Historiador critica o papa Francisco por aproximação com pobres e diz que “Jesus vestia Armani”

15

A postura de adotar uma linha de menos ostentação durante seu pontificado colocou o papa Francisco no centro de uma polêmica na Itália, e gerou declarações no mínimo curiosas por parte de historiadores.

O escritor e historiador Vittorio Messori criticou a postura de Francisco ao dizer que a Igreja Católica não é pobre e nem deve se portar como tal, pois “Jesus não era um morto de fome”.

Na entrevista ao jornal Il Fatto Quotidiano, Messori fez analogias bastante polêmicas para explicar sua visão sobre o ministério de Jesus: “Ele vestia Armani, as suas vestes eram raras e luxuosas para a época. Ele tinha um tesoureiro que o traiu e, portanto, também um tesouro”, afirmou.

Um colega de Messori, o professor Roberto Rusconi, pondera sobre a questão: “Certamente, Jesus não era um pedinte e talvez José também não. O sentido da sua mensagem e da sua vida, não por acaso sintetizado por Francisco de Assis, está no não possuir, pois a posse gera poder”.


Rusconi vai mais a fundo ao dizer que o problema da Igreja Católica não está nas riquezas que possui, e sim, na forma como a utiliza: “De um certo ponto de vista, nunca existiu uma Igreja pobre, enquanto que a Igreja sempre teve – como instituição – o problema de como gerir os bens que possuía, que geravam riqueza e principalmente poder. Entre os seguidores de Francisco de Assis, que haviam partido com a rejeição de toda forma de propriedade e, portanto, de poder, e que depois foram se enchendo de esmolas e bens, abriu-se a discussão sobre a possibilidade de um usus pauper. Em outras palavras, pode ser extremamente anti-histórico usar a categoria de pobreza fora do contexto. O problema da Igreja consiste nos bens que geram a riqueza e não são utilizados para os pobres”, contextualizou.

O professor conclui seu raciocínio criticando as declarações de Messori: “[O papa] escolheu o nome de Francisco. A sua insistência sobre a pobreza e os pobres deve ser remetida a essa chave: quem são os pobres e que uso se pode fazer dos bens da Igreja para os que precisam. Se a Igreja de Roma deve se livrar das riquezas, isso não se faz em um dia. Se quisermos nos colocar no plano das piadas, é fácil demais. Na cruz, Jesus não estava vestido com Armani, e o sepulcro não havia sido projetado por Renzo Piano [arquiteto italiano renomado]”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


15 COMENTÁRIOS

    • não gosto muito de comparar casos de paises de primeiro mundo com o Brasil, mas neste caso vale a pena porque estamos falando em quantidade de pessoas…

      veja o caso de Madri, sede da jornada em 2011, quando 2 milhões de peregrinos se reuniram na capital espanhola. Os gastos do governo também ultrapassaram R$ 100 milhões, mas a arrecadação gerada pelos jovens no país superou as despesas em 200%.

      VEJA… A ARRECADAÇÃO (não da Igreja) superou os gatos em 200 POR CENTO.

  1. Reinaldo juvencio –depois quando nos os evangélicos falamos vocês acham ruim–que valor tem para DEUS quadro de pinturas imagens pinturas livros –vocês não se dis cristãos –cade suas bíblias para estuda-las estão em suas casas abertas no salmo 91–a igreja macunbolica opss–católica realmente tem muito dinheiro –agora o ESPIRITO SANTO DO DEUS VIVO –tenha paciência ele não frequenta –idolatria nem mariolatrismo –nem tao pouco faz morada em sers humanos idolatras -mariolatras -nem com quem cultua os mortos –AGORA–quanto a este historiador não vale a pena –comentar sobre lesma -caramujo ou um louco reamente não vale a pena

    • Amigo… por favor… a História do mundo depende disso.. livros, pinturas, escrituras…

      se vc hj sabe algo sobre o seu passado é exatamente porque alguém tem preservado isso meu caro…

      de onde vc acha que saiu a biblia que hj vc tem pra ler??? já sei… vc acha que ela veio da gráfica né… tem razão… a sua veio da gráfica… mas como ela chegou a ser o que é???? porque alguém preservou as escrituras sagradas antes dela ser compilada em um unico livro… pergaminhos sagrados, foram guardados pela Igreja católica, assim como guarda outras obras do passado…

      então não fale bobagens… pense antes de escrever…

      • Reinaldo vc falou uma grande verdade, bem lembrado, meus parabens pela verdade que vc falou.

        O problema de certas pessoas e que elas so sabem criticar, e vejo que muitos que se dizem evangélicos, odeiam tanto os catolicos, quanto os judeus.

        passe a prestar a atenção em como esses evangélicos de arack tratam os judeus,
        sempre com desdem.

        • Eu acho que o que Deus quer de nós é respeito mútuo entre irmãos…

          não importa se “evangélicos”, Católicos, Ateus, budistas, etc. etc… etc…… o importante é o respeito… assim… a salvação fica mais próxima, não poderemos ser acusados no dia do julgamento deste pecado… e a salvação caberá a Deus nos dar ou não.

        • Perfeito, amigos!!

          “Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis.” João 13; 34

          Nosso amigo cheio de ódio no coração ali, pode ter conhecimento vasto sobre qualquer coisa, menos sobre ortografia e amor ao próximo…

    • Meu Deus, será que uma pessoa assim sabe mesmo o que é catolicismo,protestantismo,”macumba”?è incrível como os iluministas conseguem,através de mil formas,jogar católicos protestantes(sim,porque se são protestantes da Igreja Católica,só podem ser…Católicos) contra Católicos e vice-e-versa.As forças luciferianas aplaudem.
      Lamentável.

DEIXE UMA RESPOSTA