“Todos contra a pedofilia”: Fernanda Brum, André Valadão, Rodolfo Abrantes e outros artistas gospel se unem no combate à pedofilia

6

O dia 18 de maio marca o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração contra Crianças e Adolescentes. Como parte da mobilização em torno dessa luta está a campanha “Todos contra a pedofilia”, que conta com a participação de grandes nomes da música gospel unidos contra o abuso sexual infantil.

Rodolfo Abrantes, Fernanda Brum, Juliano Son, Davi Sacer, Judson de Oliveira, Nívea Soares, Ricardo Robortella, André Valadão e Cris Duran são alguns dos nomes que integram a campanha. De acordo com o site da campanha, esses artistas conhecem e apoiar a organizadora do projeto, a organização não governamental Mobilização Mundial, que trabalha com valores cristãos.

Dados informados pela campanha mostram que 165 crianças e adolescentes são abusadas por dia no Brasil, o que representa sete crianças sofrendo abuso a cada hora. Segundo a UNICEF 250 mil crianças são prostituídas no território brasileiro. O Brasil é também classificado, pela Polícia Federal como o país com maior venda de imagens de abuso infantil, na internet.

– Por mais terríveis que sejam esses dados, eles são reais. Isso acontece nos nossos dias e por essa realidade não podemos ignorar e fingir que não existe. Precisamos conhecer a realidade dos fatos e procurarmos entender como cada um de nós pode fazer a diferença! Não podemos cruzar os braços diante desta realidade! – explica o texto da campanha.


A campanha “Todos contra a Pedofilia” é motivada pela Semana Nacional de Combate de Abuso Sexual em Crianças e Adolescentes, que acontece de 13 a 18 de maio no Brasil. A data foi definida pela Lei Federal 9907, em 17 de maio de 2000.

Por Dan Martins, para o Gospel+

6 COMENTÁRIOS

  1. É muito boa essa iniciativa. Mas gostaria que procurassem dar uma olhada no You Tube: “Pregação com Dr. Damares Alves”. Vejam também: ” Dr. Damares um aviso às igrejas e famílias”. Vejam o que o governo está fazendo com as crianças do Brasil.

  2. ESTE TAL DE JESUS não tinha uma mensagem de pluralidade de crenças, pois mandava seus seguidores venderem a terra o gado, nada de cuidar do futuro dos filhos, simplesmente segui-lo porque era a luz e ninguém chegaria ao pai a não ser por ele. Estabelecendo o exclusivismo da senha para a salvação e condenando bilhões de pessoas que viveram antes dele, bilhões de hindus, bilhões de budistas, bilhões de muçulmanos, bilhões de indígenas, bilhões de comunidades insulares mundo afora, que jamais ouviram falar neste tal de Cristo, o que inevitavelmente nos leva a crer se tratar de apenas mais demente com mania de messias.

    • Seu comentário mostra sua total ignorância a respeito… Você tem bíblia em casa? se tiver vai estudar ela um pouquinho, se não, procura algum pastor ou teólogo, mas respeitavel, que conheça, pra te ensinar. Quanto a Jesus ser o unico e exclusivo caminho pra salvação é fato, já se vc não acredita não precisa se preocupar depois de morrer vc descobre se estava certo ou não… Se sim, bom pra vc e se não, pelo menos tenha o consolo de que não vai estar em um lugar que não mereça! Palavras duras, eu sei, mas é a realidade.

DEIXE UMA RESPOSTA