Muçulmano apedreja filha grávida por ela ter escolhido se casar por amor: “Não tenho remorso”

36

Uma mulher grávida foi apedrejada até a morte por sua própria família no Paquistão, na última terça-feira. O pai de Farzana Parveen, 25 anos, afirmou que o assassinato era um “crime de honra”, pois sua filha havia se casado por amor, contra a vontade de sua família.

“Eu matei a minha filha pois ela havia insultado toda a nossa família ao se casar com um homem sem o nosso consentimento, e não tenho nenhum remorso sobre isso”, disse o homem à polícia.

Farzana Parveen teria se casado com um homem chamado Mohammad Iqbal, e enquanto ela esperava em frente ao prédio do Tribunal para depor em defesa de seu marido contra a acusação de rapto feita por seu pai, sua própria família a apedrejou.

De acordo com informações do Charisma News, um grupo de cerca de 20 muçulmanos atacou Farzana e seu marido em plena luz do dia, diante de uma multidão de curiosos em frente à Alta Corte de Lahore. O ataque foi liderado por seu pai, irmãos e um primo, que era o homem escolhido por seu pai para casar-se com ela.


A Comissão de Direitos Humanos do Paquistão informou que cerca de 869 mulheres foram assassinadas em  “crimes de honra ” no ano passado.  89% dos muçulmanos paquistaneses dizem que a lei sharia deve ser a Constituição do país, e apóiam apedrejamentos em casos de adultério.

36 COMENTÁRIOS

  1. Espera aí, a história está mal contada! Um pai de 25 anos com uma filha na idade de casar??! E por amor?!
    Agora… que horror! Injustiça! Machista! Ela nem pode escolher, senão morre? Parece as pessoas da Idade da Pedra! Vocês precisam evoluir!

      • Vcs ficam xingando os espiritas os umbandistas
        Porque vcs nao coloca no site que os muçulmanos são uma doutrina de satanás como vc fazem com o espiritismo , umbanda etc

        • Quem xinga outra religião não evangélico, apenas se diz evangélico.. A obrigação de nós evangélicos é orar e não sair “atirando pedras”.. Deus abomina o pecado, mas ama os pecadores.
          Vamos ser fieis verdadeiros temente a Deus e amar ao nosso próximo como a Biblia nos manda.. Ninguém pode generalizar toda uma religião por causas do erro de uma minoria de fiéis, seja a religião qual for!

        • Amigos, a religião muçulmana ou islamismo acreditam no mesmo Deus que nós (chamado Alá) e simplesmente param lá no deserto, eles não aceitam a pessoa de Jesus Cristo filho de Deus, se, ai sim, essa religião aceitassem a Cristo o mundo poderia ser bem diferente, analisam as Escrituras: Mateus 10.22 diz ( Sereis odiados de todos por causa do meu nome; aquele que perseverar ate o fim, esse será salvo ).
          Mateus 26,67 diz ( Então uns cuspiram-lhe no rosto e lhe davam murros e outros o esbofeteavam dizendo ).
          Ora, o próprio Senhor Jesus Cristo e ate os seus discípulos foram
          perseguidos por proclamarem a verdadeira palavra do Deus vivo e único,
          não poderia ser diferente nesta época aos que também estão proclamando
          a verdadeira palavra de Deus.
          Temos que perdoar e orar pelos nossos opressores.
          Os salvos serão os que perseverarem em meios as perseguições, tribulações, provações e sofrimentos suportando tudo sem sair da presença do Senhor Jesus Cristo até a sua volta para buscar então a sua verdadeira igreja.

        • Amigos, a religião muçulmana ou islamismo acreditam no mesmo Deus que nós (chamado Alá) e simplesmente param lá no deserto, eles não aceitam a pessoa de Jesus Cristo filho de Deus, se, ai sim, essa religião aceitassem a Cristo o mundo poderia ser bem diferente, analisam as Escrituras: Mateus 10.22 diz ( Sereis odiados de todos por causa do meu nome; aquele que perseverar ate o fim, esse será salvo ).
          Mateus 26,67 diz ( Então uns cuspiram-lhe no rosto e lhe davam murros e outros o esbofeteavam dizendo ).
          Ora, o próprio Senhor Jesus Cristo e ate os seus discípulos foram
          perseguidos por proclamarem a verdadeira palavra do Deus vivo e único,
          não poderia ser diferente nesta época aos que também estão proclamando
          a verdadeira palavra de Deus.
          Temos que perdoar e orar pelos nossos opressores.
          Os salvos serão os que perseverarem em meios as perseguições, tribulações, provações e sofrimentos suportando tudo sem sair da presença do Senhor Jesus Cristo até a sua volta para buscar então a sua verdadeira igreja.

    • E pq você acredita que uma religião que tenha uma doutrina dessas também não é do capeta?

      A bíblia é muito clara, quem não serve a Deus, serve ao diabo.
      Com certeza tudo o que não serve a Deus, é satânico.

  2. Amigos, a religião muçulmana ou islamismo acreditam no mesmo Deus que nós (chamado Alá) e simplesmente param lá no deserto, eles não aceitam a pessoa de Jesus Cristo filho de Deus, se, ai sim, essa religião aceitassem a Cristo o mundo poderia ser bem diferente, analisam as Escrituras: Mateus 10.22 diz ( Sereis odiados de todos por causa do meu nome; aquele que perseverar ate o fim, esse será salvo ).
    Mateus 26,67 diz ( Então uns cuspiram-lhe no rosto e lhe davam murros e outros o esbofeteavam dizendo ).
    Ora, o próprio Senhor Jesus Cristo e ate os seus discípulos foram
    perseguidos por proclamarem a verdadeira palavra do Deus vivo e único,
    não poderia ser diferente nesta época aos que também estão proclamando
    a verdadeira palavra de Deus.
    Temos que perdoar e orar pelos nossos opressores.
    Os salvos serão os que perseverarem em meios as perseguições, tribulações, provações e sofrimentos suportando tudo sem sair da presença do Senhor Jesus Cristo até a sua volta para buscar então a sua verdadeira igreja.

    • Querido Pr Gilmar, da uma pesquisada em sites serios e voce vera realmente quem e o deus ala e quem foi maome, o porque do simbolo do maometismo ser uma meia lua, definitavamente o ala dos maometamos nao e o mesmo Deus Pai Jave. paz e graça da parte do nosso Senhor e Salvador JESUS CRISTO.

  3. Esse triste acontecimento prova que a religião é apenas mais um conceito em meio a escuridão.
    O homem acredita estar seguindo a verdade e na verdade está aprisionado em seus dogmas e indagações a cerca da vida. Colocam sua crença na mistura de fé e tradições, mas não querem abrir o coração para entender q

  4. Islã religião do ódio! Esse povo está “invadindo” o Brasil… Até no interior nordestino você já vê mulheres usando o “véu”, precisamos orar e abrir os olhos de quem podermos, ou num futuro não muito distante poderemos ver essas coisas acontecendo em nosso país! Deus tenha misericórdia de nossa nação!

  5. Esse triste acontecimento prova que a religião é apenas mais um conceito em meio tamanha escuridão.
    O homem acredita estar seguindo a verdade e na verdade está cego e aprisionado pelos dogmas e indagações a cerca da vida. Colocam sua crença na mistura de fé e tradições, assassinado inocentes e alegam que fazem a vontade de Deus. Bons costumes enriquecem a alma, mas, se nos apegarmos como se fosse algo capaz de tirar a vida quando violado, se torna demoníaco e não há nada de bom nisso. O Islamismo é uma religião muçulmana e se espalha de maneira devastadora pelo mundo. O Senhor Jesus Cristo alertou sobre tais crenças, na verdade, devemos ser simples como pomba e prudente como serpente. É tempo de orarmos pelas pessoas que estão abraçando esse caminho, pedido a Deus por elas, e também vigiarmos para não sermos iludidos.Devemos estudar a Palavra de Deus, vigiando e orando para fortalecermos a nossa fé. Que Deus tenha misericórdia de todos nós e dessa família, pois se um dia tiverem um encontro com Jesus Cristo, será dolorosa e pesada a consciência sabendo que por orgulho e egoísmo religioso, mataram a própria filha.

  6. Existem muitas religiões no mundo e muitos livros tidos como sagrados. Em meio a tudo isso, há uma maneira segura de reconhecermos a verdadeira Palavra de Deus e o seu plano de salvação. A Bíblia Sagrada prova ser verdadeira.

    Esse estudo está disponível em Evangelismo.blog.br. Nele, você descobrirá o engano do profeta Maomé, que sem qualquer fundamento ou verdade, afirmou que o Senhor Jesus Cristo nos ensinou a morrer e também a “matar” pela causa de Deus (Sura 9:111 – Alcorão).

    Convido a todos os muçulmanos que porventura acessarem esta notícia a raciocinarem:

    Faz sentido levar uma vida casta na terra (o Alcorão ensina isso) para depois no paraíso levar uma vida promíscua e libertina, com setenta virgens? Onde está a lógica nisso?

    Evangelismo.blog.br
    .

DEIXE UMA RESPOSTA