Mãe de Katy Perry diz que divórcio da cantora foi presente de Deus

11

O fim da união de Katy Perry com Russel Brand foi motivo de alegria para os pais da cantora, que nunca aprovaram o casamento da filha com Brand, que é ateu. A mãe de Katy chegou a dizer que a separação do casal “foi um presente de Deus”.

Os pais de Katy, Keith e Mary Hudson são pastores e, segundo o jornal britânico The Sun, nunca tiveram uma relação amigável com o genro. De acordo com o biógrafo Chloe Govan, autor de Katy Perry: A Life of Fireworks, Brand vivia zombando da crença dos sogros.

No primeiro sermão dos pastores após o término do relacionamento de 15 meses da filha com Brand, que é ex-viciado em heroína, eles falaram de amor aos filhos e de família. Emocionado, o pastor Keith Hudson disse: “Eu amo minha filha e eu vou sempre amá-la. Parem de julgar e criticar. Não feche as portas para seus entes queridos, principalmente seus filhos” Ele disse também aos membros da igreja que são pais que nunca se afastem dos seus filhos, mesmo que eles mantenham um estilo de vida diferente dos seus, e completou afirmando: “Eles contam com vocês. Eu acredito em Deus, por cada um de meus filhos”.

O casal de pastores falou também da oportunidade de pregar entre os amigos de Katy Perry: “Deus nos deu um caminho para conhecer pessoas e falar a elas sobre a nossa fé”.


Fonte: Gospel+

11 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA