Brasil

“Carrossel”: novela do SBT apresenta personagens que tentam converter menino ateu

Comments (5)
  1. As versões apresentadas no SBT em 1992 e 1993, não foram refilmagens feitas pelo SBT, mas a versão mexicana da novela, filmada pela Televisa (mesma emissora que fazia as novelas da cantora Thalia apresentadas no Brasil.

  2. Velho estereótipo do ateu:infeliz, atribulado, desequilibrado, arrogante, rebelde, sem moral, sem destino…Deixem que o menino permaneça ateu.Pelo menos assim ele destoa um pouco do seu ambiente tão fanaticamente cristão.Assim ele dá um tom mais punk nesse enredo meloso e tão melodramaticamente tedioso.

  3. Coitados dos ateus, sofrem tanto!
    Shalom

  4. Boa Diego… mas sinceramente, não entendo uma pessoa não seguidora de Jesus estar comentando aqui. Será recalque no ar??!!!

  5. Muito chato proselitismo religioso em filmes e novelas…tudo bem que a pessoa tenha religião na novela, mostre ela indo nos seus templos, etc. Mas dai tentar convecer terceiros de sua fé!!
    tb dará direito a autores de outras religiões a fazer o mesmo proselitismo, com certeza cristãos não gostarão de ver cenas de crianças sendo convencidas a se tornarem budistas, espiritas, mulçumanas, etc

    1. May Rocha disse:

      ahaha Paulo disse: as novelas da globo só apresentam a realidade, pessoal!!
      Essa novela aí do Sbt também tá apresentando a realidade, cristãos sempre tentam converter ateus.
      Agora fala Paulo…

    2. ahaha .. vc gostaria que mostra-se um ateu convencendo uma criança cristã, abandonar sua fé??? uma coisa é mostrar o dia a dia de um personagem crente, indo ao seu culto, louvando a deus, etc… sabemos que existe o proselitismo no cristianismo..mas não precisamos influencia(fazer anuncio)… novelas mostram pessoas indo a missa catolica, indo a terreiros, fazendo mantras de budismo, etc…. mas não fazendo apologia a nenhuma religião….

    3. May Rocha disse:

      é o dia a dia, Paulo. A gente também tenta te converter.
      As novelas da globo fazem apologia ao espiritismo e não vejo ateus ou agnóstico com esse mesmo bocão que vc tá fazendo.

    4. não vejo nenhum empenho de personagens espiritas tentanto chamar pessoas para sua religião, vejo mostrando o espiritismo. a mulher do silvio poderia ambientar personagens indo ao culto e como funciona… ai não veria nada demais.

    5. May Rocha disse:

      apologia… apologia pra vc é chamar alguém para uma determinada religião? APOLOGIA é pregar o tal doutrina. A novela o clone, a novela a viagem e etc…

    6. algum personagem espiritas desta novela, tentou converter algum evangelico ou catolico para ser espirita??? veja a sutileza.. uma coisa é mostrar, outra e convencer/persuadir a pessoa.

    7. a globo lança novelas com temáticas espiritas, pois o publico que pede, dá audiência, garanto que se vcs se tornarem maioria e assistirem as novelas deles, eles encherão as novelas de temas envangelicos…"doente quer canja, canja no doente"…mas não vejo personagens persuadindo outros a mudar de religião.

    8. vc falou do Clone, mostrava mulçumanos, não vi nenhuma passagens dos personagens mulçumanos, tentando converter cristãos

    9. May Rocha disse:

      Paulo, Quando se fala de apologia a globo se enquadra direitinho. Mas como ela cita tanto as situações reais, os espíritas não vivem o tempo todo pregando como nós que vivemos anunciando o evangelho. Como vc disse: Novela é o retrato da sociedade. Mas se isso incomoda um ateu, é básico, apenas não deixem os seus filhos assistirem , assim como a gente faz com as novelas da globo.

    10. Ai até concordo com vc, tem o controle remoto….aturar o proselitismo de vcs ao vivo já é chatissimo, que dirá na tv, rsrs… este mês já fui assediado duas vezes na rua. mas acho desnesseário e tendencioso pela mulher do silvio, este proselitismo escancarado dela, um abraço !!!

    11. exatamente May – espirita não fica querendo converter à força como fazem os evangélicos que não se tocam que essa mania de querer converter a tudo e a todos é uma total falta de respeito à opinião alheia – principalmente quando o cara é declaradamente ateu – aí os crentes pira (é sem plural mesmo pois é assim que falam)

    12. Pedro Regis disse:

      A questão é que esse é um programa voltado para um público infantil. Nesse idade, qualquer coisa que passa na tv as crianças assimilam sem críticas. Se o programa fosse imparcial, mas não é. O programa usa argumentos ateístas facilmente refutáveis, com respostas clichés. Nem Mário nem a criança que está assistindo vão poder aplicar uma tréplica. Não é ilegal fazer tal apologia, mas pelo menos para mim é totalmente anti-ético fazer isso. E apesar da May lembrar da apologia espirita na Globo ( não assisto esse canal, mas acho que diz a verdade) se passam em novelas adultas em sua maioria ( me corrija se estiver errado), onde o telespectador já tem uma visão crítica das coisas. Uma melhor comparação seria se o programa da Xuxa exercesse tal proselitismo espirita. Acho o cúmulo termos que proibir uma criança de ver um programa infantil por conter apologias, algo diferente de uma novela que trata desses assuntos mais sérios.

    13. May Rocha disse:

      Senhor Pedro Regis, parabéns pelos seus argumentos e me alegro muito em ler comentários assim , sem preconceitos e respeitando as opiniões. Mas é bom lembrar que adultos também são influenciados, aliás não são as novelas que ditam as modas e os jargões por aí? Vamos citar por exemplo o Fantástico , o qual tudo parece tão científico … mas besta é quem cair na pala, apesar que muitos caem.
      Sobre novelas infantis ou não, crianças assistem novelas adultas, pelo menos elas estão entrando na onda da A CULPA É DA RITA! cada um seleciona o que ou não deve passar para os filhos e se for entrar na mistura, pelo menos acompanhar os filhos é sempre bom. Agora um detalhe, Quando uma criança é crente, logo criticam porque os pais o levaram a tal fim; mas ateus também estão formando o modo de pensar de seus filhos.
      É difícil sair por aí censurando o que ou não deve ser transmitido, temos então o Harry Potter que influenciou crianças e adolescentes do mundo inteiro a bruxaria… Pais cristãos não deixaram seus filhos assistirem porque então o ateu quer uma programação toda pura para eles? Selecione também , se isto for o problema. FIque bem !

    14. Pedro Regis disse:

      Obrigado pelo elogio May! Também acho que a tv em geral influencia os adultos, isso é inegável. Apenas mostrei a grande vulnerabilidade das crianças, muito maior do que a adulta. Sobre a moda e jargões: são muito menos expressivos do que a religião . Eles não são aspectos que alteram como a fé altera uma pessoa. Tá na moda vestir tênis preto porque a tv diz? Tá na moda dizer "Antonio Nunes" porque o Pânico diz? Ok, mas daqui a pouco vai estar na moda tênis azuis e o jargão do momento vai se tornar "chupa jô". Moda e Jargões podem gerar um looping infinito como um todo, mas como elementos são passageiros, sendo jogados fora na mesma rapidez na qual foram absorvidos. Por que? São irrelevantes na vida social e espiritual da pessoa. Ao contrario da crença em Deus e de reencarnação , eles não tocam em perguntas muito essenciais e sensíveis na qual nos perguntamos. A fé não é passageira, ela é essencial, irredutível. Uma vez na qual nos apegamos a uma, vai ser difícil sair por apenas um novela ou programas de tv, pois terá pré-conceitos dogmáticos. Já as crianças são tem uma tabula rasa na sua consciência, como diria Jhon Locke. Sobre o fantástico: Certo que a ciência tem um certo apelo autoritário, mas os conceitos dogmáticos ainda são dificieis de ruir por causa disso. Um simples quadro sobre evolução não mudara as visões do um criacionista, que ainda pode se perguntar se aquilo é verdade e ir de cara com Behe. Um exemplo é o quadro do Fantástico "phantasmagoria", na qual tentava mostrar soluções cientificas para os fantasmas. Espiritas e Ubandistas não gostaram, e duvido que eles engoliram a explicação dos cientistas. Muita gente pode engolir, mas sobre questões menos cruciais (mais não menos importantes), como uma nova provável cura para a aids. Não vejo tanto problema assim alguém cair na pala assim, justamente por mexer por questões muito menos polêmicas. Sobre as crianças assistirem novelas adultas, já entramos numa questão puramente pedagógica. Como existe a censura, é tanto incorreto o pai deixar, mesmo o filho querendo ver. Meus pais foram um exemplo, nunca deixaram ver programas não permitido para a minha idade. Até hoje não me deixam ver programas com censura 18 (tenho 17). Entramos na questão moral do cuidado paternal. Se o pai quer, fazer o que? Também não é ilegal, apenas altamente irrecomenedavel. Agora os pais estarem acompanhados seria uma boa solução, mostrando ambos os lados da moeda e devidas explicações. Mas isso só serve para pais imparciais, o que é difícil de ocorrer. E se as pessoas criticam a educação de uma criança crente por parte dos pais, não tendo a mesma reação com pais ateístas, acharia lamentável a avaliação dessas pessoas. Não há nada de errado os pais levarem a sua criança para a sua crença, independente de qual for. Mas novamente, acho anti-ético mostrar apenas um lado. Ateus devem mostrar o teísmo, teístas devem mostrar o ateísmo, sem negativas dogmáticas de ambos. E sim, acho utópico acontecer isso tbm, mas é o ideal. Eu mesmo sendo ateu, tentarei mostrar o teísmo para o meu filho(a). Não posso negar que tenderei ao ateísmo, contudo serei o mais imparcial possível. No final ele escolherá. Sobre Harry Potter: Mil desculpas May, desculpa mesmo, contudo na minha humilde opinião fecal, acho esse caso meio sem sentido por parte do cristãos. Muitos de nós já sonhamos em ser o superman (em relação aos meninos) ou ter ser amigas de fadas, unicórnios falantes (em relação com as meninas meninas), mas ao longo do tempo percebemos que tudo não passa de ficção. Não vemos nenhum adulto querendo ser o superman, nenhuma mulher querendo ter unicórnios falantes, ninguém falar que eles existem de fato. No processo de amadurecimento, temos entendemos essa noção. Claro que a bruxaria, ao contrario do superman, vai de encontro com as crenças cristças. Mas é preciso que os cristãos entendam que nesse processo natural, nenhuma criança com edução crista, ateísta, vai acredita nisso ( ao menos que aconteçam alguns fenômenos menos comuns, como se tornar wicca só por causa do Harry. Alias, acho que uma pessoa se torna wicca por outros fatores. Potter deve ser o de menos). Comparar ficção com crenças teologicamente fundadas não tem muito sentido para mim. Não estou querendo ir com a opção desses pais cristãos. Afinal quem sou eu para invalidar essa ação? Apenas expus ser uma atitude meio paranoica, mas no final eles fazem o que bem entenderem, afinal o filho e a crença é deles. E pelo menos eu não quero uma programação pura nós! Pelo contrario, vivemos num estado laico e com a maioria teísta, então nã há nada de errado em ter esses tipos de grade televisiva. Contudo nesse caso de Carrosel, onde existe uma audiência ingênua de mais para qualquer assunto fundamental como esse, isso não deve acontecer. E se acontecer como esse episodio, seja ao menos imparcial.

    15. Aqui acolá, se encontra pessoas afirmando que as novelas mostram apenas a realidade brasileira. Mas será se a globo e outros canais de tevê mostram em suas novelas a realidade como funcionam as quadrilhas lá em Brasília? Toda a corrupção envolvendo os parlamentares? É claro que não. Novelas e programas funcionam como mecanismos de manipulação usados por anônimos que controlam a mídia brasileira. A mídia brasileira é proibida de anunciar o sofrimento dos cristãos no mundo árabe. Mês de agosto 100 cristãos foram mortos nos estados unidos por causa do nome de Jesus. Na Nigéria 70 foram mortos queimados.

    16. Pedro Regis disse:

      Bom, não nego que existe essa perseguição exista. Basta ver esse caso: http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2012/01/120107_nigeria_violencia_rn.shtml – De fato horrível, sem palavras para tais atos hediondos. Mas ai que entra minha dúvida: Se a mídia brasileira está proibida de divulgar esse caso, por que a bbc Brasil divulgou esse caso ? ( Ok, a bbc pode ser originaria de língua inglesa, mas sua vertente brasileira pode ser enquadrada como jornalismo nacional) Não vejo um motivo racional para isso, afinal o ocidente cristão adora mostrar os islâmicos como terroristas fanáticos (claro que não deixa de ser verdade, o problema é uma certa generalização e islamofobia). Basta ligar o noticiário para ver homens bomba se explodindo na faixa de gaza toda a hora, mostrando pouco o lado pacifico da religião de Alá. Tais noticias seriam um deleite para jornais sensacionalistas, e pensando bem não iriam fazer nada de diferente. Seria algum acordo internacional totalmente non-sense, ou algo do tipo? Aparentemente, a melhor definição seria pouquíssima atenção a esse caso tão alarmante, e não proibido. Uma resposta é que afirmando tal proibição, fica mais fácil criar hoax desse tipo e surgir uma hipóbole sobre tal perseguição religiosa: http://www.e-farsas.com/cena-chocante-cristaos-queimados-vivos-verdadeiro-ou-falso.html Mas nada que diminua o horror dos atentados. Não encare isso como uma afronta, apenas como um dúvida ;D

  6. A Íris Abravanel está ACABANDO com o texto original da novela. Está tudo muito idiota! Para quem assistiu a original mexicana quando pequeno e agora assiste essa morre de vergonha alheia.

    Todo mundo percebeu já que o menino judeu sai livre de perseguições e piadinhas, sendo que vivemos num mundo onde as pessoas não gostam desse povo. Ora, como na novela ele consegue ficar livre disso enquanto o gordo é motivo de riso, enquanto a gorda é motivo de piada, enquanto a menina arrogante é motivo de rejeição, enquanto o menino negro é motivo de insultos? Engraçado isso… Só o judeu saiu sem perseguições e sem ''tempo ruim''.

    Outra coisa, na novela original não existia uma nordestina. Como nessa tem e é chata pra caramba?

    A verdade é que Íris Abravanel está sendo o rei Midas às avessas… Está tocando na história original e ESTÁ VIRANDO MERDA!

    1. mudaram um pouco, para haver interesse maior nas pessoas, nos assuntos novos, do brasil, hoje tem computador, celular, internet, antes nao havia, nao da pra ser totalmente igual a original..

    2. Ana Alves disse:

      Essa senhora Andressa Ferreira fala da Nordestina como preconceituosa! me da pena pq quando morremos vamos todo pra de beixo da terra e lamentavel ver pessoas tao pobre de espitirito assim.

    3. Você está enganada, senhora Valéria… Deve ter me entendido mal. Eu disse que Graça é CHATA, mas não pelo fato de ser nordestina, mas sim que é UMA CHATA! Sendo que no original não tinha ninguem assim chato, e nem nordestinos. O que indago é: Porque o estereótipo de faxineira sempre tem de estar ligado à nordestinas? Porque não colocaram uma catarinense? Porque não uma gaúcha? Porque não uma paulista? Ou uma carioca? Você entende o que quero dizer? Se no original nem tem esse estereótipo, porque então ridicularizaram os nordestinos e os associaram à FAXINA? O preconceito vem da própria Íris Abravanel, e não de minha parte!

    4. Marcelo Crispiniano Dá, sim, para manter o formato original. O que Íris fez com a novela nada mais é do que interesse unicamente capitalista!

    5. Valeria Alves Abencoada Por Deus E você não age como alguém inspirado pelo Espírito Santo, você tem um tom de condenação, não é mansa e nem se parece com Cristo no seu jeito de escrever.

  7. Juliano Ribeiro disse:

    A afirmação da matéria é descabida, não existe o propósito de convertê-lo a uma ceita ou religião, o papel da novela é só resgatar a pureza do sentimento de um criança, que foi abalada por ver a mãe morrer, e por não ter apoio da família, acredita que Deus não o ouviu.
    Eu como teleexpectador queria muito, que mais novelas não só no sbt abordasse com tanta verdade e seriedade temas reais.

  8. Agora se fosse um preconceito religioso, se o menino fosse cristão e tivesse sofrendo preconceito por ser cristão, certamente esta novela já estaria fora do ar um hora dessas, a crentaiada estaria revoltada. Mas como é com ateu, aí a crentaiada bate palma! Se tivesse matado e torturado o garoto por ser ateu, a crentiada certamente estaria indicando a novela como a melhor novela que já passou na TV brasileira…E depois se fazem de perseguidos…inventam até cristofobia…

    1. Ana Alves disse:

      Esse cidadao Guilherme sempre arranja um meio de detonar um cristao… Ele deveria perceber que ele estar sendo preconceituoso e arrogantee totalmente sem nem um minimo de respeito as pessoas.

    2. Valeria Alves Abencoada Por Deus Quando vocês crentaiadas aprenderem a respeitar a todos e se derem ao respeito eu com certeza vou respeitar vocês!

    3. Guilherme Kempoviki Osnog Pelos seus dois sobrenomes você parece ser ashkenazi. Eu também o sou por parte de mãe. Digo que você é, pelo fato de ser de SP. Se vc fosse do RS ou de SC eu até concluiria que você é descendente de europeus apenas, pois tais sobrenomes são comuns aqui, tem em toda esquina, até o gari sempre tem sobrenome alemão/russo/polonês e é loiro, rs. Mas você é de SP, dando margem para eu concluir que vc é judeu. Mas enfim, o assunto não é esse, o que quero pergunta é se foi isso que você aprendeu em casa, seu bundão? Seus pais ensinaram você a desrespeitar os outros? Veja o que falei mais acima sobre a questão do menino judeu não sofrer preconceito na novela… Quero ver sua posição à respeito. Engraçado que num mundo anti-semita como esse, o menino judeu simplesmente passa despercebido e é até bem visto na novela. Que estranho… Mó bola fora da dona Íris.

    4. Andressa Ferreira Sou descendente de polonês, meu avô veio refugiado da segunda guerra…Não desrespeitei ninguém, só expus um fato evidente no meu primeiro comentário. Infelizmente é a realidade de muitos cristãos. Eu mesmo já fui agredido muitas vezes na rua por ser ateu(cidade pequena sabe como que é…)
      Agora uma coisa é eu respeitar as pessoas, isso eu tenho que respeitar mesmo porque eu acho certo não por temer o inferno ou coisa parecida. Agora a crença, a religião isso é completamente discutível. Já imaginou aonde estaríamos se a religião sempre fosse "blindada" de opiniões?
      Eu particularmente não ligo para a crença das pessoas, mas me importo muito com o que essas pessoas fazem de suas crenças, a maneira que elas usam para impor os desejos desses "deus". Por mim as pessoas podem adorar seguir as leis de seu deus da maneira que bem intenderem, só não me obrigue a seguir essas leis, não tire a minha liberdade individual de viver a minha vida como eu bem intender.
      Quanto a novela, ela expressa uma realidade, realidade essa que eu também vivi durante a minha infância toda. A de as pessoas viverem infernizando a criança para acreditar em algum "deus" e ainda sempre que acontece algo de errado é culpa da criança que não acredita no "deus" que mandam ela acreditar. E a novela expressa justamente esse pre conceito todo em torno de uma criança ateia, o mesmo preconceito que muitas crianças sofrem no Brasil todo por parte de professores, de colegas. Aí aparece esse tipo de mensagem na novela as pessoas podem muito bem se achar no direito de impor sua fé para as crianças. Numa creche da minha cidade há algum tempo atrás as mães estavam fazendo abaixo assinado para tirar uma criança ateia(na verdade os pais eram ateus, a criança já é naturalmente ateu) Teve uma mãe que entrou até no tapa com a mãe da criança. No final das contas a mãe da criança acabou tirando seu filho da creche, não por medo das mães e sim por medo de que seu filho fosse de alguma forma posto e constrangimento ou de enfiarem religião na cabeça dele. Só que a mãe não deixou de meter um processo contra a escola, aí se fizeram de cristãos perseguidos. Fatos como esse acontece o tempo todo em toda parte. Então o que eu disse não foi nenhuma falta de respeito, nenhum absurdo, nenhuma coisa que nenhum cristão jamais faria.Não é preconceito da minha parte, é um conceito inerente a sociedade que vivemos. Quando as pessoas aprenderem a respeitarem umas as outras pelo que elas são e não pelo que elas acreditam, ou por sua sexualidade ou por raça ou que for.Certamente viveríamos num mundo mais pacífico.
      Agora respondendo a sua pergunta sobre se foi isso que aprendi em casa. Bom realmente não foi, se fosse pra colocar em prática tudo que aprendi em casa seria no mínimo um genocida, nunca consegui acreditar em "deus" algum e sofri muito por isso. A educação boa que eu tive foi com a vida mesmo. Segundo o meu analista eu tinha todas as ferramentas para me tornar um monstro…Mas não me tornei. Hoje graças a mim, sou o oposto do que os meus pais me ensinaram a ser…

  9. Edu disse:

    P/ Jorge Bernardo. Recalque é um crente /católico criticar um ateu por comentar sobre o preconceito que sofre, principalmente de falsos samaritanos como os cristãos; quero deixar bem claro que personagens históricos que eram cristãos são responsáveis por muitas das atrocidades cometidas contra a humanidade, entre eles Hittler, é só pesquisar no google. Pra você eu deixo uma invenção puramente cristã o “racismo” (ideológico, religioso, gênero e cor), adeus.

  10. É ÓTIMO a novela infantil tocar nesse tema. Existe TODO TIPO de pessoas. É ÚTIL as crianças aprenderem que é NORMAL não ser igual aos demais e nem acreditar no q uma maioria acredita.

    1. É uma pena que a novela não esteja mostrando TODA a realidade, né amigo? Sim, porque o preconceito contra judeus não está sendo mostrado e o preconceito contra nordestinos está mais que visível, quando a escritora inventou de colocar uma nordestina caricata na novela…

    2. Calma né, Andressa. Eles citam o que cabe na história! Se não a novela de infantil passa a ser um documentário sobre direitos humanos!
      Já é um avanço E TANTO citar o preconceito ao ateísmo, que é feroz e nunca se falou.

  11. Os crente pira com a diversidade religiosa, sexual e cultural.
    Odeiam Ateus e Gays e vem com papo de Amor.. se os dramaturgos biblicos tivessem escrito que o mito tal achava que as pessoas deveriam comer terra p/ se salvar, estariam comendo e dizendo que é delicioso, só pq esta na biblia… mais ou menos funciona a historinha falaciosa de amar todas as pessoas… ja fui evangelico e sei como as igrejas estão cheias de Odio, fofoca, inveja e ambição.

  12. O problema principal é que como é uma novela sendo que ela é escrita por uma evangélica com certeza será manipulada e obviamente o menino deixara de ser ateu mostrando a todos que assistem que é fácil fazer uma pessoa deixar de ser ateu, ou seja, mostrara uma visão ridícula de que os ateus estão errados e os cristãos estão certos.

    1. Luis Sales disse:

      Não é uma visão, e sim uma realidade, uma verdade…

  13. seastiao SS Filho. disse:

    Não creio que exista pessoas ateus e sim que não quer crer porque tem medo de se converter, se converter a Cristo é muito bom lembro quando comecei minha trajetória de cristão, foi quando ganhei um novo Testamento que é destribuido pelos gideons em quanse todo mundo e foi lendo que CRisto falou comigo e fiquei tres dias sem comer só lendo a mensagem d eDeus a noite saia para ver o ceu e as estrelas e só falatava voar de tante alegria e paz que sentia, apartir dai nunca haverá outra mensagem que possa fazer tão bem aos hoemns como a mensagem salvadora de Cristo e um pessoas bem informada devem conhecer tanto o criador do bem como o criador do mau que é lucifer que era chefe no ceu e se rebelou querendo tomar a gerencia de tudo e colocar ou ser igual ao todo podereso, essa atitude levou a terça-parte dos anjos a cairem com ele o que forma as entidade de demônios e que ajudam os homens a cometerem pecado e não crerem em Deus e Cristo e responsável por propagar as seitas e falsas crenças.

    1. Diego disse:

      Existe outro livro que faz muito bem. Dicionário.

      1. Isaías (Pernambuco) disse:

        Caro Diego,

        Pouco importa para mim e com certeza para as pessoas de bom senso, o erro ortográfico do nobre Sebastião, e sim, a mensagem que ele transmitiu através do seu testemunho.

        Sentir muita veracidade no que o mesmo digitou, e posso dizer também, sentir esta mesma alegria quando aceitei a Jesus Cristo há dezessete anos atrás. Até hoje tento descrever este momento em palavras mais não consigo.

        Em relação a matéria… fico impressionado com a descrença desta pós modernidade, é fato, todas profecias Bíblicas estão verdadeiramente se cumprindo de forma clara.
        O ceticismo é a causa de uma tragédia maior neste mundo, é desvinculação da criatura do seu criador.

        Isaías Alves

      2. Pitagoras disse:

        Ceticismo causa dúvidas, e dúvidas originam perguntas que requerem respostas e provas. Não há nenhuma tragédia nisso. – O Sr. Seastiao dizer que “não existe pessoas ateus…”, é fechar os olhos para a realidade, que é o que parece ser o usual dele.

      3. valeria gosto muito de voce mesmo sendo a sapequinha da turma

  14. Leonardo lima disse:

    Quanta bobagem. O que esperar de crainças quem possuem visões de mundo diferentes e são totalmente inexperientes e imaturas? CONFLITO é obvio. Sejam elas ateístas ou cristãs, as diferenças no convívio social só podem ser suprimidas a medida que as faculdades mentais são plenamente estabelecidas. Sem contar que falta orientação para que ao levar a mensagem se faça isso com sabedoria.

    Em suma, um Cristão GENUÍNO NUNCA persegue alguém, pela simples razão que o trabalho de convencimento não é nosso e sim do Espirito Santo. Polemica fora de hora, sentido e ética.

    Sem mais.

  15. I singing in the rain, just singing in the rain.What a glorious feeling, I am happy again, I laughing at clouds, so dark up above.The sun in my heart, I'm ready for love.Let the stormy clouds chase, everyone from the place, come with the rain, I've a smile in my face, I walk down the lane with a happy refrain, and I'm singing, just singing and dancing in the rain!

  16. Dukke Saiyan disse:

    Papaco o pistoleiro agora quer passar sermão kkkkkkkkkkk

    Esse ator que faz o Firmino ai é mó viadão! Ja fez pornochanxada gay que é famosa!

  17. Dukke Saiyan disse:

    Deus é tão amoroso que é machista, absolutista, cruel e executa dolorosamente que não o segue ou o obedece!

    Vejo um monte de crentelhos aqui que nem se quer conhecem o velho testamento quanto menos leram o novo.

  18. Luís Eduardo disse:

    Por que o garoto judeu está sendo “poupado”? Porque ela ela tem descendência judia…

  19. Jorge disse:

    Ê muito legal carrossel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *