Igreja Universal abre queixa-crime contra juiz que a sentenciou a devolver oferta de fiel arrependida

32

A Igreja Universal do Reino de Deus resolveu processar um magistrado que a sentenciou a ressarcir uma fiel que havia ofertado R$ 10 mil à denominação para uma campanha e se arrependeu.

Para a denominação do bispo Edir Macedo, o juiz Mario Cunha Olinto Filho se excedeu na linguagem utilizada na sentença, ofendendo sua honra.

Na sentença expedida em abril de 2014, o magistrado deu ganho de causa à fiel, ordenando que a Universal devolvesse os R$ 10 mil ofertados, mais os juros e a correção monetária, porque a ofertante estava “com o casamento se dissolvendo e, embora devendo cotas de condomínio e a escola dos filhos, resolve, por conta das promessas da ré [Universal], ‘doar’ R$ 10 mil para o ‘Culto da Fogueira Santa’, para ter as prometidas vitórias”.

Na sequência da sentença, o juiz ainda foi além em sua justificativa: “O dinheiro evidentemente não foi para a fogueira, embora possamos dizer metaforicamente que a autora torrou suas verbas: foi evidente para os bolsos dos organizadores da igreja, não sendo de forma alguma desconhecido do público, inclusive diante de inúmeras reportagens jornalísticas, serem escolhidos por critérios que envolvem a capacidade em arrecadação”, observou Olinto Filho.


A denominação entendeu que a forma como o juiz se referiu a ela foi desrespeitosa, e na última segunda-feira, 04 de maio, prestou queixa-crime contra Olinto Filho no Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

No entanto, o colegiado negou o pedido da Universal e disse que Olinto Filho “agiu nos limites do estrito cumprimento de seu dever funcional”.

“O crime de difamação tem como bem jurídico tutelado a honra objetiva. Consiste na imputação de fato que lesione a reputação da pessoa, desacreditando-a publicamente, atingindo o apreço, o conceito ou a estima de que goza no meio social. Trata-se de crime doloso e não se percebe na sentença proferida a presença dos elementos subjetivo ou objetivo do tipo imputado, nem o dolo específico. O querelado [o juiz] tão somente narrou os fatos e aplicou o direito ao caso sob exame, sem evidenciar intenção de atingir a reputação da demandada, aqui querelante. Avaliou a conduta desta em face dos fatos narrados pela autora. Nem mais, nem menos”, disse o desembargador Jessé Torres em seu voto contrário à Universal.

A denominação disse que ainda não foi notificada da decisão do colegiado, mas que cabe recurso. A queixa-crime contra Olinto Filho, segundo a Universal, foi prestada “em respeito ao próprio Poder Judiciário, por entender que expressões como ‘manipulação’ e ‘aproveitadores’, entre outras utilizadas pelo magistrado na sentença, e que nos afrontaram e ofenderam imensamente, demonstram indisfarçável preconceito contra a Universal, seu corpo eclesiástico e milhões de adeptos”.


32 COMENTÁRIOS

    • Stardust.

      A minha percepção de você pode não ser verdadeira, então.

      Mais ainda, sentença alguma pode manifestar o que pensa a sociedade, sim os fatos trazidos naquele e noutros feitos, sendo obrigatório o magistrado mencionar os processos em que casos assemelhados ocorreram.

      Se assim é, então os maçons estão no inferno, pois o que dizem sobre eles é brincadeira.

      Eu e você podemos manifestar nossas conclusões do ouvir falar, pois em parte não afeta e nem tem a proporção que um julgador possui.

      O que é falado neste site contra todo e qualquer evangélico, embora o site se diga evangélico, mas que não censura sequer palavras de baixo escalão, é de fazer com que se diga que são o diabo, inclusive que são os inquisidores, que são os perseguidores dos judeus por ordem de Lutero, ou seja, esquecendo que 1493 a católica determinou uma perseguição oficial ao impor que todos se convertessem.

      Quem aprecia os debates conclui que o diabo é Lutero.

      Foi lutero que criou a inquisição?

        • Lopes.

          A catolicada toda deve devolver os bens tomados à força e depois execução efetuado pela tua igreja na inquisição.

          Tem um seguimento na católica que exige o salário do mês dos seus adeptos, fica com a herança, uma tal de Opus Day

          • O vagabundo safado mercenario do Macedao deve devolver o dinheiro roubado., e ponto final ordem judicial deve ser cumprida., leviano coiteiro de hereges., devolva já o dinheiro da mãe de família., se fosse minha mãe eu iria lá com minha arma munida de balas e resolveria este caso pessoalmente ., e mandaria estes pastorecos pro vinagre.,

          • Lopes,

            A mais suja falando de uma mal lavada. Aprenderam com a tua católica. Se bem que isso é de pequena proporção, afinal a bíblia manda nos separar de tudo que se possui acima de Deus, seja dinheiro…, no caso de Abraão era o filho, pois passou a idolatrà-lo, por isso que Deus mandou imolar Isaque.

            A maioria das pessoas matam e roubam por dinheiro, e ás vezes é pouca coisa, mas destroem tudo, portanto tem que se desfazer, modo de Deus operar. Vá estudar a bíblia.

    • Verdade Stardust descreveu a verdade,mas nao foi feita justiça,ela não foi obrigada a dar,deu o dinheiro por ganancia ,interesse e mais pelo visto não trata de uma pessoa leiga,pq não vai estudar a biblia,fica pegando coisas mastigadas de falsos pastores

    • QUAL SOCIEDADE, MILHÕES DE PESSOAS PELO MUNDO AFORA DESDE OS EMERGENTES ATÉ O E.U.A. PAÍS DE PRIMEIRO MUNDO LOTAM AS IGREJAS IURD E FAZEM VOTOS E DOAÇÕES, QUAL SOCIEDADE ESTÁ VENDO E O QUE ESTÃO VENDO, MEIA DUZIA DE GATOS PINGADOS QUE TENTARAM COMPRAR O FAVOR DE DEUS…COISAS DE STARDUST, ESTES MESMOS QUE VC. FALA SÃO AQUELES QUE DERAM PARA SANTA CATARINA PARTE DE SUAS BENÇÃOS

  1. Pastor acusado de estuprar adolescente é preso após ficar 2 anos foragido

    Um pastor foi preso, na última terça-feira, após ficar dois anos foragido por ter estuprado uma adolescente, em Atlanta, nos Estados Unidos. Yohandry Bravo, de 39 anos, foi parado durante uma blitz e teve sua ficha criminal descoberta por policiais que o detiveram. Ele foi encaminhado para um penitenciária local. As informações são do jornal The New York Daily News.

    O estupro da menor, de 16 anos, aconteceu na casa do pastor. Segundo a polícia, depois da morte do filho, o pastor, que é casado, abriu a casa para moradia de alguns de seus seguidores. Logo depois, vítimas foram à polícia para denunciá-lo por molestá-las. Além do estupro da menor, ele tem uma acusação por abuso contra um menor.

    Ele fugiu após as denúncias e se mudou para um localidade próxima, onde continuava a atuar como pastor numa congregação com mais de 200 fieis. O religioso está na função há 17 anos.

    Extra.globo

  2. Pastor faz ‘gato’ na casa da vizinha e é preso em Planura

    A vizinha percebeu o crime quando constatou um aumento de 1.000% em sua conta de luz entre um mês e outro

    Um pastor de 22 anos foi preso nessa segunda-feira (4) em Planura, no Triângulo Mineiro, por furtar energia elétrica da casa vizinha. A mulher de 75 anos que cuida da casa percebeu o golpe quando constatou que a conta de luz aumentou 10 vezes entre um mês e outro.

    Segundo a Polícia Militar de Planura, o pastor era vizinho a uma casa em que o dono, morador de Campo Grande, passava apenas alguns dias de dois em dois meses. No entanto, a mãe dele, que também mora próximo ao local, visitava o imóvel semanalmente para molhar as plantas e manter a casa em ordem.

    A conta de luz da residência costumava vir em torno de R$ 18,00 mensalmente. Mas um dia, a idosa se surpreendeu com o valor de R$ 40,00 no boleto. Mesmo assim, ela pagou a conta, mas no mês seguinte, quando a conta subiu para R$ 200,00, decidiu procurar a Cemig.

    A empresa esteve no local, constatou o “gato” na fiação, que ia diretamente para a casa do pastor, e acionou a polícia. Mas mesmo antes dos militares chegarem, o pastor arrancou os fios para tentar dar fim ao flagrante.

    No entanto, o golpe já estava registrado por meio de fotos e testemunhas. Ainda conforme a polícia, o suspeito invadiu o imóvel pelo muro, subiu na laje e fez o serviço, ligando a energia elétrica diretamente em sua residência. Com os fios ele ligava a máquina de lavar, o chuveiro, as lâmpadas e outros eletrodomésticos.

    Ao ser preso ele negou o crime e disse que o irmão dele que havia feito a ligação clandestina. O caso foi parar na delegacia de Planura, e o delegado Murilo César Antonini, estabeleceu a fiança de um salário mínimo para a sua soltura. Como o pastor ainda não pagou o valor, ele permanece detido na delegacia de Frutal.

    O furto de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal Brasileiro e a pena pode variar entre 1 e 8 anos de reclusão, além de multa. Segundo a Cemig, quem pratica o crime pode ser obrigado a pagar à concessionária toda energia consumida e não faturada, de forma retroativa a até 36 meses.

    O Tempo

  3. Pastor de Gravatá se envolve em acidente, uma mulher que estava no carro acabou morrendo e o pastor foi preso por embriagez ao volante

    Um veículo capotou várias vezes na manhã desta terça-feira (28), na altura do KM 117, em frente a Fazenda Narciso, próximo ao Posto Noretur, na BR 232 em Caruaru, deixando o saldo de um pastor evangélico ferido e uma mulher morta. No carro, um Corsa Hatch de cor verde, placa JLN-3360 de Gravatá, viajavam o pastor Márcio Roberto Jerônimo Seabra, de 42 anos, da Comunidade Evangélica Novo Ser, em Gravatá, e a jovem identificada por Amanda Kaline, que morreu no local.

    De acordo com o empresário Antonio Severino, que é o dono da fazenda, seus filhos estavam na propriedade cuidando dos cavalos, quando ouviram um barulho, eles foram verificar do que se tratava e se depararam com o carro virado dentro do terreno, e ao lado do carro o pastor agonizando reclamando de dores, e a jovem desacordada. De imediato acionaram o Samu, que socorreu o pastor levando-o ao Hospital Regional do Agreste (HRA).

    De acordo com o agente C. Ramos, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo que seguia no sentido Bezerros, trafegava numa reta, onde o motorista perdeu o controle da direção, saiu da pista e capotou o veículo várias vezes, ficando o carro desgovernado, se chocando com um poste e caindo nas terras da fazenda. Entre os objetos que caíram do carro foi encontrado um vibrador (brinquedo usado em orgias sexuais).

    Os policiais foram ao HRA, onde o Pastor com sintomas de embriaguez alcoólica, se negou a fazer o teste de alcoolemia, por isso, foi levado ao plantão policial, onde foi autuado em flagrante e foi liberado mediante o pagamento de fiança.

    Ainda ontem familiares da jovem apareceram no IML, onde a reconheceram e foram a Gravatá buscar os seus documentos para liberarem o corpo da jovem hoje

    TV Replay

  4. Stardust.

    A minha percepção de você pode não ser verdadeira, então.

    Mais ainda, sentença alguma pode manifestar o que pensa a sociedade, sim os fatos trazidos naquele e noutros feitos, sendo obrigatório o magistrado mencionar os processos em que casos assemelhados ocorreram.

    Se assim é, então os maçons estão no inferno, pois o que dizem sobre eles é brincadeira.

    Eu e você podemos manifestar nossas conclusões do ouvir falar, pois em parte não afeta e nem tem a proporção que um julgador possui.

    O que é falado neste site contra todo e qualquer evangélico, embora o site se diga evangélico, mas que não censura sequer palavras de baixo escalão, é de fazer com que se diga que são o diabo, inclusive que são os inquisidores, que são os perseguidores dos judeus por ordem de Lutero, ou seja, esquecendo que 1493 a católica determinou uma perseguição oficial ao impor que todos se convertessem.

    Quem aprecia os debates conclui que o diabo é Lutero.

    Foi lutero que criou a inquisição?

  5. A sociedade pensa assim porque esta não é a primeira queixa levada a justiça! Falo isso sem contar com os queixosos que, apenas, comentam entre parentes, amigos e conhecidos. E assim, de boca em boca, a fama se alastra. Está certa a justiça!

  6. Quem amar o dinheiro jamais dele se fartará; e quem amar a abundância nunca se fartará da renda; também isto é vaidade. Eclesiastes 5:10

    Eis aqui o homem que não pôs em Deus a sua fortaleza, antes confiou na abundância das suas riquezas, e se fortaleceu na sua maldade. Salmos 52:7

    A riqueza de procedência vã diminuirá, mas quem a ajunta com o próprio trabalho a aumentará. Provérbios 13:11

    Na verdade, todo homem anda numa và aparência; na verdade, em vão se inquietam; amontoam riquezas, e não sabem quem as levará. Salmos 39:6

    A bênção do Senhor é que enriquece; e não traz consigo dores. Provérbios 10:22

    Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom. Mateus 6:24

    Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos; 1 Timóteo 6:17

    Mas e claro que depois de todas as palavras acima ainda vão aparecer fanáticos,ignorantes e gananciosos querendo perverter as coisas de Deus em beneficio próprio.

    Mas:
    Pois quê? Se alguns foram incrédulos, a sua incredulidade aniquilará a fidelidade de Deus?
    De maneira nenhuma; sempre seja Deus verdadeiro, e todo o homem mentiroso; como está escrito:Para que sejas justificado em tuas palavras,E venças quando fores julgado.
    Romanos 3:3,4

  7. Parabéns v.exc. além de devolver estes safados devem ir para a cadeia ., por enganar uma mãe de família., isto é estelionato., fica aqui o pedido de todos os brasileiros trabalhadores e honestos deste país.,
    Macedao e sua corja , devolvam o dinheiro desta mãe de família., para q ela posso comprar alimentos e pagar suas despesas., urgente

  8. Conclamo a um deputado sério neste país. Que formule uma lei da qual Proíba a cobrança de dízimo em canais aberto de ter e rádio sob conheça-o publica., a lei seria assim:

    Fica terminantemente proibida a cobrança e achaque de venda de bencaos e imposição religiosa de manifestação de arrecadação de dizimos e ofertas em canal aberto de tv e rádio., sob pena de 10 anos e multa ..

    Será que terá um deputado sério neste país q coloca está pauta no congresso.,oremos

  9. essa como tinha 10,000,00
    para “queimar” na fogueira satanás”
    foi aceita na fila

    porém
    conheço uma mulher
    que foi TIRADA DA FILA
    quando disse AO “obreiro”
    que não tinha $$$

    • O juiz nada mais fez que dizer a verdade.
      Quando era um IURDiota há anos, vi na minha frente um bi$po realizando uma Fogueira Santanás de Israel.
      Havia um limite mínimo de R$ 5.000,00, mas não havia máximo.
      Lembro do bi$po dizendo que tinha empresário dando 1 milhão de reais…
      Devia ser 1 ou 2 empresários, mas o bi$po falava como se houvesse muitos.
      E o mesmo ainda teve a caríssima-de-pau de dizer:
      “Se sua oferta for pequena, sua bênção será pequena, AMÉM IGREJAAAA?????”
      Deus não é banqueiro, nem negocia bênçãos.
      Já li relatos de que os envelopes da Fogueira “Santa” nem vão para Israel.
      Mas isso é irrelevante.
      E se foram mesmo para lá, que tem isso?
      Se os pedidos dos fiéis forem levados a Israel, como ficam os outros?
      Deus só está em Israel?
      Os pedidos não podem ser apresentados a Deus aqui mesmo?
      Todo um misticismo e mentiras envolvendo Israel.
      Água do Rio Jordão…(que anda bem poluído…rs)
      Sal do Mar Morto.
      Azeite do Monte das Oliveiras…
      Isso tem cara das poções feitas por feiticeiros.
      Saí da IURD por não aguentar mais tanta mentira.
      O Deus da IURD é aquele do Velho (e bota velho nisso) Testamento.
      O próprio nome já diz tudo: Velho.
      Arcaico, ultrapassado, antigo…
      É um “Deus” irascível, injusto, cruel, opressor.
      O deus dos exércitos, que nunca existiu e nos é apresentado hoje pela IURD.
      Que diferença entre o Deus do AT e o Pai infinitamente justo, bom, sábio e misericordioso apresentado por Jesus.
      É neste que eu acredito.
      Sabem por que em muitas igrejas o culto tem esse nome e na IURD é “reunião”?
      Porque lá não se cultua nada, muito menos Deus.
      Eles se reúnem e o pastor/bispo só fala em dinheiro.
      Os testemunhos de fiéis (se forem verdadeiros) são todos iguais.
      “Eu era derrotado, falido, humilhado, ganhava salário mínimo, andava de ônibus…
      Hoje sou empresário, com 2 carrões na garagem, muito dinheiro no banco.”
      Esses são os testemunhos, de riqueza material, de “ter” e não de “ser”.
      A bênção consiste em coisas deste mundo.
      Salvação da alma, adiantamento moral, prática da caridade?
      O que é isso?
      Eles falam muito do Deus de Abraão, Isaac e Jacó, de Davi e Salomão.
      E o de Jesus?
      Não estamos mais sob a Velha Lei de Moisés.
      Não devemos nada de dízimos e ofertas.
      Jesus fez o que na cruz então?
      Basta ler atentamente a Bíblia (não um unico versículo de Malaquias) para ver que o dízimo era pago em alimentos, eram produtos de agricultura e criação de animais.
      Quem estava sob maldição eram sacerdotes corruptos que ficavam com parte dos recursos arrecadados.
      O devorador era uma espécie de gafanhoto.
      Hoje quem está sob a Velha Lei são os judeus.
      Cristão não tem obrigação de dízimo / oferta.
      Em todas as cartas de Paulo, ele só fala de dízimo na Epístola aos Hebreus.
      Porque nos outros locais, não havia judeus, eram pagãos convertidos.
      Isso os cães gulosos não falam.
      Se o povo soubesse, eles seriam obrigados a trabalhar.
      E tem mais: no dízimo/oferta judaicos, o arrecadado tinha destino diferente de hoje:
      Uma parte era aplicada no sustento dos sacerdotes e trabalhadores do Templo.
      Porque os mesmos não tinham renda e faziam só isso, servir no templo.
      Parte era distribuída entre os mais necessitados.
      Quem tinha mais dinheiro, contribuia para ajudar quem tinha menos, pelo menos na teoria.
      E hoje?
      Quanto a IURD distribui entre os pobres?
      O que, a IURD dando dinheiro a alguém?
      Se você vir isso, acorda que é sonho.
      O dinheiro vai para mansões, aviões, emissoras de TV e rádio…
      Vai para o luxo dos líderes…
      O fiel fica com a teologia.
      e a igreja com a prosperidade.

  10. A PAZ AMADOS IRMÃOS!

    QUANDO UM CATOLICO PEDE UMA BENÇÃO PARA UMA IMAGEM OU ESTATUA E RECEBE, ELE ACREDITA QUE FOI DEUS QUE O ABENÇOOU. SERÁ QUE FOI DEUS?

    DA MESMA FORMA, QUANDO UM DA UNIVERSAL RECEBE ATRAVES DA FOGUEIRA SANTA (SE ELA FOSSE SANTA, NOS OUVIRIAMOS UMA VOZ SAINDO DE DENTRO DELA, A VOZ DE DEUS) O SEGUIDOR DO MACEDO ACREDITA QUE FOI DEUS QUE O ABENÇOOU. SERÁ QUE FOI DEUS?

    O HOMEM PRECISA LER E MEDITAR NAS ESCRITURAS E SER DIRECIONADO UNICAMENTE E SOMENTE PELO ESPIRITO DE DEUS.

    HA MUITA MENTIRA DISFARÇADA COMO SENDO VERDADE. JESUS JÁ DIZE: ACAUTELAIVOS DOS FALSOS PROFETAS. TAMBEM, E VIRÃO MUITOS FALSOS PROFETAS.

    A MAIORIA DE ESES FALSOS PROFETAS ESTÃO NA MIDIA. SÃO LIDERES RELIGIOSOS, PREGADORES, CANTORAS E CANTORES, TAMBEM COMPOSITORES.

    COMPARES ESES LIDERES, PREGADORES E CANTORES(AS) COM OS PROFETAS LEVANTADOS POR DEUS, POR EXEMPLO, MOISES, JEREMIAS, ELIAS, SAMUEL, JOAO BATISTA E VOCE VERA QUEM REALMENTE SÃO ELES !! ELES PREGAVAM CONTRA O PECADO !

    QUE DEUS TENHA MISERICORDIA DE NOS.

  11. O povo que vai nestas ‘campanhas’ de promessas de milagres é pego pela sua própria própria concupiscência. Quem dá, não é movido por um espirito de auxilio ao próximo, como os relatos bíblicos mostram os seguidores dos apóstolos faziam. Primeiro porque dá à um rico multimilionário, que possui bens milionários jatos, etc etc.
    Segundo se o próximo já é multimilionário, porque daria para ajuda-lo então? Porque a motivação não é amor ao próximo e sim enriquecer. Ou seja, o motivo é ganancia. O que se faz é simples. Primeiro mover o emocional utilizando a bíblia e palavras que tocam a alma humana. Segundo Inflar a ganancia e utilizar a Bíblia como aval para tal suposto milagre, a alegação é que que se a pessoa der para esta obra (estes milionários), ela também receberá muito mais. Para isso é claro, é necessário utilizar textos fora de contexto e a pessoa cega na própria ganancia, irá dar tudo mesmo sem verificar os textos, se realmente se aplicavam no original. Quando o milagre prometido não vier e não virá, não adianta reclamar porque eles não podem cumprir e delegam que quem irá cumprir será um deus e com condições de letras miúdas. Se não cumprir você sempre será o culpado que não teve FÉ. Mas devolver o dinheiro nunca devolverão!

DEIXE UMA RESPOSTA