Pastor Samuel Câmara faz denuncias polêmicas contra a CGADB e diz que Igreja Mãe pode sair da convenção

1

Durante a 40ª Assembleia Geral Ordinária, que aconteceu na semana passada, o pastor Samuel Câmara da Assembleia de Deus de Belém do Pará fez denúncias e críticas severas contra o presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil, o pastor José Wellington.

O líder da Igreja Mãe começa seu discurso mostrando sua indignação com a reunião que aconteceu na manhã daquele dia onde teria sido dito que os membros da Convenção do Pará são “desviados, bandalheiros e arruaceiros”. Contrariado, Câmara pede que na próxima reunião seja apresentado provas para essas acusações por que se não a Igreja do Pará irá romper com a convenção geral.

O microfone do pastor Samuel chegou a ser cortado diante das acusações que seguiram sobre vários desentendimentos que os dois teriam tido no passado. Outro assunto que foi levantado foi sobre um suposto linchamento de um pastor que teria acontecido com a permissão da mesa diretora da Convenção Geral, presidida por José Wellington.

Câmara também denuncia que as convenções estaduais que apóiam outros candidatos pra disputarem as eleições na CGADB passam a não ter apoio dos aliados do presidente reeleito, José Wellington. As últimas palavras do pastor Samuel Câmara são: O poder dos senhores não é eterno!

Pastor Samuel Câmara faz denúncias contra José Wellington e CGADB

Assine o Canal

Corrigido de Gospelprime

1 COMENTÁRIO

  1. É Igreja-Mãe SIM, pois foi a PRIMEIRA. Devemos ter CONSIDERAÇÃO de Uns para com os outros e fazer de tudo para GANHAR Almas e não Espalhar contendas… O Lamentável é que nós Paraenses temos RESPEITO pelas Assembleias de todo o Brasil, ao Contrário de voçê irmão Asdrubal… O Pastor Samuel Camara foi CHAMADO Por Deus… Nem eu ficaria mais numa "CGADB" que MANIPULA Resultado de Eleição para a Mesa Ditora no Pleito passado…

  2. Samuel Camara, ele e pastor? Que falta de vergonha e respeito. Uma meninice. Agindo como moleque em todo o canto. Deveria ter saido da CGADB, mas ele nao quer abrir mao do poder, da CPAD. Entre um pastor maduro our moleque, de honra ou sem vergonha, com doutrina solida ou com um lingua torta… a resposta e bem clara. Para o crente, nao precisa muito para decidir na proxima eleicao. Um que leva o problema eclesiastico para rede nacional como tambem fez Silas Malafaia, esta simplesmente e totlamente fora da Biblia.. comeca por ai…e se analizarmos a luz da Biblia, ja sabemos em quem votar…

  3. Nós pastores não precisamos de está fazendo confusão por poderes. E por liderança, Deus já nos deu poderes e liderança sobre essa Terra que nós pisamos só precisamos nós saber que nós ainda estamos na direção de Deus para prega o envagelho há todos os quatros quanto deste mundo foi esse o compromisso e a erança que Deus nos deu para falar do amor e damisericordia que Deus tem por nós seremos sempre lider não precisamos de pessoas neste mundo pra nos liderar por isso só precisamos dá preciosa graça de Deus para viver em comunhão. OH GLORIA!!! Pr. J. Santos de MOJU
    E mail: josafonsodossantossilva@yahoo.com.br

  4. A Igreja perdeu o foco, está sem direção os líderes não tem mais a preocupação em ganhar almas para o reino de Deus. só pensam em posição, ganhar muito dinheiro. política bem estar da familia , estão como judá usando cabrito do rebanho para satisfazerem seus interesses pessoais. mais muito em breve a mão de Deus vai escrever na parede.

  5. Continuando com tais palhaçadas diabólicas, tais “líderes” crentes, “não salvos”, estão próximos do inferno. Ensinam aos outros o caminho do céu, e perdem-se embaraçados em “reais”.

DEIXE UMA RESPOSTA