Em “autocrítica”, papa reitera visão cristã sobre a homossexualidade, mas pede respeito a gays

21

O papa Francisco voltou a pedir aos cristãos que separem a reprovação do Evangelho e da Igreja à homossexualidade da segregação dos homossexuais, reforçando que a família tradicional, fruto da união de um homem e uma mulher, é a única com função social e que permite a procriação.

A reiterada sugestão de amor ao próximo veio acompanhada de “uma boa dose de autocrítica” no documento chamado Amoris Laetitia, que pode ser traduzido como “alegria do amor”.

Dirigindo-se aos católicos, Francisco disse que quer ver a Igreja com uma postura mais respeitosa aos fiéis “imperfeitos”, como os que se divorciaram e/ou casaram mais de uma vez, situação bastante delicada dentro da rígida doutrina romana.

Sobre a homossexualidade, Francisco voltou a recusar a aceitação do casamento gay, mas pediu respeito às pessoas que se relacionam com outras do mesmo sexo.


“[Que a Igreja] reafirme que cada pessoa, independentemente de sua orientação sexual, deve ser respeitada em sua dignidade e tratada com consideração, sendo que ‘todo sinal de discriminação injusta’ deve ser cuidadosamente evitado, particularmente qualquer forma de agressão e violência”, frisou o papa.

Francisco, cuidadoso, tratou de reiterar que essa postura não significa cumplicidade com a prática homossexual: “As uniões de fato ou de pessoas do mesmo sexo, por exemplo, não podem simplesmente serem equiparadas ao casamento. Essas famílias devem receber orientação pastoral respeitosa, de modo que aqueles que manifestem orientação homossexual possam receber a assistências que precisam para compreender e carregar a vontade de Deus em suas vidas”, pontuou.

Sobre o aborto, novamente o papa recusou a ideia de que, a título de liberdade para as mulheres, a interrupção de gestações seja tratada com normalidade: “Nenhum suposto direito ao próprio corpo pode justificar a decisão de encerrar com aquela vida”, asseverou.

No documento de 260 páginas, Francisco ainda estimulou que os padres saibam como abordar os cristãos mais jovens, oferecendo uma linguagem incentivadora a respeito do casamento: “Eu penso sobre o dia de São Valentim; em alguns países, interesses comerciais são mais rápidos para verem o potencial desta celebração do que nós, na Igreja”, disse, em tom de autocrítica, referindo-se à data equivalente ao Dia dos Namorados.

Sobre a “dimensão erótica do amor” dentro do casamento, o pontífice afirmou que a Igreja precisa promover uma visão positiva sobre a sexualidade, que deve ser “vista como um presente de Deus para enriquecer o relacionamento dos casados”.


21 COMENTÁRIOS

  1. Daqui a pouco os muitos fanáticos vão destilar os seus venenos de serpente contra o Papa, como se não tivessem entendido a mensagem ou tentando distorcer a sua mensagem como se ele tivesse falado outra coisa.

      • denniscagadopeloanusdeseupai
        realmente é feita de assassinos e nunca de gays, e sabe porque assassinos se convertem e Jesus perdoa, mas gays nunca pois são abominação e vão direto para o inferno, e é isto que te incomoda pois vc. gostaria de barganhar com Deus teu pecado nojento acusando-o de ser liberal com outros pecados…kkkk ta ferrado este pecado não tem pérdão a não ser que vc. deixe de ser usado por satanas e a pomba gira

        • hahahahaha

          a sua seita é nojenta, cheia de ex assassinos ( se é que são ex mesmo )
          fique ai com seus amigos da seita imunda

          Eu não tenho pecado, nunca matei ninguem.
          Não vou barganhar nada, tenho mais o que fazer e Deus tbm tem mais o que fazer do que se preocupar com quem eu vou pra cama . . . .

          Essa preocupação é só sua Cagando, voce e seus amigos idiotas que se preocupam tanto com a vida dos outros . . . .

          e vc que usa

      • não tenho nada há falar do Franscisco quando disse numa entrevista em um avião
        que é devoto da madre Tereza de Calcutá
        pra me disse tudo, foi o bastante.
        ” Cristo é o único que salva”
        Cristo é o único santo, e no seu ensinamento nunca disse há seus discípulos, eles seriam devocionados muito menos a maria sua mãe dizem que interceder pôr nós
        Jesus em seus ensinamento nunca disse isso. uma coisa ele disse que seria substituído. Por quem??? pelo espírito santo.. isso sim, foi dito.. bjs pra todos…

        • Então herege vai babar o ovo do valdosandiablo., do chupeta de baleia do agenor duque., vai atrás dos vendilhoes do templo.,.
          Esta raça que vc segue não chega aos pés da santa madre Teresa .,.

          A inveja mata ., pois nas suas seitas mundanas ., só cresceram vendilhoes do templo e mercenarios ., jamais vcs hereges terão uma santa ou um santo da qualidade dos católicos ., é negócio de vcs e tomar grana do povo., e vender badulaques gospel., infame do Brás .,.

          Agora otario lave seu bebedor de lavagem para citar i nome do santo padre e da madre ., imbecís do Brás

          • não faço parte de nem uma dessas Igrejas que vc detona aqui nesse site, e também não a provo as condutas. mas uma coisa eu digo
            nem Maria, nem Calcutá nem os discípulos pode salvar, não tem pra ninguém é só Jesus.e pronto!!!

  2. sim daqui a pouco muitos ateus e gays ativistas vão estar aplaudindo as bichas por serem católicas, só não entenderam que respeitar a pessoa não quer dizer aceitar sua pratica promiscua e pecaminosa, ser amigos dos gays é dizer vcs. vão para o inferno pois Deus desaprova abomina relações homossexuais

DEIXE UMA RESPOSTA