“Igreja Cowboy”: Congregação cristã usa arena de rodeio e tema rural para atrair fiéis

3

O culto se inicia com a banda tocando em ritmo country os versos “I Think God Must Be a Cowboy at Heart” (E eu acho que Deus deve ser um cowboy no coração), após algumas músicas no estilo tradicional dos vaqueiros norte-americanos, o pastor sobe ao altar usando jeans, botas e um chapéu de palha para iniciar o sermão.

É assim que se inicia mais um culto na Cowboy Church of Santa Fe County, igreja liderada pelo pastor Steve “Doc” Timmons, de 57 anos de idade. Do altar decorado com selas, botas, chapéus e até mesmo uma roda de carroça, Timmons profere o sermão para os congregantes, que acabaram de acompanhar o som da banda batendo os pés no chão ao ritmo das músicas, seguindo o tradicional estilo country.

A igreja liderada por Timmons fica na cidade de Santa Fe, no Texas, e foi montada em um armazém de concreto e aço, um prédio que em nada se parece com uma igreja. Porém, é nesse local que se reúnem regularmente cerca de 30 cristãos, que saíram de igrejas tradicionais e buscam um local de culto mais descontraído, e onde se dê mais valor ao relacionamento.

– O que eu encontrei nesta Igreja Cowboy foi um grupo de pessoas que são muito sérios sobre seu relacionamento com Jesus Cristo, e totalmente despretensiosos – afirmou Steve Meador, de 63 anos de idade, contando que começou a frequentar a igreja após passar por várias igrejas nos últimos 2 anos.


– As pessoas são tão amigáveis, você não tem que se vestir como se estivesse indo a um baile de celebridade. Venha como você é – diz a telefonista Martha Cannon, vestida com uma saia jeans.

O pastor explica o estilo da igreja afirmando que essa é uma maneira simples de fazer igreja, e o que vivem nessa congregação é mais sobre a relação do que é sobre religião.

A Igreja Cowboy de Santa Fe não é única a seguir esse estilo. De acordo com o site de notícias NPR, já são 400 igrejas Cowboy espalhadas por 36 estados norte americanos. O estado do Texas é onde existem mais congregações desse estilo, como a Igreja Cowboy de Ellis County, que reúne cerca de 1700 fiéis, e é considerada a maior igreja Cowboy no mundo.

Além do estilo rural, muitas dessas igrejas tem até arenas de rodeio, onde promovem atividades para reunir os fiéis. No Texas, igrejas batistas tradicionais plantam novas igrejas cowboy em várias cidades e, em alguns casos, a nova congregação tem ultrapassado a igreja-mãe.

– Uma coisa sobre as igrejas tradicionais é que elas vão ter que mudar se querem sobreviver. Elas vão ter que ir além de suas paredes e fazer diferente – resume Charles Higgs, coordenador das igrejas batistas no Texas.

Por Dan Martins, para o Gospel+

3 COMENTÁRIOS

  1. Alienação com um toque mundano! Evanjegues conseguem ter até culto satanista gospel. Silas Maracutaia é exemplo de satanista e pastor simultâneo igualzinho ao seu comparsa e bandido Benny Hinn, ambos lixos completos!!!Como é bom ser ateu!!!!!!

DEIXE UMA RESPOSTA