Pastor afirma que o evangelho pode ser compreendido por deficientes mentais

5

Jonh Knight, diretor sênior de desenvolvimento do ministério Desiring God, “Desejando Deus”, levantou a questão de se o Evangelho é “fechado” para aqueles que, necessariamente, não podem compreender a Palavra de Deus.

Knight começou a questionar se observações feitas por John Piper sobre 1 Tessalonicenses 2:13-16 se aplicam a pessoas deficientes, ao ouvir uma pregação de Piper que leva o título “A Palavra de Deus esta operando em você”.

“Deus falou, ao homem deu sua palavra através de suas palavras e os Tessalonicenses ouviram os sons. Eles sabiam a língua grega para interpretar o significado de suas mentes. Deus usa pessoas para entregar a sua palavra e dar-lhe aos seres humanos”, Knight citou Piper com essa afirmativa antes de levantar o seguinte questionamento: “Meu filho Paulo pode escutar, mas ele não pode compreender ou dar sentido a maior parte do que ouve. E também não pode comunicar muito do que realmente entende. O Evangelho está fechado para ele?”

Knight tem um filho com graves deficiências cognitivas, incluindo a cegueira e o autismo.

O portal Noticias Cristiana destacou que a explicação de Piper sobre como as pessoas da igreja de Tessalônica entenderam a palavra de Deus responde a essa pergunta: “Então ele abriu suas mentes e corações para aprender o que Paulo estava falando a palavra de Deus, e deu-lhes a inclinação para chegar a isso, não são apenas palavras humanas, mas a palavra de Deus.”

“Nós todos vivemos com alguma deterioração nas habilidades cognitivas. O Espírito Santo permitiu todas as pessoas a aceitar a verdade sobre quem é Deus e o que ele fez”, disse Knight.

O doutor Jeff McNair, que trabalha a mais de 30 anos no ministério de adultos com deficiência intelectual, falou sobre o assunto ao The Christian Post: “Há praticas pedagógicas que tem melhor possibilidades de facilitar os resultados de aprendizagem nas pessoas. É esse tipo de prática que deve ser empregada no desenvolvimento da fé”, afirmou.

Fonte: Gospel+

COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA