Membros da Igreja Universal do Reino de Deus realizam doações de Bíblias em presídios

10

A Igreja Universal do Reino de Deus está realizando um trabalho voluntário em vários presídios do Brasil, a ação, que envolve pastores, obreiros e evangelistas, consiste na assistência e evangelização dos detentos que estão nas penitenciárias e também na doação de Bíblias. Além de evangelizar, os membros ainda distribuem kits de produtos higiênicos aos detentos.

O líder da igreja, bispo Edir Macedo, em recente reunião no Cenáculo do Espírito Santo em Santo Amaro, São Paulo, se posicionou a favor da atuação da denominação nos programas de assistência aos presidiários.

Ele ressaltou a importância de olhar para os que estão presos como seres humanos, “Todos olham os presidiários como condenados, mal feitores. Nós olhamos para eles como seres humanos. Eles estão lá devido à opressão e influência dos espíritos malignos, mas nós acreditamos que, se eles forem livres, farão bem para eles mesmos e para toda a sociedade”, citou o bispo.

Ainda neste mês, 04, sob condução do bispo Afonso da Silva, responsável pelo trabalho, foram distribuidas 600 Bíblias e 400 kits de produtos higiênicos aos detentos do Cadeião de Pinheiros, em São Paulo. A doação foi feita pelos membros da igreja.

Fonte: Gospel+

10 COMENTÁRIOS

  1. É como disse o senhor Jesus;
    “Vigiai-vos dos falsos profetas…A boa árvore é conhecida pelos seus frutos.” Mat 7:15-20
    “O que a sua direita fizer não deixe sua esquerda saber.”
    Tenha discernimento e não seja enganado, tenha conhecimento e obterá a vida eterna. João 17:3
    Deixar ser levados por meras obrigações de alguns não significa que conheces àquilo que é verdadeiro. Leia a Bíblia e veja quantos alertas Jesus deixou sobre esses que se dizem “cristãos” cujo objetivo é enganar, assim como satanás que persiste em transformar-se em anjo de luz para desencaminhar pessoas. 2 Coríntios 4:4 e 11:14. Leia com atenção esses versículos e chegue a uma conclusão lógica e previna-se contra falsos cristãos!

  2. Ora Santos, doaçao de biblias é a coisa mais comum das igrejas evangelicas. Quem faz isto nao faz mais do que a obrigaçao. Desde criança que eu sei disto.

  3. A IURD É A IGREJA QUE MAIS DOA BÍBLIA, isso é fato,

    falem o que quiser, não se esqueça de doar a (bíblia) PALAVRA DE DEUS,
    isso os “crentes” não fazem, não devolvem nem o DÍZIMO,
    isso sim que servir a mamom, ops:. MAMÃO, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    DEUS ABENÇOE A FAMÍLIA DA FÉ

  4. realmente vem como kit aceite a bíblia da iurd e comece a dar o dizímo, então voce gozara de direitos e previlégios nunca antes visto, celas com frigobar cinema tv a cabo, guarda especial, ta tudo incluido

  5. Ministério Público abre investigação contra Igreja Universal por suposta cobrança de dízimo à presos

    A Igreja Universal do Reio de Deus (IURD) está sendo investigada pelo Ministério Público do Estado do Mato Grosso por causa de denúncias feitas contra a denominação em sua atuação dentro de presídios. De acordo com a denúncia, os presos que não pagam dízimo à Igreja Universal estão sofrendo discriminação na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá.
    De acordo com as denúncias, para o preso mudar de ala ou ter algumas outras regalias dentro da penitenciária ele precisa pagar o dízimo para os integrantes da IURD. As investigações começaram depois de uma vistoria na penitenciária, durante a qual um presidiário afirmou ter ficado de “castigo” por não ter dinheiro para pagar o dízimo.
    “Os caras cobram e quem não paga não tem direito nem à água gelada e quem paga tem até filme pornô”, disse o detento, de acordo com o portal de notícias 24 Horas News.
    Confirmando as denúncias de extorsão, o promotor Célio Wilson de Oliveira, da Vara de Execuções Penais, falou sobre o trabalho de investigação e afirmou que “as investigações estão se prologando mais do que se imaginava”.
    O Ministério Público já conseguiu comprovar que o dízimo era realmente cobrado e quem estivesse em dia com o pagamento se tornava “intocável”, podendo fazer de tudo, como se estive em casa. As investigações incluíram a apreensão de computadores, documentos de registros contábeis e objetos que pastores da Universal estavam usando dentro da penitenciária.
    O promotor Joelson de Campos Maciel falou sobre o assunto. Segundo ele, o trabalho das igrejas dentro das penitenciárias não pode estar relacionado ao pagamento de contribuições financeiras, prática que é proibida pelo CNPC (Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária), ele afirma ainda que “a igreja que tem que ajudar o preso e não o preso que tem que ajudar a igreja”.

  6. é ladrão ajudando oladrão ops quer dizer irmão ajudando irmão, junto com a bíblia vai também o plano de assistencia carceraria, tanto de oferta e dizimo tanto de regalias , conforme o dizimo a cela tem tv a cabo computador internet, frigobar mais horas de banho de sol, ou seja é a empresas tabajara em plena atividade, ep o promotor que estava averiguando já tombou diante de tanto dinheiro

DEIXE UMA RESPOSTA