Internacional

Missionários brasileiros na Guiné-Bissau estariam impedidos de deixar o país devido a golpe de estado

Comments (0)
  1. Eleandro disse:

    Irmãos vamos colocar a verdade estou em contato com eles todos os dias e na verdade o Golpe de Estado não foi Domingo dia 15 e sim dia 12 Quinta-Feira, E NÃO FORAM ESPUSOS DO HOTEL PELO CONTRARIO SEMPRE FICARAM NO HOTEL E mesmo com a dificuldade de alimentos e agua ainda faziam suas visitas missionarias na cidade e o exercido nunca segue prenderam ou expulsarão eles, mas pela graça de Deus já estão na sala de embarque para Dacar e depois para Lisboa e assim voltarem para o Brasil no primeiro vou. Que vocês quiserem fotos deles mando para vocês.

  2. Momi disse:

    Por favor, consultem melhores fontes antes de publicar o que quer que seja. Nem sequer a data do golpe está correcta. O golpe militar ou golpe de estado (ainda nem sequer está bem definido) aconteceu dia 12 de Abril e não Domingo, dia 15. A internet sempre teve má qualidade, não é de agora – os serviços de internet na GUiné-Bissau não são so melhores e posso garantir-vos que em nada pioraram desde o golpe. As rádios e a telvisão foram, de facto, impedidas de funcionar pelos militares, mas já há alguns dias que voltaram a emitir. As redes móveis têm estado a funcionar como normalmente e ninguém foi expulso de lado nenhum por ser estrangeiro.
    Estou aqui desde Setembro de 2011 e também eu tenho lidado com muitos missionários brasileiros e de outras nacionalidades. Compreendo e aceito o medo. O que está a acontecer é realmente grave, mas as pessoas têm circulado na rua com normalidade nos últimos dias. Os bancos, as escolas e a maior parte das repartições do estado não estão a funcionar, mas ainda não chegou (graças a Deus) ao ponto de faltar comida ou água.
    Preocupemo-nos e rezemos pela Guiné-Bissau, mas não exageremos e não entremos em ondas sensacionalistas.

  3. OREMOS PELA GUINÉ BISSAU.
    Só Jesus pode agir e mudar esta situação.

  4. Jandir Santos disse:

    por favor ajudem esses missionarios em oração não fique de fora dessa campanha

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *