“Tenho esperança em Deus que Justin Bieber amadureça”, diz famoso rapper

1

O cantor pop Justin Bieber protagonizou diversas polêmicas por conta de seu comportamento, inclusive sendo preso por disputar rachas. Quando a poeira baixou, afirmou que estava à busca de crescimento e pessoas próximas revelaram que ele havia passado a frequentar cultos na Hillsong NYC e que teria manifestado o desejo de se batizar.

Porém, pequenas polêmicas sobre o cantor adolescente continuaram a surgir, e o rapper Kid Cudi afirmou numa entrevista à Esquire Magazine que Bieber ainda vá causar mais problemas por seu comportamento inconsequente, mas que torce para que o cantor amadureça com os próprios erros.

“Eu tenho esperança em Deus que ele passe por toda essa situação e perceba ‘O que eu estava fazendo?’. Ele ainda tem mais erros para cometer, e ele precisa cometê-los. Quando você está na nossa posição, você é o único responsável pelo sustento de várias pessoas. Quando eu estava sob efeito da cocaína, eu gostava de atacar quem estava mais próximo. Eu poderia ter tudo o que eu queria. Então, todo mundo perde seu caminho, porque não é normal. Mas você tem que chegar a esse ponto, onde você diz tipo, ‘Tudo bem, cara, vamos crescer’”, afirmou o rapper.

Segundo Cudi, a fama contribui para que as pessoas se comportem de maneira inadequada: “Seja qual for a sua idade, você permanece sendo o que era antes de ser famoso, que é onde você para de amadurecer. Olhe para o Michael Jackson, que ficou famoso quando ele era muito jovem e não teve uma infância. Toda a sua vida ele foi essa pessoa infantil. Eu fiquei famoso quando eu tinha vinte e três anos, por isso na minha mente, eu ainda tenho quase vinte e três anos de idade, porque eu fui desligado da realidade e da sociedade nos últimos seis anos. Eu tenho que reaprender algumas coisas. Mas você não pode ser um covarde sobre isso. Você tem que ir a luta e apenas fazê-lo”, constatou.


No final, o rapper afirmou que boa parte dos escândalos protagonizados por Bieber e MIley Cyrus (outra cantora filha de evangélicos que chocou o mundo recentemente) se dá por não existirem pessoas capazes de segurá-los: “Não tem ninguém dizendo ‘não’ para as celebridades. Ninguém está dizendo ‘não’ para a Miley Cyrus. Ninguém está dizendo ‘não’ para Justin Bieber. Mas não cabe a mim falar sobre esse garoto. Eu nem sei por que eu comecei. Ele não é meu filho, graças a Deus”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA