. Jesus Cristo chama a todos, mas, aqueles que são Dele ouvem a sua voz e se alegram e vão até ele. Tenho comigo que ir até Ele é simplesmente viver segundo o que Ele revelou até então. Acredito que a vontade de Deus em relação à isso está de acordo com o que é natural, ou seja, relação heterossexual, pois, essa é a forma natural para a multiplicação e continuidade da vida humana. Deus fez macho e fêmea e não adiantam lei nenhuma pois todos serão julgados. O principal de tudo não é preconceito nesta curta vida que temos aqui na terra, pois, de certa forma todos somos vítimas disso, eu mesmo sei o que é isso por ser gordo. Acredito que os homossexuais não herdarão o reino, mas que eles podem sim serem salvos, pois, a salvação não é por esforço humano, basta apenas crer com o coração e confessar com a boca. Qual é a diferença do pecado do ato homossexual com o do adultério? ou do sexo fora do casamento? Sexo fora do casamento é pecado também e quantos religiosos não fazem isso? Quantos evangélicos não são adúlteros? se ser homossexual é pecado, adultério é pecado, roubar é pecado, matar é pecado, então, tanto os homossexuais, quanto os adúlteros, quantos os homicidas estão condenados ao fogo do inferno… na verdade todos nós estamos… mas graças ao sangue do cordeiro (Jesus) podemos ser limpos de nossas transgressões e toda glória e honra seja dado a ele,pois, ele é digno. Existe uma grande hipocrisia nesse sistema religioso, mas, o mundo entrou nas igrejas denominacionais, porém, a igreja de Cristo (pessoas salvas) ela é incorruptível e um dia ele virá para arrebata-la. Enquanto a questão de práticas homossexuais, adultério, homicídios, etc..etc.. aqueles que ouvem a voz do cordeiro e se alegram e se arrependem de seus atos, certamente eles deixam essas práticas de lado, pois, pelo poder do Espírito eles são transformados em nova criatura. Coisas e leis ainda piores do que essa ainda irão acontecer, inclusive a tal marca que em apocalipse fala que quem não a tiver não poderá nem comprar produto algum e como eu estudo muito tecnologia já posso até imaginar como será feito esse controle. Boa sorte a todos e que aqueles que são de Cristo Jesus continuem firmes e fortes no propósito, pois, um dia ele virá e essa é a esperança e convicção de todo cristão.

  11. Ruben Taveira disse:

    Olá,

    à questão de ser filho de DEUS, João 1:12-13 – “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;…Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.”

    Nós somos criaturas de DEUS, porque DEUS nos criou assim como criou todo o mundo. Mas sermos filhos de DEUS, isso é muito diferente: Só é filho de DEUS aquele que de DEUS nasce, aquele que entrega a sua vida a Jesus e o recebe como seu Salvador, quer dizer; não sou mais um pecador, mais sim um filho de DEUS.

    Romanos 8:15 – “Porque não recebeste o e espírito de escravidão para outra vez estarde em temor, mas recebestes o espírito de adopção de filhos, pelo qual clamamos: Aba, Pai.”

    ..seguindo =)

    Romanis 8:16 – ” E o mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de DEUS.

    Quer dizer: Eu não sou mais um pecador, mas sim um filho de DEUS. Eu sou aquilo que Deus diz que eu sou” Eu era um pecador, mas fui salvo e tornei-me uma nova criatura.

    então eu posso dizer sim! que sou filho do DEUS Vivo.

    agora homossexualismo é “Abominavel” à DEUS. vejamos =)

    essa passagem é quando DEUS diz a Moisés os seus estatutos para andar neles e fazer conforme a sua vontade(á vontade de DEUS).

    Levítico 18:22 – “Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é.”
    e pra quem se intereçar, levítico fica depois de Êxodo. 3º Livro da Biblia.

    Agora vêm a minha Opinião;

    Nós Evangélicos não temos raiva, nem ódiu dos homossexuais, eu particularmente não tenho(da pessoa), mas sim da pratica, o ato sexual, que é abominave a DEUS, não somos Nos Evângélicos, é DEUS.
    Vocês não estão indo contra nós com essa lei, mais sim contra DEUS. não sô eu que digo, é a palavra.
    Você(a pessoa homessexual) não é que Deus não goste de você, mas ele condena a pratica, NÃO QUEREMOS QUE SEJÃO EXCLUIDOS DA SOCIEDADE, MAS SIM ACEITOS NO CÉU.
    não estamos aqui queremos inimigos, mas sim almas se rendendão à Deus.
    e outra, não se sintão injustiçados porque não é so vocês, também pegamos no pé de outros grupos como Beberoes, Ladrão, o que se prostitui. e etc.
    pra não ficar em palavras.

    “Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus”. (1Co. 6.9,10)”

    e é isso ae…. não somos inimigos, Muito menos Alienados, queremos ajudar e mostra-lhes a Verdade.

    =)

  12. Enaide disse:

    Eu sou evangélica desde que nasci meus pais mim ensinaram o que é ceu e inferno e os caminhos que os conduzem a chegarem lá ,porém sou contra a aprovação desta lei,nao com o preconceito contra homosexuais mas contra as forças de satanás que estar por tras desta prática .Deus deu o livre arbitrio ao homem quando ele ocriou cabe a ele por onde que seguir .E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará …Meus Deus, so pode ser o fim dos tempos.
    ora vem SenhorJesus .

  13. Viviane disse:

    Rsrs.

    Bom, quanto ao texto, sem comentários.

    Quanto aos comentários, quero afirmar que não costumo discutir com religiosos cristãos porque eles acreditam em algo que eu não acredito, logo, desse mato não sairia coelho.

    Mas a questão é que a partir do momento que algo me atinge eu procuro defender meus direitos.

    Já disse isso aqui nesse site e repito, o direito de um, termina onde começa o de outro, então, se os religiosos cristãos são contra a homossexualidade é um direito deles, mas propagar, apontar e sair espalhando por aí, isso eu não posso aceitar porque tenho o direito de ser quem sou, não devo nada a ninguém e assim como não saio por aí apontando os religiosos cristãos não aceito que me apontem também.

    E outra, não existe verdade absoluta. A sua verdade é uma e a minha é outra, eu respeito a sua e você deve respeitar a minha.

  14. Jeysi disse:

    A questão não é sermos contra os homossexuais e sim somos afavor da palavra de Deus.

    Realmente estamos no fim dos tempos e a que pontam chegamos::::

    Sim todos somos livres de sermos o que quisermos se eu gosto de livros de romance vou falar dele ou se é de terror tbm vou falar dele ou se de “homossexualismo” tbm vou defendê-lo e se amo a bíblia sagrada e nela está escrita que devemos propagá-la é isso q vamos fazer.

    A palavra do Senhor condena o homossexualismo, mas vcs são livres pra serem o q quiser, agora quando chegar o julgamento final ninguem vai poder dizer “eu não sabia disso”

    tem homossexuais que conhecem a palavra de DEUS e sabem q ela é verdadeira e creio q toda essa discussão vai fazê-los pensar bem no que querem para suas vidas::::

    E CONHECEREIS A VERDADDE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ:::::::::::

  15. luciane- disse:

    DEUS é amor e ELE sendo o amor é claro que ele ama a todos
    DEUS ama sim o pecador, mas não o pecado.
    quando os cristãos falam do homossexualismo é para “abrir” seus olhos para a verdade de DEUS
    DEUS não quer que nenhuma de suas criaturas se percam no pecado
    existimos unica e exclusivamente por causa de seu amor…
    reflitam e busquem a verdade de DEUS enquanto ainda á tempo…

  16. Profeta do Altíssimo disse:

    Para aqueles que estão aguardando e creêm na volta de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, recebe essa palavra de conhecimento, profecia e revelação do Senhor.
    O sistema anti-cristo já está implantado no mundo, só falta pequenos detalhes a serem observados, como aprovações de leis contrárias aos ensinamentos de Cristo. A era cristã está nos seus momentos finais, já se manifesta a era de aquário que é a era do ante-cristo. Foi mostrado os exércitos satânicos enfileirados, prontos para invadir os templos cristãos e massacrar os que ficarem, também foi visto o sinal da besta sendo colocado na testa de uma pessoa.
    Não há mais respeito ou temor de Deus no coração do homem, o mundo gira em torno do pecado. Aquele que tem o Espírito do Senhor entende o que escrevo agora.
    A criança foi vista pequena e inocente, mas desapareceu por um breve momento e quando foi descoberto o trinco quebrado e a janela danificada, por “Aquele” que anda ao lado da Mulher. O golpe fora dado contra Ela, de fora, com violência e astúcia por aquele que que é a escência da maldade e que havia desaparecido, mas a lâmina de vidro preparada para ferir, não atingiu Aquela que se aproximou da janela, pois também foi defendida pelas Mãos dAquele” que anda ao seu lado. A violência e a maldade estava presente na sua escência e era sentida por aquele que estava tendo a revelação, Mas ele não se atemorizou e foi buscar o Senhor e viu os portões de ferro fechados, e acorrentados, e colocado cadeado sobre eles e uma chave para fechar e abrir no tempo certo. Aquele que tem o Espírito do Senhor entende o que o Espírito diz a igreja.Amém.
    Do Senhor é a terra e a sua plenitude o mundo e os que nele habitam. Ainda que uma lei dado por um homem possa prevalecer e muitos venham a se alegrar diante da maldade e da iniquidade Eu Sou aquele que tem o poder nos céus e na terra,diz o Senhor, sou eu quem dou e sou eu quem tiro, sou eu que abro e fecho, sou eu que dou a vida e tiro a vida, sou eu que firo e sou eu que saro, pois Eu sou o Senhor e não há outro Deus além mim. Será difícil para o meu povo compreender que tudo está nas minhas mãos e que sou eu que domino sobre todas as coisas. Acaso não fui eu quem repreendi, aquele que queria impedir meu sacrifício?, minha obra de reconciliação com o homem?, assim como dias passados como no presente tempo e no amanhã eu sou o Senhor o Alfa e o Ómega o princípio e o fim o primeiro e o derradeiro, o que vive e foi morto por amor dos meus escolhidos para dar a cada um segundo as suas obras, eis que estou a porta, aquele que quizer de graça vem e beba do calice da minha salvação, que está em minhas mãos.
    É necessário que aconteçam essas coisas para que, se cumpra a minha palavra. Fica com a minha graça, pois ela te basta. Amem.

  17. S.A.S.O - RJ - INTERIOR disse:

    O meu comentário é conciso, pois, em se tratando deste tema, confesso não ser necessário perder muito tempo. Acabei de ler agora um comentário bastante extenso, quando o internauta disse: ” Na realidade, muitos não deveriam nem se auto-denominar “evangélicos” pois o termo “Evangelho” se refere ao novo testamento e Jesus, Ele mesmo, jamais pregou a intolerância ou o preconceito, pelo contrário, vivia entre prostitutas, cobradores de impostos e mendigos e, ao que consta, não deixou que apedrejassem a adúltera, conforme previa a lei judaica”. Vejam bem, a diferença está ai, senhores…Prostitutas, mendigos , cobradores de impostos etc.., não contraria a lei da natureza, já o homossexualixmo sim, e, tudo que vai contra os princípios da lei natural, recebe constestação, e ainda apresento um grande agravante, que é o desrespeito ao Decálogo Sagrado…Para justificar tudo isso que acabo de expor, termino citando o LIVRO DE ROMANOS – CAPÍTULO 1, VERSÍCULO 26 A 32. Assim sendo, peço vênia para transcrevê-lo:

    26 – Foi por isso que Deus os entregou a paixões degradantes. Assim, as suas mulheres trocaram as relações naturais por outras que são contra a natureza. 27E o mesmo acontece com os homens: deixando as relações naturais com a mulher, inflamaram-se em desejos de uns pelos outros, praticando, homens com homens, o que é vergonhoso, e recebendo em si mesmos a paga devida ao seu desregramento.

    28E como não julgaram por bem manter o conhecimento de Deus, entregou-os Deus a uma inteligência sem discernimento. E é assim que fazem o que não devem: 29estão repletos de toda a espécie de injustiça, perversidade, ambição, maldade; cheios de inveja, homicídios, discórdia, falsidade, malícia; são difamadores, 30maldizentes, inimigos de Deus, insolentes, orgulhosos, arrogantes, engenhosos para o mal, rebeldes para com os pais, 31estúpidos, desleais, inclementes, impiedosos.

    32Esses, muito embora conheçam o veredicto de Deus – de que são dignos de morte os que tais coisas praticam – não só as fazem, como até aprovam os que as praticam.

    Para terminar deixo uma mensagem no ar:

    Cuidado …muito cuidado, pois as mãos de DEUS é pesada…o castigo está chegando.

  18. Thiago Dias disse:

    Ana,

    Você tem razão em contestar sobre quem é quem é filho de Deus. Todos somos filhos de Deus.
    Deus criou as pessoas para serem livres e exercerem o livre arbítrio, inclusive para fazer o que Ele aconselhou a não serem feitas: desrespeitar pai e mãe, mentir, roubar, adulterar (não só sexualmente mas qualquer tipo de adultério/falsificação), ter relações sexuais com animais, com crianças, com parentes e com pessoas do mesmo sexo, além do tipo de carne que se deve comer e não comer. A maioria dos ditos Cristãos são realmente contraditórios e não tem lógica de raciocínio pois ao mesmo tempo que acusam que irão para o inferno (tradução para debaixo da terra, ou seja cova) quem é homosexual, ladrão, pedófilo, incestuoso e depravado, 95% disto está escrito SOMENTE NO ANTIGO TESTAMENTO, comem carne de porco, de cavalo, tem no dia de domingo o dia especial de adoração a Deus e não o sábado.
    Aconselho a você e a todos que tem o direito do livre arbítrio a de contestarem todos estes crentes, cristãos, protestantes, católicos e afins para que te provem na Bíblia que somente os homosexuais estão errados. Peça para eles lerem inclusive Hebreus capíluto 4. Se eles ainda insistirem que o livro foi escrito somente para os Hebreus, mesmo sendo no Novo Testamento, então você encontrou o mais mentiroso dos cristãos.
    Por outro lado, tenha cuidado ao acusar o portugues dos outros. Descriminar é descrever enquanto o que você quer colocar é discriminar, ou seja, tratar de modo desigual ou injusto.

  19. Frank disse:

    O ESTADO É LAICO !

    PORTANTO NÃO É A BÍBLIA QUE DEVE REGER AS LEIS ( QUANDO DIGO BÍBLIA FALO DA INTERPRETAÇÃO HOMOFÓBICA DE ALGUMAS IGREJAS, JÁ QUE AS MAIORES DO MUNDO NÃO DISCRIMINAM OS HOMOSSEXUAIS )

    AS LEIS TEM QUE SEREM FEITAS PARA DAR DIREITOS IGUAIS A TODOS, OS HOMOSSEXUAIS PAGAM IMPOSTOS COMO TODOS ( EXCETO AS IGREJAS QUE SÃO ISENTAS E SEUS PASTORES ANDAM DE AVIÃO PARTICULAR ) E PORTANTO DEVEM TER OS MESMOS DIREITOS ( UNIÃO CIVIL, PENSÃO, PARCEIRO NO CONVÊNIO MÉDICO,ETC ) JÁ QUE TEM OS MESMOS DEVERES.

    DEVIDO A MORTES E PRECONCEITO CONTRA NEGROS FORAM CRIADAS LEIS PARA OS PROTEGEREM, TODOS OS DIAS GAYS SÃO MORTOS NO BRASIL, GRAÇAS AO PRECONCEITO QUE AS IGREJAS PREGAM, PORTANTO DEVE HAVER TAMBÉM LEI CONTRA A DISCRIMINAÇÃO DESSA MINORIA TÃO PERSEGUIDA, VIOLENTADA E MORTA.
    ISSO SE CHAMA DIREITOS HUMANOS.

  20. Frank disse:

    Existe uma só Bíblia,mas várias interpretações, exatamente por isso existem várias igrejas porque não concordam uma com a ‘doutrina’ da outra.
    Se todos pensassem igual seria uma igreja só.

    A palavra ‘afeminado’ da Bíblia originalmente era ‘masturbador’( até o século XV ), portanto não tem nada a ver com homossexual, já que masturbador pode ser hétero ou homo.

    Igrejas como a Metodista, Luterana e Anglicana ( portanto igrejas centenárias e com verdadeiros especialistas em aramaico, grego e hebraico ) já perceberam essa falha gravíssima na tradução.

    E Paulo quando escreveu sobre relações entre homens, foi porque chegou em Roma e a cidade era uma loucura de prostituição.

    Ele nunca viu um relacionamento homoafetivo sério como existe hoje, mesmo o casamento entre héteros na época não era o casamento que temos hoje, por amor e sim era negociado entre os pais da noiva e noivo, era um negócio.

    O que Paulo viu era inclusive homens héterossexuais tendo relação sexual entre si ( contrariando sua natureza porque eram héteros e não gays ) para os deuses no templo em troca de ‘bençãos’.

    Os héteros contextualizam a bíblia a seu favor, por isso não apedrejam adulteros mais, mas comem carne de porco.Mas nas partes que falam de sexo entre homens eles deixam sem contexto, porque não interessa estudar melhor essa parte.

    Texto sem contexto é pretexto.

    Muitos pastores adoram agredir os gays porque tiram o foco dos escândalos de suas igrejas e de seus aviões que custaram milhões de reais, assim como sua mansões.

  21. Frank disse:

    Sugiro assistir o filme ORAÇÕES PARA BOBBY, dá para baixar pela internet e também o documentário THE BIBLE TELLS ME SO, já tem com legenda que aborda dentro da bíblia todo esse tema.

  22. PASTOR NONATO disse:

    Caro Frank, esta primeira vez que exponho ponto vista sobre seus comentários. Pelo que julgo, és conhecedor do Direito como eu, isso me faz reportar-me ás aulas de Introdução a Ciência do Direito, na Estácio de Sá, onde se aprende que O DIREITO NATURAL regula o Direito Positivo. Seria o paradoxo afirmar, mesmo que a Bíblia, veementemente, não refutasse essa repugnante e pervertida prática contrária a natureza, que vivemos num estado laico, onde a minoria deve ditar as regras. Não me refiro ao respeito como cidadãos (gays e lésbicas), mas ao aspecto da subjetividade da legalidade moral e cientifica, posto que é inconcebível, aceitar à razão e bons sensos humanos, o ato de dois homens ou duas mulheres partilharem suas aberrações apaixonadas e suas incongruências carnais como que se macho fêmea fossem.
    Nem uma Ciência social Poe se contrapor ao senso ético moral existentes naturalmente HOMEM e na MULHER.
    Coisas imunda, inexorável é o ato da introdução do órgão masculino no reto de outro homem (outrora não havia camisinha). Dilata os esfíncteres interno e externo. Ocorre a introdução de bactérias existentes nas fezes na uretra, causando inúmeras doenças. É um ato sem nexo.
    De mesmo teor ocorre entre duas mulheres; posto que elas utilizam réplicas do órgão masculino em silicone ou borracha, que provoca alargamento da membrana interna da genitália feminino afetando assim a proteção natural e facilitando a introdução de bactérias no interior
    … Esse é um pequeno ponto de reflexão no aspecto cientifico.
    Da parte moral e psicológico, como vamos fazer uma criança seja masculino ou feminino, com suas diferenças genéticas, anatômicas, psíquicas de voz, sentimento, gosto, afeto e tudo mais que DIFERENCIA UM macho de um fêmea, compreender como correta dois homens se beijando como se papai e mamãe fosse… o mesmo vale para duas mulheres.
    Não meu caro FRANK, Só um ser cego espiritualmente, sem o ESPIRITO DO CRIADOR, poderia anuir com sua sabedoria humana que a LEI, a norma, ESTAÕ ACIMADAS LEIS DA NATUREZA… SÓ UM TOLO NÃO ENTENDE.

    RESPEITAR COMO PESSOA, SIM,MAS APROVAR COMO LEGAL E ACEITÁVEL SUAS PRÁTICAS…. JAMAIS, NUNCA.
    Que o cidadão medite no que vaticina Deus em Romanos capitulo 1.28, onde se vincula a mesma pena não só para o HOMOSSEXUALSIMO /LESBIANISMO, mas também para aqueles que o defendem apóiam… Não refiro como criaturas, mas como se a esse ato sujo e repugnante fosse benção, moral e legalmente aceito pelas pessoas sã (espiritualmente) de mente como algo normal.

    CUIDADO UM DIA VOCê SERÁ JULGADO PÓR DEUS.

    COMO EXISTIRIA VOCÊ SE DEUS TICVESSE CRIADO DOS MACHOS OU DUAS MULHERES SOMENTE… ???
    MEU EMAIL shaday333@hotmail.com
    Meu fone 21 8590 -0297

  23. brito silva disse:

    quem te falou que todos são filhos de Deus?em joão 01;11,12 diz:veio para os que eram seus mas os seus não receberam,somente os que receberam é que tem o direito de serem chamados filhos de Deus,e em joão 08;44 a seguir o senhor dise aos fariseus vois tende por pai o diabo e querem satisfazer os desejos de vosso pai……. então camarada,pare com essa historia que todos são filhos de Deus,o homem antes de conhecer jesus é criatura(marcos 16;15,16)só depois que obedece o evangelho é que passa á ser filho de Deus,e esses homussexuiais sodomitas,se não se converterem irão todos pro inferno,e juntos com eles esses senadores e deputados que aprovam essa leis diabólicas

  24. HONESTINO SILVA LEITE disse:

    Vivemos nos tempos em que a sociedade brasileira está sendo humilhada e atentada pelos grupos homossexuais. Quasem em todos os programas de tvs – existem um gay fazendo graças com as pessoas, com seus trejeitos imorais. Piadas na sua maioria das vezes, sempre “figuram a presença das bichinhas”. Os apresentadores de rádios e tvs, dão o maior enfoque aos gays, E AINDA VEM UMA PARTE DA IMPRENSA E UNS GRUPOS HOMOSSEXUAIS, DIZEREM QUE “ESTÃO SENDO DISCRIMINADOS E QUE DEVE EXISTIR UMA LEI A PL 122 – PARA OS PROTEGEREM DE DESCRIMINAÇÃO”.
    Quem tem que ser protegidos somos nós heterossexuais, nossos filhos, parentes e as pessoas de bons costumes. Quem tem que ser protegido das “hostes demoníacas”, somos nós homens e mulheres que tememos à Deus, e que Nosso Pai Celestial CONDENA AS ABOMINAÇÕES PRATICAS PELOS GAYS E LÉSBICAS.
    Onde já se viu dizer que duas pessoas do sexo masculino ou duas do sexo feminino – FORMAM UM CASAL?
    Casal é macho e fêmea, isto é, homem e mulher, um jumento e uma jumenta e etc.. Duas pessoas do mesmo sexo NUNCA PODERÁ SER CHAMADO DE “CASAL”, E SIM DE UMA “DUPLA GAY MASCULINO E DUPLA GAY FEMININO”. Viva a Deus, aos homens honestos, as nossas crianças.
    E vamos ora pelos homossexuais para que venham se arrependerem de seus atos, e se converter em Cristo Jesus. Somoda e Gomoza está presente nos dias atuais.

  25. DR. MARIANO STILLES disse:

    Homossexualidade à Luz da Bíblia,o Pecado de Sodoma

    Dois anjos que foram até Ló em Sodoma foram ameaçados por uma multidão (Gn 19.4-11). O que os homens de Sodoma estavam querendo quando eles pediram a Ló para trazer os homens para fora, “para que os conheçamos” (19.5)?
    Alguns concluem que a história não tem referência a atos homossexuais. O escrivinhador Bailey tenta assim justificar a homossexualidade do Antigo Testamento em seu trabalho “Homossexualidade e a Tradição Cristã Ocidental” [1] .

    Outros (por exemplo, Boswell [2]) usam os argumentos de Bailey a respeito desta passagem. Bailey foi um acadêmico anglicano cujo trabalho influenciou a mudança da lei britânica sobre esta questão. Este trabalho está rapidamente se tornando uma referência padrão para o ponto de vista pró-homossexual.

    Bailey acredita que muito do preconceito cristão contra a homossexualidade é o resultado de um mal-entendido sobre a história de Sodoma em Gênesis 19.
    Ele argumenta que os homens de Sodoma estavam ansiosos por interrogar os estranhos, a fim de saber se eles eram espiões. Assim, ele argumenta, a história não se refere à homossexualidade. O pecado envolvido não foi homossexualidade, muito menos um estupro grupal. Ló havia enfurecido esses residentes por receber forasteiros cujas credenciais não foram examinadas [3].

    Os homens estavam furiosos por esta omissão, e estavam demonstrando uma extrema descortesia a esses visitantes por pedir suas credenciais. Bailey argumenta que o pedido dos homens de Sodoma de “conhecer” os estrangeiros na casa de Ló não significa nada mais que seu desejo em “serem apresentados a” eles.
    O problema, argumenta Bailey, era nada mais que falta de hospitalidade. Outros, incluindo Blair, têm expandido este argumento.

    A história bíblica demonstra a seriedade com que estes antigos orientais tomaram os importantes costumes da hospitalidade oriental. Parece que, se necessário, eles até permitiriam que suas filhas fossem abusadas a fim de proteger os visitantes.
    O aspecto sexual da história é simplesmente o meio pelo qual o assunto da hospitalidade requerida é encaminhado.

    Isto é claramente interpretado em Ezequiel 16.49: “Eis que esta foi a iniqüidade de Sodoma, tua irmã: Soberba, fartura de pão, e abundância de ociosidade teve ela e suas filhas; mas nunca fortaleceu a mão do pobre e do necessitado” [4].

    A palavra hebraica para “conhecer” (yada), Bailey afirma, pode ser traduzida para “ser apresentado a” ou “ter conhecimento de” ou “ter relações sexuais com”.
    A palavra “yada” aparece 943 no Antigo Testamento e apenas 12 vezes significa “ter relações sexuais com”. Ele também afirma que relação, quando significando conhecimento pessoal, diz bem mais que cópula.
    Portanto, ele argumenta, as circunstâncias de Sodoma não encaixam-se na conotação sexual da palavra “conhecer”. Ele conclui por inferir do fato que Ló era um “gur” (palavra hebraica), um residente estrangeiro. Como tal, Ló havia excedido seus direitos ao receber dois estrangeiros cujas credenciais não foram examinadas [5].

    O primeiro problema com este argumento é o fato de que o significado de uma palavra em uma determinada passagem não é dado unicamente na base do número de vezes como ela é traduzida na Bíblia. O contexto determina como deve ser traduzida. Das 12 vezes que a palavra “yada” ocorre em Gênesis, 10 vezes significa “ter relações sexuais com”. Kidner oferece a seguinte refutação aos argumentos de Bailey.

    A isto nós podemos responder: (a) Estatísticas não são substitutas para evidência contextual (por outro lado, o sentido mais raro da palavra nunca parece provável), e em duas passagens o pedido de “conhecer” é usado em seu sentido sexual (Gn 19.8; Jz 19.25). Mesmo sem considerar esta conjunção verbal, seria bizarramente inconseqüente que Ló respondesse um pedido de credenciais oferecendo suas filhas. (b) A psicologia pode sugerir como “conhecer” adqüiriu seu sentido secundário, mas na verdade o uso da palavra é completamente flexível.

    Ninguém sugere que, em Juízes 19.25, os homens de Gibeá estavam adqüirindo “conhecimento” de suas vítimas no sentido de relação pessoal, ainda que “conhecer” é a palavra usada por eles. (c) A conjuntura aqui tem as características de uma acusação extraordinária para substituí-la por uma razão trivial (“desordem… inospitalidade”) ao invés de um motivo sério para a decisão dos anjos.

    Além disso, o argumento é silenciado por Judas 7, uma afirmação na qual Dr. Bailey tem de aceitar como uma antiga forma de interpretação [6].

    A cena inteira de Gênesis 19 toma proporções quase cósmicas quando Ló, ao ouvir o pedido da turba de “ser apresentada” aos homens de sua casa, diz “Por favor, meus irmãos, não façam mal; eis aqui, tenho duas filhas, que ainda não conheceram homens; vou trazê-las para fora, e façam delas como for bem aos seus olhos; somente nada façais a estes homens…”.

    No versículo 8, o mesmo verbo “yada”, com partícula negativa é usado para descrever as filhas de Ló como pessoas que “não conheceram homens”.

    O verbo aqui obviamente quer dizer “ter relações sexuais com”. Seria quase impossível significar simplesmente “ser apresentada a“. Em uma narrativa literária deste tipo seria muito estranho usar um único verbo em dois sentidos difrentes tão próximos do outro, a não ser que o autor deixasse a diferença bem óbvia. Nos versos 5 e 8 “yada” deveria ser traduzido como “ter relações sexuais com”. O contexto não providencia em si mesmo alguma outra interpretação digna.

    Judas 7 deixa um comentário sobre esta passagem. Claramente afirma que o pecado de Sodoma envolvia imoralidade abominável e ir após outra carne “sarkikis heteras” (Grego).
    Não é um acidente que Judas descreva suas ações ao usar “ekpornusasai” (Grego). O verbo “pornuo” definitivamente refere-se a imoralidade sexual, e a preposição “ek” explica o significado “havendo-se entregue à fornicação como aqueles, e ido após outra carne, foram postas por exemplo, sofrendo a pena do fogo eterno” [7]. O termo “outra carne” poderia implicar atos antinaturais entre homens e mesmo de seres humanos com animais. Os habitantes de Canaã eram culpados de ambos os pecados (Lv 18.23-29).

    Isto definitivamente inclui as cidades de Sodoma e Gomorra. História e arqueologia confirmam estas mesmas condições. Josefo, que escreveu por volta de 99-100 d.C., diz que os sodomitas “odiavam estrangeiros e abusavam deles com práticas sodomitas” [8].

    Boswell diz que Ló estava seguindo costumes locais ao oferecer suas filhas para acalmar a multidão furiosa. “Não há duvida que a entrega de suas filhas foi simplesmente a oferta mais atrativa que ele poderia fazer no calor do momento, a fim de aplacar o grupo hostil… Esta alão, quase impensável na sociedade ocidental moderna, era consonante com o baixíssimo status de meninas naquela época…” [9].

    Mas o que Ló fez não foi correto. Só porque Ló ofereceu suas filhas a eles de acordo com os costumes locais não devemos entender que sua ação foi moralmente aceitável aos olhos de Deus. É muito mais provável que a oferta de Ló foi motivada pela idéia de que apesar do estupro ser algo ruim, estupro homossexual é ainda pior. A oferta de Ló foi simplesmente o que ele pensava ser o menor de dois males.

    Homossexualidade e a Lei de Moisés

    AS INJUNÇÕES NA LEI

    O mandamento de Deus a respeito da homossexualidade é claro: “Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é” (Lv 18.22).
    Isto é expandido em Levítico 20.13: “Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles”. Estas passagens estão inseridas no contexto do julgamento de Deus quanto a crimes sexuais e são uma expansão do sétimo mandamento.

    Moisés não estava tentando estabelecer um código exaustivo sobre o assunto da sexualidade, na verdade estava lidando com certas ofensas hediondas ao sétimo mandamento, que eram comuns nas nações que rodeavam Israel naquela época.

    Pró-homossexuais se defendem normalmente desmerecendo estas passagens, ao relegá-las a simples proibições religiosas ao contrário de tomá-las como proibições morais. Blair exibe esta linha de raciocínio.

    Ele diz que o julgamento do Antigo Testamento tão citado contra um homem ter relações sexuais com outro homem estar incluído no Sagrado Código Sacerdotal de Levítico (18.22 e 20.13) é significante porque a preocupação dos sacerdotes era pureza ritual. Não era um discurso moral dos profetas.

    Deste ponto de vista sacerdotal, é claro que acima de qualquer coisa, Israel deveria ser imaculado diante de seus vizinhos pagãos. Em todas as coisas, eles tinham de permanecer como santos “utensílios puros diante do Senhor”. Nesta época, os prostitutos nos templos dos cananeus, babilônicos e outros povos vizinhos eram características comuns dos ritos pagãos.

    Assim, é compreensível que esta “homossexualidade” ligada ao louvor de falsos deuses certamentem afetararia a perspectiva israelita sobre toda e qualquer atividade atividade homossexual [10].

    Blair, e aqueles que seguem esta linha de raciocínio, assumem que pureza ritual e pregação moral eram sempre distintas. Portanto, as passagens de Levítico, eles argumentam, não estão realmente falando contra homossexualidade como tal, mas apenas contra identificá-la com a prática de religiões estranhas. O assunto era identidade religiosa, não a retidão de Deus.

    Mas este tipo de raciocínio deixa a questão vaga em muitos pontos. O primeiro grande erro está em assumir que pureza ritual e pureza moral eram sempre distintas. Aqueles que fazem esta dicotomia argumentam que Levítico 18 e 20 não podem ter alguma natureza moral e ética.

    Blair afirma isto quando divide os sacerdotes e sua pureza ritual, e os profetas com sua proclamação moral em dois grupos que não atravessam o território do outro. Mas os profetas pregavam para as necessidades de seus dias.

    Algo não incluso em suas proclamações são mais logicamente explicados pela ausência deste pecado em particular entre os pecados de uma geração que a hipótese de uma rígida distinção entre pureza cerimonial e moral. Sustentar uma diferença deste tipo nos leva a concluir que adultério não era moralmente errado (18.20), sacrifício de crianças não tinha implicações morais (18.21) e que não há nada inerentemente mal com bestialidade (18.23). O ponto é que pureza cerimonial e moral freqüentemente coincidem.

    Estas passagens, novamente, são consistentes com o propósito de Deus para a sexualidade humana, como apresentada em Gênesis 1-3. Quando estas passagens são estudadas, torna-se óbvio que o propósito de Deus é preservar a santidade do casamento e do lar.

    A RELEVÂNCIA DA LEI

    Os defensores da homossexualidade desperdiçam muito esforço e tempo tentando apresentar a irrelevância da Lei para os cristãos hoje.
    Scanzoni e Mollenkott são um exemplo disso.
    “A consistência e a imparcialidade deveriam ditar que, se o Código Sagrado Israelita é citado contra os homossexuais do século XX, da mesma forma, deveria ser citado contra práticas comuns, como comer carne com sangue, vestir panos misturados e ter relações maritais durante o período menstrual”.

    Blair segue Scanzoni e Mollenkott ao argumentar que a Lei do Antigo Testamento deve ser ignorada quando se busca um guia para o assunto da homossexualidade.

    É interessante quão levianamente os evangélicos tomam outras prescrições encontradas no mesmo Antigo Testamento, isto é: regras contra comer coelho (Lv 11.26), ostras, camarões e lagostas (Lv 11.10ss) e carne com sangue (Lv 17.10). Evangélicos não protestam ou tentam fechar restaurantes de fruto do mar, nem mesmo tentamos manter uma alimentação pura. Nem sempre pedimos carne “bem-passada”. Comemos carne de porco e presunto. Vestir roupas feitas com panos de linho e lã ao mesmo tempo (Dt 22.11) não parece nos incomodar tanto.

    Evangélicos não dizem, de acordo com essas mesmas leis de purificação cultual (Lv 20.13), que aqueles que praticam atividade homossexual devam ser executados como prescrito. Os evangélicos não pedem a penalidade de morte para as Jeane Dixons deste mundo (Lv 20.27); nem pediremos que sejam “extirpados” de entre o povo, como é requerido por este mesmo Código, pessoas que têm relações com mulheres durante a menstruação (Lv 20.18) e aqueles se casam com mulheres que se divorciaram (Lv 21.14).

    Evangélicos não mantêm longe do púlpito aqueles que são mutilados ou as pessoas com algo do corpo ”demasiadamente comprido” (Lv 21.18ss) [13].

    Estas afirmações expõem a grande ignorância de como a Lei se encaixa no esquema geral das Escrituras. Se aceitarmos tais conclusões como lógicas, estas asserções nos possibilitam dizer que ter sexo com animais ou manter um relaciomento incestuoso é correto para hoje, simplesmente porque homossexualidade está no meio destas duas proibições. Estes escritores pagam um grande preço ao tentar justificar suas posições. Teria sido mais fácil para eles dizer que Cristo trouxe um fim para a Lei inteira (Rm 10.4). Os dez mandamentos, assim, estão inclusos nesta revogação (2 Co 3.7-11). Cristo agora é o Sumo Sacerdote, e isto demonstra que uma mudança radical veio sobre a Lei (Hb 7.11). A lei tornou-se antiqüada (Hb 7.11).

    Quando é feita a afirmação de que a Lei chegou ao fim, isto não significa que Deus não tem mais qualquer leis ou códigos para Seu povo. Não significa que não há preceitos morais para serem seguidos. O Novo Testamento fala da “lei do Espírito” (Rm 8.2), a “lei de Cristo” (Gálatas 6.2) e a “lei real” (Tiago 2.8). Esta “lei” inclui inúmeros mandamentos, tanto positivos quanto negativos, que formam um códifo de ética distinto para hoje [14]. É aqui que os exegetas pró-homossexualidade têm cometido seus erros.

    Como uma unidade, o código do Novo Testamento é novo, mas nem todos seus mandamentos são novos. Há extensão, revogação e adição. Alguns dos mandamentos do código mosaico têm sido incorporados dentro do código do Novo Testamento.

    Mas, se a Lei foi deixada de lado, como trechos dela são repetidos no Novo Testamento? A resposta está na distinção entre o código veterotestamentário e os mandamentos que estão contidos neste código.

    A lei mosaica toma outro rumo em sua totalidade como um código. Deus não está mais guiando a vida do homem por este código particular. Em seu lugar Ele introduz a lei de Cristo. Muitos dos mandamentos individuais dentro desta lei são novos, mas alguns não são.

    Alguns desses eram leis antigas, também encontradas em Moiés, e que agora foram incorporadas completamente e são eternamente alteradas. Como parte da lei de Cristo elas estão ligadas ao crente hoje [15] .

    Isto lança bastante luz nas afirmações feitas por aqueles que justificariam homossexualidade a partir de um ponto de vista bíblico. Serve para levar sua retórica emocional para um foco adeqüado. As leis alimentares, punições por apedrejamento ou vestir panos diferentes foram ab-rogadas. Entretam, a proscrição contra comportamento homossexual é repetida no código do Novo Testamento (Rm 1.26-27; 1 Co 6.9-11; 1 Tm 1.9-10.

    Esta deveria ser a maior preocupação dos defensores da homossexualidade, simplesmente porque destrói completamente a idéia que tentam sustentar, caso observemos atentamente a lei do Antigo Testamento. É errado dizer que algo que era pecado debaixo da Lei não é mais pecado sob a Graça.

    O que isto tudo significa é que o mandamento relativo à homossexualidade em Levítico 18.23 e 20.13 ainda são altamente relevantes porque eles foram reincorporados no código do Novo Testamento. Existe uma unidade moral entre o Antigo e o Novo Testamento.

    Sempre foi errado matar, estuprar, roubar, ter relações sexuais com animais e ter relações sexuais com pessoas do mesmo sexo. Deus lidou com seu povo de diferentes formas em diferentes épocas, mas Seu padrão de retidão nunca mudou.

    Se a moralidade mudou, então a pessoa de Deus mudou, porque a base da moralidade está na pessoa de Deus, que é imutável (Ml 3.6).

    Homossexuais busquem a Deus através de Jesus Cristo, e serás saradas todas as tuas enfermidades e os atos praticados que desagradam ao CRIADOR DOS CÉUS E DA TERRA, E ELE TEM AUTORIDADE PARA TE LIBERTAR DE TODOS OS MALES, E É JUSTIÇA PARA TE CONDENAR SE PERMANCERES PRATICANDOS OS ATOS HOMOSSEXUAIS.

  26. CONCEIÇÃO IVANA disse:

    Gostaria que os homossexuais interpretassem o que diz o Mandamento de Deus a respeito da homossexualidade é claro: “Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é” (Lv 18.22).

    E o que consta em Levítico 20.13: “Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles”.

    Estas passagens estão relacionadas no contexto do julgamento de Deus, quanto a crimes sexuais e são uma expansão do sétimo mandamento.

    Moisés inspirado por DEUS estabeleceu estes preceitos atinente ao assunto da sexualidade, e verdadeiramente estava lidando com certos afrontamentos hediondos ao sétimo mandamento, que eram habituais naquelas nações próximas a Israel.

    Pró-homossexuais se defendem normalmente desmerecendo estas passagens, ao relegá-las a simples proibições religiosas ao contrário de tomá-las como proibições morais.
    Naquela época, os prostitutos nos templos dos cananeus, babilônicos e outros povos vizinhos, eram características comuns dos ritos pagãos as práticas homossexuais.

    As Leis impostas aqueles povos, servem ainda hoje para os nossos tempos.
    Sejamos sinceros, é normal UMA RELAÇÃO SEXUAL DE HOMEM COMO HOMEM E MULHER COM MULHER?

    Vamos ao que foi apregoado pelo Apóstolo Paulo, IN VERBIS:

    “Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro.” Romanos 1:26-27

    Há um consenso geral de que Paulo referia-se aqui à prática do lesbianismo e do homossexualismo masculino. A palavra “natural” (kata physin) em oposição à “contrária à natureza” (para physin) era usada no tempo de Paulo com muita freqüência como uma maneira de estabelecer distinção entre comportamento heterossexual e homossexual. Os teólgos afirmam que “Paulo usa linguagem direta, para condenar a perversão do sexo fora do seu justo lugar: dentro do relacionamento conjugal”.

    Afirmam ainda que, a contaminação do corpo humano é claramente manifestada no homossexualismo, pois ele é obviamente antinatural, contrário à natureza sexual.

    A prática do homossexualismo era comum no mundo pagão, tendo forte presença na sociedade em geral, sendo designado como o “pecado grego”.

    Paulo escreveu sua epístola aos Romanos na cidade de Corinto, a capital dos vícios gregos, e certamente já vira ali evidências sobre as práticas homossexuais.
    Por Que Deus Condena o Homossexualismo?

    Deus abençoou o homem e a mulher e lhes deu o mandamento de serem fecundos e multiplicarem-se (Gn 1:28).

    O casamento é a “união de duas pessoas que originalmente foram uma, depois foram separadas uma da outra, e agora no encontro sexual do casamento se uniram novamente”. Lovelace acrescenta dizendo que “não é por acidente que toda forma de expressão sexual fora da aliança do casamento seja explícita ou implicitamente condenada no restante das Escrituras”.

    A sociedade atual está cada vez mais perdendo de vista o princípio que Deus definiu para a união sexual entre os seres humanos: um homem e uma mulher, unidos pelo compromisso eterno do matrimônio.

    Em virtude deste crescente desvio do padrão idealizado por Deus no princípio, é que têm surgido todas estas anomalias sexuais descritas até aqui. Hoje já se convive até mesmo com o “casamento” entre homossexuais e a adoção de filhos por estes “casais”.

    O propósito de Deus é que o homem junte-se com a mulher e os dois formem “uma só carne” (Gn 2:24), constituindo-se numa família heterossexual, na qual os filhos poderão ser educados em meio a um ambiente sadio e livre de preconceitos.

    Este ideal está totalmente corrompido na sociedade moderna, e as relações sexuais passaram a ser apenas um meio de obter prazer a qualquer custo, sem atentar para as orientações dadas por Deus no passado, e para os perigos de não seguir estas orientações.

    A atual sociedade já aprendeu a conviver pacificamente com o outrora chamado “pecado grego”, vendo os homossexuais como apenas “um pouco diferentes”.

    Deus condena o homossexualismo porque ele é totalmente contrário ao propósito original das relações sexuais: procriação e/ou prazer. Segundo O Teólogo Boice, apenas em se olhar para a anatomia dos órgãos sexuais do homem e da mulher já deveria haver argumento suficiente para convencer de que as práticas homossexuais não são normais.
    Tanto o Judaísmo quanto o Cristianismo sempre reconheceram esse fato, defendendo que o homossexual está sob a condenação de Deus.

    Cura Para o Homossexual

    Após verificar que o homossexualismo está arraigado fortemente na sociedade hodierna, faz-se necessário apresentar ao portador desta anomalia sexual um meio de regeneração e retorno ao ideal divino.

    A terapia de aconselhamento para o homossexual consiste em “escutar a quem pede ajuda, a fim de facilitar-lhe a decifração, por ele mesmo, de seu próprio discurso… levando a uma convivência mais saudável consigo mesmo e, em vários casos, chega-se à heterossexualidade”.

    Talvez o maior problema a princípio seja romper as barreiras da solidão e da incomunicabilidade que a sociedade erige em relação aos homossexuais.
    Já outros estudiosos do assunto defendem que o ponto de partida deve ser a total aceitação do homossexual como pessoa, a plena compreensão de seu drama, e a mais leal solidariedade a seus sofrimentos e a seus problemas.

    Para o auxílio pastoral ao homossexual são sugeridos os seguintes passos:

    1. Reconhecimento e confissão de que sua atitude e conduta são errados;

    2. Ele deve admitir e reconhecer seu problema;

    3. Deve confessar o pecado a Deus e a um conselheiro espiritual, e depois deve pedir a Deus que o purifique e perdoe;

    4. O homossexual que busca a cura deve pedir a Deus que lhe dê um espírito de arrependimento;

    5. Pode-se considerar a possibilidade de uma libertação de demônios;

    6. O conselheiro deve repetir a promessa de que o indivíduo poderá mudar;

    7. O homossexual deve concordar em submeter-se a um plano de disciplina que Deus possa usar para concretizar a mudança desejada;

    8. Entre o homossexual e o conselheiro deve haver sinceridade absoluta;

    9. O homossexual deve começar a participar de uma comunidade cristã compreensiva;

    10. O conselheiro deve ser paciente.

    Para o homossexual, como para qualquer outro homem, no fim é apenas a graça do Espírito Santo com seus misteriosos dinamismos que é capaz de tornar a cura do homossexual possível.

    Acima de todos os meios educativos e terapêuticos, é sempre na graça de Deus que o homem pecador deve confiar.

    Segundo o Dr. José Maria, este concorda com o pensamento de que a igreja deve ser o conduto para a ajuda aos homossexuais que desejarem um retorno aos desejos sexuais naturais de cada ser humano.
    Ele afirma que “a igreja será o último reduto para a consolidação dos conceitos familiares” nos próximos anos.

    Resumo e Conclusão

    O homossexualismo está presente na história humana desde o seu princípio.
    Biblicamente, encontra-se referências à homossexualidade já no relato de Sodoma e Gomorra (Gn 19:4-5), de onde advém o termo “sodomia” como referência à homossexualidade e outras anomalias do gênero; bem como no período dos Juízes (Jz 19:22).

    Moisés também fez referências a esta prática sexual entre o povo de Israel (Lv 18:22; 20:13), condenando-a e considerando-a abominável aos olhos de Deus, punível mesmo com a morte.

    No Novo Testamento, a referência clássica à homossexualidade, tanto feminina quanto masculina, encontra-se na epístola de Paulo aos Romanos (Rm 1:26 e 27). Porém, o apóstolo também faz outras referências à condenação divina sobre esta prática (1Co 6:9-10; 1Tm 1:9-11).

    Através dos estudos e pesquisas científicas consultadas, verifica-se que é reduzida a probabilidade de que as tendências homossexuais sejam o resultado de uma “deformação genética” ou algum caractere hereditário.

    Ao contrário, é grande o número de estudiosos da psicologia humana que acreditam que este comportamento sexual advém de fatores psicossociais vividos na infância (até os 5 anos de idade, principalmente), e que acarretam traumas e complexos que podem levar o indivíduo a desenvolver o homossexualismo durante sua vida.

    Apesar de Deus condenar este comportamento anômalo, em virtude de desvirtuar-se do Seu propósito para o relacionamento sexual e matrimonial, Ele concede ao homossexual desejoso de regenerar-se uma opção de cura, que está disponível através de Sua infinita graça e misericórdia pelas mazelas que atingem a humanidade.

    Como representantes de Deus e instrumentos Seus para distribuição de Sua graça ao mundo pecador, os cristão não devem olhar o homossexualismo como uma doença típica de pessoas “despudoradas”; mas devem encarar o problema com o mesmo amor fraternal e solidariedade que Jesus demonstrou em Seu convívio com o ser humano. Resta ao cristão ouvir e atentar ao conselho do próprio apóstolo Paulo: “Tudo posso, nAquele que me fortalece” (Fp 4:13).

    Por fim, é de ressaltar QUE TANTO OS HETEROSSEXUAIS COMO OS EVANGÉLICOS E CATÓLICOS, NÃO DISCRIMINAMOS “OS HOMOSSEXUAIS”.

    Ao contrário como manda a Lei de Deus (o amor) nós os amamos. Assim como amamos os ladrões, prostitutos, traficantes, homicidas e outros grupos de pessoas. Destarte, NÓS NÃO AMAMOS OS ATOS PRATICADOS POR NENHUMA DESTAS PESSOAS, EIS QUE, O NOSSO PRÓPRIO DEUS FICA IRADO COM “ESTES ATOS MALEVOLENTES”.

    Para concluir, é incontestável o fato de que DEUS CRIOU O HOMEM E A MULHER (O CASAL ADÃO E EVA), E DISSE CRESCEI E MULTIPLICAI.

    Se fosse normal, ELE NOSSO DEUS, TERIA CRIADO – “IDO E ISO” OU “NIZA E NEZA”.

    Um casal é, sempre foi e será formado POR MACHO E FÊMEA. Vejamos exemplos dos animais e nós mesmos.

    Duas pessoas do mesmo sexo SÓ PODE SER CHAMADO DE “UMA DUPLA”, QUE PODE SER “UMA DUPLA GAY MASCULINA” OU “UMA DUPLA GAY FEMININA”.

    E não adiante os pró-gays/lésbicas CRIAREM OUTROS NOMES TAIS COMO: UNIÃO HOMOAFETIVA E OUTROS NOMES AFINS, que jamais terão conotação correta junto ao nosso dicionário, pois, duas pessoas do mesmo sexo e que vivem sobre o mesmo teto – ISTO É UMA UNIÃO HOMOSSEXUAL.

    Esta palavra jamais poderá ser extirpada de nosso dicionário E NEM DA BÍBLIA SAGRADA.

    Homossexuais, ainda há uma esperança para vocês; JESUS CRISTO O FILHO DO DEUS VIVO, QUER LIBERTAR TODOS VOCÊS DOS LAÇOS DE SATANÁS. Vocês merecem as nossas orações. AMÉM.

    (

  27. Margareth disse:

    Quero dizer que Deus ama o homossexual(homem/pessoa), Deus abomina o ato. Sou cristã evangelica,já vi vários homossexuais assistindo o culto e nunca presenciei sequer um pastor com preconceito em relação a essa pessoa.Falam tanto que os evangélicos querem que a Lei PCL122/2006 não seja aprovada por causa de seus interesses, mas quem está matando e maltratando os homossexuais não são os evangelicos. Nós evangelicos somos contra o maltrato, descriminação, matar essas pessoas, mas nós também temos o direito de aceitar ou não algumas situações.
    Que Deus abençoe a todos em Nome de Jesus.

  28. Gilvan. disse:

    Que a paz do senhor Jesus seja sobre todos!!!

    Quero dizer a todos que Deus é amor, bondade, benignidade, paciência, mansidão e nem todo aquele que diz ” senhor, senhor entrará no reino dos céus, Deus ama ao pecador e aborrece o pecado.

    Quando Deus fez Adão e Eva ele os fez perfeitos sem pecado, e o diabo por sua vez e até os dias de hoje tenta distorcer essa criação.

    Quando Jesus protegeu aquela prostituta idagando; quem não tiver pecado atire a primeira pedra, ele também disse a ela vai e não peques mas.

    Nós, não os evangélicos, mas os verdadeiros cristões que vivemos uma vida baseados no evangelho de Jesus vivemos em prol de resgatar vidas, vidas que estão sendo enganadas por falsas doutrinas, queremos que o amor que Jesus derramou por você e por mim seja conhecido por todos.

    Quando admitimos que dois homens ou duas mulheres não estão cometendo pecado ao coabitarem estamos indo contra os disignios de Deus, logo estamos nos tornando pecadores.

    Quando admitimos que duas mulheres também coabitem e se realacionem como duas pessoas de sexo oposto não estão cometendo pecado estamos abrindo mão da missão que o senhor Deus nós deixou que fala do amor dele que é bom perfeito e agradável.

  29. Roger disse:

    Gente desse esse povo da a bunda….
    quem é sujo suje se mais ainda…
    quem é santo que se santifique ainda..
    quem é puro que se purifique ainda…
    “”pois DEUS os abandonou as suas paixões infames para desonrarem seus corpos entre si..estando cheios de iniquidade,prostituição,malicia,avareza,maldade,cheios de inveja, homicidio,contenda,engano,malignidade..sendo murmuradores,detratores,aborrecedores de DEUS, injuriados,soberbos,presunçosos,inventores de males,desobidientes aos pais e mães,nescio,sem afeição natural,irreconciliaveis,sem misericordia…Aos quais conhecendo a justiça de DEUS(que são dignos de morte os que tais coisas praticam),não somente as fazem mas tambem consente aos que as fazem Rom 1″”
    isto é suficiente para essas abominações refletirem

    Mas deixa que este mundo é deles a nossa patria não é aqui.

  30. Adriano disse:

    Para o Matheus, faço uso de suas palavras.
    Se um homosexual lhe fizer um convite para apenas um namoro, e vc assustado disser que não é chegado ou ignora-lo o seu convite, quero lhe dar uma boa noticia seu MERDA(palavra usada por ele mesmo o Matheus), vc vai encarar 5 anos de prisão.
    Reflita!

  31. o Sr. Pastor Valter araujo se esqueceu de que “pecar” e se entregar a “possessões demoniacas” são direitos constitucionais num Estado Laico de Direito. ou será que esotu enganada e estamos vivendo numa teocracia?

  32. alberto dreher disse:

    alntes de falarem qualquer coisa, virem cristãos !
    eu sou bissexual e nem por isso eu abandonei a igreja católica e a igreja batista. afinal. eu sei que DEUS respeita tudo e todos, afinal é ele que fez e faz isso. isso é uma prova para com todos ! então cabe a vocês verem quem são os que estão com ” possessões demoníacas”, porque tenho certeza, que a minha ligação com DEUS é muito mais forte do que de muito pastor ae. e tambem tem varios pastores que fala que ser gay é do capeta e a dois anos atras fazia filme porno gay pra conseguir dinheiro pra comer. incrivel isso.

    mas fazer o que. vivemos numa sociedade opressora e discriminatória.
    tenho certeza que eu vou pro céu, afinal eu não discrimino niguem, mas aquele que discrimina vai sentar no trifásico do satanás.

  33. Mellissa disse:

    “Olá, eu não sei do que se trata e tenho medo do que possa se tratar, então para isso eu crio conceitos, eu procuro não entender as pessoas e exijo que regras sejam cumpridas” -um digno pastor/padre falaria, porém, que direito ele tem de alegar que o homossexualismo é uma possessão, coisa que nunca antes foi provada pela Igreja Católica, e pior ainda, dizer que é coisa do capeta. Sou homossexual e não acredito em religião, justamente por todos esses paradigmas que é imposto, e também pelo fato de que atualmente vc pertencer a uma Igreja justifica o fato de tirar de seu salário uma grande quantia todo mês, para que seu trono no Céu esteja reservado, vivemos ainda na era da Idade Média, mas contornamos tudo com outras palavras, a religião se tornou um grande motivo de eufemismo atualmente.

    Na Bíblia era pedido que amássemos ao próximo como irmãos, porém não é isso que a Igreja prega atualmente. Se realmente existisse um Deus, ele não deveria se importar com a escolha que cada um toma para sua vida, e sim exigir que seus ‘filhos’ também não o fizessem.
    Esse é o grande problema, temos um livro, passado de mãos em mãos a séculos e mais séculos, e um pequeno detalhe, passado na mão dos HOMENS, um livro ‘escrito’ a tanto tempo, por homens, os quais dá o direito para uma igreja qualquer julgar em outro momento, coisas que na sociedade antiga nem se era visto.

    Agora, ao deputado lá, ou sei lá o quê, se vc é religioso, e não gosta de gays, e daí?!! Como ser humano, nós também temos direitos, assim como os negros, árabes, gordos, DEVERIAM ter direito, e vc como deputado, deveria enxergar as necessidades dos cidadãos e não pré-julgá-los como capetas. Isso acontece quando ainda se existe o preconceito, acabou ele levando para o lado pessoal do gosto, não gosto, porém esqueceu que mesmo gay é um ser humano, e que independentemente da opção sexual também sente e sofre como um hétero qualquer.

  34. Tomaz disse:

    Bom pessoal, nao adianta ficar expressando quem [e ou nao filho de Deus, Deus nos deixou dois caminhos, o que leva ao c[eu e o que leva ao inferno, Ele criou o homem perfeito e sem pecado e para lhe fazer companhia ele criaou a MULHER e nao outro h.o.m.e.m nao quero entrar em detalhes, a Biblia deixa bem claro que Deus o criador do homem o do universo [e um Deus SANTO, como o homem depois da queda no jardim do Edem manchou a santidade q Deua o havia dado ele enviou o cordeiro Santo Jesus Cristo, para que conhecessemos a verdade e atraves da verdade fossemos libertos… O recado que deixo a todos os seres humanos que atraves das suas paixoes carnais estao longe de Deus, é que todos os caminhos levam até Deus porque a Biblia diz que TODOS, grandes e pequenos, brancos e negros, ricos e pobres, etc, haveremos de comparecer perante o Trono Branco, o dia do juizo de deus, em que prestaremos conta de todos os nossos atos que praticamos atraves do corpo… POREM O UNICO CAMINHO QUE LEVA A DEUS, chama-se Jesus Cristo (Eu sou o caminho a verdade e a vida) quem entrar pelo caminho (Jesus) aceitar, guardar e cumprir seus ensinamenotos tera a verdade (a vida de Jesus e o carater de Deus) a sua disposição pra viver uma vida santa e longe das paixoes infames… para vossa meditação deixo a verdade sagrada, contra esta nao ha argumentos pois toda a escritura sagrada foi divinamente inspirada pelo Espirito Santo de Deus para que homens que tinha comunhao e intimidade com ele as escrevessem. ENTENDAO NAO ESTOU JUGANDO ESSA CLASSE DIFERENTE DE SERES HUMANOS, MAS ADMOESTANDO-OS O JUGAMENTO SO O JUSTO JUIZ O FARA…

    DIZ assim em Ezequel 3:17 Filho do homem: Eu te dei por atalaia sobre a casa de Israel; e tu da minha boca ouvirás a palavra e avisá-los-ás da minha parte.

    3:18 Quando eu disser ao ímpio: Certamente morrerás; e tu não o avisares, nem falares para avisar o ímpio acerca do seu mau caminho, para salvar a sua vida, aquele ímpio morrerá na sua iniqüidade, mas o seu sangue, da tua mão o requererei.

    3:19 Mas, se avisares ao ímpio, e ele não se converter da sua impiedade e do seu mau caminho, ele morrerá na sua iniqüidade, mas tu livraste a tua alma.

    3:20 Semelhantemente, quando o justo se desviar da sua justiça, e cometer a iniqüidade, e eu puser diante dele um tropeço, ele morrerá: porque tu não o avisaste, no seu pecado morrerá; e suas justiças, que tiver praticado, não serão lembradas, mas o seu sangue, da tua mão o requererei.

    3:21 Mas, avisando tu o justo, para que não peque, e ele não pecar, certamente viverá; porque foi avisado; e tu livraste a tua alma.

    PORTANTO AMIGOS, ESTAO AVISADOS, SEI Q NO VOSSO INTIMO O ESPIRITO SANTO VOS FALA Q ISO É UMA PERVERSSAO.

    E PRA FINALIZAR DEIXO O TEXTO ABAIXO: NAO SOU EU QUEM VOS FALA, MAS É A PALAVRA DE DEUS O TODO PODEROSO…

    ROMANOS 2:5 Mas, segundo a tua dureza e teu coração impenitente, entesouras ira para ti no dia da ira e da manifestação do juízo de Deus;

    2:6 O qual recompensará cada um segundo as suas obras; a saber:

    2:7 A vida eterna aos que, com perseverança em fazer bem, procuram glória, honra e incorrupção;

    2:8 Mas a indignação e a ira aos que são contenciosos, desobedientes à verdade e obedientes à iniqüidade;

    2:9 Tribulação e angústia sobre toda a alma do homem que faz o mal; primeiramente do judeu e também do grego;

    2:10 Glória, porém, e honra e paz a qualquer que pratica o bem; primeiramente ao judeu e também ao grego;

    2:11 Porque, para com Deus, não há acepção de pessoas.

    2:12 Porque todos os que sem lei pecaram, sem lei também perecerão; e todos os que sob a lei pecaram, pela lei serão julgados.

    2:13 Porque os que ouvem a lei não são justos diante de Deus, mas os que praticam a lei hão de ser justificados.

    2:14 Porque, quando os gentios, que não têm lei, fazem naturalmente as coisas que são da lei, não tendo eles lei, para si mesmos são lei;

    2:15 Os quais mostram a obra da lei escrita em seus corações, testificando juntamente a sua consciência, e os seus pensamentos, quer acusando-os, quer defendendo-os;

    2:16 No dia em que Deus há de julgar os segredos dos homens, por Jesus Cristo, segundo o meu evangelho.

    AGORA PRA CALAR A BOCA DOS GLS…

    ROMANOS 1:21 Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu.

    1:22 Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos.

    1:23 E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.

    1:24 Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;

    1:25 Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.

    1:26 Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.

    1:27 E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.

    1:28 E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;

    1:29 Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;

    1:30 Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães;

    1:31 Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia;

    1:32 Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.

    A PAZ DE CRISTO A TODOS.

  35. Tomaz disse:

    (BIBLIA SAGRADA) – ROMANOS 1:26 Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. “LESBICAS”(GRIFO MEU)

    “AOS GLS EM GERAL” (GRIFO MEU)

    1:27 E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.

    1:28 E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;

    1:29 Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;

    1:30 Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães;

    1:31 Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia;

    1:32 Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.

    DIGO AOS GLS… HA PERDAO PARA VCS, POIS DEUS AMA O PECADOR PORÉM ABORRECE O PECADO, JESUS COMIA COM OA PUBICANOS, COM AS PROSTITUTAS COM OS MALFEITORES, POREM ESSAS PESSAOS QUANDO CONHECIAM JESUS ERAM LIBERTAS DOS SEUS ERROS E PERDOADAS PORQUE CONHECIAM Q JESUS VERDADEIRAMENTE ERA O MESSIAS Q HAVIA DE VIR DA PARTE DE DEUS PARA TRAZER SALVAÇAO ETERNA A TODOS OS QUE O ACEITASSEM E ABANDONASSEM SEUS PROPRIOS CAMINHOS…

    A PAZ DE CRITSO JESUS A TODOS.

  36. jose ricardo disse:

    vejo aqui é pastores e leigos mal preparados em materia biblica…uns tentam justificar-se com textos biblicos outros distorcendo os textos ,para os pastores aqui vai nao invoquem as epistolas de paulo para serem contra o homosexualismo.os do mundo a favor distorcem as mesmas epistolas ora nao estou de acordo que os pastores evangelicos façam manifestaçoes publicas contra o homosexualismo ,se repararem os homosexuais e lesbicas é que faziam manifestaçoes para os governos criarem leis a favor do movimento gay/lesbico.pastores nao discutam este tema na praça publica estas leis aprovadas por governos laicos que governam os seus países e elaboram leis que sao 100% contrarias á palavra de DEUS.se laico quer dizer separado da igreja entao caros pastores apliquem a palavra de DEUS somente dentro das igrejas e recebam todos os homo/lesbico que apareçam nos cultos e façam ver que estao errados e que se devem arrepender e deixar esse caminho perverso baseado apenas nestes versiculos GÉNESIS capitulos 1,27 e 2,24 nao á volta a dar ao texo.se quiserem arrepender-se podem aceita-los se nao o quiserem vos pastores nao sao obrigados a por LOBOS juntos com as OVELHAS .Nao discutam com os que sao a favor dos homo/lesbicas nem com deputados ou senadores DEUS nao é de confusoes o que me parece é que os pastores nao estavam preparados para conviverem com a realidade de os governos aprovarem leis a favor porque nunca liam ou pregavam que a biblia é contra o homosexualismo e mentirosos e assassinos etc nao estavam preparados como eu que ja sabia que ano menos ano isto ia acontecer.Se tal nao acotecesse eu proprio chamaria mentiroso a DEUS porque estava escrito na sua palavra que isto ia acontecer no mundo…Pastores nao se metam em confusoes preguem a VERDADE e se for preciso morram por ela mas somente dentro das igrejas mais val obedecer a DEUS do que obedecer aos homens/governantes… os outros que sao a favor dos homo/lesbicas fiquem com o vosso saber e opiniao e nao se esqueçam que DEUS quer que voces se arrependam dos maus caminhos para poderem ser salvos…QUE o amor de DEUS esteja com a sua igreja….

  37. peixe disse:

    meu irmao cada kbeça uma sentença!se voc axa normal dois bigodudos se beijarem parabens pra voc… o anormal é q façam isto em vias publicas influenciando nossos jovem a este tipo de pervesidade anormal!.irmao axo q nao vem ao caso se é preconceito ou nao.vou te fazer uma pergunta:voc tem filhos?no meu entendimento sera q voc aceitaria seu filho com outro homem tranzando?. voc acredita em Deus? nao? como lhe disse cada kbeça sua sentença.seremos jugados por nossos atos e praticas abominavéis aos olhos de Deus. nao me enterpreti mal nao estou sendo preconceituoso so apenas seguindo o que acredito. mais como nos finais dos tempos se revelara o homem da perdiçao…tudo no mundo passa mais a palavra de Deus nao passara. nao e obrigado voc acredita em Deus! voc só nao pode tentar influencia as mente de nossos jovem a praticar homosexualismo. o mundo ja esta xeio de odio, gananci, injuria, pervecidades, maldades. nao tenho mais em quem acreditar a nao ser na palavra de Deus! um Deus de amor que nao pedi nada a mais que:6 nao matarás, 7 nao aduterarás, 8 nao furtarás, 9 nao darás falso testemunhos, 10 nao cobiçarás a casa do teu próximo,e nem a mulher… (exodo 20) se voc matar sera sugeito a jugamento ou mort certo? se voc aduterar a palavra de Deus tera sentença em Juizo certo? se voc roubar sera jugado pela lei dos homem q por suas crueldades em seus coraçoes xegao ate tira a vida do trasguesor certo? se voc der um falso testemunho de alguem isto pode ate levar inocentes à pagarem crimes que nao cometerao certo? se voc transa com uma mulher(o) casada isto pode ate levar voc a sepultura pois se o traido descobri certamente se infurecerá e cobrará a traiçao talves até mesmo causando a morte…
    iai meu irmao sera que ao acaso se um filho seu vinher a senti atraçao pelo uma pssoa do mesmo sexo, isto nao poderia de alguma maneira trazer magoas em seu coraçao por exempro voc se pergunta:o que eu fiz de erado?????? irmao Deus é amor nao odio! pensse nisto.
    nao odeio os homosexoais só nao axo certo o que fazem! é a mesma coisa que se planta uma bananeira e espera que dela venha maçã. penc nisto. nos finas dos tempos ate as pedra clamarao (coraçoes duros).em nome de nosso senhor Jesus Cristo as escamas q estao nos olhos de todos ATEUS cairao e verao o verdadeiro Rei dos Reis vindo em sua gloria e esplendo com seus anjos para busca os seus escolhidos..
    um abraço fique na paz de Deus ou em algo que acreditas um abraço thau.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *