Anthony e Rosinha Garotinho gravam programa em apoio a Marcelo Crivella no Rio de Janeiro

21

O candidato derrotado ao governo do Rio de Janeiro, deputado federal Anthony Garotinho (PR) irá aparecer ao lado da esposa, Rosinha Garotinho (PR) no programa de TV de Marcelo Crivella (PRB), que disputa o segundo turno contra Luiz Fernando Pezão (PMDB).

A ideia de Garotinho é que os eleitores que votaram nele no primeiro turno migrem seu voto para o bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus, e assim, impeça a reeleição do governador Pezão.

Nos próximos dias, segundo informações do jornalista Lauro Jardim, da revista Veja, a filha do casal, Clarissa Garotinho (PR), também gravará uma mensagem para a campanha de Crivella. Clarissa foi eleita deputada federal no último dia 05 de outubro, com 333 mil votos, a segunda maior votação no estado, ficando atrás apenas de Jair Bolsonaro (PP), que superou os 460 mil votos.

A ofensiva com Garotinho contra Luiz Fernando Pezão é uma das últimas cartadas da campanha de Crivella para reverter o favoritismo do candidato à reeleição. As pesquisas mostram que Pezão lidera as intenções de voto.


O levantamento mais recente, divulgado pelo Datafolha na última quarta-feira, 15 de outubro, mostra Pezão 12 pontos à frente do bispo da Igreja Universal do Reino de Deus se forem considerados apenas os votos válidos: 56% contra 44%.

Considerando os eleitores que dizem votar em branco ou nulo, que somam 10%, e os indecisos, que chegam a 8% do total, Pezão tem 46% das intenções de voto, contra 36% de Marcelo Crivella.

O Datafolha revelou ainda que entre os evangélicos, Crivella lidera as intenções de voto. No meio pentecostal, o bispo tem 65%, contra 35% de Pezão. O cenário se repete entre os não pentecostais: 67% para Crivella, contra 33% de seu adversário.

infografico segundo turno rio de janeiro


21 COMENTÁRIOS

  1. Para quem devemos estimular os votos, em pezão filho do capeta, e que certamente vai conduzir o rio ao descalabro e idolatria, ou a Crivella, que com todas as cartas aqui no g+ queimadas por ser parente de mamoncedo, difícil, mas creio que devemos olhar pelo lado bom votar no menos pior, e que tenha algum compromisso com deus que pelo menos fale em deus, garotinho está certo.

    • O Instituto Gerp divulgou nesta sexta-feira (17) uma nova pesquisa de intenções de voto para o segundo turno do governo do Estado do Rio de Janeiro.

      Marcelo Crivella (PRB) aparece com 55% dos votos válidos, que excluem nulos e brancos e eleitores indecisos, e Luiz Fernando Pezão (PMDB) tem 45%..

      • Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (16) aponta os seguintes percentuais de intenção de votos válidos na corrida para o governo do Rio de Janeiro:

        Luiz Fernando Pezão (PMDB) – 54%
        Marcelo Crivella (PRB) – 46%

  2. O Instituto Gerp divulgou nesta sexta-feira (17) uma nova pesquisa de intenções de voto para o segundo turno do governo do Estado do Rio de Janeiro.

    Marcelo Crivella (PRB) aparece com 55% dos votos válidos, que excluem nulos e brancos e eleitores indecisos, e Luiz Fernando Pezão (PMDB) tem 45%.

    • Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (16) aponta os seguintes percentuais de intenção de votos válidos na corrida para o governo do Rio de Janeiro:
      Luiz Fernando Pezão (PMDB) – 54%
      Marcelo Crivella (PRB) – 46%

  3. A batalha do Rio A campanha de Dilma Rousseff se assustou ao vê-la empatada com Aécio Neves no Rio de Janeiro, terceiro maior colégio eleitoral do país. A presidente passará três dias no Estado na última semana da eleição, em esforço para tentar recuperar a vantagem histórica do PT em território fluminense. O foco da ofensiva serão os 31% de eleitores que votaram em Marina Silva no primeiro turno. Dilma venceu com 35%, mas teve o pior desempenho de um petista no Estado em duas décadas.

    Sem parar Dilma se dividirá amanhã entre Luiz Fernando Pezão (PMDB) e Marcelo Crivella (PRB), que disputam o governo estadual. Na quarta, pedirá votos com Lula. Na sexta, retorna ao Rio para o debate da TV Globo.

    Barreira divina O PT mira o voto popular dos subúrbios e da região metropolitana. O problema nessas áreas, com forte concentração de evangélicos, é a oposição de pastores que apoiaram Marina e agora são aecistas.

  4. Os negócios dos Crivella
    REVISTA VEJA DESVENDA NEGOCIATAS DE CRIVELLA

    “Candidato ao governo do Rio de Janeiro, o senador e ex-ministro Marcelo Crivella (PRB) usou o cargo para ajudar sócios de empresa do filho”

    • “A campanha do senador e bispo da Igreja Universal do Reino de Deus Marcelo Crivella para o governo do Rio de Janeiro retrata um homem simples, de vida franciscana, que doa tudo o que recebe com as vendas de seus discos e livros para um projeto social na Bahia. O próprio senador declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) patrimônio relativamente modesto para um campeão de vendas de discos gospel – 739.000 reais. Longe da propaganda eleitoral, no entanto, a vida de Crivella e de sua família não é tão trivial assim.”
      fonte: Veja

  5. AGORA É 10, Crivella é meu candidato e sempre será!

    Futuro governador do Rio de Janeiro. Assim como José do Egito que foi humilhado, traído, mas que contudo continuou acreditando em Deus e não negou sua fé. O Senhor Deus na hora certa o honrou acima de todos os seus adversários e assim esse mesmo Deus, Esse mesmo Deus lhe honrará…

    Deus te abençõe

DEIXE UMA RESPOSTA