Justiça fecha templo da igreja Assembleia de Deus por causa do excesso de barulho

51

Na última sexta feira um templo da Igreja Assembleia de Deus Ministério Santos, na cidade de Rio Preto (SP), foi fechado pela justiça devido às constantes reclamações feitas pelos vizinhos devido ao excesso de barulho no local.

Localizada no bairro São Francisco, a igreja está judicialmente impedida de realizar cultos e outras atividades, sob pena de multa de R$ 2 mil para cada culto promovido sem autorização. A liminar que ordenou o fechamento da igreja foi assinada pelo juiz Flavio Dassi Viana, da 6ª Vara Cível.

– Considerando-se que, segundo a petição inicial e os documentos que a instruíram, a ré é fonte de poluição sonora, havendo risco de dano irreparável ou de difícil reparação em caso de provimento ao final, já que os direitos difusos e coletivos, a saúde pública, o meio ambiente e o bem-estar de um número indeterminado de pessoas vem sendo sistematicamente atingidos, defiro a tutela antecipada – afirmou o juiz na liminar.

A liminar expedida por Viana detalhou ainda que a Assembleia de Deus deve se abster “de executar no local indicado na inicial, a partir do cumprimento do mandado de citação, qualquer atividade ruidosa que não atenda aos padrões estabelecidos pela Norma 10151 da ABNT, sob pena de multa de R$ 2.000 a cada ocorrência”.


Segundo o Diário Web, a decisão do juiz foi motivada por uma solicitação feita pelo promotor Claudio Santos de Moraes, que na última segunda-feira ingressou com uma ação civil pública pedindo o fechamento da igreja, que acumula advertências e multas por causa do barulho. A ação teve início após dois anos de reclamações feitas pelos vizinhos do templo em relação ao barulho no local.

Em meados de 2012, os vizinhos da igreja já haviam entrado com uma solicitação na prefeitura sobre o barulho gerado pela igreja. Na época, formam feitas melhorias acústicas no local, o que não foi suficiente para sanar o problema. A legislação municipal determina que os ruídos gerados da região não devem ultrapassar 60 decibéis durante a noite, por se tratar de uma área residencial mista. Porém, na última fiscalização foram registrados picos de 90 decibéis ao redor da igreja.

Ao comentar o caso, o advogado da igreja, Alisson Renan Alves de Oliveira, afirmou que a igreja irá acatar a decisão judicial, e que os fieis que ainda frequentam os cultos no local serão transportados para outras unidades da igreja na cidade.

– A posição da direção [da igreja] é de sempre cumprir a ordem, porque senão estaria indo contra os próprios princípios da igreja que são justamente agregar a comunidade – afirmou o advogado.

51 COMENTÁRIOS

  1. As igrejas deveriam fazer uso de consultoria de empresa experiente, isso ser regra junto a todos os templos.

    A bem da verdade, deveria os órgãos públicos fazer triagem dentro do próprio imóvel que agrega a igreja, pois muitas igrejas fazem doer os ouvidos, principalmente por utilizarem de forma inapropriada as caixas de som, com barulho agudo e de muito volume. A saúde é dever.

    • LEVI VARELLA
      SENDO IGREJA, A PERSEGUIÇÃO É GRANDE, AS EXIGENCIAS SEMP´RE SÃO MAIORES DE QUE PARA BARES E CASAS NOTURNAS, SEM FALAR NAS FESTAS DE RUAS ESPALHADAS PELO PAÍS, ONDE NÃO ADIANTA VIZINHOS , SE QUEIXAREM DE BARULHO SEXO EXPLICITO FEDOR DE MIJO, CONSUMO DE DROGAS E SEM FALAR NA SOMZEIRA, É SÓ PARA IGREJA QUE EXISTE LEI.

      • Vós, quando orardes, entra no teu quarto e ora em secreto, e vosso pai celeste que vê tudo em secreto vos atenderá e blá-blá-blá-blá. É só cumprir o que está escrito na bíblia, ora bolas. Vão gritar lá no inferno.

        .

          • Por que estes juízes sem vergonha, não mandam fechar centro de candomblé, bares que fazem barulho à noite inteira, festas de carnaval, e tantas outras que são mil vezes mais barulhentas do que as igrejas. Não sou pastor nem protestante, se fosse e um mandado desses chegasse na minha na igreja eu mandava dá pisa no infeliz. E esses católicos sem vergonha que ficam querendo denegrir as Igrejas Evangélicas, por que não tomam vergonha na cara? Eu conheço muito ladrão, prostitua, bandido que eram católicos e hoje são pessoas de bem e se converteram a Cristo numa Igreja Evangélica. Agora se o catolicismo é uma porcaria, aí é outra coisa. Vão pru inferno seus bandidos!

      • mas se qual a semelhança entre bares e seitas religiosas?

        se querem os direitos do comércio, devem reconhecer que suas seitas são somente empresas com fins lucrativos ora.

        bares e boates pagam impostos caros para funcionarem, ajudam na arrecadação municipal, estadual e federal.

        os bares, caso não tirem seus devidos alvarás e respeitem as Lei, também podem ser denunciados.

        as boates idem.

        mas se querem ter os mesmos direitos dos bares e boates, devem reconhecer que suas seitas não passam de empresas com fins lucrativos.

    • além das beatas da seita católica, há também os outros pa$$tores das seitas que abrem na vizinhança e querem eliminar a concorrência e usam a polícia para isso. desligam seus aparelhos de som, ligam pra polícia para denunciar a outra seita.

      é a livre concorrencia e a disputa por fiéi$$$

    • além das beatas da seita católica, há também os outros pa$$tores das seitas que abrem na vizinhança e querem eliminar a concorrência e usam a polícia para isso. desligam seus aparelhos de som, ligam pra polícia para denunciar a outra seita.

      é a livre concorrência e a dispu ta por fiéi$$$

    • Se um “pancadão” se instalasse perto da minha casa e me incomodasse, eu ligaria para a polícia. O mesmo eu faria se o incômodo fosse causado por uma igreja. Vão fazer barulho lá no inferno.

      .

  2. Os Cristãos Católicos desde o início, nunca se utilizaram de artimanhas da oratória para converter o povo. Sobre isso, nos originais, alertava o apóstolo São Paulo: “Cristo não me enviou para batizar, mas para pregar o evangelho; e isso sem recorrer à habilidade da arte da oratória, para que não se desvirtue a cruz de Cristo” (1Cor 1,17). Mas, de onde veio e quando apareceu a LAVAGEM CEREBRAL, esse jeito escandaloso com gritos, fala frenética e gestos bruscos de “pregar”, usado pelas seitas protestantes?
    Jonathan Edwards, presbiteriano, descobriu acidentalmente essa técnica durante uma cruzada religiosa protestante em 1735, em Massachusetts. Induzindo culpa e apreensão aguda e aumentando a tensão, os “pecadores” que compareceram aos seus encontros de “reavivamento” foram completamente dominados, tornando-se submissos. Tecnicamente, o que Edwards estava fazendo era criar condições que deixavam o cérebro em branco, permitindo a mente aceitar nova programação.
    O problema era que as novas informações eram negativas. Ele poderia então dizer-lhes, “vocês são pecadores! vocês estão destinados ao inferno!”. Como resultado, uma pessoa tentou e outra cometeu suicídio. E os vizinhos do suicida relataram que eles também foram tão profundamente afetados que, embora tivessem encontrado a “salvação eterna”, eram também obcecados com a idéia diabólica de dar fim às próprias vidas.
    Charles J. Finney, foi outro fundamentalista protestante que usou as mesmas técnicas quatro anos mais tarde, em “conversões” religiosas em massa, em Nova Iorque. As técnicas são ainda hoje muito utilizadas pelos protestantes em cultos, e nas forças armadas dos EUA. Estudiosos acreditam que muitos pregadores protestantes não percebam ou saibam que estão usando técnicas de LAVAGEM CEREBRAL quando falam alucinados, com veemência e fazendo gestos bruscos. Edwards simplesmente topou com uma técnica que realmente funcionou, e outros protestantes a copiaram e continuam a copiá-la pelos últimos duzentos anos no meio protestante. E hoje eles abusam desta incessantemente na mídia, em busca de “conversões” (que lhes encham os bolsos). Esta é uma das maiores razões para o crescimento das seitas, especialmente na variedade televisiva e radiodifusão. (…) Exatamente no momento, quando o estado mental alfa for atingido, passarão com a “cestinha de coleta”. Ao fundo da igreja, o pastor assistente com sua “Voz Cadenciada” provavelmente estará incitando os presentes dizendo – sempre cerca de 45 vezes por minuto – algo do tipo: “Dê a Deus… Dê a Deus… Dê a Deus… Dê a Deus…”, e a audiência obedece. Pode ser que Deus não receba o dinheiro, mas seus ricos “representantes” vão. – (Fonte: Psychologie und Landmark Education – Extraído do discurso feito no Congresso Mundial da Convenção de Hipnotizadores Profissionais em Las Vegas, Nevada).

    Daí notar-se que os “pastores” não são escolhidos pelo seu conhecimento teológico ou vocação, mas pelo seu malicioso malabarismo persuasivo da oratória (sabedoria da palavra) condenada por S. Paulo e que torna vã a cruz de Cristo (1Cor 1,17). Outro dia um desses quase matou de rir o povo da rua Estrada de cima – Goiana – PE, com sua voz ritmada e tremula. Já outro parecia que narrava uma partida de futebol alucinado berrando.
    Sabendo que isso em nada representa a verdadeira conversão, condenam estas práticas (Tiago 1,26):
    “Se alguém cuida ser religioso e não refreia a sua língua, mas engana o seu coração, a sua religião é vã”. Ou seja:
    É – VÃ – GÉLICA! Desconfie sempre de quem prega com voz ritmada e gesto brusco. Foi claro, o bispo S. Paulo ao dizer: “A minha palavra e a minha pregação não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração do Espírito e poder, para que nossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus.” ( 1Cor 2,4-5). (Conforme: Bíblia João Ferreira).

    E o profeta Jeremias alertava:
    “Por que prospera o caminho dos ímpios, e vivem em paz todos os que cometem o mal aleivosamente? Plantaste-os, e eles arraigaram-se; avançam, dão fruto; chegado estás à sua boca, mas longe do seu coração. Mas tu. Ó Senhor, me conheces, tu me vês e provas o meu coração para contigo; impele-os como ovelhas para o matadouro e prepara-os para o dia da matança.
    …Porque até os teus irmãos e a casa de teu pai, eles próprios se hão deslealmente contigo; eles mesmos clamam após ti em ALTAS VOZES.
    Não te fieis neles ainda que digam coisas boas”. (Jeremias 12,1-3,6)
    (conforme a bíblia “evangélica” de João Ferreira que fingem seguir).

    • Obrigado pela contribuição. Eu era conhecedor do fato desde criança, mas desconhecia o fator que gera este radicalismo religioso praticado pelos evangélicos. Desde que me entendo por gente eu me sentia incomodado com aqueles homens de preto, sapato surrado e bíblia embaixo do sovado, que gritavam feito alucinados nas suas igrejinhas humildes. Os tempos mudaram, as igrejas cresceram, mas a tática de persuasão é a mesma.

      .

      • Totalmente frágil o seu argumento. Primeiro porque é nótório que os atores envolvidos no caso exposto, são exatamente ‘contrários às boas práticas da retórica’. Valem-se da gritaria, do emocionalismo e do sensacionalismo para se comunicar.
        Outro fato, qualquer teólogo formado (protestante ou católico), advogado, jornalista e professore, e outros das áreas humanas e ligadas à comunicação, possuem na sua formação básica as ferramentas de retórica, ao bem da transmissão de sua mensagem.
        Curioso tb achei o seu comentário de que “pastores” não são escolhidos pelo seu conhecimento teológico ou vocação, mas pelo seu malicioso malabarismo persuasivo da oratória”. Só se for no seu meio religioso que é tão fundamentalista e fanático quanto o do grupo destacado na matéria, que anda ensurdecendo a vizinhança com a sua poluição sonora.
        Ademais para o seu conhecimento, nas diversas igrejas cristãs (protetantes históricas e reformadas, Anglicanas, protestantes livres, católica Ortodoxa, Cristã Copta, e muitas pentecostais – sérias) a ‘ordenação’ dos seus ministros é realizada após formação teológica, comprovação de atuação junto a suas paróquias, comprovação de idoneidade e nada conta com a justiça, apresentação e entrega de trabalhos de pesquisa no âmbito teológico ou cientiífico sócioreligioso, além de sabatinagem e aprovação de convicções pela ordem à qual é ligado.

      • Esse texto está em http: // caiafarsa. wordpress. com.
        Localizado no final da página, onde há uma lista de temas. è um ótimo site. Todos os protestantes deveriam conhecê-lo.

        • Muito bom o comentário. Quando, certa vez, assisti videos de Hitler convencendo as massas, não tive como não relacionar aos berros esquizofrênicos que vejo em muitos pregadores. Moro (infelizmente) ao lado de uma igreja que utiliza dessas táticas envolventes e, sinceramente, sinto-me profundamente decepcionado com o que ouço. Quase não ouço a Bíblia, e quando ela é utilizada, o proveito é no mínimo questionável. No mais, todo o rebuliço redunda em meras firulas apelativas e ameaçadoras seguidas de muitos, muitos cantares para preencher o tempo.
          Algumas vezes precisei sair de casa por não suportar o barulho extremo, outras vezes insisti em permanecer em casa, porém, sem conseguir ao menos estudar, ou realizar outra atividade que exigisse o raciocínio. Lamento, mas penso que é triste ver, como aqui alguns fizeram, a comparação do barulho da igreja com o dos bailes funk ou de bares e jogos de futebol, mas, infelizmente parece que aqueles que realmente deveriam diferencia´-la, não fazem muita questão de fazê-lo.

          • Eu concordo que a barulheira além de prejudicar a saúde auditiva, e incomodar os vinhos, atrapalha o entendimento da mensagem bíblica e a própria espiritualidade da comunidade religiosa presente.
            Na verdade quando falta profundidade bíblica, o jeito é apelar pro barulho pra se fazer atendido. Concordo que a Igreja deve dar exemplo em todos os aspectos, nesse inclusive.

    • Emanuelle,

      Não foi o assunto do texto.

      Você discutiu técnicas de discurso, de falar, modo de se relacionar com o meio.

      Confundir barulho com técnicas de se pronunciar demonstra o seu desconhecimento.

      Trocou alhos por bugalhos, desculpe, mas acho que você aproveita um dos temas do discursos, para criticar o protestantismo.

      Tá parecendo um lider religioso ocupando meio metro de chão e com som em quatro caixas de som e a todo volume.

      Meu caro, esse seu grito foi pior, pois deseduca ao invés de ativar o espírito da compreensão.

    • Bom, se você tirasse a crença em Deus que os cristãos professam, você daria uma ótima aluna do filósofo Nietzche, pois o mesmo dizia a mesma coisa sobre a persuasão do pastor em relação às ovelhas.

      A arte da oratória que você diz que os católicos fazem se chama “alegoria bíblica”? ah, me diga, que pastor, padre, patriarca que não faz isso.

      Deixa me informar que até Jesus fazia isso ao fazer parábolas. O que são alegorias senão achar significados ocultos através do que Deus diz?

      Sinceramente, você precisa estudar que desde os séculos I e II d.C. os cristãos Apologetas já expressaram veementemente a alegoria como forma de firmar a fé bíblica com base na argumentação com conceitos filosóficos que se defendam de qualquer heresia que viesse a entrar e se misturar entre os cristãos, principalmente se oriundos do helenismo, Tertuliano que o diga.

      Indo pela sua lógica, todos que proclamam o evangelho dando alegorias não deveriam ser escutados.
      No final das contas, o cristianismo, na sua visão, pelo que entendi, deve ser somente você e o Tu, deixando de lado a comunidade, que significaria aglomeração de “pessoas persuadidas”.

      É, nieztche concorda. Não vou nem aprofundar porque não quero transformar ninguem em “neo-ateísta” =]

  3. Fiquem tranquilos TODOS vocês que se incomodam com a Igreja…Graças a Deus! Falta pouco…mas…muito pouco para ela “subir da face da Terra…”.
    Aí é que TODOS vocês irão se maravilhar com o Maldito Inferno que a Terra se transformará…uau!
    MARANATA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

        • já brincam com as datas, essa alegoria do tempo estar próximo se repete a 19 séculos. Não é questão de certeza, é questão de fé. Outro problema é que Igreja vai ser “ascendida” por Deus. Então as outras todas vão perecer? Nossa, precisamos de um manual, deixa que eu levo uma cruz, balas de prata, cebola, daí estaremos prontos quando o dia chegar.

          • Olá Rubem, o tempo do arrebatamento da igreja que se arrasta a dezenove séculos é o seguinte: Tem pessoas que morrem subitamente;dormindo,acidentes etc. Para essas pessoas o arrebatamento chegou. Quanto a qual igreja vai ser “ascendida” não se trata de DENOMINAÇÃO RELIGIOSA, e sim de pessoas que compreendem a mensagem do evangelho,aceitando a Jesus Cristo como Senhor e salvador pessoal,ou seja: que VIVEM o evangelho.

  4. Interessante que nunca vemos serem reportados problemas semelhantes em igrejas adventistas, metodistas, presbiterianas, anglicanas, entre outras. Pentecostais gritam tanto que só podem pensar que evangelismo é feito aos berros e que Deus é surdo. Ô povinho chato!

  5. Este é o único barulho que não faz mal a ninguém.
    GLÓRIA DEUS E ALELUIA não faz mal, o que faz mal poucos reclama são estes funk que constrange as pessoas de tanto PALAVRÕES, isso entra na mente das crianças e deixa as criancinhas perturbadas.
    Cadê os juízes….estão prendendo o bem e deixando mau solto.

    • Funk é Lixo….é Escória…..

      Quando orardes, não vos assemelheis aos hipócritas, que, afetadamente, oramde pé nas sinagogas e nos cantos das ruas para serem vistos pelos homens. – Digo-vos, em verdade, que eles já receberam sua recompensa. – Quando quiserdes orar, entrai para o vosso quarto e, fechada a porta, orai a vosso Pai em secreto; e vosso Pai, que vê o que se passa em secreto, vos dará a recompensa.

      Não cuideis de pedir muito nas vossas preces, como fazem os pagãos, os quais imaginam que pela multiplicidade das palavras é que serão atendidos. Não vos torneis semelhantes a eles, porque vosso Pai sabe do que é que tendes necessidade, antes que lho peçais. (S. MATEUS, cap. VI, vv., 5 a 8.)

  6. Detalhe: Em 99,9% dos cultos protestantes aquele que diz entender a Bíblia…. e ser bajulado pelos fiéis não consegue explicar os escritos.
    Basta observar., o Borra Botas pega a bíblia ( coisa rara de acontecer) lê uma passagem ( ai não conseguindo compreender) ele começa a falar coisas sem sentido e de repente vem a gritaria.

    • Sabem bem mais que você, outrossim, foram estimulados pro Cristo, afinal seus discípulos eram homens rudes e analfabetos, tendo Ele tido que até mesmo os loucos entenderiam e mensagem do evangelho.

      Muitos padres além de não falarem da bíblia, quando falam, são de pobreza extrema, apesar de formação universitária, o curso de teologia.

      Voltando ao assunto, já que você é privilegiado, informe a diferença da ascendência de Cristo em Mateus e Lucas, onde sequer os avós são os mesmos.

      • Varela, parece que você não conhece os católicos da ordem franciscana. Na época em que Francisco pediu ao Papa uma nova ordem, já pensaram em taxá-lo de anátema, apesar disso, por um sonho, o Papa permitiu…

        Extrema pobreza, conforme o evangelho. Acolhimento e atenção aos pobres, pão e água para tomar… É, quantos católicos, evangélicos e protestantes fazem isso? Nem eu ou você fazemos.

        Seguir o evangelho da forma como Cristo e os Apóstolos viveram e fizeram é algo que muitos não se arriscariam.
        Como diz muitos, Francisco de Assis foi o Evangelho na prática e no exemplo, e não da boca pra fora.

        Que católico, evangélico ou protestante faz isso hoje? poucos. É errado quem faz isso? Se seguem o que Cristo falou não.

        Julgamentos qualquer um pode fazer, principalmente quem não estuda por dentro as composições do corpo evangélico, católico ou protestante.

          • Rubem e Serafim,

            O enaltecer de Francisco de Assis me obriga a efetuar análise do que vocês falaram, aí vai.

            Francisco de Assis, antes deles, os membros da igreja primitiva, ou seja, os judeus que a gente senta a pua dizendo contrários a Cristo, já haviam feito, pois vendiam suas coisas e traziam o fruto da venda para os apóstolos, devendo eu dizer aos dois que esta orientação dada pelos apóstolos foi um erro, tanto que não mais se repetiu.

            Achavam os apóstolos que Cristo ia voltar breve, naquela geração com Ele disse, daí fez com que muitos ficassem comendo e bebendo às custas do patrimônio alheio a ponto de Paulo ter tido que pedir dinheiro às igrejas que ele fundou, com vistas a ajudar a igreja da judeia financeiramente.

            Cristo se deparou frente a frente com outros ricos, mas somente a mentirosozinho que Ele mandou que vendesse os bens se queria realmente segui-lo.

            Meus caros, o importante é você com os dons dados por Deus se manter e ajudar os outros, não ser objeto de ajuda de terceiros.

            Cristo nos alertou contra a petulância da riqueza como o fez contra as palavras do linguarudo, do dedo grande do apontador que gosta de julgar, dos pés que vão onde não devem ir, dos ouvidos que ouvem palavras torpes, da astúcia dos espertos, dos maus mestres, dos pregadores que distorcem a palavra, do profetas de mentira, dos falsos líderes, dos criadores de novas doutrinas, dos misturadores de doutrinas, dos que gostam do muito beber, dos que gostam do muito comer, dos que gostam de muito falar, dos ávidos por falar, dos que falam sem pensar, dos que não buscam as coisas do céu, dos que possuem maus olhos(invejosos), dos que não praticam a justiça, dos que não são mansos de coração…

            Mas a turma somente sabe abrir esta parte da bíblia para julgar.

            Meus caros, o homem mais rico do mundo, o americano dono de famosa empresa na área da computação, bil gates, é um que costuma dá verdadeiras fortunas e as vezes tendo ficado com o mínimo, assim também o foi com a empresa colgate que dava o dízimo e que hoje fica com o dízimo e dá o resto.

            Muitos fazem disso para melhor, então não quero concordar que São Francisco foi o ponto alto do cristianismo nesse item, pois os elementos que dispomos são poucos, em verdade teriamos que ter lista dos que doaram e quanto doaram às fundaçôes de combate às enfermidades, como o ator que fez o papel de superhomem e morreu sem mexer abaixo da cabeça….muitos, muitos mesmos. Lembrando que os amerinos são diferentes de nós.

  7. eu queria que fechassem a bosta da danceteria que a muito tempo estamos reclamando do barulho a noite inteira, todos finais de semana, e ninguém faz nada. perseguição simmmmmmm

  8. Boa Noite
    Eu moro ao lado do Clube dos Sargentos em Cascadura, RJ. Durante ano, o clube faz inúmeras festas com o som tão potente que acho que os pacientes do Hospital Norte Dor, do outro lado da estação de trem, custam a repousar! Já fiz inúmeras queixar e nada! Carnaval, festa de aniversário, festa anos 70, 80….tem festa para todo gosto! As vezes nem precisa pagar para entrar, é só tirar o sofá da sala e dançar com a galera!!!! O problema é quando vc precisa acordar no dia seguinte, às 4h da manha para ir trabalhar em Jacarepaguá…..pq a festa, geralmente, só acaba as uma da madrugada…..
    SERIA TÃO BOM SE A LEI FUNCIONASSE PARA TODOS!!!!

  9. O juiz está correto na minha opinião. As denominações religiosas deveriam ser as primeiras a dar exemplo de respeito à lei, porém deveriam ser punidos TODOS sem exessão. Políticos,torcedores foguetorios das festas catolicas e etc. A lei vale também para o período DIÚRNO.pois incomoda quem trabalha à noite,pessoas doentes e crianças que necessitam de repouso.

    • o mesmo cara que reclama do barulho das igrejas é o que tem a aparelhagem de som alto pra todos ouvirem o FUNK quando passa de carro e acha que esta abafando….

      Acredito q esses caras que ouvem musica de baixa qualidade no carro no ultimo volume tem trauma de infância…. a mãe deles devem ter dado pro pamonheiro!!!

  10. Vem uns aqui justificar um erro com o outro.Carros com som alto estão errados, assim como essas igrejas barulhentas que fazem um inferno na vizinhança.Tem que multar e fechar mesmo !
    Há inúmeras igrejas que não incomodam os vizinhos, como a Luterana e muitas Batistas por exemplo.

DEIXE UMA RESPOSTA