Brasil

Em entrevista, músicos da MPB afirmam ter usado páginas da Bíblia para fumar maconha

Comments (2)
  1. jovania disse:

    Apesar da crença ser algo democrático,um exemplo disto,eu não pertenço à nenhuma religião propriamente dita,no entanto vi naquela entrevista um desrespeito desfarçado de democracia.Fiquei decepcionada com Tom Zé,que me parecia ser um homem com qualidades artística e com inteligência.Mas naquele dia foi trágico as suas atitudes.Não entendi o Tom,pois que naquela mesma entyrevista,no início dela ,ele comentou a respeito de ser mal tratado pelas companias áereas pelo fato de ser um “caipira”,um homem simples.E então,onde estava a sua simplicidade e humildade para com aqueles que até veêm a Biblia como um livro a ser estudado e se posso dizer,não colocado como uma piada.Devemos ter o cuidado de não cometermos o pecado da arrogãncia, achando que somos muito intelectuais.

  2. Leonardo disse:

    Que se pode esperar de elementos em fim de carreira,que em todos esses anos não cresceram (evoluiram?)nada como pessoas?Tanto o seu Tom Zé quanto ao seu Moraes Moreira conheci-os pessoalmente na época que fiquei uns uns tempos com o pessoal dos Novos Baianos lá no Itaim-Bibi em 73.Como artistas para mim,só achei-os interessante na época.Todos esses anos e ficaram naquilo.E agora vem com essa atitude infantil de citarem um fato que se for verdade, mostra que realmente petrificaram naquele mundinho udigrudi caboclo.E ainda se acham os tais,numa arrogância típica de ignóbeis migrantes nordestinos.Nasceram bizarros e morrerão bizarros se não acordarem para o século atual.ROCK´N´ROLL NESSES CABECINHAS CHATAS!!!

  3. Thiago disse:

    Êpa, péra-lá! No trecho da entrevista (que, apesar de não estar mais na site, ainda está no youtube) quem conta a anedota é o Morais Moreira, não o Tom Zé, que nem abre a boca durante o episódio…Dito isso, me parece desnecessário dizer que o que importa em um livro são as ideias que a obra trás, e não o objeto em si. É só um livro, no fim das contas… acho incrível o fato de alguém ficar ofendido de fato com isso…(Ah é! À guisa de informação: Fumar maconha em folha de bíblia é mais popular do que vocês imaginam…mas não se usa as folhas da bíblia por profanação, nem por desrespeito, mas simplesmente porque são feitas de papel-manteiga…)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *