Brasil

Marquinhos explica voto contra projeto que cria Dia do Pastor

Comments (9)
  1. Nana disse:

    Como ele quer um Estado laico se no Brasil temos dias p/ todos os santos católicos.

  2. Marcelo disse:

    …Pois é, quer dizer que o Estado pode criar Dia de Aparecida e outros mais devido a região do país e ainda vem dizer que vivemos num regime Laico???? Faça-me o favor, nobre político…

  3. Fabio disse:

    Essa foi apenas mais uma das piadas que temos em nosso congresso. Se o Brasil fosse um Estado Laico não haveria dia de Aparecida, São João, São Fulano e Santo Sicrano. O Brasil é efetivamente um Estado Católico que discrimina as outras religiões.

  4. Ana Paula Porto disse:

    Parabéns ao pastor, que não fez uma sandice dessas de fazer o dia do pastor. Pelamordedeus, há coisas mais importantes para se criar, com certeza, principalmente leis que defendam o cidadão, independentemente de seu credo.
    Eu, sinceramente, teria vergonha de ter votado num deputado desses, que em vez de pensar no povo faz a gente passar vergonha!!!

  5. Vãna disse:

    Eu não sei onde o deputado Marquinho viu coerência em votar contra o dia do Pastor, pois instituir este dia é uma maneira de reconhecer toda uma vida que os verdadeiros Pastores dedicam, só prá ver as pessoas sendo libertas dos vícios, da prostituição, da falta de propósito na vida, enriquecendo a muitos com a palavra de Deus e etc. Se for prá usar coerência conforme ele defende, seria necessário acabar de vez com tanto dia de Santo não é mesmo? (cada dia do ano corresponde ao dia de um santo) Pois nem todos são devotos.

  6. Infelizmente a maioria destes ditos deputados que fora eleitos no Brasil o fizeram pelo salário e conta se nos dedos os que estão ali e tem senso de chamado, ou seja alguém que quer realmente fazer algo pelo povo. Como trabalham pelo dinheiro ficam ai criando esta leis estúpidas e feriados sem sentido,para que se precisa de um dia do Pastor Evângélico ??

  7. Eduardo Alves disse:

    Concordo plenamente que não existe a necessidade de se criar o Dia do Pastor Evangélico, afinal de contas, os pastores sérios não precisam que seja criado um dia para que eles sejam reconhecidos, os vossos trabalhos sérios e dedicados a Obra de Deus são reconhecidos pelas pessoas sérias da sociedade.

    Por outro lado, acho interessante este tal deputado falar que defende um Estado LAICO, como de fato deveria ser, mas o porque ele ainda não buscsou formas até o momento de acabar com os dias dos santos da igreja católica apostólica romana??? Acho que no mínimo é uma falta de coerência da parte deste cidadão, no Brasil existe dia dos santinhos A e B, ele deveria refletir melhor sobre as suas atitudes e reinvidicar também que os santos católicos romanos perdessem o seu “dia” no Brasil.

    É lamentável…

  8. marcos arguelho disse:

    Que ele não apareça ou envie seus cabos eleitorais a comunidade cristã como o fez na ultimas eleições.
    é bom lembra-lo que muitos dos crentes inclusive pastores tem dado apoio ao seu mandato.
    valeu “nobre” deputado..
    Deus te abençoe.
    Marcos A.

  9. josefa disse:

    É meso tem tanto santos porai afora que niguei nei emagina mais so os tontos que acredita porq so jesus e o caminho a vida e averdade niguei vai a o pai se não pelo o filho que é jesus amem

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *