Brasil

Parlamentares evangélicos propõem emenda na Constituição Federal para fechar “brechas” que permitem o aborto

Comments (4)
  1. O BRASIL VAI CONTINUAR BANCANDO O AVESTRUZ… colocando a cabeça no buraco para uma realidade…

    TODOS anos mais de um milhão de brasileiras fazem abortos.. as que podem pagar clinicas(É CARO), as pobres são duplamente penalizadas, tomam abortivos e sangram em casa…
    todo mundo sabe onde são as clinicas….. eu sei de duas, foram fechadas e reabertas várias vezes, ninguem é preso…são detidos e depois liberados….
    A proibição não diminui que eles sejam feitos, quem gosta é a MAFIA DE FAZER ANJOS…quando uma menina chega querendo abortar, não existe ninguem para fazer ela mudar de idéia.
    num hospital publico com certeza, haveria uma assistente social ou psicologa para fazer a jovem mudar de idéia, muitas vezes são coagidas por seus parceiros, que não querem a criança..ou querem esconder dos pais.
    seria dado a opção de falar com os pais, deixar nascer para dar para adoção, etc…haveria obrigação de participar de cursos, sobre metodos contraceptivos, para que não venham cometer o mesmo erro…PROIBIDO SÓ ESTAS CLINICAS(AÇOUGUES GANHAM)
    Pura hipocrisia..finge-se que não se faz.
    nos paises onde é liberado, o numero de abortos é menor, estados unidos canada, maior parte da europa, paises superpopulosos, india, china, etc..
    DO JEITO QUE TÁ QUE NÃO, DÁ.. PELO MENOS NA MÃO DO GOVERNO, TERIAMOS DADOS E COMO EVITAR
    2 sites: com mapa e relação dos paises que fazem aborto…vc poderá notar que são os mais ricos e com desenvolvimento social..
    http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/desenvolvimento/conteudo_283054.shtml

    http://www.pco.org.br/conoticias/ler_materia.php?mat=7514

    paz

    1. Mesmo nossa vontade é extinguir essa pratica cruel, nunca vão parar esses crimes, só no dia que essas mães forem pagar drasticamente o que fizerão… pagar a Deus é claro…

  2. Lúcia disse:

    Eu acho que quem tem que decidir é a mulher. É ela que esta vivendo este drama da anencefalia e outros tao terriveis quanto este. Eu nao acho, que isto sendo feito com consciencia, seja pecado nao. A criança nao vai morrer mesmo? Só ouvi falar de um caso em que a criança viveu ate 1 ano e 8 meses, ou seja, a probabilidade dela viver é muito baixa. E qual a diferença dela morrer aos 3,4,5 meses de gestaçao? Eu acho que o Deus que eu conheço, nao é este carrasco que muitos proclamam aqui nao, entao para que ele permitiu o avanço da medicina, a existencia de ultrassons e outros meios de descobrir uma anomalia como esta? Pior seria se a criança tendo nascido com este ou outro problema terrivel, e os pais nao cuidarem dela ou nao terem condiçoes de cuidar dela, e ela ficar jogada as traças. Ora o mundo ja esta por demais cheio de crianças, passando fome, frio, maus tratos, injustiças mils. É o que eu penso.

    1. CARLOS MORETTI disse:

      Boa tarde Lucia!!!
      respeito sua opinião,então quer dizer que a criança tem que ser perfeita a seus olhos? e outra é uma vida que está ali,ela ja tem o folego de vida, se vai viver 1mes ou 2anos ou 5 anos, quem vai determinar é Deus, agora se a mãe e o pai vai cuidar ou abandonar,cada um vai dar conta de seus atos, e outra se vc for fazer uma visita nos orfanatos vera que são pouquissimas as crianças com algum tipo de (deficiencia) que são abandonados,sei que um caso seríssimo mas agora a mãe ter esse poder de tirar a vida de uma criança, haa isso não..O ser humano ja mete os pés pelas maos com assuntos tao menos complexos,..não da né…

  3. Ótimo, melhor ainda para as centenas de mulheres vitimas do aborto ilegal, feitos nas clinicas clandestinas imundas por assogueiros que matam o feto e a gestante juntos.

    Palmas mais uma vez para essa bancada evangelica! desordem e regresso!

  4. realmente a bancada evangélica fez merda… oque uma pessoa sem cérebro pode fazer… daqui a pouco vão fazer uma lei para proibir tiro de misericóridia em guerras (sei que não é possível nem há interesse nisso, mas é só pra ratificar e comprar o tipo de legislação)

    1. Bruna Louise disse:

      Infelizmente não podemos mais confiar nos deputados ditos "evangélicos"… Atualmente, além de fazerem merda, colocam o nome de Deus no meio, e ainda mancham os verdadeiros cristãos na sociedade…

    2. La vou eu aguentar meus amigos ateus enchendo o saco "¬¬ por causa desses incompetentes que se dizem evangelicos

  5. é infeliz a capacidade que a turma tem de querer meter o bedelho em situações tão aaaaaaaaaaaah… se a gente continuar querendo forçar o evangelho nas nossas leis estamos dando abertura para que os mulçumanos, católicos, ateus, espíritas, umbandistas, candoblecistas e outras coisas que seguem essa linha de idéia religiosa ou filosófica queiram se meter nisso… não vejo esses deputados evangélicos devolvendo salário dem lutando para que eles diminuam… somente fazem esse tipo de coisa sabe pra que? pra não perder o apoio da parcela "anencéfala" dos evangélicos (que infelizmente tá cada dia maior, até mesmo nossos pastores), pois, se eles ficam calados nessa, perdem o apoio, e sem o apoio o 18º salário deles e a aposentadoria em 5 anos estão perdidos… (não tenho certeza quanto aos números, mas li uma notícia meio que por aí)

    1. Vc nao tinha acabado de postar isso ? XD

    2. Bruno Magoço cala a boca e vai postar no segundo kkk

    3. ¬¬mas vc tinha postado essa msm coisa e eu até comentei junto com uma menina huahuahuauha

    4. Bruna Louise disse:

      Bruno Magoço na verdade,Sidney Andrade postou duas vezes.. mas não a mesma coisa…veja bem.

    5. Bruna Louise Ah agora que eu olhei pelo site e nao pelo facebook eu entendi auhahahuah

    6. Bruna Louise disse:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  6. Pitagoras disse:

    Fundamentalismo gera fanatismo, que gera intolerância, que gera medo da democracia e nega direitos aos demais. Para eles, o que tem valor são só seus conceitos e dogmas absurdos.

  7. e depois dizem que a bíblia é um livro de fábulas, pelos comentários abaixo, se percebe a podridão da moral humana dno mundo, rejeição aos princípios de DEUS,
    e favorecimento as vontades do cramunha, cujo prazer principal, é eliminar vidas indefezas.

  8. Minha posição:

    Restrito à lei: permitir o aborto somente quando comprovado o risco de morte à mãe. Para estupros = doar a criança a alguma creche, caso não a queira (o Estado fica responsável por ele). E anencéfalos será um parto triste, mas a saúde da mãe é preservada.

    Infelizmente os abortos estão se tornando muito comuns. Muito mesmo.

    Muito mais do que a lei, acho que o governo poderia ser mais criativo e tentar incentivar mais os vários métodos anti-conceptionais, bancá-los.

  9. Vamos nos mobilizar também contra a corrupção a começar por estes que se dizem evangélicos e são os primeiros a entrar nas mamatas desta escória da sociedade… Bancada evangélica vergonhosa.

  10. Os evangelicos são sem cérebros, incompetentes, corruptos…só porq estão lutando a favor da vida?agora fiquei confusa…

  11. Roni Pauli disse:

    Estamos chegando a pena de morte que era criterio de DEUS, se sem cerebro vive ou não é DEUS quem tem o direito de decidir.

  12. Sem noção alguma esses deputados sabe quanto tempo uma PEC chega a plenario para ser votada, no maximo 2 anos, no minimo 1 e meio, depois tem que passar por 2 votações na casa e 2 votações no senado com maioria absoluta, depois sansão presidencial, isso se a mesma passar pelo crivo de STF de novo e não for julgada incostitucional. Até lá essa bancada já teria rodado em uma nova eleição.

    1. WRONG, Leandro, Sanção presidencial é requerida apenas para Leis Ordinárias, Complementares, etc, Emendas Constitucionais NÃO PRECISAM DE SANÇÃO PRESIDENCIAL!

  13. André Messias disse:

    com isso eu concordo…tapar as brechas para evitar que o aborto se torne algo banal…

  14. francisco da silva disse:

    eu vejo com toda a certeza que a nossa presedente esta mostrando quem ela era antes e agora estase concretizando isso e uma vegonha para nos brasileiro por que eles não matam os seus filhos e aprovam a a lei do crime contra o indefeso

  15. henrjk disse:

    Quer dizer que o feto anencéfalo não causaria perigo para a gestante.
    Será que esses que foram contra a decisão do STF ajudariam essa mulheres ou usariam de hiipocrisia mandando a conta para a União pagar?

  16. Shine Well disse:

    A lei não obriga nem uma evangélica ou católica ou mulher de fé abortar! Apenas dá o direito de opção às "iníquas", "pecadoras" e demais mulheres "sem fé" de fazê-lo estritamente dentro da lei. Evangélicos, católicos e demais pessoas "santas", "ungidas", "religiosas" e de "muita fé" não estã enxergando esse detalhe!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *