Pastor questiona se Sarah Sheeva tem preparo teológico e espiritual para ser pastora

1

Diante da mudança de Sarah Sheeva, filha dos cantores Baby Consuelo e Pepeu Gomes, o pastor João Flávio Martinez, presidente do CACP, questiona até quando é válido “a elevação de uma celebridade ao status de pregadora”.

A ex-cantora conta que sua transformação começou durante um ensaio da banda que tinha com suas irmãs Nana Shara e Zabelê, a SNZ. Segundo ela contou em uma entrevista ao UOL, um músico começou a ter um surto se debatendo e proferindo palavras malignas. Ela afirma que era a possessão de um espírito maligno e que, nervosa, se trancou no quarto e começou a orar: “Aconteceu uma coisa muito louca, sobrenatural. Comecei a rezar, a falar com Deus. Na minha ignorância, dentro do meu quarto, de repente, senti uma presença forte, que era Deus. Cai no chão, me prostrei e ali me converti”, lembra.

Faz dez anos que Sarah começou a frequentar a igreja, e ela diz que no ano passado foi consagrada ‘pastora estagiária’, “uma aspirante a pastora” explica. Ela afirma que começou o “curso das Princesas”, sem nenhuma pretensão, com 50 mulheres da igreja. Na entrevista Sarah explica o tema do culto: “trabalhamos mudando a nossa cultura, chamando amigas para mudarem suas culturas. Sou uma ex-cachorra, e uma ex-cachorra pode falar. Graças a Deus, ele me transformou.”

Porém existem questionamentos sobre a ascensão de celebridades ao pastorado. Em entrevista ao The Christian Post o pastor João Flávio Martinez questionou se Sarah tem preparo espiritual e teológico suficiente para conduzir um grupo de mulheres como pastora. Ele argumentou dando como exemplo o caso de Lanna Holder: “Lembremo-nos do caso de Lanna Holder, que hoje tem uma igreja para lésbicas. Se ela [Sarah Sheeva] for uma crente do nível da sua mãe, pelo que já pesquisei, ela provavelmente tem uma cosmovisão superficial do que é ser uma pessoa nos parâmetros bíblicos”

Fonte: Gospel+

1 COMENTÁRIO

  1. A palavra nos confirma que Deus chama e nos capacita, que a palavra por si só ela é morta, que NÃO fomos chamados para julgar ao próximo e sim para pregar as boas novas e quem somos nós para dizermos quem está pronto ou não? A palavra ainda nos diz que devemos pregar o evangelho a toda criatura e que o Espírito Santo falaria por nós. Não recordo da palavra nos ordenar em fazer faculdade de teologia, o homem é que quer se aperfeicoar nos ensinos, aí sim é diferente. Deus usa o vaso como quer prq Ele tem vários filhos de personalidades e carater diferente e o seu objetivos é convençer a todos do erro do pecado e da justiça, se não fosse assim Deus não usava Pastores cegos ou analfabetos. A FÉ vem pelo OUVIR e OUVIR a palavra de DEUS!

  2. Com certeza o despreparo deste pastor deverá ser maior do que Sarah Sheeva, isto posto, porque um pastor sabe muito bem que não deveria julgá-la, como está fazer. O juiizo pertence ao Senhor dos Senhores. Atitude essa muito pequena e com gravidade por vir da parte de um pastor. É digno de dó, por tentar atingir uma pesoa ungida pelo Eterno. O Criador, saberá como cobrar daqueles que se levantam contra um ungido. A palavra nos lembra que muitos serão chamados, mas poucos os escolhidos, a exemplo de pastores que enganam a si próprios. Saudações…PAZ
    Cléveron Lobo Buim – Boim

  3. Esse pastos deveria é ficar bem quieto no seu canto.
    A Palavra fala que conheceremos quem são os santos pelos frutos. A Sarah ficou 10 anos em dicipulado com gente séria (Ludmila Feber e seu esposo) sem sequer subir ao púpito e agora é que tem reunido inúmeras mulheres para falar que elas tem valor e que devem se preservar para o casamento. Pregando a palavra de Deus que tem causado mudanças de comportamento e levando vidas a Cristo.
    O que tem feio o Sr. João Flávio Martin além de vir a público e criticar quem está com a mão no arado?

    • kkkkkkkkkkk – pessoas sérias? kkkkkkkkkk ludimila Feber – Que transformação….Aquela mulher pra quem não sabe – ao vé-la pela primeira vez não se sabe se é uma mulher ou é uma transsexual…não se deixe enganar – só porque fala em Deus não quer dizer que é convertido…meu amigo…uma pessoa tem cristo como referencial, tem que mudar o interior e o exterior…se não não há conversão. E olha que nem estou falando de costumes hein.

    • Lenon Santana
      Você poderia falar então quem são as pessoas sérias do seu ponto de vista?
      Não conheço a Ludmila pessoalmente, mas seu ministério tem gerado frutos (inegável isso) e é isso que dá para ver.
      Quanto a ter coisas a serem mudadas no interior, creio que todos temos, quer dizer não sei você, mas no geral mesmo depois de convertido, todos temos coisas a melhorar e os erros todos os vivos cometem, mas os que se posicionam em Deus, se arrependem, pedem perdão e seguem em frente.

  4. Débora foi uma juíza descrita no livro de Juízes do Antigo Testamento da Bíblia e que teria liderado os israelitas contra o domínio de Canaã, por volta do século XII a.C..
    É a única mulher das Escrituras que alcançou um cargo político pelo seu próprio povo. Sua origem parece ser simples, pois o texto bíblico a menciona como esposa de Lapidote e que prestava atendimento como profetisa debaixo das palmeiras.
    Numa nação sedenta de espiritualidade, caracterizada pela rejeição de Deus e por uma determinação entre o povo de cada um agir a seu próprio modo, Débora foi, antes de tudo, uma conselheira, ao demonstrar sua liderança à sombra de uma palmeira próxima à sua casa, discutindo e sugerindo soluções para pessoas com problemas.

    em um pais onde a mulher esta cada vez mais perdendo seu valor .
    aparece alguém que tenta regatar o valor feminino já recebe critica de pessoas preconceituosa,
    se olharmos para missões veremos mais mulheres do que homem indo pregar o evangelho em outros países pagando o preso.

    deus levantou Deborah pelo motivo de não ter homem a altura naquele momento da historia e não vi nenhum preconceito por parte do povo israelita.

  5. vejo que o caminho, futuramente das igrejas, vem sendo desacreditado, é tanto escandalo e mentira, e o mandamento foi ' amar ao teu proximo como a ti mesmo' imaginem…a biblia tem que ser lida por todos e a direção e entendimento vem de Deus, nos não somos nada, sem Deus… a salvação é individual, não sejamos guiados por cegos, pois o Espirito Santo é disponivel a todos.

  6. As pastoras anglicanas são pastoras sérias. Elas estudam a mesma coisa que os homens: Teologia.

    No Anglicanismo há um compromisso que homens e mulheres assumem na ordenação. Nesse aspecto, as mulheres têm sido fiéis ao Evangelho. O Trabalho delas tem demonstrado comprometimento com a vocação pastral.

DEIXE UMA RESPOSTA