No programa de Silas Malafaia, Mike Murdock afirma que “não queria servir a um Deus que fazia as pessoas pobres”

118

No programa Vitória em Cristo dessa semana, o pastor Silas Malafaia recebeu novamente o pastor Mike Murdock. Segundo anunciado por Malafaia, o programa faz parte de uma série de duas entrevistas, nas quais o pastor norte-americano ensinará “a importância do dinheiro” e também “quatro atitudes para você nunca perder o emprego ou arrumar um”.

Nesse primeiro programa, Murdock contou sobre sua infância e juventude quando, segundo ele, vivia com grandes dificuldades financeiras apesar de ser oriundo de uma família cristã. O pastor contou que seu pai era um homem que dedicava horas e horas de seu dia para orar, mas que, ainda assim, viviam em uma situação de miséria.

Murdock afirma que seus conceitos sobre Deus e o dinheiro começaram a se moldar quanto ele tinha 18 anos de idade e não podia ir para uma escola bíblica pois seu pai não tinha condições de pagar os 4 dólares por dia que a escola custava. Ele afirma ter ficado chocado por ter um pai que amava a Deus, orava até 10 horas por dia, mas que não tinha 4 dólares por dia.

– Como você pode pregar a respeito de um Deus que cura o câncer, um Deus que pode te libertar do alcoolismo, te libertar da cocaína, consertar seu casamento… um Deus que pode fazer tudo, mas ele não te dá quatro dólares por dia? – questionou o pastor.


– Eu não queria servir a um Deus, que fazia as pessoas pobres – completou Mike Murdock.

O pastor afirmou então que, com o tempo, foi aprendendo que “a pessoa de Jesus me prepara para a eternidade, mas os princípios de Deus criam minha prosperidade”. Ele disse ainda que “os princípios de Deus funcionam para a terra” enquanto a pessoa de Jesus o “prepara para a morte”.

Segundo Murdock, ele não ora por dinheiro porque “a oração não é a semente pra o dinheiro”. Ele afirma, porém que “a aliança financeira mais poderosa da terra está em Salmos 112”. Segundo ele, a passagem bíblica mencionada ensina que aqueles que amam, não a Deus, mas aos seus ensinamentos, serão abençoados no âmbito financeiro.

Em seguida o pastor afirmou que daria instruções para dobrar as finanças de seus ouvintes em 12 meses, ou até mesmo mais rápido. Citando seu livro “31 Razões por que as pessoas não recebem a sua colheita financeira”, ele afirmou que depois de começar a seguir as instruções que escreveu na publicação, Deus começou a dar a ele jatinhos particulares e casas pagas. Ele afirmou ainda crer que a pobreza é uma decisão.

Ao falar sobre as “chaves para o dinheiro”, ele afirma que a pessoa deve “entender o caráter de Deus”: Segundo ele, com esse propósito a pessoa vai entender que Deus quer que ela tenha dinheiro. Citando novamente um de seus livros sobre finanças, ele afirma que onde existe um problema para ser resolvido, existe um trabalho através do qual se pode obter ganhos financeiros. Ele completou dizendo que “Deus deve uma recompensa financeira às pessoas”.

Murdock falou ainda sobre as 4 coisas que uma pessoa deve dizer a seu chefe, para nunca perder o emprego:

1- Você nunca vai precisar repetir uma instrução;
2- Eu termino toda instrução que recebo;
3- Eu concordo com qualquer pessoa na equipe;
4- Serei a pessoa mais fácil para você corrigir;

O pastor afirma ser impossível uma pessoa que segue essas quarto instruções perder seu emprego.

Para finalizar, o Mike Murdock afirma que as pessoas “devem fazer negócios com Deus”, para que obtenham a prosperidade financeira. Falando sobre a chamada “lei da semeadura”, o pastor afirmou que uma pessoa não pode comprar um milagre de Deus com dinheiro, mas tem “o direito de pedir uma colheita para toda semente que semear”.

Assista ao programa na íntegra:

Assine o Canal

Por Dan Martins, para o Gospel+

118 COMENTÁRIOS

    • Pois é clamando a biblia diz isso mesmo.
      Buscai em 1º lugar o reino de DEUS.
      Mas o que é o reino de DEUS?
      O reino de DEUS é o dominio de DEUS, dentro de uma pessoa.

      e depois a bilbia diz: e a sua justiça.
      Mas o que é justiça?
      Justiça é o ato de se dar a alguém aquilo que lhe é direito..
      Então um vez estando sobre o dominio de DEUS, JESUS manda buscar sua jusitiça ou seja o que temos direito…
      E quais são os direitos da quele que serve a DEUS? Quais são os direitos dos que são filhos de DEUS?

      É JUSTO UM SERVO E FILHO DE DEUS VIVER NA MISERIA?
      E JUSTO UM FILHO DE DEUS MORAR MAL, COMER MAL, SE VESTIR MAL,
      E viver na dependência dos filhos do diabo.

      JESUS disse que os pobres sempre estariam no nosso meio.
      Mas ele não disse para sermos pobres e miseráveis..

      • Então porque Jesus mandou o jovem rico se desfazer de toda as suas riquezas e seguir ele. já que Jesus e os díscipulos viveram um vida de miséria total ?

        • Jesus é os discipulos viveram em uma miseria total?
          a onde vc leu isso coisinha?

          Só para vc ter uma ideia a biblia diz que eles lançaram sorte da túnica de JESUS, Isso porque ela era de um material excelente.
          JESUS era sustentado pelas mulheres de homens ricos de sua época.

          JESUS mandou o jovem rico vender o que tinha, porque ele amava o dinheiro.
          ISSO SIM É PECADO AMOR AO DINHEIRO.
          E isso vcs amam e muito.
          para se amar o dinheiro não basta ter muito dinheiro.
          e só ver como as pessoas se comportam quando mandam elas o darem para a obra..
          NEM MESMO O DIZIMO A MAIORIA NÃO DEVOLVEM.

          VCS são crentes miserares amarrados e incrédulos.

          • Com certeza não foi na sua bíblia,ok Jesus foi o primeiro a reclamar que o filho do homem não tinha nem um ombro para reclinar a cabeça, e ele vivia de cidade em cidade e muitas das vezes ele com os seus discípulos dormiam ao relento, inclusive quando ele foi preso a noite ele estava num bosque de oliveiras…

            Os próprios apóstolos muitas das vezes relataram que passaram fome sedes, nudez e que foram afrontados de todos os jeitos, te sugiro vc jogar fora essa bíblia que vc comprou do Malandrofai por 900 reais, e comprar uma que relata o verdadeiro evangelho de Cristo,ok

        • Luiz Carlos.

          O rico não foi dispensado por ser rico, não.

          Primeiro, é de se perguntar. Ele queria ser discípulo de Cristo, mas você sabe que os que seguiam o Mestre, em verdade, foram escolhidos, ai vem o riquinho se convidando, se impondo, e o que é pior depois de algum tempo de Cristo começar o seu trabalho, portanto sem os conhecimentos dos demais.

          Quer mais, os discípulos de Cristo se tivesse dinheiro para ficar numa pensão ficavam, se não, ficavam ao relento. É diferente, meu caro, se ele visse, iria estranhar.

          Outra coisa, quem disse que quem se oferecia para seguir Cristo, Ele aceitava? Lembra-se do endemoniado que vivia nas sepulturas, que se ofereceu em segui-lo, mas Ele mandou que fosse pregar o que fora feito junto aos seus parentes?

          Quer mais, o rico além de mentiroso, pois disse que cumpria todos os mandamentos, ainda era apegado ao dinheiro, pois não tratou de se desfazer, afinal como administraria seus bens se teria que seguir Cristo dia e noite?

          Cristo tinha uma preocupação com os que o seguiam como discípulo em face de que a pregação, casa a casa, de cidade em cidade, não podia ser feita com quem estava com alguma coisa pendente, e Ele sabia que esses discípulos iam ser assassinados.

          • Eu não preciso da sua teologia pois tenho conhecimento suficiente para saber o porque o jovem rico recusou-se a desfazer de sua riqueza.
            Agora falar que Jesus e os apóstolos pregaram prosperidade, tem que ser muito picareta para afirmar uma teologia suja dessa.

          • Você é que é, pois Cristo nunca pregou a não prosperidade.

            Cristo pregou a se desgarrar de tudo que nos afastasse Dele, mas aí você fala somente de dinheiro? Então você é que o que afirma que sou.

      • diz também entesourai onde o ladrão não rouba…. onde a traça não come…..e onde a ferrugem não corroi, não esta falando de dinheiro, está falando do reino de Deus, AS OUTRAS COISAS BENS MATERIAIS E DINHEIRO VOS SERAM ACRESCENTADAS

    • Uma coisa boa da entrevista foi o exemplo negativo do pai dele. Digo negativo entre aspas. Pois o orar a Deus é uma prova de fé e de humildade. Mas um pai de família que fica 10 horas rezando esperando que Deus resolva seus problemas somente por conta disto é mau exemplo.

      • Há agora entendi, se ele fosse solteiro como os padres. então poderia orar dez horas, não é?

        Com sete filhos, a mulher e o pastor era muito peso para Deus cuidar, portanto que se faça como a católica, mata o mal pela raiz determinando que o clérigo não se case.

        Agora diga uma coisa, como é que as pessoas trabalham doze horas e também não conseguem pagar as dívidas e dar algo melhor para os filhos? Não é tudo igual em termos de miséria? Preste atenção que eu não estou fazendo apologia a orar dez horas dia, mas como trabalhar noutra coisa se tinha que atender os membros da igreja, se tinha que estudar os sermões, afinal os do protestantismo são trabalhados, são de qualidade, não é lê papel que vem de Roma numa forma de unificação.

        • Se apesar do trabalho brilhante deles Levi. o que formam são tipos como o senhor então fico com a materiazinha de segunda de Roma. Durante séculos pastores e rabinos sustentaram sua mulher e filhos sem recorrer a teologia da prosperidade. E agora vem vc falar que fazem isto para não passar fome…

          HAJA LEVIANDADE.

          • Os pastores viveram (a bem da verdade ainda vivem) à base de necessidades, de carência total.

            Nesse intervalo, tua igreja pregava a pobreza e recebia muito(um terço na Alemanha e um quinto na França, exemplo), o que a fez super próspera a ponto de seu clérigo nunca ter reclamado da ausência de recursos.

            Tá percebendo a diferença, meu caro, ou seja, enquanto a prosperidade dos membros católicos eram depositados nos fundos da igreja, aqueles pobres, esta rica, porquanto com clérigo vivendo com sobras, tudo em face da política em sentido inverso, onde quem cresce é a católica, a mais rica instituição do mundo.

  1. Quem acha que é para ajudar pastores enricar, que façam o teste.

    Que disse que nós éramos filhos de um pai rico não foi esses pastores aí, não.

    Foi a bíblia.

    Se você tem filho que pede carrão ao pai terreno e acaba um pedaço de muro, quem errou foi esse filho. Se você, que também é filho, tem medo se despedaçar num muro, então não peça a seu pai.

    Cristo alerta contra a riqueza em face disso, como seja, os que não sabem usar, quando possuem e fazem uso, se lambuzam.

    Deus é pai e quer cumprir todas as vontades dos seus filhos, respeita a opinião cada um, claro, falando isso quando não se opõe que algo que recebi eu passe para frente.

    Se adquiri uma terra pra plantar milho e lá tem minérios, e eu não quero enricar e facilmente, eu passo pra frente.

    Vemos árabes em terras desérticas que ninguém queria ricos, mas nem todos esses países dão destino social à riqueza do petróleo, vivendo seus príncipes em castelos, já seus povos, com índice humano baixo de desenvolvimento. Os lambuzentos, os que não sabem fazer a vontadade de Deus, divisão social.

    O povo aprendeu como teoria a divisão de pobreza, aliás muitos se tornam murmuradores, dizendo que não possuem o que comer e dando graças a Deus, mas distante das outras pessoas de fé ou não, reclamam da vida miserável.

    Tenho medo de quem é muito religioso, muito interesseiro das coisas de Deus tanto quanto das que se interessam e muito por dinheiro, o homem deve ser uma média entre as coisas de Deus e as coisas da terra. Somos espíritos e matéria ao mesmo tempo, mas tem gente que se acha apenas espírito, outros apenas matéria. Fujamos desses. Igreja que somente pregam a pobreza ou igreja que prega somente riqueza, ambas são maus. E tem uma que todos conhecem que prega a pobreza, mas é a instituição mais rica do mundo. MISTÉRIO.

  2. Alguém ainda tem dúvida de que o objeto de idolatria nas igrejas tem sido o dinheiro? E que Jesus Cristo, nesse caso , é só o pretexto para atrair os que querem ser enganados? Porque na verdade, as pessoas querem ser enganada. Isto pode ser qualquer coisa, menos cristianismo.

    • Se você vir atraído pelo dinheiro, que dê graças a Deus, depois se ajeite. O importante não é a forma como se vem, mas a mudança depois.

      Muitos acompanhavam Cristo por curas de enfermidades, judas o seguia por dinheiro e lutas e interesses políticos, mas não vemos Cristo desprezar tais pessoas.

      Quem me garante o inverso de que Cristo justamente curava enfermos e ressuscitava mortos como meio de atrair as pessoas?

      Era um marketing.

      Prove uma igreja neste planeta terra que prega somente Deus como multiplicador de dinheiro.

      Já eu posso citar nome de várias igrejas que ensinaram apenas a pobreza como meio de salvação a ponto de desprezar quem possua algo. Deus fez rico Abraão, Davi e outros, por causa de muito dinheiro deixaram tais personagens de seguir Deus?

      Ensinam a pobreza por terem medo de rebeliões. Ensinam a pobreza senão se todos se tornarem ricos quem vai cuidar do meu lixo, dos serviços mais simples, quem vai servir aos ricos?

  3. Quem achar que a sugestão dada por esse pastor é apenas para ajudar os pastores a enricarem, que façam o teste pra vê se vão mudar ou não, ficar se mostrando crítico por crítico?

    Quem disse que nós éramos filhos de um pai rico não foram esses pastores aí, não.

    Foi a bíblia.

    Se uma pessoa tem filho que pede carrão ao seu pai, mas se despedaça numa barroada , quem errou foi esse filho. Ora, se filho tem medo se despedaçar num muro mesmo o pai tendo condições, então não peça a pai para dar tal carro..

    Cristo nos alerta contra a riqueza em face do aspecto acima, como seja, há os que não sabem usar, pois quando usam o que possuem, lambuzam-se.

    Deus é nosso Pai e quer cumprir todas as vontades dos seus filhos, Ele respeita a opinião de cada um, claro, tanto é que Ele não se opõe que seus filhos repassem pra frente o que receberam apesara da importância do presente .

    Isto mesmo, se acaso eu adquiri ruma terra pra cultivar cereais, mas nela me deparei com minérios, coisa que eu não pretendia, afinal não quero enricar e facilmente, simplesmente eu passo pra frente.

    Ora. nós assistimos aos árabes em terras desérticas que ninguém queria, todavia hoje ricos, embora a maioria desses países não deram destino social à riqueza do petróleo, vivendo os seus políticos como príncipes em castelos enquanto seus povos, com índice humano de desenvolvimento baixíssimo. Os lambuzentos, os que não sabem fazer a vontade de Deus, qual seja, a divisão social.

    O povo aprendeu como teologia a divisão de pobreza, aliás muitos em vistas disso se tornam murmuradores, dizendo que não possuem sequer o que comer, mas dão graças a Deus publicamente, coisa que não fazem distante das outras pessoas (de fé ou não), do contrário, reclamam da vida miserável que vivem.

    Tenho medo de quem é muito religioso, muito interesseiro das coisas de Deus tanto quanto das que se interessam e muito por dinheiro. O homem deve ser uma média entre as coisas de Deus e as coisas da terra.

    Somos espíritos e matéria ao mesmo tempo, mas tem pessoas que se acham apenas espírito, outros apenas matéria. Fujamos desses.

    Igreja que somente prega a pobreza ou igreja que prega somente riqueza, ambas são maus. E tem uma que todos conhecem que prega a pobreza, mas é a instituição mais rica do mundo. MISTÉRIO.

    • Stardust.

      Do contrário, na mensagem da cruz há o cifrão também.

      Você vive de que?

      A igreja que mais pregou pobreza nesse mundo, a romana, hoje é a instituição mais rica.

      Você nasceu lá e veio pra uma outra evangélica que pregava a mesma coisa, pobreza, pobreza, pobreza, pobreza, pobreza, aí fala como se católico ainda fosse, ou seja, não fala como se filho de Deus, sim de uma religião rica, mas seu rebanho é pobre e prega a pobreza como virtude.

      Virtude é a adorar a Deus, e do que se sabe nem todos os pobres honram o nome de Deus.

      Se salvação viesse da pobreza, Cristo não teria vindo a terra, bastava nos tirar o pouco que temos.

      Apologia a pobreza é pecado tanto quanto apologia a riqueza, em especial quando tanto uma como a outra viram o alvo, pois o alvo é Cristo, como seja, pobre ou rico, com emprego ou sem emprego, o alvo é Cristo.

      Cristão mal formado e informado você, e pior que tudo isso, dado a julgar, justo pessoa que não sabe a extensão das narinas.

      • Não tem jeito mesmo este Leviano.

        Os monges católicos tinham por lema “Ora et Labora”. Traduzindo: Ora e trabalha. Assim sendo, se o papai do Murdock estava rezando 10 horas por dia achando que Cristo iria resolver magicamente seus problemas ele estava tentando a Deus como o diabo tentou Cristo falando que devia transformar as pedras em pães.

        Cristo chama a todos igualmente. Os ricos, os pobres e os da classe média. Ele nunca fez opção preferencial pelos pobres como quer a TL ou pelos ricos como querem Macedo e cia. O que importa é a humildade de coração e real desejo de bem servir a Deus.

  4. Vi o programa e deu vontade de vomitar. Malafaia e Murdock se uniram para saquear as pessoas.
    Que nojo! Horrível!
    Precisamos de homens e mulheres de Deus que denunciem esses descalabros e esse “evangelho” de barganha. Se as pessoas de bem e de influência não denunciarem, não sei onde vamos parar.

  5. Ouvi o mke dizer que ao seguir mandamentos de jesus, nós alcançamos a salvação e nada mais, mas se seguirmos os mandamentos de Deus teremos a prosperidade. Sinceramente não entendi.

  6. Sei não.

    Criticam a universal dizendo que pede tudo.

    Criticam silas por pedir 900,00.

    Agora criticam o pastor americano por pedir 58,, que silas sugeriu em 10xs58.

    Analfabetos, o que esse pastor falou não foi em dar dinheiro, sim fazer um teste com Deus, sim verificar se Ele nos ouve.

    É estabelecer um marco, como seja, se for dado e houver o retorno, é a prova não apenas que Deus devolve, é moeda de troco, mas sim que Ele existe, pois pra muitos daqui, Ele não existe,

    Então, os que não acreditam, façam até para depois ter razão de criticar por não ser ouvido.

    Deus é Deus, vocês é que são vocês.

  7. Vocês dizem que acreditam que Deus fez tudo, mas não acredita que pode dar um emprego derivado de um ato de fé, uma casa derivada de ato de fé, enriquecer você derivado de um ato de fé,

    Que tipo de crentes em Deus são vocês?

    Nordeste brasileiro se acabando em seca e o povo: é se Deus quiser vai chover. Se são tão crentes vão e tentem resolver o problema da seca, os políticos e vocês sabem como solucionar, mas não enfrentam, e ainda ficam zombando dos nordestinos.

    Seca de israel, resolvida. Seca da califórnia, resolvida. Aqui, ficam a babar políticos ruins, ficam os senhores a não se levantar e ensinar o povo nordestino a pescar, vocês somente sabem falar, zombar, principalmente de quem manifesta uma fé diferente dessa fezinha de vocês. Fé que somente aumenta o número de drogados, de estradas emburacadas, de insegurança pública, de ausência de saúde.

    Precisa estar apelando pra Deus toda as horas, com todas as moedas, êta paizinho de problemas, mas de gente que sabe tudo, que sabe ficar olhando a vida dos outros e dando pitaco como se tais vidas fossem a deles.

    Vocês com a fé de graça de vocês não conseguiram nada, basta vê o nosso país, então agora são críticos/especialistas da fé conjugada com um real?

    Onde está o diploma de vocês quanto a serem doutores em fé?

  8. Muitos são os criticos sobre este assunto, mas muitos por falta de fe verdadeira e por ser na realidade incredulos, ou seja não cre de verdade na Santa e Gloriosa Palavra de Deus se tornarão nulos em seus proprios raciocinios, A biblia nos ensina todo tempo que e da vontade de Deus que sejamos prosperos, por ventura um pai amoroso mesmo os terrenos quer ver seu filho na miseria? um pai cria seu filho gasta muitos anos de sua vida para educar estudar seus filhos para os mesmos poder ter um futuro promissor, então que dira o Deus Unico Santo e Verdadeiro, por ventura o Dono de todas as coisas existentes seria um pai sovina ridico para com seus filhos? os criticos sempre vem com suas desculpas esfarrapadas, E mais critico do que encorajador, deprecia e ri dos sonhos e alvos dados por DEUS a um seu filho, Quer sempre envergonhar e humilhar um crente verdadeiro, drena sua energia e desperdiça seu tempo por meio de conversas inuteis, Antes, te lembras do SENHOR teu Deus, que ele e o que te da força para adquirie poder, Dt 8.18, porquanto pediste para si sabedoria e conhecimento, para poderes julgar meu povo, sobre o qual te pus rei, sabedoria e conhecimento te são dados,e te darei riquezas, e fazendas, e honra, qual nenhum rei antes de ti, e depois de ti tal não havera, 2 cronicas 1 .11,12, cantem e alegrem-se os que amam a minha justiça, e digam continuamente O SENHOR, que ama a prosperidade do seu servo, seja engrandecido, Salmo 35.27, E evidente que Deus quer e deseja que seus filhos da terra enqunto aqui estiverem sejam prosperos, existe muitos que acham quer ser humilde e ser pobre e fazem tudo para serem pobres como se a pobresa leva a Salvação, quando Deus nos chamam a obediencia junto dela tambem vem as bençãos Vinde pois e arrazoemos, diz o Senhor, ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve, ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a lã , SE QUISERDES E ME OUVIRDES COMEREIS O MELHOR DESTA TERRA, sera que por ventura Deus e mentiroso? esta promessa e para aqueles que o aceita e lho obedece, aquele que esta na retidão de Deus aquele que esta debaixo da Graça de Deus Aquele que esta na unção de Deus, Aquele que esta na obediencia a estes Deus o dono da Prata e do ouro tem sim prosperidade para dar-lhes, e so depende do mesmo querer ser prospero,, agora Deus condena a usura a avareza, o dinheiro o vil metal como diz a Palavra e vil para o esganado usurento avarento sim para estes o dineiro e perdição com certeza, DEUS DESEJA E QUER SIM VER SEUS FILHOS PROSPEROS

    • Olha, excelente texto, se eu lesse isso há 3 anos atrás com minha mente fechada e religiosa eu te xingaria kkkkk, mas hoje concordo plenamente com você, tem pessoas que dizem fazer a vontade de Deus mas estão endividadas, com nome sujo na praça e dando até um mal testemunho e sendo alvo de piadinhas por serem crentes e estarem nessa situação.

    • A três anos atrás aqui mesmo nesse site eu ataquei muito essa tal teologia, hoje vejo que teologia da prosperidade nem existe, acima de tudo isso a prosperidade é um dom de deus e é bíblica, tenho vivido isso em minha vida graças a Deus, quando estamos nos bastidores é fácil criticar e ser contra ou a favor algo, mas quando vivemos pela fé e prosperamos…, aí fio a conversa é outra.

      • Léllison

        não é pq uma coisa deu certo pra vc, que seja de Deus… a teologia da prosperidade não tem base bíblica. Jesus sempre censurou o desejo do ser humano por riquezas deste mundo… se vc trabalhar e for bom na sua área, vc prospera, sendo ou não sendo cristão… quanta gente por aí que até zomba de Deus mas que é competente, e tem riqueza?

        O trabalho é que faz a pessoa prosperar… mas a vida eterna, somente através de Jesus.

        • Concordo com você Stardust, não generalizo mesmo, pois conheço ateus prósperos e cristãos que devem pra todo mundo, mas uma coisa é certa, a partir do momento que agi pela fé e mudei esse conceito de um Deus que não enriquece eu tenho prosperado sempre, não só eu mas muitas pessoas que tem entragado seus comércios e suas finanças nas mãos de Deus, claro respeito sua opinião e temos que trabalhar mesmo e ser competente no que fazemos, mas ainda assim só quando agi pela fé crendo na prosperidade de Deus minha vida profissional mudou da água para o vinho.

          • lélisson

            Se a pessoa que se converte a Jesus tem de ser rica, então mostra na bíblia uma pessoa que era pobre, aceitou a Jesus e enriqueceu… pois se a teologia da prosperidade é biblica, teriamos de ver ela funcionando na prática na palavra de Deus não é?

            Há sim a promessa de recompensas para o que segue a Cristo, mas elas estão para a nossa vida na eternidade com Deus, não é nesse mundo perdido…Jesus disse que teriamos as nossas necessidades ( e não luxos pessoais ) supridas.

            Jesus morreu para nos dar a vida eterna, e não mansões, carros do ano, empresas… o evangelho é da salvação e não da prosperidade material.

            ” Pois não me envergonho do EVANGELHO, PORQUE É O PODER DE DEUS PARA A SALVAÇÃO DE TODO AQUELE QUE CRÊ, primeiro do judeu e também do grego;” (Romanos 1:16)

        • Stardust

          Quem disse que tem que ser rica?

          Mostre na bíblia exemplo de pessoas que não prosperam após crer em Cristo.

          O problema é que vocês somente falam em riqueza, a bíblia não diz que vão obrigatoriamente enricar. virar Carlos Slim, petróleo fluindo e minérios todos, não.

          O que se prega é o alcance de coisas básicas, o problema é que o Brasil é ladeado de tanta miséria que possuir um sujeito ao falar que possui um carro, uma casa, um pedaço de terra, tem computador, internet, faz três refeições dias é sinal explícito de riqueza.

          Eu vejo esses testemunhos dos da universal, sendo a maioria de empresas sem fundamentos que podem eclodir amanhã. Aliás, para cair, bastar está em pé, inclusive as solidificadas. No meu estado conto o número de pessoas que possuíam empresas grandes, mas que não as possuem mais. Só no ramo de eletrodomésticos, umas oito, enquanto de tecidos, umas cinco, Fábricas de roupas, umas cinco. Em nível nacional fecharam as portas gigantes como a mesbla, lojas brasileiras, pernambucanas, ponto frio.

          Ora, sequer é conforto o que as pessoas pretendem, é apenas o básico, aí vocês ficam falando de enricar. Enricar é consequência seja para os crentes e não crentes. meu caro, pois Deus que é pai de todos, concede a todos o direito de ter, de ser, todavia se você acha que vai se perder em possuir um centavo a mais no teu bolso, então não queira, pois Cristo não veio aqui para enricar quem não queira, pra desonestos, para preguiçosos e pra quem quer porque quer;

          Todos pelos quais Cristo passou receberam cura? Somente aqueles que creram, bem assim se esforçaram.

          Judas foi discípulo, mas não se esforçou o suficiente para chegar até o fim.

          O pastor não disse que era pra jogar o valor da oferta na sacola de Silas, então os que querem fazer, vão e doem num orfanato, mas que testem Deus, e se não for ouvido logo ou da forma que quer, também não precisa sacudindo tudo em Deus, pois este tem hora e modo de agir diferente. Tá você e a Mary com o mesmo pensamento. Não recebi, então é falso. Joguei na loto, não ganhei, então os que jogam lá é tudo tolo. Mente curta a de voces, pois por não gostarem de silas e de outros pastores, negam o agir de Deus.

          Quando vocês forem necropsiados por Deus, eis que o criador vai encontrar bolofos de bactérias espirituais entranhados em vocês até no sangue.

    • Não concordo com alguns pontos do Silas e do Murdock, mas pelo que aprendi e vivo hoje eu posso afirmar;satânico é um servo de Deus ficar devendo pra todo mundo e viver na miséria, que testemunho de fé é esse?, que novidade de vida é essa?, e se em Isaias diz; se quiserdes e ouvirdes comerei o melhor dessa terra; então o melhor seria eu passar fome?
      Isso é a vontade do diabo.

  9. Pera ai ! mas Jesus como filho de Deus não vivia em miséria pois tudo pertence a Ele, já pensou se todos forem ricos, então tudo seria perfeito não haveria problemas e Jesus não necessitaria de retornar.Mas Deus fez tanto o pobre como o rico, toda a prosperidade emana do Pai das luzes e Ele dá a quem ele quer, aonde tá a soberania de Deus, eu acho que estão deixando o verdadeiro Evangelho de lado e se firmando em “castelo de areia”!

        • Carlos primo,

          Então eu vinha bem no que vinha dizendo de você acima, pois agora chego nessa parte e vejo que me chamou também de fanfarrão. Leia e se retrucar tem mais ensinamentos, pois sou a favor do debate, não como você fez lá em cima e agora repete comigo. Explique o fanfarão.

        • Vera,

          Minha cara, assista com atenção. Ele pegou algo da bíblia para fazer um pacto com Deus.

          Ele falou do número 58, você pode pegar o 7, pois foi os mergulhos dados pelo general sírio. Pode pegar 12, o número dos discípulos.

          Minha cara, a gente como cristão deve trabalhar para explicar, não complicar.

          Se Silas trouxe o 58 x 10, é que ele em face de compromissos, tomou isso como parâmetro. Se você acha que não há valor na evangelização, portanto na manutenção financeira da igreja, então ore para Deus tirar o programa, e lá nesse horário coloque um que ensine as coisas erradas, as diabólicas.

          Não é pelo não gostar de silas, que você vai querer excluír, faça como Herodes que suplicou pela vida de João, mesmo que esse falasse coisas que o rei não gostasse.

          • Levi Varela!
            Deixe de ser pagão! Essa tese que vc defende é pura magia, e DEUS não é mágico!!!
            Estudo, trabalho, inteligência e capacidade intelectual leva muitos a prosperidade. Agora, sem estudo, sem inteligência e apenas “plantando sementinhas” nos gazofilácios de algumas instituições, não tem como enricar. Se oriente e volte ao evangelho simples de JESUS!

          • Mary,

            É vou pedir perdão a Deus por estar pregando paganismo.

            Peraí, mas se usar números e algumas coisas significa paganismo, Deus então também é pagão, bem que eu desconfiava.

            Pra que Deus sugerir ao general 7 mergulhos? Pra que rodear sete vezes Jericó? Pra que cajado que se transforma em serpentes? Pra que Ceia pra lembrar a morte de Cristo? Pra que batismo nas águas?

            Minha cara, bem que eu desconfiava, antes e depois de Cristo, esses monogâmicos em verdade são pagãos.

            Basta estudar, ser inteligente que se consegue emprego, salário. Quem não tem capacidade intelectual não cria nada, só os estudiosos. Quanto a dinheiro, só os mentalmente capacitados, pois analfabetos não sabem ganhar dinheiro, não sabem criar nada.

            Eu pensei que o pastor estava falando também de emprego, mas você somente viu enricar, será que o pastor esta errado e você certo, pois esse paganismo é somente para enricar, portanto, nada de provar Deus.

            Eu pensei que quem fizesse um voto, um acerto com Deus, poderia acertar ser sobre qualquer coisa, mas você acha que só se pensa em ficar rico.

            Jacó não pediu riqueza, apenas vitória. Deus é que deu a ele quatro mulheres, 12 filhos, riqueza e pai de um dos mais importantes governantes. Será que ele queria tanta coisa? Será que um ladrão de herança queria tanta coisa. Com certeza queria apenas apagar da mente a tramoia feita em conluio com a mãe contra o irmão mais velho. Mas Deus deu e muito mais, pois acreditou Nele mesmo estando no inferno pelos atos.

          • Levi Varela,
            Se vc acredita e apoia, vai em frente!
            Agora, vc não é mais mocinho que eu sei, senão conseguiu ficar rico até agora, talvez deixe para seus dependentes, só não sei como. Mas, tudo bem, ajude o Silas, faz a fogueira santa e seja feliz!
            Tem religiões pagãs que tb oferecem riqueza em troca de dinheiro e sacrifícios, e, lá, pelo menos vc não vai sentir que está traindo JESUS!
            A escolha é sua, meu querido, quem sou eu para te julgar.

          • Mary,

            É aí que você se engana.

            O que foi ensinado não é para fogueira ou ajudar a silas, o pastor falou de uma instrumento, uma ferramenta disponibilizada por Deus para os seus filhos usarem.

            A uns Ele dá sem pedir, são os que a agente fala que são sortudos, nasceram num berço de ouro, são inteligentes, são belos, quase perfeitos, mas a outros, não se sabe o porquê, tais pessoas não vem com tantas coisas, e aí tem que ralar para conseguir, até estudar é difícil, não tendo dinheiro para pagar a passagem de um ônibus para escola, moram longe, em bairros violentos, com familiares difíceis de se lidar, ou seja, tudo difícil.

            Se você for pregar a essa pessoa que Deus vai não resolver seus problemas, quando se sabe que resolve, então assuma você essa denegação do evangelho,

            Minha cara, tem gente que para conseguir, repito, as coisas, é muita oração, muito jejum, muita prova de fé, muita fogueira santa, muita doação para silas, rr soares, para evangelização.

            As igrejas sempre fizeram isto, muitas vezes a gente tirou ofertas para pagar as despesas dos missionários, pregando para outros povos.

            O que a universal, silas, rr soates, valdomiro fazem, sempre foi feito, todavia agora sendo escandalizado em face de que se quer impedir o avanço das igrejas protestantes. A católica recebeu muitas terras, que aqui no Brasil ficaram conhecidas como terras da santa, vai perguntar a ela se não recebem, se forçou alguém?

            Estão vendo o avanço desses zé ninguém, aí o meio de acabar é espalhando a tese de essas doações são antibíblicas, são uma enganação.

            Mary, nasci a dez mil anos, portanto sei e bem o propósito de tanto ataques contra silas e esses outros que evangelizam, em especial quando aqui já foram objeto de petições dinheiro para Joice Mayer e outros mais programas evangelísticos, todavia depois que e Veja sucessivamente anunciou o crescimento e moral dos evangélicos, todas as montanhas se opõem a eles, tudo na forma de uma grande frente, a ponto de uma revista como a forbes confundir o patrimõnio da igreja o pessoal do pastor, isso sem nenhum dado relevante do país, apenas uma forma de ridicularizar.

          • mary por favor, para de corda pro levi, senão ele vai começar com suas heresias, como jesus casado, com filhos, nascido em belém do pará, deus errando, erro na escolha dos apóstolos, já disse q somos deuses, q ele é lutero. meu deus, é uma fonte sem fim. para de dar corda, já avisei certa vez para o bereano e pro jeann mas eles não acreditaram, e tiveram q ler cada uma.

    • Poos não concordar com algumas posições do Pr. Silas, mas e você Pr. Caleb, como que pode alguém que se intitula pastor não acreditar em prosperidade?, é claro que ela é bíblica sim, e é financeira também por que não seria?
      É cada incrédulo que aparece, Deus me livre de ser pastoreado por um adepto do evangelho da pobreza…

  10. ola meus amigos esse pastor ta certo gostaria de saber porque jesus escoleu judas pra ser tesoreiro emtam porque deus pediu safira ananias pra traser todo seu dinheiro e deposita nos pes dos dicipulos porque deus deu uma terra prometida a abraao emtam meus amigos nao ler a abiblia examina ela amem

  11. OLHA PARA ESSES ENGANADORES DE PESSOAS, NÃO HÁ NADA MAIS LOGICO E CORRETO MANDAR ESSES MALDITOS PARA CADEIA ISSO SERIA O MAIS CORRETO E AOS QUE AINDA INSISTEM EM SEREM CEGOS CUIDADO TAMBÉM POIS UM DIA SE NÃO ACORDAREM EM TEMPO VOCÊS SERÃO TERRIVELMENTE DESPERTADOS DESSA TEIMOSIA EM DEIXAREM SER ENGANADOS POIS ESTÃO BRINCANDO DE BARGANHAR USANDO COM INTENSÃO A EXISTÊNCIA DO CRIADOR, NÃO SE DEIXEM LEVAR POR ESSES DEMÔNIOS POIS ASSIM O SALVADOR CHAMAVA A HOMENS QUE SE APROXIMAVAM DELE COM INTENSÃO DE PROVOCA-LO OU PERSUADI-LO. LÁ NO VELHO TESTAMENTO ONDE ESSES MALDITOS VÃO PARA ENGANAR A SEUS ADEPTOS NO LIVRO DE PROVÉRBIOS CAPITULO 30 VEJAM O QUE SEGUNDO O PRÓPRIO SALOMÃO ESCREVEU APÓS COMETER MUITOS E MUITOS ABUSOS RELIGIOSOS VEJAM SEGUNDO O QUE ESTÁ NA BÍBLIA O QUE ELE SALOMÃO ESCREVEU JÁ NA SUA VELHICE ONDE APARENTEMENTE ELE VEIO A ENXERGAR SEUS ERROS SALOMÃO APRESENTA O RESULTADO DE SUA AVAREZA= QUE SIGNIFICA AMOR DEMASIADO PELO DINHEIRO.

    • Cite o versículo ou transcreva para a sua tese, meu caro.

      Mas também explique a barganha de Jacó ao render e manter consigo um anjo, dizendo que somente o soltaria se prometido fosse que receberia vitória.

      Ora, cada um sabe onde aperta o seu sapato, não é você com discurso de político canalha em tempo de eleições que vai dizer a sistemática ideal de cada um se apegar com Deus.

      Explique Deus trocar os nossos pecados com a morte do seu Filho Unigênito, explique um assassinato cruel pra nos resgatar, explique essa troca que foge à lucidez de qualquer humano.

      O pastor está pregando fora do contexto? Então rebata a altura, pois não está ensinando a ninguém sacrificar com sangue, vez que Cristo o fez, vez que ao fazer isso, deixou bem claro que tem um limite do homem se dirigir a Deus.

      Explique o motivo de Cristo não ter ido criticar a viúva do templo que estava dando tudo, embora moedas. Não deveria Ele fazer como você? Berrar?

      Você e todos mais são contra em face de que sabem que são o um real (aliás de povo que era chamado de gentinha que não tinha o que comer, mas que estão construindo igrejas, contribuindo com o social seja no pão seja com drogados e hospitais…) desse povo que incomoda as estruturas maléficas desta terra, resgatando almas para Cristo, enquanto são gastos trilhões com hospitais, manicômios, com casas de shows, com estádios, tudo saindo do teu bolso e do meu como contribuintes. Preocupa-se de forma insistente com um pingo que sai de uma torneira, mas não vai vê a tempestade que assola o seu telhado.

      Igrejas construídas em sua maiorias nas pontas de ruas, nos bairros periféricos, mas tudo como valores apreciados pelos membros, aí vem você roubado do vereador ao mais alto escalão vigiar a igrejinha dos outros, igrejas que servem de hospital para almas mortas por gente que não se preocupa com o próximo, sequer sabe a quem realmente dirigir suas críticas.

  12. As antas ambulantes de plantão: Se alguém não acredito no que esse pregador diz é simples; não oferte e nem participe do ministério dele e nem precisam dar ibope.
    Agora quando ao “evangelho da prosperidade” esse evangelho nem existe, antes disso a prosperidade é bíblica de Gênesis a Apocalipse, Deus sempre supriu as necessidades dos seus servos, a ele pertence toda a riqueza do mundo, agora se alguém é incrédulo e não consegue viver isso não precisa vir atacar generalizando, se sua fé limitada ou você criou um evangelho religioso que prega a miséria isso é um problema seu, peço a Deus que abra a sua mente e você colha o melhor dessa terra.
    E posso ter uns pontos de discordância com o Murdock e com o Silas, mas essa mensagem em sí é bíblica e verdadeira, Deus me livre de pregadores da miséria…

          • Carlos Primo,
            Tem muita coisa tirada da bíblia que serve como doutrina. Agora, ele foi claro qd disse: “Jesus é só para salvação!”
            Bem, se tirarmos JESUS, meu caro, tudo é possível! Vc pode usar o Urim e Turim para fazer adivinhações, isso é bíblico, tá na bíblia!
            Vc pode fazer um voto as cegas como fez Jefté, Juízes 11:30,31.
            E assim por diante…
            Agora, como cristã, não judia, sigo Jesus e seus mandamentos e tudo que na bíblia toda apontar para Jesus.

          • Mary,

            A bíblia, do que sei, aponta para Cristo, em tudo.

            Os discípulos ficaram tristes com o rico por não entenderem que tinham eles que trabalhar muito, sob pena do evangelho pregado por Cristo não se espalhar, não ser escrito.

            Os da tribo de Levi, por vir a se tornarem sacerdotes judeus, possuíam as terras mais próximas das cidades, ou seja, um privilégio, pois estariam sempre com tempos de estar aprendendo, estudando, não caminhando pra cima e pra baixo no intinerário do roçado.

            Aí esta turma daqui quer pastor mendigando o pão, passando fome, com filhos morrendo por inanição, sem condições de manter os filhos na escola, é muita presunção mesmo.

            Com ou sem dinheiro, a palavra de Deus tem que ser proferida, aliás, se a evangelização couber apenas a quem é pobre, Deus está discriminando o que possua bens, o que é errado.

            Não pode é o sacerdote faltar aos cultos em razão de ter que vigiar as propriedades, o gado, comprar terras.

            De dentro de casa, a gente faz qualquer operação, financeira, aquisitiva, tudo.

            Vamos deixar logo de cabulações.

          • mary, não dá corda que esse levi é doido da cabeça. fala q jesus foi casado, que teve filhos, q deus erra, q somos deuses, q ele é lutero, q jesus nasceu em Belém do Pará, e por aí vai.. quanto mais corda der, mais heresias aparecem.

          • Edy Mancebo
            ´É isto ai Mancebo, mas esqueceu de falar que o leviano pirado ainda vai alegar que Paulo escreveu na Biblia tolices “machistas”, que Pedro era “homicida”, que Jesus fazia pessima seleção de Recursos Humanos

    • Vera,

      Cristo mesmo falou com uma moeda na mão: a César o que é de Cesar, a Deus o que é de Deus.

      Cristo estava louco em dizer que Deus precisava de mamom?

      Aprenda uma coisa, o mamom não é criação do diabo, sim de Deus, então pare de criticar as mulheres que manuseiam uma faca para fazer o alimento do dia a dia, pois faca mata gente, faca mata animais. Tudo é de Deus, o fim que nós damos a cada coisa é que faz a diferença, então dinheiro de mamom é que vai para o tráfico, bebidas em exagero, cigarro… Seculo XXI e a gente ainda não sabe distinguir alhos de bugalhos, será possível, Deus?

  13. Para os apoiadores do Mike Murdock, que disse: ” Não queria serviu a um Deus que fazia as pessoas pobres.”
    Leiam esse texto e ponham seus pés no chão!

    Do suor do teu rosto, comerás o teu pão
    Publicado em 26 de março de 2003

    por Luiz Henrique Matos

    Antes de começar, gostaria de refletir sobre algumas perguntas: O que você pensa sobre o seu trabalho? Está satisfeito? Gosta do que faz? É a profissão com a qual sempre sonhou?

    Pois bem, agora sim vamos consultar o “manual” e checar como isso se dá em alguns fatos bíblicos…

    “Em todo trabalho há proveito, mas ficar só em palavras leva à pobreza. Não há nada melhor para o homem do que comer e beber, e fazer com que sua alma goze do bem do seu trabalho. Também vi que isto vem da mão de Deus.” (Eclesiastes 2.23-24).

    A Bíblia relata que não existe trabalho indigno, por mais que muitas vezes nos sintamos desmotivados e até mesmo envergonhados de nossas atividades, temos sempre que lembrar e agradecer, pela nossa “colheita”, que é a providência de Deus para nossos lares.

    Isso não deve ser uma palavra de desânimo para os jovens que almejam mudar para uma determinada profissão, muito pelo contrário, se temos o sonho de trabalhar em determinado ramo, devemos nos esforçar para isso, foi Deus quem nos deu. Se temos algum dom ou vocação específicos (como música ou arte, por exemplo), é mandamento que usemos isso para o Senhor. Em sua carta aos Romanos Paulo diz: “Porque dEle, e por Ele, e para Ele, são todas as coisas; glória, pois, a Ele eternamente. Amém”.

    “Então sai o homem à sua obra e ao seu trabalho, até à tarde” (Salmos 104.23). “Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem.” (Salmos 128.2).

    Devemos aprender a reconhecer a dignidade de nosso trabalho, seja ele qual for. Jovens ou idosos, temos o mau hábito de minimizar nossas funções. Seja como vendedor, lixeiro, policial, doméstica, professor, etc… Julgamos que boas profissões são difíceis e raras, por isso “pagam bem”.

    Ledo engano, quando aprendermos e reconhecermos a importância e dignidade de nosso e de todo e qualquer trabalho, vamos por conseguinte, aprender a dar valor para nossos irmãos. E então, só então, veremos o povo trabalhador sendo pago como, de fato, merece. Sem mão de obra escrava (como acontece no Nordeste), sem exploração infantil (em todo canto de noss país), má distribuição de renda e claro, desemprego.

    Isso não é uma utopia, (mais uma vez) na contra-mão disso, é um chamado a inquietude diante da inércia de nossa sociedade. A mudança está dentro de nós. Precisamos aprender a agradecer pelo que temos recebido de nosso Pai e entender que não somos menores (ou maiores) pelo simples fato de exercer uma atividade “privilegiada” (?). Isso sim, é ostentação, e vaidade.

    “E também que todo o homem coma e beba, e goze do bem de todo o seu trabalho; isto é um dom de Deus.” (Eclesiastes 3.13).

    *************************************************************************************************

    Façam o melhor e valorizem o que fazem, vcs verão como se sentirão bem e prósperos. Muitos vão atrás dessas palavras mágicas porque estão insatisfeitos com suas vidas. Não gostam de seu trabalho, da casa onde moram e nem dos cônjuges com os quais casaram. Não admitem, mas gostariam de ficar ricos pra mudar tudo isso! Confessem, vai!

    • Mary,

      Minha cara, preste atenção, acho que você está precisando e rápido de doar os R$ 58,( e agora é dálar ou é real?) pra começar a entender, pois apesar de saber lê, não consegue entender o escrito na bíblia.

      Quem disse que a bíblia estimula vagabundo a ficar de boca aberta no relento a esperar comida e água?

      A bíblia e a palavra acima fala de pessoas preparadas, que fizeram a parte delas, mas que não conseguem um emprego, apesar de ter estudado; não conseguem um marido, apesar de sociáveis; não conseguem salário que supra as necessidades, apesar de capacitado, de trabalhar em grande empresa; que não possuem uma casa, apesar de ter se inscrito no minha casa minha vida e de outros modos; que não conseguem curar-se de enfermidades, apesar de ter dinheiro e ter procurado os melhores médicos.

      Ora, Isaque achou que somente sobreviveria se roubasse o irmão. Abraão e sara acharam que a descendência não viria em face de que a mulher não mais poderia gerar, daí ter sugerido ao marido uma escora, a mãe de Ismael.

      Judas achou que Cristo resolveria tudo de uma só vez, por isso entregou Cristo para que Ele implantasse e logo o governo dele na terra, não queria 30 moedas, sim vê o seu chefe mandando no mundo, ou talvez até fosse zeloso da palavra e queria que ela se cumprisse.

      Minha cara, essa mensagem é para aqueles que tentaram tudo, mas que não deu certo. Deus não vai agir nem por mim e nem por você. Cada qual faça a sua parte, eu planto e Ele manda a chuva. Agora de que adianta eu plantar se Ele não enviar a chuva, então daí é que Deus aceita ser provado, modo de caracterizar realmente um milagre. Veja esse bilionário do Brasil, o que usa X em todas as empresas, rico ontem, hoje pobre, pelo menos em termos de comparação.

      O importante não é riqueza, empregos.., sim a firmeza do pouco ou do muito, mas tudo com base em Deus.

      Agora convide o pastor pra revidar o que falei.

        • Mary,

          Você é a endereçada, pois você pensa igual a esse pastor, tanto que transcreveu o texto dele para cá.

          É com você, mas eu convido a ambos a ofertarem resposta a altura.

          • Mas tenha cuidado, aqui tem uns que leram e depois se confundiram e perderam a salvação, em verdade aqui tem camaradas com o perfil do dema, portanto secretários para confundir e pôr o menos avisado em fila para o inferno. Absorva o que presta, e quanto ao que não presta, veja como os enviados do anticristo.

  14. Frase dita por um discipulo no livro de Atos: Não tenho prata nem ouro mas o que tenho isso te dou, levanta… Porque os discipulos eram pobres, Jesus era pobre e pastores não podem ser pobres. NÃO TEM ALGO ERRADO AI NÃO ?

    • Anderson,

      Você acertou na cheia, agora me rendo.

      Espere aí, mas essa turma toda, Pedro, João e Cristo não são descendentes de um pai rico, Deus? Então como são pobres?

      Cristo veio pobre apenas para dizer a todos que não são apenas quem possua dinheiro que prova estar Deus com essa pessoa, Deus aceita o pobre o rico, afinal havia uma certa teoria que quem passava necessidade, alguns judeus punham em dúvida a relação desses carentes para com Deus.

      Cristo veio e curou as enfermidades, isso era importante para a salvação? O enfermo iria para o inferno, claro que não, então pra que Cristo ficar curando enfermos, por acaso Ele estava resolvendo coisas superficiais ao invés de salvar a alma?

      Era marketing, então que se alguém quer vir para os pés de Cristo em face da vontade de ser rica, que venha, depois se adeque e dê destino social ao dinheiro,

      Amar demasiado o dinheiro é tão pecado quanto amar demasiado a religião, o próprio corpo ou o do cônjuge, o país onde vive, os filhos, o emprego, a família, tanto que Cristo disse quem entender que o muito falar pode prejudicar o ingresso no céu que retire sua língua.

      Quer dizer que sua igreja não tem faladores e murmuradores? Quer dizer que os faladores estão extraindo a língua no exato modo de falar, como seja, cortando-a?

      Claro que não, fica com a língua e fica mais moderado no falar, fato que se repete com quem não tem controle sobre si quanto a dinheiro ao passar a humilhar quem não tem, não assistir ao próximo, que se não controlar doe,se desfaça.

      • Anexo:Lista dos pastores evangélicos mais ricos do Brasil (Forbes)

        O ranking feito pela revista Forbes, que lista os seis pastores evangélicos mais ricos do Brasil.Na primeira posição, está o bispo Edir Macedo, que tem uma fortuna estimada em R$ 2 bilhões, segundo a revista.1 2
        Nº Pastor Fortuna Igreja
        1ª Edir Macedo R$ 2 bilhões Igreja Universal do Reino de Deus
        2ª Valdemiro Santiago R$ 400 milhões Igreja Mundial do Poder de Deus
        3ª Silas Malafaia R$ 300 milhões Assembléia de Deus Vitória em Cristo
        4ª R. R. Soares R$ 250 milhões Igreja Internacional da Graça de Deus
        5ª Estevam Hernandes e Sônia Hernandes¹ R$ 120 milhões Igreja Renascer
        6ª Estevam Hernandes e Sônia Hernandes¹ R$ 120 milhões Igreja Renascer
        Obs:¹ Os fundadores da Igreja Renascer, ocupam o 5ª e a 6ª posição, com uma fortuna avaliada em R$ 120 milhões.

          • Levi, 10 trilhoes? Tem fonte?
            E outra! Se o coroa tem 10 trilhoes, pq vive num apartamento de 40 e poucos metros quadrados, menor que o meu?

          • O quarto dele é pequeno, mas a casa dele é um dos maiores castelos, um Estado no meio de uma das cidades mais importantes do mundo, Roma.

            A fonte? Comece pelo castelinho que ele está, o de bento, as igrejas, as casas paroquiais, os prédios das escolas, as fazendas que chamam de terras da santa, o terço da alemanha, o quinto da espanha, rádios e tvs, meu caro, não é esse valor que citei, mas sim dez vezes o falado acima, aliás ações da fiat, sim hospitais, cemitérios, vige, rapaz, é dez vezes depois de você ter multiplicado por dez; Sabe quem seja mais rico que papa francisco?

            Por favor, hipocrisia tem limites.

  15. Atenção Crentes, estou escrevendo para os crentes, O meu povo esta sendo destruido porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo sofre porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo são pobres porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo são miseraveis porque lhes falta o conhecimento, ou o meu povo vive devendo porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo compra fiado porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo compra as prestação porque lhes falta o CONHECIMENTO, o meu povo da de oferta um real porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo não tem o que ofertar porque lhes falta o CONHECIMENTO, o meu povo paga aluguel porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo da mal testemunho porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo são uns pobretões porque lhes falta o CONHECIMENTO, ou o meu povo não tem um pedaço de terra porque lhes falta o CONHECIMENTO— o meu povo não consegue possuir o que eu prometo em minha Palavra porque tem uma consepção completamente errada de mim seu DEUS , EU SOU UM DEUS QUE CUMPRO AS MINHAS MUITAS PROMESSAS BASTA VOCE QUERE-LAS EM SUA VIDA— Filho meu não te esqueças dos meus ensinos, e o teu coração guarde os meus mandamentos porque eles almentarão os teus dias e te acrecentarão os teus dias, e te acrecentarão anos de vida e paz, não te desamparem a benignidade e a fidelidade, ata-as ao teu pescoço, escreve-as na taba do teu coração, e acharas graças e boa conpreensão diante de DEUS e dos homens, confia no SENHOR, de todo o seu coração e não te estrebes no teu proprio entendimento, reconhece-o em todos os seus caminhos e ele endireitara as tuas veredas, não seja sabio aos teus proprios olhos teme ao SENHOR e aparta-te do mal, sera isto saude para o teu corpo e refrigerio para os teus ossos, HONRA AO SENHOR COM OS TEUS BENS E COM AS PRIMICIAS DE TODA A TUA RENDA e se encherão fartamente os teus celeiros e transbordarão de vinho os teus lagares, filho meu não rejeite a disciplina do SENHOR nem te enfades da sua repreenão porque o SENHOR repreende a quem ama assim como o pai, ao filho a quem quer bem, FELIZ O HOMEM QUE ACHA SABEDORIA E O HOMEM QUE QUE ADQUIRE O CONHECIMENTO conhecimento conhecimento, eu poderia escrever aqui durante um mes todos os dias e escrever tudo o que Deus tem para os verdadeiros crentes de bençãos de promessas e de prosperidade em suas vidas, como não tem esta posibilidade vou deixar aqui escrito a chave para o entendimento– MARCOS, 11. 20 A 26, VOU escrever pelo 22 AO que Jesus lhes disse, tende fe em DEUS 23 porque em verdade vos afirmo que se [ primeira chave] disser a este mont~e] FALAR TEM QUE ABRIR A BOCA E FALAR DISSER FALAR], disser a este monte ergue-te e lança-te ao mar, falar ao monte tem que abrir a boca e falar falar ao monte seja pobresa doença um negocio um emprego falar disser, dizer falar, ai eu reforço, ASSIM SERA A PALAVRA QUE SAIR DE MINHA BOCA ELA NÃO VOUTARA PARA MIM VAZIA ANTES FARA O QUE ME APRAZ E PROSPERRA PARA AQUILO QUE A ENVIEI, continuando– e lança-te ao mar [ e não duvidar em seu coração, ] segunda chave NÃO DUVIDAR EM SEU CORAÇÃO] não pode duvidar da eficacia da palavra NAO DUVIDAR ] MAS crer que se fara o que diz assim sera com ele [ TERCEIRA CHAVE CRER CRER CRER NO QUE ESTA FALANDO CRER QUE VAI ACONTECER CRER CRER, ENTAO 1 FALAR AO PROBLEMA 2 NÃO DUVIDAR NO SEU CORAÇÃO 3 CRER QUE A PALAVRA QUE VOCE MANDOU AO PROBLEMA NÃO VOUTARA VASIA CRER QUE VAI ACONTECER, aos crentes comecem a fazer assim e vamos ver se não acontece, Nao são os anjos ministros de de Deus A serviço dos crentes na terra? basta mandar a palavra e os anjos executa a palavra creia nisso pois e a mais pura das verdades eu tenho experiencia nisso muito muito muito e so dar a ordem e somente falar não duvidar em seu coração e crer que se fara, experimente e tu veras sua vida mudar por completo, agora isto e para os crentes em comunhão com Deus, VOCE ESTA EM COMUNHÃO COM DEUS? SE ESTA VOCE DEVE EXPERIMENTAR A COLOCAR A SANTA PALAVRA A SEU FAVOR AGORA JA

    • Tour Natrak
      Vc pensa o quê de eu estar aqui há tanto tempo sempre me opondo a esse evangelho de CONFISSÃO positiva e a famigerada teologia da PROSPERIDADE? Porque eu já usei todos esses truques que vc deu aí, meu fio! Eu seguia a risca, e quer saber, vivia endividada!
      Falava a minha dívida… Você tem que acabar usando o Nome de Jesus! Fazia tantas coisas e falava outras tantas e Jesus sempre na minha boca!!!
      Um dia eu ouvi um rapaz concedendo uma entrevista, dizendo que era super endividado e conseguiu pagar as suas contas. Ele não era evangélico, nunca disse, mas as suas dicas me ajudaram e muito! E, foi assim, com ajuda de um anônimo, que nem me conhece, que eu consegui me libertar das dívidas e colocar a minha vida em ordem!
      Uma das coisas que me faziam gastar, eram as fogueiras santas e as ofertas determinadas pelos pastores… Eles diziam que só em vc pegar um envelope Deus já te abençoaria com a oferta, ou vc daria o seu último quinhão e Deus vendo a sua fé te retribuiria muito mais… Foi assim que eu estava qd resolvi dar ouvidos a razão e ao bom senso. Aliás dons dados por Deus, mas que estavam adormecidos em meu ser, enquanto EU OUVIA E SEGUIA HOMENS!
      Graças a Deus eu consegui me libertar e hj vivo bem e ainda posso ajudar outras pessoas.

      • Oi MARY, bom muitas coisas tem que ser explicadas e eu com certeza sabia que viria os contras, primeiro eu nunca ouço o homem estou falando de obediencia, e voce com certeza pelo que vejo estava em uma igeja em que seus menbros são daqueles que ouve o pastor e pronto, acontece que sempre fui um assembleiano somente de duas igrejas a Madureira por 5 anos e depois Missões a qual estou, acontece tanbem que nunca participei ou preguei esta a quem chamam de teologia da prosperidade,o que acontece e mesmo que a maioria esmagadora dos crentes, primeiro tem uma preguiça enorme de estudarem a biblia, e ai escutão a vos do homem os quais tambem por suas ves não detem o conhecimento biblico, muitos são os crentes que exercem a fe mental em suas vida, pode se dizer quase em sua totalidade exercem a fe mental são dois tipo de fe a fe ESPIRITUAL QUE E BIBLICA E A FE MENTAL QUE puramente humana, e como a maioria tem uma preguiça enorme de estudar com afinco a biblia fica no acomodo de ouvir a vos do homem o qual por sua ves tambem por falta de conhecimento exerce a fe mental, isto um crente verdadeiro percebe somente em uma conversa ou ouvindo uma pregação do mesmo, como voce relara ai voce tem ou exerce ou exerceu sua fe mental e não a fe biblica a fe Espiritual, vou te dar um pequeno exemplo, em sua maioria esmagadora de crentes dentro ou fora da igreja voce os ve sempre falando,assim ora Jesus disse que onde ouver dois ou trez ele esta no meio, falam ou não falam? mas a um porem a igreja esta lotada e um quando esta na frente diz estas palavras em alto e bom som e acredita piamente no que esta falando e quase em sua ou ate totalidade aceitão e tambem recitão estas palavras, Mas eu disse Mas. como não tem intendimento fica nisso, [ Jesus Cristo nunca falou isso para a igreja] Jesus Cristo esta ai falando para dois crentes ou ate se admite um terceiro, eu vou te dar o exemplo Jesus Cristo esta falando para mim e para voce e nos dois estamos em uma roça por exemplo e la nos dois começamos a converssar sobre certo assunto, e voce me dis que esta com um certo problema, ei então nos dois concordamos com aquilo e ai ssim nois dois em acordo oramos conforme a palavra conforme o acordo, e tira e queda pode experimentar se e ou se não e, mas os crentes por preguissa de estudar nunca faz conforme a Palavra esta mandando que fassa, leis estude o texto por completo e nuca pelas metade, Jesus não esta falando para a igreja toda e ssim para dois crentes reunidos em um lugar seja ele onde for, em outras esta la na frente um crente fala em alto e bom som Mesus irmãos queridos A fe remove montanhas,e falam ou não falam? mas esta palavra foi inventada pelo crente preguiçoso a fe nunca removeu montanha alguma, tente confrontar estas palavras com a biblia, ela e mentirosa, e esta e a rasão de muitos crentes que se dizem ter fe e não recebem nada, são crentes mas exercem a fe mental e não a fe Espiritual, a fe mental no mundo Espiritual não vale nada, A fe mental não opera Não tem poder algum, a nossa fe tem que estar somente em Deus muitos crentes creem nele e tambem em outras coisas, uns e na igreja outros nos pastores uns em imagens outros na virgem Maria em santos e por ai vai, A fe do Espirito não vem pelo raciocinio e pela logica, ela vem ao ouvir a SANTA PALAVRA DE DEUS, mas ai esta uma chave [ NÃO POR ESCUTAR A PALAVRA DE DEUS, MAS EU DISSE MAS OUVI-LA– O-U-V-I-L-A ouvi-la de obedecer, EU vou te dizer que eu vivia em uma luta cruel para deixar de fumar, ate que cheguei em Mateus 18. 18, 20 chegando ai o estudei por varias vezes ate chegar a conclusão e ouvi-lo obedecer o que a Palavra esta me dizendo o que fazer, e entende e coloquei em pratica, eu juntamente com o Pastor Arlindo Teodoro, ainda te digo mais o Pastor não estava presente fisicamente Não, foi atraves de sua vos nos dois concordamos com a Palavra como ela nos manda fazer e fui libertado não em um dia um mes um ano dois ano 10 anos como muitos crentes falam e falam porque não tem conhecimento, eu fui libertado no momento que eu e o Pastor acabamos de orar foi no ato do termino da oração, por ventura Jesus Cristo mandava alguem esperar com pasciencia, olha tudo bem eu vou te curar vai pra sua casa e fique tranquilo tenha pasciencia que tudo vai dar certo espere um dia um mes um ano dois anos 10 anos, por ventura ele Jesus Cristo falava assim para alguem que fosse ate ele para que ele o curace ou libertace? esta e mais um ingodo de crente preguiçoso Apalavra de Deus E viva VIVA quando se diz viva esta dizendo e afirmando que ela a PALAVRA DE DEUS E VIVA ela tem vida e a vida que esta nela e a vida e o poder de DEUS, isto que o crente precisa entender, QUE A PALAVRA TEM VIDA TODO O PODER DE DEUS ESTA EM SUA PALAVRA, SE NÃO ENTENDEU VOU EXPLICAR MELHOE, QUANDO O CRENTE QUE TEM ENTENDIMENTO E QUE ESTA EM COMUNHÃO COM DEUS ORA NÃO PRECISA DE DEUS OU JESUS CRISTO DESCER LA DO CEU E VIR FAZER A OBRA A QUAL O CRENTE ESTA ORANDO, A PALAVRA FAZ O SERVIÇO A PALAVRA FAZ O TRABALHO A PALAVRA FAZ A OBRA, e porque? porque a palavra e viva, sera possivel que vou ter que desenhar? mais uma ves vou dizer estude Mateus capitulo 18 , 18 a 20 e entenda o que a palavra esta mandando que fassa e fassa, estude Marcos 11. 20 a 26 E FASSA O QUE A PALAVRA MANDA QUE FASSA E FASSA, agora isto e para o crente em comunhão, a palavra de Deus funciona para o crente verdadeiro e que esta em comunhão com ele, se voce esta em comunhão com Deus voce tem o poder da Santa Palavra a seu favor escute a palavra ouve a palavra obedeça a palavra fassa o que a palavra esta te mandando fazer ela a Palavra e viva e ela a palavra te ouve, fassa fassa e veras que DEUS NÃO E MENTIROSO O QUE ELE PROMETE ELE CUMPRE EXPERIMENTE EXERÇA A FE ESPIRITUAL, e deixa esta fe mental esta fe que não opera nada

        • O problema do crente preguiçoso e que ele deixa de obedecer a palavra para odecer a homens, ter fe em Deus significa ter confinça que ele fara e comfirmara suas declarações a nosso respeito, significa tambem que nos recusamos a dar ouvidos a qualquer outra declaração, fora ainda que esta declaração pareça certa, foi por isso que o Grande Apostolo Paulo nos ensinou mesmo que voce o ceu se abrir e ver um anjo descer de la e ele falar diferente do que esta escrito na Santa Palavra mande-o pra o inferno porque não e de DEUSSSSSSSS, Ora a fe e o fieme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vem Hebreus 11.1, Porque em verdade vos digo que qualquer crente em comunhão disser a este monte, ergue-te e lança-te no mar, Marcos 11.23 o que a Palavra Viva esta mandando que fassa ai, ela esta te mandando falar escancarar a sua boca e FALAR, falar ao monte e qual e o seu monte, o que remove a montanha e a sua PALAVRA,- E não duvidar em seu coração, voce pode falar mas se la no fundo do teu coração voce duvidar pode esquecer, ai o crente sem entendimento vai chorar e porque porque duvida, duvida da eficacia da Palavra alem de duvidar do poder de Deus e de sua SANTA PALAVRA ainda duvida de se mesmo, a mente humana pode ser sugestionada de dois modos negativa e positiva, ao ser sugestionada negativamente como e o caso de varios que se dizem crentes aqui, a pessoa passa a viver sempre se queixando de tudo e de todos, nada presta, se alguem como eu tenta mostrar-lhe o lado bom das coisas ela responde mostrando o lado ruim, pois pra ela não ha coisa alguma que seja boa, O Senhor Jesus afirmou que tudo e possivel ao que cre, o Espirito Santo ensinou ao Apostolo Paulo POSSO TODAS AS COISAS NAQUELE QUE ME FORTALECE, Mas cre que se fara aquilo que diz o crente tem que crer no que ele esta falando escancara a boca e fala não duvide do que se esta falando mas cre no que esta saindo da sua boca JESUS CRISTO NÃO ESTA DIZENDO AI que devemos crer para recebermos aquilo que sua boca esta falando pedindo ou orando ele esta te falando para voce crer no que voce esta declarando, quer que eu desenhe? e preciso crer no que sua boca esta falando, TUDO O QUE DISSER LHE SERA FEITO, ta vendo ai, a nossa posiçao como filhos de Deus e altamente previlegiada, somos nos que fazemos a diferença para voce resceber a benção não depende do Senhor mas de voce mesmo o crente sem conhecimento e o crente dO, se Deus quizer a se Deus quizer a se Deus quizer, ele Deus ja fez tudo e colocou em sua Santa Palvra, e com certeza e ssim da vontade dele pois toda a vontade dele esta em sua Santa Palavra, deixar que a Santa Palavra de Deus fassa para voce o que voce deseja somente depende de voce e não de Deus pois o desejo de Deus em relaçáo a voce e a toda a humanidade ele o colocou na sua Santa Palavra, agora depende e do ser humano querer ou não querer, E alguns Pastores que detem o conhecimento e sabemdo que a maioria dos crentes são preguiçosos e não estudam a biblia com afinco e em sua maioria são crentes SE DEUS QUIZER, aproveitam dos Otarios OPS COITADOS, agora quem são os culpados o culpado e o crente mesmo por não obedecer o que a Santa Palavra Ensina que fassamos, entendeu MARY, mas e sempre aquilo que eu escrevo aqui, muitos são os que procuram um evangelho moderno cheio de liberdade em igrejolas nascidas do acaso, pois para um crente estar em comunhão verdadeira com Deus e para que a Santa Palavra venha a funcionar para ele e preciso seguir as regras estatutos e ordenanças de Deus as quais estão escritas na biblia, quantas vezes eu ja escreve sobre isso aqui, queres que a SAnta Palavra funcine para voce então OBEDEÇA A ELA A SANTA PALAVRA E FASSAS O QUE ELA A SANTA PALAVRA ENSINA QUE FASSA E PORQUE? PORQUE A SANTA PALAVRA E VIVA A SANTA PA\LAVRA TEM VIDA A SANTA PALAVRA TEM EM SE A VIDA DE DEUSSSSSSS A NA SANTA PALAVRA CONTEM O PODER DE DEUS NA SANTA PALAVRA CONTEM O DESEJO DE DEUS EM RELAÇÃO A MIM A VOCE E A TODA A HUMANIDADE

          • Tour natrak, muito bom, parabéns, é isso mesmo.
            Só gostaria de fazer um comentário a respeito disso também.

            Nós sempre queremos que Deus resolva nossos problemas do jeito em que nós pensamos e queremos, mas não é bem assim. Como diz em Isaías 55:8-9, os pensamentos de Deus são mais altos que os nossos, e o caminho Dele é mais alto que o nosso.

            Se estamos endividados, gostaríamos que caisse dinheiro do céu de algum jeito para pagarmos as contas. Mas quando Ele age, age na fonte do problema, muitas vezes nós mesmos. Se somos obcecados em compras, é ali que Deus agirá, nos impedindo de comprar, pra isso pode ser que seja necessário até tirando o nosso crédito no mercado. Muitas vezes essa é a única forma de nos corrigir e nos ensinar o auto-controle financeiro. Mas aí pensamos que Deus não está agindo no problema, apenas vemos piorando, perdendo o crédito, etc… mas Deus está sim agindo em nós mesmos, na raiz do problema.

            Quando o vaso não está de acordo com o que o Oleiro deseja, as vezes é necessário recomeçar, quebrando o vaso pra refazer da forma que Ele quer, nos levando pelo caminho que Deus planejou para nós.

            Deus age sim em nossos problemas, só não reconhecemos que Ele age diferente da que nós imaginamos, por caminhos mais excelentes.

            “Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos” Is 55:8-9

          • Tour Natrak e Jeann…

            Tour,
            Gostei muito de seu relato, mas qd vc frequenta uma igreja, uma congregação, mesmo que não queira vai acabar seguindo as orientações do homem que está lá na frente, não tem jeito!
            Porque se vc estiver sentado nos bancos e não seguir o que o pastor fala, exemplo: fazer votos, doar uma importância X, dizimar pelo que vc quer receber e ainda não recebe! Vc vai fazer o que nessa igreja? Só orar, cantar e ler versículos recomendados pelo pregador? Atualmente, prefiro ficar em casa, ler a Palavra e falar com Deus em minhas orações, pedindo discernimento e sabedoria para fazer o que Ele me indicar.
            Mas, mesmo assim, gostei muito de suas explicações e acredito que será útil para outras pessoas tb. Nunca tive dúvidas que duas ou três pessoas reunidas não significa dentro de um templo físico, mas pode ser até por aqui qd nos reunimos em torno de um mesmo propósito!
            Deus o abençoe.

            Jeann,

            Vc tocou num assunto que pode ser a causa de muitos estarem endividados, mas não era o meu caso!
            Eu acumulava empréstimos para pagar empréstimos… Que vergonha… tsc… tsc… Nessas condições eu não podia comprar, absolutamente, nada!
            Apesar de ter um certo conhecimento, eu fui totalmente enrolada por essa teologia da prosperidade, pois fazia empréstimo para doar, não conquistava nada e sofria para pagar depois! Eu tinha vergonha de ter um bom salário, mas não poder comprar nem roupas, calçados e joias para mim. Eu vivia triste, confusa, não sabia pq os outros testemunhavam livramento de dízimos e comigo não acontecia nada, só complicava mais… É isso aí, Jeann… tsc…
            Olha, a minha cabeça mudou, eu sou equilibrada, planejo o que vou comprar e tenho podido comprar o que gosto com parcimônia.
            Por causa disso tudo é que eu tento alertar as pessoas para seguirem somente JESUS, e fugirem dos pregadores do dinheiro.
            Deus o abençoe.

            Mary.

          • Mary,

            Sobre congregar, temos que ter o cuidado de não “seguir” pastor, mas seguir a Jesus, o que a palavra de fato nos diz. Se um pastor nos fala pra fazermos algo temos que ver se realmente as escrituras nos dizem ou nos guiam para fazer isto. Se vc vê que esse ou aquele pastor fala coisas que não estão de acordo com a palavra, procure outro, há vários honestos, só temos que ter o cuidado de comparar sempre com as escrituras.

            O congregar não é problema, problema é apenas ir em cultos e achar que isso é suficiente, aí deixamos de ler a bíblia e orar pra seguir unicamente ao que é dito ali. Paulo mesmo nos orienta várias vezes que devemos congregar (Hb 10:24-25), mas não devemos “relaxar”, deixando de ler a bíblia, etc… isso pra mim é preguiça (não estou falando de vc, mas em geral, rsrsrs).

            A respeito das dívidas, só quis salientar que muitas vezes Deus age sim a nosso favor e não damos o “crédito” a Ele. Por exemplo, vc diz: “a minha cabeça mudou, eu sou equilibrada, planejo o que vou comprar e tenho podido comprar”, acredito que isso de fato é Deus que respondeu as suas orações, é Deus moldando o vaso, te corrigindo, deixando de seguir doutrinas ou teologias enganosas e te levando a verdade, talvez deixando de ser consumista (não sei se é o caso). Enfim, Deus age as vezes moldando o vaso (em nós mesmo), e não apenas “pagando as dívidas”. Só quis observar que Deus realmente age a nosso favor e muitas vezes deixamos de “ver” isso, de agradecê-lo e notar que Ele é fiel.

            Continue firme em Deus,
            Que Ele o abençoe.

          • gostei jeann. também penso assim (me intrometendo na conversa). mary, deus não responde somente pela boca de pastor. lembre-se q ele usou até uma jumenta para falar com balaão. usou faraó para expulsar seu povo do Egito etc.. não é pq ele não te respondeu nas igrejas onde vc buscava, q ele deixou de responder suas orações. deus não fica preso entre as paredes do templo, e muito menos na boca dos pastores. os caminhos dele são melhores q os nossos, e ele sabe como fazer para nos corrigir. nunca deixe de dar glória a ele. tem coisas q nessa vida não entendemos.

    • Meu nobre, já que você é tão apegado à mentira, deixa eu te falar uma verdade. .. Sou dizimista e vivo por experiência e não teoria as bênçãos de ser fiel! ! De forma voluntária e feliz.

  16. ESTUDO BÍBLICO:

    “AS 10 MAIORES MENTIRAS SOBRE OS 10 POR CENTO DOS DÍZIMOS”

    Muitas igrejas insistem no ensino errôneo de que os dízimos ainda são obrigatórios mesmo para os cristãos que vivem debaixo da graça de Jesus Cristo, e se utilizam de argumentos que se tornaram verdadeiros mitos dentro da comunidade evangélica, porém como eles dizem que o dízimo é 10 por cento, vamos utilizar o mesmo princípio numérico e verificar biblicamente as 10 argumentações mentirosas mais difundidas a respeito do dízimo.

    1º MENTIRA – “O DÍZIMO FOI ORDENADO POR DEUS NO JARDIM DO ÉDEN, POIS A ÁRVORE DO CONHECIMENTO REPRESENTA O DÍZIMO”

    Na verdade, biblicamente o dízimo foi ordenado no monte sinai (levíticos 27:30-32; Números 18:21-24) e portanto, não foram instituidos no Jardim do Éden, pois sequer é mencionado que Adão e Eva receberam o mandamento da parte de Deus de dizimar. A associação que muitos religiosos que insistem em receber dízimos fazem de que a árvore do conhecimento do bem e do mal (Gênesis 2:9), pois não era permitido a Adão e Eva comer dela (Gênesis 2:17) portanto ela seria segundo eles um “símbolo” do dízimo, mas isso é uma associação esdrúxula, pois sequer há um texto bíblico que faça uma ligação entre essa árvore do Jardim do Éden e o dízimo da lei de moisés, sequer se diz que a árvore ocupava 10% do espaço do Jardim do Éden. Trata-se portanto de mais um argumento ridículo usado pelos líderes religiosos para levar o povo a acreditar que o dízimo não era somente obrigatório perante a lei de moisés.

    2º MENTIRA – “O DÍZIMO SEMPRE FOI OBRIGATÓRIO MESMO ANTES DA LEI DE MOISÉS”

    O dízimo antes de sua ordenança no Sinai era voluntário, sendo mencionado apenas 2 vezes antes de se tornar obrigatório, Abraão deu uma única vez um dízimo dos despojos da guerra quando resgatou seu sobrinho Ló e Jacó fez um voto a Deus (gênesis 14:17-20, gênesis 28:20-22)

    Pelas seguintes razões, Gênesis 14:20 não pode ser usado como exemplo para os cristãos dizimarem: 1º – A Bíblia não diz que Abraão deu obrigatoriamente esse dízimo. 2º – O dízimo de Abraão não foi um dízimo santo, da Terra Santa de Deus, produzido pelo povo santo de Deus. 3º – O dízimo de Abraão foi somente do despojo de guerra (hebreus 7:4). 4º – O dízimo de Abraão a Melquisedeque aconteceu apenas uma vez e Abraão mudava sempre de lugar. 5º – O dízimo de Abraão não proveio de sua riqueza pessoal. 6º – O dízimo de Abraão não é mencionado em nenhuma parte da Bíblia, seja no velho ou no novo testamento a fim de respaldar o ato de dizimar. 7º – Visto como nem Abraão nem Jacó tinham um sacerdócio levítico para manter, eles não tinham lugar algum onde entregar os dízimos, durante os seus muitos deslocamentos.

    No caso específico de Jacó, lemos o seguinte: “Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista,de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus;e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo” (Gênesis 28:20-22). O texto bíblico é claro, que Jacó fez um propósito particular (um voto) de que se Deus fosse favorável à ele, que ofereceria à Deus o dízimo. Não se vê também neste caso nenhuma ordem explicita de Deus ou algum sacerdote a mando Dele, para que Jacó dizimasse, e vemos que foi uma promessa de Jacó para Deus, não há relatos posteriores na Bíblia que ele tenha de fato dizimado, apenas se observa a sua promessa, seu compromisso de entregar o décimo de tudo que viesse a obter daquele momento em diante. Outra vez, não vemos na Bíblia nenhuma passagem em que vemos escrito que devemos dizimar como Jacó fez, portanto trata-se de mais uma mentira que os líderes criaram para tentar fazer parecer que os dízimos eram obrigatórios antes mesmo da lei de moisés.

    3º MENTIRA – “O DÍZIMO DOS ALIMENTOS DO VELHO TESTAMENTO FOI SUBSTITUÍDO POR DÍZIMO DO DINHEIRO NOS DIAS ATUAIS”

    Não há um versículo na biblia informando que dízimo obrigatório da lei de moisés possa ser ouro, prata, moeda, dinheiro, etc. Dízimo sempre foi apenas alimento do campo vegetal ou animal (levíticos 27:30 e 32) mesmo quando havia metais preciosos como moeda corrente. Abraão no seu tempo comprou uma sepultura para sua esposa por 400 ciclos de prata (gênesis 23:16)

    Embora já existisse dinheiro, a substância do dízimo divino jamais foi dinheiro. Ele era o “dízimo do alimento”. Isso é muito importante. Os verdadeiros dízimos bíblicos eram sempre somente o alimento proveniente das fazendas e rebanhos, somente dos israelitas que vivessem exclusivamente dentro da Terra Santa de Deus, as fronteiras nacionais de Israel. A fartura provinha de Deus e não da manufatura ou habilidade do homem.

    Existem 15 versículos de 11 capítulos e 8 livros, de Levítico 27 a Lucas 11, que descrevem o conteúdo do dízimo. E o conteúdo jamais, repito, jamais incluía dinheiro, prata, ouro ou qualquer outra coisa, além de alimento. Mesmo assim, a definição incorreta de “dizimar” é a maior mentira que está sendo pregada sobre esse ato, hoje em dia. (Veja Levítico 27:30,32; Números 18:27,28; Deuteronômio 12:17; 14:22, 23, 26; 2 Crônicas 31:5; Neemias 10:37; 13:5; Malaquias 3:10; Mateus 23:23 e Lucas 11:42).

    Não se observa portanto em toda a bíblia, alguém entregando dízimo em dinheiro, pois dízimo era décima parte dos alimentos ( agropecuários ou agrícolas ), e jamais foi entregue em dinheiro. E o dinheiro já era corrente nos tempos bíblicos, pois o próprio moisés que recebeu a lei para o povo lidou com dinheiro: “Então, Moisés tomou o dinheiro do resgate dos que excederam os que foram resgatados pelos levitas.Dos primogênitos dos filhos de Israel tomou o dinheiro, mil trezentos e sessenta e cinco siclos, segundo o siclo do santuário. E deu Moisés o dinheiro dos resgatados a Arão e a seus filhos, segundo o mandado do SENHOR, como o SENHOR ordenara a Moisés” (Números 3:49-51)

    Mais uma prova de que o dízimos sempre foram alimentos podem ser vista nessa passagem bíblica: “DOS DÍZIMOS NÃO COMI no meu luto e deles nada tirei estando imundo, nem deles dei para a casa de algum morto; obedeci à voz do SENHOR, meu Deus; segundo tudo o que me ordenaste, tenho feito” (Deuteronômio 26:14)

    Portanto, mais uma mentira dos líderes que ensinam sobre a obrigatoriedade dos dízimos é revelada, quando dizem que nos tempos bíblicos dízimos eram entregues em alimentos porque dinheiro ainda não existia, mas Abraão e até Moisés lidavam com dinheiro, e mesmo assim na obrigatoriedade da lei de moisés nunca se pagava dízimos em dinheiro, pois dízimo sempre foi a décima parte dos alimentos, do campo e animais, e nada tem a ver com a exigência de entrega de 10% do dinheiro que os cristãos recebem para esses líderes que ensinam erradamente sobre dízimos. Dízimo nunca foi pago em dinheiro, apenas em alimentos. Se o seu pastor ou líder insistir em dizer que pode ser pago em dinheiro exija que ele mostre alguém dizimando em dinheiro na bíblia, pois dinheiro já existia e era usado naquela época.

    4º MENTIRA – “O DÍZIMO FOI DADO POR DEUS AOS LEVITAS DA VELHA ALIANÇA E HOJE OS PASTORES DA NOVA ALIANÇA SUBSTITUIRAM ESSES LEVITAS PORTANTO DEVEM RECEBER DÍZIMOS”

    O dízimo foi dado aos levitas, mas para que eles fizessem todo o trabalho da tenda da congregação (Números 18:21-23). Se hoje os membros leigos fazem mais de 90% do trabalho e os pastores recebem todo o dízimo isso não é biblico, é humano. Na igreja primitiva de atos, um levita, chamado José de sobrenome barnabé dava ofertas ao invés de receber dízimos dos apóstolos e membros da igreja cristã: “José, a quem os apóstolos deram o sobrenome de Barnabé, que quer dizer filho de exortação, LEVITA, natural de Chipre, como tivesse um campo, vendendo-o, trouxe o preço e o depositou aos pés dos apóstolos” (atos 4:36-37) Portanto fica evidente que com a mudança do sacerdócio mudou a lei: “Pois, quando se muda o sacerdócio, necessariamente há também mudança de lei” (hebreus 7:12)

    Na economia hebraica, o dízimo era usado de maneira totalmente diferente da que hoje é pregada. Mais uma vez, os levitas que recebiam o dízimo inteiro nem sequer eram ministros ou sacerdotes – eles eram apenas servos dos sacerdotes. Números 3 descreve os levitas como sendo carpinteiros, fundidores de metal, artesãos de couro e artistas, que mantinham o pequeno santuário. E 2Crônicas 23-27, durante o tempo dos reis Davi e Salomão, os levitas também foram peritos artesãos, os quais inspecionavam as obras do Templo. Vinte e quatro mil deles trabalhavam no Templo como construtores e supervisores; seis mil eram oficiais e juízes; quatro mil eram guardas e quatro mil eram músicos. Como representantes políticos do rei, os levitas usavam o seu dízimo para servir aos oficiais, juízes, coletores de impostos, tesoureiros, guardas do Templo, músicos, padeiros, cantores e soldados profissionais (1Crônicas 12:23,26; 27:5). É obvio que esses exemplos do uso bíblico da entrada do dízimo nunca se tornam exemplos para a igreja de hoje. É importante saber que na Antiga Aliança os dízimos nunca eram usados para evangelizar os não israelitas. Neste ponto o dízimo falhou. Vejam Hebreus 7:12-19. Os dízimos jamais estimularam os levitas e sacerdotes da Antiga Aliança a estabelecer uma única missão fora do país, para encorajar um só gentio a se tornar israelita (Êxodo 23:32; 34:12,15; Deuteronômio 7:2). O dízimo da Antiga Aliança era motivado e exigido por lei, não pelo amor. De fato, durante a maior parte da história de Israel, os profetas foram os principais portadores da Palavra de Deus e não os levitas e os sacerdotes que recebiam o dízimo.O falso ensino é que os anciãos e pastores da Nova Aliança estão simplesmente continuando de onde os sacerdotes da Antiga Aliança deixaram e por isso devem receber o dízimo. A função e o propósito dos sacerdotes da Antiga Aliança foram substituídos, não pelos anciãos e pastores, mas pelo sacerdócio de todos os crentes. Como outras ordenanças da Lei, o dízimo foi apenas uma sombra temporária, até a vinda de Cristo (Efésios 2:14-16; Colossenses 2:13-17; Hebreus 10:1). Na Nova Aliança cada crente é um sacerdote de Deus (1 Pedro 2:9-10; Apocalipse 1:6; 5:10). E como sacerdote cada crente oferece sacrifícios a Deus (Hebreus 4:16; 10:19-22; 13:15-16). Então, cada ordenança que havia sido previamente aplicada ao antigo sacerdócio foi anulada no Calvário. Visto não pertencer à Tribo de Levi, até mesmo Jesus Cristo foi desqualificado. Desse modo, o propósito original de dizimar já não existe (Hebreus 7:12-19; Gálatas 3:19, 24, 25; 2Coríntios 3:10).

    Portanto, não há nenhum mandamento no novo mandamento do cristão entregar os dízimos aos pastores, pois o dízimo somente podia ser recebido pelos levitas: “Ora, os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm mandamento de recolher, de acordo com a lei, os dízimos do povo, ou seja, dos seus irmãos, embora tenham estes descendido de Abraão” (hebreus 7:5), e os levitas só existiam na velha aliança da lei de moisés, pastores não são substitutos deles pois são ministros de Deus (I Coríntios 4:1) e nem sequer é ordenado que se deva entregar dízimos em favor da obra de Deus, pois ela é sustentada pelas ofertas voluntárias (2Coríntios 9:7).

    5º MENTIRA – “O DÍZIMO RECEBIDO É SOMENTE PARA USO DOS PASTORES”

    Biblicamente, o dízimo pertencia aos levitas (números 18:21-23), mas também para se fazer um festival ao Senhor (deuteronômio.14:22-27) e a cada terceiro ano, para os levitas, órfãos, viúvas e estrangeiros, os quais comiam o dízimo ajuntado dentro das suas portas (deuteronômio14:28-29). Se ofertas e dízimos eram sagrados ao Senhor e não podiam ser comidos por pessoas comuns neste caso Deus abre um exceção, visto que para ele misericórdia é melhor que sacrificio (Oséias 6:6; Mateus 12:7), a vida dos carentes é preciosa ao senhor (veja um exemplo disso em Lucas 6:1-10)

    Portanto mais uma vez, é biblicamente demonstrado que os dízimos recebidos pelos levitas não eram de uso exclusivo deles… os necessitados ( órfãos, viúvas e os de fora de israel ), também se beneficiavam dos dízimos dos alimentos recebidos pelos levitas. Essa conversa de que só os pastores e líderes religiosos podem hoje usufruir dos dízimos não encontra respaldo bíblico. Trata-se de mais uma doutrina de homem.

    6º MENTIRA – “CRISTÃO QUE NÃO DÁ O DÍZIMO SERÁ VITIMA DO “DEVORADOR”
    Se você é evangélico provavelmente já deve ter ouvido alguém falar a respeito do devorador. Muitas igrejas pregam a respeito desse ser. Mas o que os líderes religiosos gananciosos não fazem é mostrar aos membros que a admoestação de Malaquias é dirigida somente à nação de Israel, e não aos cristãos de hoje que não dizimam:

    “Sentença pronunciada pelo Senhor CONTRA ISRAEL, por intermédio de Malaquias” (Malaquias 1:1)

    e, se destina especificamente, aos SACERDOTES CORRUPTOS:

    “Agora, ó sacerdotes, para vós outros é este mandamento.Se o não ouvirdes e se não propuserdes no vosso coração dar honra ao meu nome, diz o SENHOR dos Exércitos, enviarei sobre vós a maldição e amaldiçoarei as vossas bênçãos; já as tenho amaldiçoado, porque vós não propondes isso no coração” ( Malaquias 2:1-2)

    Eles estavam ofertando ANIMAIS coxos, cegos mudos, e defeituosos:

    “Ofereceis sobre o meu altar pão imundo e ainda perguntais: Em que te havemos profanado? Nisto, que pensais: A mesa do SENHOR é desprezível. Quando trazeis animal cego para o sacrificardes, não é isso mal? E, quando trazeis o coxo ou o enfermo, não é isso mal? Ora, apresenta-o ao teu governador; acaso, terá ele agrado em ti e te será favorável? – diz o SENHOR dos Exércitos.” (Malaquias1:7-8)

    Quanto a Malaquias 3, notamos que Deus manda trazer somente “DÍZIMOS” para as câmaras do depósito do templo, para que haja “comida” ( alimento, ou mantimento ) em minha casa. Isto é , mantimento = produtos alimentares (ver dicionário da língua portuguesa)

    O texto mais famoso citado para falar a respeito do devorador é Malaquias 3:11, que diz: “Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.” Esse texto é a continuação de Malaquias 3:10, o tão famoso texto que fala a respeito de dízimos no Antigo Testamento. os líderes gananciosos dizem que o “devorador” mencionado nesse texto é um demônio que destrói as finanças daqueles que não dão os 10%, ou seja, que não são dizimistas. As pessoas que pregam nessa linha trazem ameaças de destruição financeira aos seus ouvintes se os mesmos não forem dizimistas fiéis.

    O DEVORADOR É MESMO UM DEMÔNIO? A resposta é não! Os que afirmam que esse devorador citado no texto é um demônio, no mínimo, faltaram em algumas aulas de interpretação da Bíblia. A primeira coisa a sabermos é que no Antigo Testamento, a aliança que vigorava era uma aliança baseada na obediência. Se o povo fosse obediente às leis de Deus seriam abençoados. Essas bênçãos eram visivelmente mandadas em forma de paz e boas colheitas e prosperidade. Se fossem desobedientes, seriam amaldiçoados. Falta de paz e colheitas ruins estavam em vista aqui. (Deuteronômio 28). Em uma das ameaças de maldições em suas colheitas, que Deus manda ao povo através do profeta Joel, vemos que: “O que deixou o gafanhoto cortador, comeu-o o gafanhoto migrador; o que deixou o migrador, comeu-o o gafanhoto devorador; o que deixou o devorador, comeu-o o gafanhoto destruidor.” (Joel 1:4). Uma maldição que tinha em vista a destruição da lavoura.

    O texto de Malaquias 3:11 diz a mesma coisa: “Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.”. Esse devorador certamente se tratava de um tipo de gafanhoto altamente destrutivo ou outro “bicho” que acabava com as plantações (que eram a base da economia do povo de Israel). A ação devastadora desse “ser” acabava com a prosperidade do povo em pouco tempo atacando suas lavouras. Quando o povo era obediente a Deus e cumpria a Sua lei, que no caso desse texto é a lei de dizimar, Deus abençoava suas colheitas e negócios. Esse é o sentido desse texto. Assim, não faz sentido usar esse texto para afirmar que o devorador era um demônio ou coisa parecida. Nem faz sentido ameaçar as pessoas hoje em dia com esse “devorador”

    “repreenderei o devorador” Versículo 11 (Não é dinheiro que faz isto, é o próprio Deus)

    Devorador, segundo a bíblia, nunca foi demônio, e sim, gafanhotos, que Deus enviava como pragas a terra para castigar o povo, e estes gafanhotos, Deus os chamavam de “O meu grande exercito” (Joel 2:22-27) …”repreenderei o devorador ” significa… espantarei a praga do meio da vossa plantação (gafanhotos), veja também Levítico 11:22 e Naum 3:16.

    Os líderes gananciosos que ensinam que esses “devoradores” são demônios que irão causar doenças na família, o carro vai viver quebrando etc, aproveitam o desconhecimento dos cristãos do verdadeiro devorador ao qual Malaquias se refere, o gafanhoto que devorava as colheitas da nação de israel. Não há confirmação nenhuma no novo testamento de que quem não dizima será vitima desse “devorador”… quando um ladrão quer tomar o dinheiro de uma pessoa, ele a ameaça, pois se pedir provavelmente a vítima não entregará o seu dinheiro, e por conta disso o ladrão usa o recurso da ameaça, para forçá-la, da mesma forma agem esses pastores que insistem em receber dízimos pois usam um texto fora de seu real contexto para ameaçar dizendo que o mesmo “devorador” que viria sobre a nação de israel se não dizimasse virá para aqueles que não entregam seus dízimos a eles.Trata-se portanto de mais um ensino distorcido da bíblia para forçar os cristãos que não estudam a bíblia a dizimarem.

    Hoje em dia, a classe mais pobre é a que mais contribui para beneficência. E, mesmo assim, ela permanece na pobreza. Os dízimos não são uma garantia para alguém enriquecer depressa, em vez da educação, da determinação e do árduo trabalho. Se Malaquias 3:10 funcionasse realmente com os cristãos da Nova Aliança, nesse caso milhões de cristãos dizimistas já teriam escapado da pobreza e se tornado o grupo mais rico do mundo, em vez de continuar sendo pobre. Portanto, não existe evidência alguma de que a vasta maioria dos pobres “pagadores do dízimo” tenha sido abençoada pelo mero fato de o entregar. As bênçãos da Antiga Aliança já não estão em efeito (Hebreus 7:18-19; 8:6-8,13).

    Portanto, não há nenhuma possibilidade de um cristão ser vítima do “devorador” (demônio) por causa de não ser dizimista, pois nenhuma maldição da antiga aliança pode atingir aos cristãos da nova aliança em Jesus ( gálatas 3:13 )

    7º MENTIRA – O DÍZIMO SERVE PARA MANTER A IGREJA FÍSICA HOJE, POIS ELA SUBSTITUIU O TEMPLO JUDAÍCO ONDE SE ENTREGAVAM OS DÍZIMOS.

    Nada poderia estar mais longe da verdade. Trata-se de outro falso ensino os religiosos que exigem dízimos de que os edifícios chamados “igrejas”, “tabernáculos” ou “templos”, substituíram o Templo do Velho Testamento como locais de habitação divina.

    A Palavra de Deus jamais descreve os grupos da Nova Aliança como ”tabernáculos”, “templos” ou “edifícios”. Os cristãos não “vão à igreja”. Eles se “reúnem para adorar”. Também, visto que os sacerdotes do Velho Testamento pagavam o dízimo, então, logicamente, o dízimo não pode continuar. Nesse caso, é errado chamar um edifício de “armazém do Senhor” para receber os dízimos (1 Coríntios 3:16-17; 6:19-20; Efésios 1:22-23; 2:21; 4:12-16; Apocalipse 3:12). Com respeito à palavra “armazém” comparem a 1 Coríntios 16:2 com a 2 Coríntios 12:14 e Atos 20:17, 32-35. Durante vários séculos após o Calvário, os cristãos nem mesmo possuíam um edifício próprio (que chamassem de armazém), visto como o Cristianismo era uma religião ilegal e sofria perseguições.

    Após o sacrifício de Jesus, o véu do santuário se rasgou: “E o véu do santuário rasgou-se em duas partes, de alto a baixo” (Marcos 15:38) e hoje, cada cristão é um santuário onde habita o Espírito Santo: “Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?” (I Coríntios 3:16) Não há sequer um Templo ou santuário físico para que os cristãos levem os dízimos pois: “O Deus que fez o mundo e tudo o que nele existe, sendo ele Senhor do céu e da terra, não habita em santuários feitos por mãos humanas” (Atos 17:24). Jesus sequer fundou uma igreja física, pois a verdadeira igreja é espiritual.

    1. Que autoridade nos dá a Palavra de Deus para estabelecermos igrejas denominacionais ou não denominacionais em meio ao testemunho cristão, quando as Escrituras condenam a criação de divisões entre os crentes? (1 Coríntios 1:10; 3:3; 11:18-19)

    2. Com que autoridade vinda de Deus os cristãos denominam suas assim chamadas “igrejas” como Presbiteriana, Batista, Pentecostal, Aliança, Cristã Reformada, Anglicana etc., quando não há na Bíblia instruções para nos reunirmos em qualquer outro nome além do nome do Senhor Jesus Cristo? (Mateus 18:20; 1 Coríntios 5:4)

    3. Será que existe qualquer base na Palavra de Deus para chamar esses edifícios de “igrejas”? A definição bíblica de “igreja” é de uma reunião de crentes que, pelo evangelho, foram chamados para fora, tanto dentre os judeus como dentre os gentios, e são unidos em um único corpo a Cristo, sua Cabeça no céu, pela habitação do Espírito Santo. (Atos 11:22; 15:14; 20:28; Romanos 16:5; 1 Coríntios 1:2; Efésios 5:25)

    4. Onde há no Novo Testamento uma referência mandando os Cristãos construírem templos e chamarem esses locais de “Cada de Deus”, sendo que Deus não habita em templos feito por mãos humanas? (Atos 7:48 e 17:24).

    Dizer que os dízimos são necessários para manter a igreja e sustentar os pastores e líderes não tem fundamentação bíblica neotestamentária, O apóstolo Paulo estava entre os que insistiam em trabalhar com as próprias mãos pelo seu sustento (Atos 18:3; 1Tessalonicenses 2:9-10; 2Tessalonicenses 3:8-14). Embora ele não tenha condenado os que recebiam sustento pela obra em tempo integral, também não ensinou que tal sustento fosse ordenado por Deus, para difusão do Evangelho. (1 Coríntios 9:12). De fato, duas vezes em Atos 20:29, 35 e também em 2 Coríntios 12:14, ele até mesmo encoraja os anciãos da igreja a trabalharem para manter os necessitados da igreja (Eu só queria ver um dos pastores atuais trabalhando para ajudar os pobres da igreja!).

    Para Paulo, a expressão “viver do evangelho” significava “viver segundo os princípios da fé, do amor e da graça” (1 Coríntios 9:14). Conquanto verificasse ter “direito” a alguma ajuda, ele concluía que a “liberdade” de pregar o seu evangelho era mais importante, a fim de cumprir a sua vocação de Deus (1 Coríntios 9:15; 11:7-13; 12:13,14; 1 Tessalonicenses 2:5-6). Enquanto trabalhava como artesão de tendas (atos 18:3), Paulo aceitou uma certa ajuda, porém se gloriava de que o seu pagamento ou salário era o fato de poder pregar livremente, sem se tornar um fardo para os outros (1 Coríntios 9:16-19).

    Em nenhum lugar desde Atos 7:58 (onde Paulo é mencionado pela primeira vez) até suas epístolas, não vemos o apóstolo Paulo orientando alguém a dizimar nem recebendo dízimos dos cristãos, portanto uma prova clara que a igreja primitiva não tinha o dízimo como uma doutrina cristã e inquestionável como se vê hoje nessas igrejas que dizem seguir fielmente as Escrituras.

    Paulo deixou claro que os que pregavam o evangelho tinham todo o direito de serem supridos com as ajudas e doações voluntárias dos cristãos (I Coríntios 9:11 e 14, Filipenses 4:18 ), mas nunca disse que seria dos dízimos! Sequer há mandamento seja do Senhor Jesus ou de seus apóstolos dos cristãos entregarem seus dízimos nos “templos” que hoje conhecemos como igreja, pois Jesus nunca fundou uma igreja física, nem ordenou que se fizessem construções para ali os seus seguidores se reunirem! Se o dízimo fosse tão necessário e importante como esses líderes gananciosos querem fazer parecer, teria o apóstolo Paulo esquecido de mencionar algo tão importante? obviamente que não, pois ele é categórico ao dizer: ” jamais deixando de vos anunciar coisa alguma proveitosa e de vo-la ensinar publicamente e também de casa em casa” e ” porque jamais deixei de vos anunciar todo o desígnio de Deus” (atos 20:20 e 27)… ou seja, tudo que era necessário ele, Paulo, ensinou e o Apóstolo Paulo nunca incentivou ou ensinou os cristãos a dizimarem!

    Portanto comprovadamente os dízimos não são obrigatórios serem entregues, muito menos nas igrejas físicas de hoje.

    8º MENTIRA – “DAR OFERTAS, MESMO ACIMA DE 10% DA SUA RENDA, NÃO TEM O MESMO VALOR ESPIRITUAL, POIS QUEM NÃO DÁ O DÍZIMO ROUBA A DEUS E NÃO SERÁ SALVO POIS ESTÁ DEBAIXO DE MALDIÇÃO”

    Tanto a bênção como a maldição de Malaquias 3:9-11, perduraram somente até o término da antiga Aliança, ou seja, até o Calvário. A audiência de Malaquias havia voluntariamente reafirmado a Antiga Aliança (Neemias 10:28-29. “Maldito aquele que não confirmar as palavras desta lei, não as cumprindo. E todo o povo dirá: Amém” (Deuteronômio 27:26, citado em Gálatas 3:10). E Jesus Cristo deu um fim a essa maldição, conforme Gálatas 3:13: “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro”. Portanto nenhuma maldição proveniente da não observância da lei de moisés (e o dízimo pertencia a ela) atinge aos cristãos. Mas os lideres gananciosos que recebem dízimos escondem isso dos membros.

    Mas não é porque o Cristão não seja mais obrigado a dizimar que ele esteja isento de ajudar na propagação do evangelho e em favor dos necessitados pois: “Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria” (2coríntios 9:7).

    “Também, irmãos, vos fazemos conhecer a graça de Deus concedida às igrejas da Macedônia; porque, no meio de muita prova de tribulação, manifestaram abundância de alegria, e a profunda pobreza deles superabundou em grande riqueza da sua generosidade.Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo acima delas, se mostraram voluntários” (2coríntios 8:1-3) Essa era a prática da igreja de Deus que Cristo estabeleceu.

    Os princípios de dar no Novo Testamento, na 2Coríntios capítulos 8 e 9 são superiores ao dizimar, que não é obrigatório aos cristãos.

    Os seguintes princípios de dar voluntariamente na Nova Aliança estão fundamentados na 2 Coríntios 8 e 9 (1). Dar é uma “graça”. A 2 Coríntios 8 usa oito vezes a palavra “graça”, referindo-se à ajuda aos santos pobres (2). Dar primeiro a Deus (8:5). (3) Dar-se a si mesmo para conhecer a vontade de Deus (8:5) (4) Dar em resposta ao dom de Cristo (8:9 e 9:15). (5) Dar com desejo sincero (8:8, 10, 12 e 9:7) (6) Não dar por causa de mandamento algum (8:8,10; 9:7). (7) Dar além de sua capacidade (8:3, 11, 12) (8) Dar para produzir igualdade. Isso quer dizer que os que têm mais devem dar mais, a fim de suprir a incapacidade dos que não podem dar mais (8:12,14) (9) Dar com alegria (8:2). (10) Dar porque está crescendo espiritualmente (8:3,4,7). (11) Dar porque deseja crescer espiritualmente (9:8, 10, 11). (12) Dar porque está ouvindo o Evangelho ser pregado (9:13).

    9º MENTIRA – “JESUS MANDOU OS CRISTÃOS DAREM O DÍZIMO NO NOVO TESTAMENTO”

    O falso ensino é que Jesus ensinou a dizimar, em Mateus 23:23, dizendo que isso está claro no Novo Testamento.

    Em primeiro lugar, A Nova Aliança (o novo testamento) não teve princípio no nascimento de Jesus, mas na Sua morte (Gálatas 3:19, 24, 25; 4:4). O dízimo não é ensinado na igreja, depois do Calvário. Quando Jesus falou sobre o assunto em Mateus 23:23, Ele estava simplesmente ordenando a obediência às leis da Antiga Aliança, a qual ele endossou e obedeceu até chegar ao Calvário.

    Não existe um único texto do Novo Testamento que ensine a dizimar após o período do Calvário. (Atos 2:42-47 e 4:32-35 não são exemplos para se dizimar, a fim de sustentar os líderes da igreja). Conforme Atos 2:46, os cristãos judeus continuavam a adorar no Templo. E conforme Atos 2:44 e 4:33,34, os líderes da igreja compartilhavam igualmente o que recebiam com todos os membros da igreja (o que hoje os líderes gananciosos que recebem dízimos não fazem).

    Aliás, Jesus sequer é mencionado dizimando ou recebendo dízimos… e porque os líderes gananciosos pedem dízimos em nome de Jesus sendo que o próprio Jesus disse: “em meu nome, expelirão demônios; falarão novas línguas;pegarão em serpentes; e, se alguma coisa mortífera beberem, não lhes fará mal; se impuserem as mãos sobre enfermos, eles ficarão curados” (Marcos 16:17-18)… Ele nunca disse ” em meu nome receberão dízimos…”

    Portanto comprovadamente mais uma mentira desses homens que se dizem ordenados por Deus a exigirem dízimos dos cristãos incautos foi desmascarada! Jesus nunca ordenou que os seus discípulos e futuros apóstolos recolhessem dízimos… e porque esses líderes acham que podem fazer diferente? Bem o Senhor Jesus profetizou sobre esses tipos: “Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados em ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores” (Mateus 7:15)

    10º MENTIRA – “JESUS RECEBE DÍZIMOS DOS CRISTÃOS CONFORME HEBREUS 7:8″

    O início do capítulo 7 de hebreus é apenas citação do Antigo Testamento, onde fala do sacerdócio de Melquisedeque. Em Hebreus 7:5 diz: ” E os que dentre os filhos de Levi receberam o sacerdócio tem ordem, segundo a lei, de tomar os dízimos do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão”

    A lei foi dada por intermédio de Moisés, ao povo, direcionada aos filhos de Levi, especificamente aos que receberam sacerdócio para trabalhar nas tendas das congregações ( montagem e desmontagem de tendas no deserto), os quais tinham ordem, segundo a lei de receber os dízimos dos seus irmãos. Agora note o relato do versículo 11 e 12:

    Hebreus 7:11: De sorte que, se a perfeição fosse pelo sacerdócio Levítico (porque sob ele o povo recebeu a lei), que necessidade se havia logo de que outro sacerdote se levantasse, segundo a ordem de Melquisedeque (referindo-se ao Salvador) e não fosse chamado segundo a ordem de Arão? (menção a Moisés, o qual introduziu a lei ao povo).

    Hebreus 7:12: Porque mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança na lei.

    Meditando no texto acima, especificamente nestes versículos, onde a palavra assegura que os sacerdotes Levíticos recebiam os dízimos segundo a lei (Hebreus 7:5), Porque através deles (sacerdotes Levíticos) o povo recebeu a lei (Hebreus 7:11) e mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também, mudança na lei (Hebreus 7:12), porque se a perfeição fosse pelo sacerdócio Levítico (pelo qual o povo recebeu a lei), qual a necessidade de que enviasse outro Sacerdote? Mudou o Sacerdócio, necessariamente se faz mudança na Lei.

    A lei dos dízimos foI direcionada especificamente aos filhos de Levi, aos que receberam o sacerdócio e não havendo mais “Levitas”, nem “templo”, nem sacerdote a oferecer sacrifícios, pois O Salvador já o fez, logo,se aplicada aos crentes hoje, ela torna-se intempestiva e ilegítima, porque os “pastores” de hoje não são levitas nem foram proibidos de trabalhar, nem menos tiveram promessas de herança de dízimos para sustento por não ter tido herança nas distribução de terras prometidas ao povo israelita por herança.

    Outra particularidade, no capítulo 18 do livro de Números, o Senhor Deus adverte aos sacerdotes levitas dizendo: Na sua terra, possessão nenhuma terás, e no meio deles nenhuma parte possuirás; eu sou a tua parte e a tua herança no meio dos filhos de Israel.

    Gostaria de recomendar aos pregadores contemporâneos (os que querem se assemelhar aos sacerdotes levitas que recebiam dízimos), seria bom que guardassem os mandamentos do Senhor para aquela tribo, os quais não possuíam bens materiais, pois o Senhor era a herança dos sacerdotes levitas.

    Recapitulando: Hebreus 7 apenas faz a menção pós-Calvário de dizimar, numa explanação de porque o sacerdócio levítico deve ser substituído pelo sacerdócio de Cristo, porque o sacerdócio levítico era fraco e ineficiente. Estude Hebreus 7 e sigam a progressão do versículo 5 ao versículo 12 e ao versículo 19.

    Porém, líderes gananciosos insistem em apenas mostrar hebreus 7:8 aos membros, onde segundo eles, Jesus receberia dízimos dos cristãos: “Aliás, aqui são homens mortais os que recebem dízimos, porém ali, aquele de quem se testifica que vive” (hebreus 7:8)

    Apenas mostrando esse versículo isoladamente aos membros desavisados, querem dar a entender que esse versículo manda os cristãos ainda dizimarem, sem ler todo o real contexto do capítulo 7 de hebreus.

    Portanto hebreus 7:8 não fala de Jesus recebendo ainda dízimos dos cristãos, pois o contexto do capítulo 7 de hebreus fala na verdade da superioridade do sacerdócio de melquisedeque em relação ao levítico que era sustentado pelos dízimos. Cristãos não tem o mandamento bíblico de dizimarem.

    Considerações finais:

    Em Hebreus 7,8,9 e 10, neste 4 capítulos deixa bem claro a questão do sacerdócio perfeito, que, quando mudado o sacerdote Levítico, veio o Cristo, e mudando o sacerdócio se muda a lei ( Hebreus 7:12 ) portanto, notamos, que no novo testamento, não há ninguém dando dizimos em dinheiro, sendo que já existia, porque, Jesus foi traído por moedas, e a viúva ofertou moedas, mas dízimos, foi mencionado em alimentos, hortaliças ( Mateus 23.23 ) jamais em dinheiro, e o próprio Senhor Jesus, relatou que o dízimo era da lei para o povo de Israel , …”o mais importante DA LEI “. (Mateus 23:23)

    Paulo não mencionou dízimos, nem outro apóstolo qualquer deixou exemplo de tal prática. Em Corintios 9, Paulo pede donativos para suprir necessitados e não para manter despesas de instituições religiosas. Em Atos 4:32 em diante, notamos a generosidade dos irmãos,vendendo tudo e depositando aos pés dos apóstolos, para que se fosse feita DISTRIBUIÇÃO AOS NECESSITADOS, de forma a não haver necessitados entre eles ( esta é a justiça que excede a dos fariseus religiosos que apenas punham seus dízimos das hortaliças e achavam que estava, cumprindo sua parte) em Mateus 23:23 e Lucas 18:12. Tal prática dos fariseus, mostra religiosidade e eles não praticavam a fé, de fato, que , quem diz que dizimar é um ato de fé, é engano, porque os fariseus dizimavam , mas não praticavam a fé. O jovem rico, não foi indicado por JESUS a dizimar, e sim, vender e REPARTIR com os pobres. Jó nunca dizimou, e mesmo assim era próspero.

    Abraão só deu o dízimo uma só vez, e não foi em dinheiro, foi despojos, sobras de conquistas de guerra, dizimo de sangue, após matar os reis e tomar seus bens.

    Jacó prometeu dar o dízimo, ( um voto particular dele ) em Gênesis 28:20-22 , mas a bíblia não fala que ele cumpriu…

    Abraão não foi a “suposta” casa do tesouro ( igreja ) mas Melquisedeque lhe saiu ao encontro para receber sua parte, devido ser rei de Salém e receber por que passava em tal parte, imposto semelhante ao que Jesus nos ensinou a pagar a César (Mateus 22:21). Isto é, JESUS mandou sermos fiéis ao estado e não sonegar impostos.

    Os cobradores de impostos ao se converter, restituíram 4 vezes mais aos que haviam defraudado, e foi nisto que Jesus afirmou: “hoje houve salvação nesta casa” (Lucas 19:9)Repare que o Salvador não o mandou dar dízimos.Todas as vezes que você quiser dar algo á Deus, e restituir a Deus com gratidão, faça isto dando ao seu próximo, pois assim,estará cumprindo a palavra na íntegra, conforme Mateus 25 deixa bem claro esta questão.

    No sétimo ano, Israel, não trazia dízimos, devido ser o ano sabático,a terra descansava (Levítico 25:4) Mas e será que a igreja atual faz isto? Fica sem receber dizimos no sétimo ano?

    O DÍZIMO era vendido POR DINHEIRO,devido a distância de levar onde o Senhor escolhera, para santificar seu nome, e o próprio dizimista COMIA DOS SEUS DÍZIMOS, (Deuteronômio 14:22-26) administrava o dízimo, hoje em dia quem come dos dízimos são os pastores, que administram os dízimos, dando ordem quê e no que será empregado os dízimos do povo. Estes ditos “sacerdotes” ( pastores) não são levíticos, nem exercem função sacerdotal superior a qualquer irmão que seja, e muito menos têm eles o direito de administrar o dízimo pessoal de cada um.

    Quanto a sacerdotes, sabemos todos nós somos, depois de Cristo nos fazer um sacerdócio real, nação santa , povo eleito de DEUS, passamos a ter livre acesso ao Pai através de CRISTO que , na sua morte, o que nos separava foi rasgado do alto abaixo, a saber o véu que separava o lugar santo,( local onde entravam os sacerdotes) do lugar santíssimo (onde só entrava o sumo sacerdote 1 vez por ano para pferecer acrificio pelo pecado do povo).

    Paulo recebeu muitas vezes ajuda da igreja, mas era para se manter, e não era salário mensal como se estivesse numa empresa. Paulo trabalhava (atos 18:3) , e em nada pesava os irmãos e a igreja.

    Se Paulo disse: “sede meus imitadores como eu sou de Cristo”, será que nesta parte, os pastores que exigem dízimos imitam à Paulo? Vemos Jesus ou Paulo recolhendo ou ensinando sobre dízimos?Em 2Coríntios 9:9, Paulo cita o salmo 112:9, onde fala da generosidade com os mais pobres: “Conforme está escrito: Espalhou, deu aos pobres; A sua justiça permanece para sempre”. (2 Coríntios 9:9)

    Nada falou de dízimos em dinheiro, e sim, contribuições voluntárias , para “suprir” os que não tem, algo que, é totalmente visto por Deus. Paulo faz uma coleta para “DISTRIBUIR”, hoje em dia se faz uma distribuição (de envelopes) para ajuntar, não para os pobres, mas, para os cofres de uma instituição, que se preocupa mais com a posição social, status, templos, fama, nome, competição, horários de TV, rádios, sites, eventos, shows, viagens, lazer para líderes, carrões, mansões, aviões, e ainda se diz que é expansão da obra de Deus…

    Cada dia os patrimônios religiosos estão ainda maiores, e o evangelho mais distante do que a igreja primitiva pregava e vivia, tudo por causa de dinheiro. A biblia fala para não reter e sim dar. Será que a igreja faz isto? Ou antes retém,para construir seu império e se fortalecer mais e mais, visando dominar a maior parte possível do globo terrestre, e arrebanhar o maior número de pessoas possível, como se tudo fosse uma partida de competição: “Quem tiver mais membros é o vencedor”

    Paulo afirma: “Porque nós não estamos, como tantos outros, mercadejando a palavra de Deus; antes, em Cristo é que falamos na presença de Deus, com sinceridade e da parte do próprio Deus” (2Coríntios 2:17)

    Deus abençoe a todos que leram este estudo e que o Espírito Santo tenha conduzido a leitura e o entendimento para compreender que dízimos não são mais obrigatórios.

    “Antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno” (2Pedro 3:18)

  17. Esqueci de te falar também COISA GRANDE… Jesus não tinha nem aonde ser sepultado? quem fez a doação do tumulo para sepultar ele foi José De Arimatéia…isso só prova o quanto Jesus tinha bens terrenos,né?

    Tu és muito inteligente fala ai vcs fez teologia com quem? $ilas Malandrofaia….Edir Macedo…Valdomiro Santiago ou R.R Soares . para ele o nome de Jesus significa $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

  18. Coisa grande, ia esquecendo.

    Cristo rebebeu, veja bem, OURO.

    Cristo recebeu, veja bem, dinheiro de mulheres ricas e Judas era tesoureiro.

    Você quer Cristo ladrão é? Como pode em três anos já ter condições de sobras?

    Cristo usava que tv, que rádio, construiu igrejas?

    Cristo, veja bem, foi enterrado com os ricos, recebendo a cova de um rico importante.

    Lembrei de uma coisa mais grande ainda: Cristo não se fez rogado de receber dinheiro de mulher, muito menos que fosse ricas e muito menos determinou que elas doassem suas riquezas, sabe o porquê? Porque deu um fim social à evangelização. Ou seja, estava ajudando duas vezes, na evangelização e no ensinar pobre e rico a ser filho de Deus, afinal pra ensinar a ser filho do diabo, todos querem.

    Eta, outra coisa, o Pai de Cristo fez questão de enricar Jó, duas vezes, então temos que matar Deus por estar enricando o ser humano?

    Rapaz, deixe da apologia à pobreza, somente sabe o que é ser pobre quem realmente foi, não é você, não.

    Você deve ensinar como Cristo ensinou, como seja, se abster de tudo por não saber dar uso, tanto que mandou você que não sabe o que escreve arrancar os dedos ao pregar errado, n~´ao se casar se for ciumento e que seja ruim para mulher. Gente faladora, então arranque a língua. Não foi só com dinheiro, foi com tudo, tanto que fala que alguns terão conhecimento para se prejudicar. O riquinho lá era um sovina, mentiroso, metido a importante pois Cristo não o convidou para ser seu discípulo e o carinha vem se oferecendo.

    Ser cristão é uma coisa, ser clérigo é outra. A mensagem foi para quem quer ser clérigo em face de que como um rico vai cuidar de suas riquezas e evangelizar?

    Silas, rico ou pobre, está evangelizando, diferente de você, sem nada, mas também nada para Cristo. Você é pesado para Deus, pois não constrói e ainda fala de quem constrói.

  19. LEVI VARELA, CLAMANDO, VAI ARREBENTAR… Vocês são lobos disfarçados de ovelhas, são inúteis que não conseguiram sobreviver de um trabalho honesto, por falta de competência intelectual, aí partiram para o estelionato gospel, vocês são filhotes de satanás, defensores de mercenários como “Malafaia, Murdock, Macedo, RR. Valdemiro, etc, não por gostarem deles, mas sim por que ensinam o que vocês gostam, ou seja, como extorquir um povo analfabeto de Bíblia, aliás, não só de Bíblia, mas de língua portuguesa também, o que é o caso de vocês, conforme pode ser verificado nos péssimos textos que aqui postam. rsrsrsrs…
    Que tal um pouco de Palavra, um recadinho do Apóstolo Paulo pra vocês; I Timóteo 6: 3 a 11 – “Se alguém ensina alguma outra doutrina, e se não conforma com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo, e com a doutrina que é segundo a piedade, É soberbo, e nada sabe, mas delira acerca de questões e contendas de palavras, das quais nascem invejas, porfias, blasfêmias, ruins suspeitas, Perversas contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais. Mas é grande ganho a piedade com contentamento. Porque nada trouxemos para este mundo, e manifesto é que nada podemos levar dele. Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contente. Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína. Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores. Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a paciência, a mansidão.”
    Ah! Esqueci vocês não amam o dinheiro, rsrsrsrsrrsrsrsrsr….

    • Wanderlei,

      Pra você vê o que é a teoria da miséria pregada por vocês, qual seja, a má formação acadêmica de nós três, pois sabemos pensar, falar, mas erramos muito. Se as nossas famílias possuíssem dinheiro, já imaginou?

      Agente ia dar nó em você, o muito estudado, porém sem entendimento, sem massa cerebral;

      Essa nossa alfabetice é resultante da nossa pobreza, como disse, a desgraça pregada por vocês: apologia a pobreza,, pobreza, fome, nudez, humilhação, tristeza, decadência, trevas, cabelo seca e sem vida, dentição doentia, óculos com arame para segurar as pernas, cabelo com xampu de sabão de côco. feridas em face da sujeira, água e luz sendo cortada, goteira quando chovia,

      Você vai prestar contas a Deus dessa sua apologia ao que não presta.

      Vá pregar ao povo que Cristo não garante prosperidade, lobo irmão do satã, afinal você sabe e bem que pobre é o diabo e seus anjos;

      • O Levi não é pra mim que vc tem que reclamar, vai reclamar com Cristo, foi Ele quem disse: (Mateus 6:31-33).
        “Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? Porque todas estas coisas os gentios procuram. Decerto vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas ESTAS coisas vos serão acrescentadas”.
        Isso Ele falou para que sujeitos como vc, que são ambiciosos por riquezas terrenas, mas que por falta de cultura e consequente insucesso no mundo capitalista, viraram obreiros (obreiros?) rsrrs… e aí só sabem é extorquir o povo incauto e também cobiçoso, e por isso vivem de fogueira santa (nás), propósitos e correntes, e outros inventos para a prática do engano, vocês são aqueles que Paulo citou em II Cor. 11:13 – “Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo”.
        E vc faz parte do time de picaretas que induz o povo a ganância, adepto da teologia da prosperidade que é, mas que continua na miséria, não estudou e agora quer milagre, quer ficar bem financeiramente vá estudar e trabalhar sério, aí quem sabe vc consiga ser bem sucedido financeiramente, mas não se esqueça do que diz a Bíblia, (Marcos 4:19).
        “Mas os cuidados deste mundo, e os enganos das riquezas e as ambições de outras coisas, entrando, sufocam a palavra, e fica infrutífera”.
        Levi não se preocupe com as riquezas, se converta e deixa de adulterar a Palavra, Veja Marcos 10:23 – “Então Jesus, olhando em redor, disse aos seus discípulos: Quão dificilmente entrarão no reino de Deus os que têm riquezas!”.
        Mas se ainda assim vc quiser ser rico, não tem problema, desde que seja de maneira honesta, fruto do seu trabalho, não haverá mal nisso, agora enricar pregando um falso evangelho e manipulando as ovelhas com falsas promessas de prosperidade como faz o seu ídolo Malafaia e o filho do cão Murdock, aí já é demais. Você não acha Levi? rsrsrrs…
        Você e aqueles dois que já citei na postagem anterior, vão arder no lago de fogo, ah! E antes que digam que estou julgando, quero lembrar que não sou eu que vos julgo, mas sim a Palavra de Deus, pois se é pelos frutos que conhecemos a boa árvore. Mas vocês enquanto continuarem distorcendo a Palavra (Gl. 1:8-9) para tentar validar a teologia da prosperidade, seguem a passos largos no caminho que leva ao lago de fogo.
        E para teu conhecimento eu não sou defensor da teologia da miséria, mas conheço um pouco de Bíblia, aliás, você deveria estuda-la com mais afinco, e, então saberia que esta escrito em Efésios 4:14 – “Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente”.
        É isso que fazem seus ídolos da teologia da prosperidade, agem com astúcia e são especialistas em fraudes. Eu sei que esse falso evangelho seria pregado, pois a Palavra de Deus já nos alerta, e nela temos o ensino verdadeiro, mas eu gasto um pouco do meu tempo aqui, na esperança de alertar vc e outros, para quem sabe abrir vossos olhos quanto ao caminho de engano que estão seguindo. Olha o alerta Bíblico em I Timóteo 4:1 – “Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios.”
        A Teologia da Prosperidade, tão defendida por vocês, é doutrina de demônio. Acorda Levi!

        • Vc tem cabeça, afinal fósforo também tem;

          Vc tem boca, afinal a noite também tem;

          Vc tem cérebro, afinal os animais irracionais também possuem;

          Vc pensa, afinal o burro também pensa e vive calado, prova que está imaginando.

          O que você não tem é sabedoria, fala, fala, fala, vai à bíblia buscar suporte, até traz, mas é contra o pensamento apresentado.

          Você está dizendo que os evangélicos não buscam Deus por primeiro?

          Você está dizendo que eles não podem pensar nas coisas que Cristo disse que seria acrescentadas em face de que não fizeram a primeira coisa?

          ANALFABETICE PURA, meu caro,a tua.

          O pastor está falando pra quem vem cumprindo a primeira parte do versículo que você citou, mas não o entendeu, mas é entendível em face de que não é evangélico, sim um desfazedor, um descrente, um ateu, um católico inconformado com as bençãos de Deus se espalhando para as outras casas coirmãs.

          Já que você não fez a primeira coisa, buscar a Deus, então não adianta ficar fazendo acordo ou pedindo nada a com ou a Deus.

          Incrédulo que não sabe lê e quando lê, distorce a palavra.

          • Levi vc esta delirando, vc não sabe nem a que coisas Cristo estava se referindo na passagem de Mt 6:33, rsrsrs…
            E vc sabe que não sou ateu, nem católico, não se faça de esquecido pois já te disse em outra ocasião a que igreja pertencia, ou seja, àquela em que vc diz que seu pai era pastor e passava necessidades. Levi vai tomar teu gardenal, pois você tá vivendo num delírio contínuo. rsrsrsrrs…é o que seus textos (ruinzinhos) no demonstram.

          • corrigindo, “nos demonstram”…Ah! Esses evangélicos que frequentam essas igrejolas que já citei tantas vezes aqui, realmente não procuram a primeira parte como vc diz, são um bando de sapecados que só buscam bençãos, assim como todos os propagadores da infernal teologia da prosperidade. Vc tá progredindo Levi….já tá, até achando que burro pensa, que céu tem boca, kkkkkkkkkkk..olha o gardenal Levi.

          • O homem é fraco mesmo, vive à busca de bençãos. Você é o forte, não precisa de Deus, não despreze a fraqueza do seu próximo.

            Ora, em sendo gente doente e não são como você, eis que você concorda que se tratem de forma diferente ou não?

            Médico de gente sadia é um, o de gente bem enferma é outro, bem assim as terapias medicamentosas, pois bem distintas.

            Se bem que eu não costumo julgar as pessoas que não conheço, diferente de você que chama a eles de sapecados e os seus pastores, de proclamadores do inferno.

            Blasfêmia contra o Espírito Santo, pois está julgando o modus operando Dele nas vidas dos crentes e dos seus pastores, você parece um católico soberbo, se achando, mas esquece o que Cristo pregou: “Quem julga ser alguma coisa, mas não sendo nada, engana-se a si mesmo.”

            Ah! Esses evangélicos que frequentam essas igrejolas que já citei tantas vezes aqui, realmente não procuram a primeira parte como vc diz, são um bando de sapecados que só buscam bençãos, assim como todos os propagadores da infernal teologia da prosperidade. Vc tá progredindo Levi….já tá, até achando que burro pensa, que céu tem boca, kkkkkkkkkkk..olha o gardenal Levi.
            Comentar

      • por que não param de se arranhar feito duas meninas birrentas e procurem gastar seu tempo com aquilo que é util, ha muitas pessoas que não são crista e pensam que os cristãos sao unidos e quando abrem a internet ve essa patifaria ficam cada ves mais desiludidos vao orar e pedir a DEUS sabedoria, daqui a pouco tera briga de crente da mesma maneira que brigas de torcida…

  20. Gostava muito do pastor Malafaia, até já fui parceiro ministerial. Mas de uns tempos para cá, parece que o pastor tem se contaminado com esses “doutores” e está se desviando do caminho.
    As declarações desse dr. Murdock apenas confirmou minha decisão anterior de deixar de ser parceiro ministerial. Teologia da prosperidade, onde a prosperidade é baseada em bens e dinheiro é pra turma do Edir Macedo, Vademiro Santiago e, agora, Silas Malafaia.
    As escrituras estão se cumprindo, os falsos profetas estão se mostrando….

  21. “Não julgueis, para que não sejais julgados,

    porque com o juízo com que julgardes sereis julgados, e com a medida com que tiverdes medido vos hão de medir a vós.

    E por que reparas tu no argueiro que {está} no olho do teu irmão e não vês a trave que {está} no teu olho?

    Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, estando uma trave no teu?

    Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho e, então, cuidarás em tirar o argueiro do olho do teu irmão.” Mateus 7:1-5

  22. Stardust

    Quem disse que tem que ser rica?

    Mostre na bíblia exemplo de pessoas que não prosperam após crer em Cristo.

    O problema é que vocês somente falam em riqueza, a bíblia não diz que vão obrigatoriamente enricar. virar Carlos Slim, petróleo fluindo e minérios todos, não.

    O que se prega é o alcance de coisas básicas, o problema é que o Brasil é ladeado de tanta miséria que possuir um sujeito ao falar que possui um carro, uma casa, um pedaço de terra, tem computador, internet, faz três refeições dias é sinal explícito de riqueza.

    Eu vejo esses testemunhos dos da universal, sendo a maioria de empresas sem fundamentos que podem eclodir amanhã. Aliás, para cair, bastar está em pé, inclusive as solidificadas. No meu estado conto o número de pessoas que possuíam empresas grandes, mas que não as possuem mais. Só no ramo de eletrodomésticos, umas oito, enquanto de tecidos, umas cinco, Fábricas de roupas, umas cinco. Em nível nacional fecharam as portas gigantes como a mesbla, lojas brasileiras, pernambucanas, ponto frio.

    Ora, sequer é conforto o que as pessoas pretendem, é apenas o básico, aí vocês ficam falando de enricar. Enricar é consequência seja para os crentes e não crentes. meu caro, pois Deus que é pai de todos, concede a todos o direito de ter, de ser, todavia se você acha que vai se perder em possuir um centavo a mais no teu bolso, então não queira, pois Cristo não veio aqui para enricar quem não queira, pra desonestos, para preguiçosos e pra quem quer porque quer;

    Todos pelos quais Cristo passou receberam cura? Somente aqueles que creram, bem assim se esforçaram.

    Judas foi discípulo, mas não se esforçou o suficiente para chegar até o fim.

    O pastor não disse que era pra jogar o valor da oferta na sacola de Silas, então os que querem fazer, vão e doem num orfanato, mas que testem Deus, e se não for ouvido logo ou da forma que quer, também não precisa sacudindo tudo em Deus, pois este tem hora e modo de agir diferente. Tá você e a Mary com o mesmo pensamento. Não recebi, então é falso. Joguei na loto, não ganhei, então os que jogam lá é tudo tolo. Mente curta a de voces, pois por não gostarem de silas e de outros pastores, negam o agir de Deus.

    Quando vocês forem necropsiados por Deus, eis que o criador vai encontrar bolofos de bactérias espirituais entranhados em vocês até no sangue.

  23. Irmãos estou vendo todos muitos cheios de razão , palavras bonitas ,bem educados :
    Aquele que nunca errou que jogue a primeira pedra`…………………..abraços vamos orar uns pelos outros . amém .

  24. corrigindo, “nos demonstram”…Ah! Esses evangélicos que frequentam essas igrejolas que já citei tantas vezes aqui, realmente não procuram a primeira parte como vc diz, são um bando de sapecados que só buscam bençãos, assim como todos os propagadores da infernal teologia da prosperidade. Vc tá progredindo Levi….já tá, até achando que burro pensa, que céu tem boca, kkkkkkkkkkk..olha o gardenal Levi.

    • É a boca da noite, não boa do céu, tá confundindo as coisas?

      Quanto a burro imaginando, é fato. Enquanto uns progridem, outros recuam, confundindo tudo, portanto, trabalhando muito, aliás, quanto a traballho, cada vez mais os asnos se aposentam, concorrência com as motos.

  25. Então, pelo que entendi, essa teoria demonstra que Jesus deveria ter aprendido com Mike Murdock… Afinal, Ele era pobre. O cara deve ser muito bom, pois seus ensinamentos contrariam os ensinamentos do próprio filho de Deus.

  26. Anderson paiva,

    Eu disse que quem não se prepara(estuda) vai se tornar doutor?

    Gari acordar doutor? Nunca falei tal aberração, pois Deus ao tirar o homem do paraíso deixou bem claro que seria por esforços próprios, mas com a ajuda dele, a não ser que você espere ajuda do diabo.

    Na vida se vê o inverso, muitos doutores dormir e acordar gari, aliás sequer gari, pois este a profissão lhes dá salário, em verdade, sem nada(dinheiro, amigos, filhos, cônjuge)

    Cristo fala que se Deus não estiver na casa, em vão vigia a sentinela.

    Evangélico ajuda em face da consciência de ajudar evangelizando o próximo, seja com que quantia for, pois não são uma moeda, reais, dólares, é questão de concepção, meu caro, de que tem que participar.

    Tem surtido resultado, pois suas igrejas compram terrenos e constroem igrejas e casas pastorais, tudo sem um centavo do governo. Compram rádios e tv, tudo sem ajuda do governo, ou seja, um povinho que todo mundo zombava, mas que com uma ofertinha aqui e outra acolá, está dando um nó na cabeça desses que mandam no Brasil, Fraco sendo forte, e forte vendo a fortaleza do fraco.

    Você tá é com medo. Quanto a eu ser um desses que tiram, do contrário, meu pai, pastor, fez dagente pedinte, com pouco para comer, vestindo roupa sobradas de parentes, as coletas feitas diariamente na igreja, quando verificada o valor, parecia mais que a igreja somente tinha viúvas como a mostrada por Cristo aos seus discípulos no templo.

    Deserto, meu caro, puro deserto, mas é esse povo que está evangelizando, não os tradicionais, pois quietos em seus lugares, os que não concordam com a evangelização nos telhados(internet, tv e rádio), que tem seu custo, que é o motivo de Silas está pedindo dinheiro, sendo que se ele tirou e em exagero para si, vai prestar contas. Cristo flagrou Judas roubando, mas não deu o tratamento que muitos aqui, inclusive você, querem dar, como seja, chamar de ladrão, expulsar. Com base em que que você vai expulsar?

    Se rico estiver, veja que a suposta riqueza dele(lícita ou ilícita) nunca o impediu de evangelizar, fator importante que Cristo temia, o rico parar a atividade de evangelizar para vê os bois que morreram, a fábrica que pegou fogo, a bolsa que quebrou.

    • Quanta besteira cara esses caras enriquecem, compram tudo isso que você disse com MUITA ajuda do governo com isenção de um monte de coisa e com a bancada evangélica fazendo de tudo pra poder ganahr mais poder e enriquecer mais quem mistura religião com politica não é digno de nenhuma confiança.

  27. o amor ao próximo?
    pelo q parece colocam e tiram e voltam a colocar constantemente no lixo!
    Aos servos de Deus ao invés d debater tantas horas vai orar por mtos destes operadores de satanás, pelo menos metade do tempo que gasta aqui dê para Deus pedindo pra lavantar pessoas diferente de vocês de batedores caidos, para que preguem aos pobres e carentes ao invés de procura cisco no olho do próximo tira a trave do seu olho egoista.

  28. Nunca se esqueçam que um dos melhores servo de Deus Jó era rico. acredito que Deus nos proporciona riqueza, com o proposito de ajudar os outros. o problema que muitas vezes o dinheiro cega os olhos das pessoas que não ajuda o próximo. o Silas tem várias institução que ele ajuda, e as ofertas são para que ele pregue o evangelho de mundo a fora, assim como Deus mesmo disse “ide ao mundo e pregai o evangelho”. Deus nos dar prosperidade, mais devemos usar-las para ajudar o necessitado.

  29. Somebody necessarily lend a hand to make significantly posts I might state. This is the very first time I frequented your website page and thus far? I surprised with the analysis you made to make this actual publish incredible. Magnificent job! dffbfekcegbd

  30. alomão ficou famoso nas páginas da Bíblia por sua sabedoria, bem como pelas mulheres que colecionou e pela lendária fortuna que acumulou. Entre os televangelistas que fizeram fama no mundo gospel, alguns ficaram conhecidos por ministérios de cura, outros por enfatizar a prosperidade e alguns por afirmarem ser capazes de realizar milagres.
    O pastor Mike Murdock se diferencia entre a maioria deles por enfatizar justamente a necessidade de sabedoria. Ele escreveu dezenas de livros sobre o assunto e criou, inclusive, o Centro de Sabedoria, sede de seu ministério em Fort Worth, Texas.
    Mas quando ele se tornou famoso, aparecendo em programas diversos e sempre comparando a busca por sabedoria com o acúmulo de riquezas, passou a chamar atenção de muita gente dentro e fora da igreja.
    O jornal texano Star-Telegram fez, em 2003, uma série de reportagens investigativas sobre O Centro de Sabedoria e o ministério de Mike Murdock. A questão levantada pelos repórteres era o acúmulo de riquezas por um pastor que afirmava manter uma organização sem fins lucrativos. O jornal, dedicou um grande espaço para mostrar os jatinhos e carrões que ele possuía, além dos esplendores da imensa propriedade de 7 hectares que Murdock mantém em Argyle, Texas.
    Naquela ocasião, o Star-Telegram contou com o apoio da Trinity Foundation [Fundação Trindade], que se descreve como uma organização disposta a “monitorar e investigar a fraude religiosa desde 1987”. O próprio pastor Mike contou, quando esteve no Brasil, que depois de muitas investigações do departamento de Imposto de Renda e do jornal, nada ficou provado e ele nunca foi condenado.
    Em 2011, novamente Mike Murdock e seu ministério estão sendo acusado de fraudes, mas de uma maneira diferente. O ex-missionário Brian “Trey” Smith publicou um livro chamado “Thieves: A dirty TV pastor and the man who robbed him” [Ladrões: um pastor da TV desonesto e o homem que o roubou], onde descreve, com riqueza de detalhes, os bastidores do ministério de Murdock e sua obsessão, a exemplo de Salomão, por mulheres e riquezas.
    Em 1998, Trey estudava no seminário Cristo para as Nações, em Dallas. Seu melhor amigo naquela época era Jason Murdock, filho único do pastor Mike. Ele diz que rapidamente passou a ficar íntimo da família e passava horas na mansão da família e conheceu uma “sala secreta”, que possuía alarmes eletrônicos e abrigava um grande forte.

  31. Jesus era pobre? Heresia. Quando nasceu recebeu o que havia de melhor nesta Terra: Incenso, Ouro e Mirra. Pagou impostos quando lhe foi requisitado e… Quando cumpriu uma das profecias, assentado em uma mula que nunca havia levado ninguém antes. Jesus 100% homem e 100% Deus, foi o ser mais rico e próspero que já pisou nesta Terra, pois é junto ao Pai dono de tudo e sem qualquer necessidade, pois o que quisesse lhe seria feito. Liberte-se da linha de pensamento que lhe diz que Deus e dinheiro não podem andar juntos com a mesma pessoa, ou seja, a teologia da miséria, quanto mais pobre, mais perto de Deus. Na verdade Deus quer suprir todas as nossas necessidades, em todas as areas de nossas vidas sem excessão, porém isto dependerá do nível de comunhão e santidade que tens, se tiveres pouca, o diabo vai lhe seduzir para fazer coisas que não agradam a Deus. Se tiver o suficeiente, serás um ajudador da obra, de missionários, um socorro nas mãos de Deus para os pobres. Por fim Deus usou um rico, José de Arimateia, para cumprir a ultima profecia a respeito de Jesus antes de ser ressureto, ser enterrado enterrado entre os ricos. Percebe, como muitas igrejas se enganam ao ensinarem que Jesus era pobre? Nem pobreza a ponto de desfalecermos, nem riqueza a ponto de nos perdermos. A paz esteja convosco!

  32. Olá, aqui temos várias famílias que estão desempregados são crítica situação de 2-3 meses, por favor deixe o seu Deus o Senhor Jesus Cristo para abrir seus corações não têm meios nem experiência em finanças têm muitas dívidas e empréstimos se você iria querer deixar o deus te abençoe
    temos dívidas aos bancos empréstimos a pedir-lhe para ajudar até mesmo alguns de nós quer nappravi cadeiras para oon pobres

    Hristo Asenov Raykov 920365360

    Google Apostol Asen Raykov PORTUGAL

    SAO TEOTONIO

    se você me ajudar esta é a minha conta bancária Conta de Ordem n-0001 6961 0612
    NIB -0007 00.000.016 9610 612 23
    Fim swf BIC BESCPTPL

DEIXE UMA RESPOSTA