Teologia da Missão Integral: debate sobre o tema gera polêmica entre líderes evangélicos; Entenda o que é e qual o propósito

39

A Teologia da Missão Integral (TMI) é um conceito que vem sendo abraçada por diversas igrejas evangélicas e que sugere a aplicação dos princípios do Evangelho em todas as áreas da vida, incentivando o evangelismo que pregue a Palavra e que ofereça assistência social, psicológica e espiritual.

A TMI foi tema de uma das edições recentes do programa Academia em Debate, organizado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, com apresentação do reverendo Augustus Nicodemus Lopes e participação dos reverendos e filósofos Jonas Moreira Madureira e Filipe Costa Fontes.

Em suma, durante o debate, Madureira e Fontes apontaram uma suposta influência que a TMI receberia da Teologia da Libertação, conceito surgido há algumas décadas entre teólogos católicos latino-americanos que visa uma atenção maior ao oprimido socialmente, e também fizeram ligações de alguns princípios da TMI com o socialismo e marxismo. Assista:

Assine o Canal

Repercussão

O pastor e escritor Ariovaldo Ramos, auxiliar da Igreja Batista de Água Branca (IBAB) e um dos maiores entusiastas da TMI no Brasil, publicou em sua página no Facebook uma carta aberta aos debatedores, criticando a falta de profundidade nas considerações sobre o assunto.

“As colocações dos convidados não elucidaram o tema, suas críticas, de fato, por falta de rigor, mais pareceram meros ataques, e soaram como opiniões pessoais, acabando por correr o risco de ter prestado um desserviço ao debate teológico, sempre tão necessário, principalmente, neste momento da Igreja brasileira, tão vilipendiada por causa de maus exemplos, principalmente, midiáticos, e acossada por tantos ventos doutrinários”, escreveu Ramos.

Segundo Ramos, a única semelhança entre a TMI e a Teologia da Libertação é o fato de ambas serem “teologias da Práxis, isto é, reflexões teológicas sobre a ação da igreja, como propagadora do Evangelho, no cotidiano da sociedade em que está incrustada”.

Citando o teólogo anglicano John Stott, Ramos afirma que a TMI deu origem ao conceito do “Evangelho todo, para o homem todo, para todos os homens”, que é “compreendido como o poder de Deus para a Salvação de todo o que crê, assim como o poder de Deus para interferir na estrutura da sociedade, para dar sobrevida à humanidade, pela promoção da justiça”, e acrescentou: “Como se pode verificar na irrupção da chamada modernidade, a era dos direitos humanos, iniludível fruto do cristianismo”.

O reverendo Augustus Nicodemus Lopes, mediador do debate sobre a TMI, escreveu uma carta resposta ao pastor dizendo que em seu escrito, apesar de ressaltar a origem da TMI, Ramos não tocou “na questão do uso do marxismo, sim ou não, pela TMI, que é uma das críticas mais feitas ao movimento”.

Lopes também pontuou que o movimento de reforma protestante já trazia em seu bojo muitos dos pontos exaltados por John Stott: “Para mim ‘o Evangelho todo para o homem todo’ encontra uma de suas melhores expressões na cosmovisão reformada, refletida nas conhecidas palavras de Abraham Kuyper, primeiro ministro da Holanda e pastor reformado, ‘Não há um único centímetro quadrado, em todos os domínios de nossa existência, sobre os quais Cristo, que é soberano sobre tudo, não clame: É meu!’ Os seguidores desta linha abriram universidades, hospitais, escolas, abrigos e orfanatos, e se engajaram nas artes, ciência e academia – o ‘homem todo’, muito antes do surgimento da TMI”.

Perante o debate provocado pelo programa e as cartas abertas sobre o tema, o pastor Ariovaldo Carlos Jr, criador da Bíblia Freestyle, publicou um vídeo com um resumo explicativo da história e sentido da TMI. Segundo ele, a ideia da TMI “não é apenas tirar você do inferno, mas tirar o inferno de você”. Assista:

Assine o Canal

O blogueiro Alex Farjado publicou uma entrevista realizada há alguns meses com o pastor Ariovaldo Ramos, onde ele discorre sobre a existência de ligação – ou não – da TMI com o marxismo. Assista:

Assine o Canal

Assista também aos comentários de Marcos Botelho e Calebe Ribeiro sobre o debate a respeito da TMI:

Assine o Canal

39 COMENTÁRIOS

  1. TMI – teologia dos esquerdistas ( ala) das igrejas tradicionais envolvida até o pescoço com o comunismo , MAXISTAS , peocuram quem são as pessoas que estão envolvidas com esta ideologia satânica , todos abraçam esta teologia da libertação ; Ariovaldo Ramos, Ricardo Gondim ,Caio Fábio ,Ed Renê Kivitz … aliás é só pesquisar , e verão os envolvidos com esta teologia ! Pois, foi através deste grupo de pessoas que começou a perseguição sobre os pentecostais e os neo pentecostais . Porque ? porque os pentecostais são contrários e não aceita esta teologia rasa, então acusam os pentecostais de analfabetos teológico , ignorantes e inventores de heresias . Agora , procurem os frutos destes teólogos, desta TMI , e vejam a diferença !!
    A falsa missionária Raquel Elana faz parte deste grupo da teologia infernal !!!!!!

  2. Devemos ler,atos dos apostolos, desde entao devemos seguir o exemplo, e retirar tais ideologia, faco questionamento, qual verdadeiro proposito desta questao, o maior leprosario hoje no mundo e gerido por cristao uma familia inteira, como podemos explicar aos tantos desafortunados que foram ajudados por cristaos estes nao perguntaram que ala estava enserida, marxista no embojo teologico amem

    • Concordo com o Sr. Pastor Gilmar, na minha humilde opinião o que Cristo deixou para nos foi isso, pregar o evangelho do arrependimento, e o amor ao próximo. Essas tantas teologias disso daquilo. Servem exclusivamente para trazer separação dentro das igrejas.

  3. So estao querendo melhorar a vida mundana sem encarar a relidade do pecado destruidor e da multiplicaçao da iniquidade,evangelho do homem segundo o homem e para o homem,este nao e o evangelho do Reino que Jesus pregou,antes que critiquem leiam os primeiros livros do novo testamento.Estes homens se tornaram loucos e presunçosos e se cercam de doutores para apoiarem suas ideias falidas,este e o tipo de sutileza que satanas plantou dentro da igreja e se transformou nesta arvore que so produz frutos da carne.

  4. Marxismo? A sociedade em sua maioria rejeita o marxismo, graancismo e outra linhas ideológicas comunistas. Há que separar tais coisas. Pois posso criticar e rejeitar o marxismo e isso não significa que não pense em responsabilidade social ou justiça social e sustentabilidade. Ao meu ver tais coisas não provem do marxismo. Mas de uma consciência cidadã na sociedade. A luta por dias melhores nada tem a ver com ideologias. Mas na natural luta do ser humano.

  5. As críticas do "debate" foram muito amenas, mas não deixam de ter seu valor. Aí vem o Ariovaldo Ramos, que até hoje teve sua cabeça afagada pela Mackenzie, e reclama das justas e bem fundadas críticas feitas no vídeo. Mas infelizmente, se trata de pastores desonestos, que fazem uso de jogo de palavras para esconderem suas intenções, vide a ambiguidade do discurso em relação ao marxismo. No momento em que o Ariovaldo Jr fala que o engajamento dos adeptos da TMI é na transformação de toda a sociedade, fica revelada a má-fé. Pois ignora todas as tentativas fracassadas de transformação de sociedade, onde não há um só caso de sucesso. E ignora também que a missão do próprio Cristo não foi essa, então eles querem uma missão mais elevada do que a de Cristo. E digo má-fé mesmo, porque não é admissível que um pastor tão engajado nesta causa desconheça os efeitos que seu discurso pode causar.

  6. Eu só não consigo entender porque tantos argumentos e ideias sobre um assunto que deve fazer parte das nossas vidas sem questionamentos…não consigo entender. Quando deveria se unir as ideias ou se não unir, ao menos considerar porque todos estão fazendo pelo reino de Deus, e sem duvidas Deus leva em consideração a intenção, de fato que a teologia da prosperidade não dá nem pra comentar, porem quem não é contra nós é por nós, a pergunta é se estamos prontos para aceitar outro tipo de ideia que por sinal é muito relevante como a Missão Integral, será que não estamos sendo vaidosos de mais a ponto de defender somente o que é nosso ideal? Ressaltando que os princípios de Deus são inegociáveis.

  7. A introdução de conceitos socialistas na igreja evangelica transforma Jesus Cristo de filho de Deus em um ativista politico! Por isso temos tantos enfermos e tantos que choram entre nos! Esta teoria perniciosa esta destruindo o evangelho e disseminando mentiras vestidas de cordeiro! Socialismo é mentira politica! Socialismo é ateu, pois o proprio lenin disswe que faria do estado seu DEUS! Chega de socialismo e politica na Igreja! mais evangelho e Biblia! E buscar a Deus de coração!

  8. Infelizmente as nossas "teologias" no Brasil ainda operam com base em categorias de pensamento que são quase obsoletas. AInda estamos pensando dentro da dialética capitalismo/socialismo, espiritual/prático, modernidade/pós-modernidade dentre diversas outras. Nossos teólogos e pensadores, que hoje estão nos seus 50-60 anos de idade, ainda estão muito marcados pela ditadura e "la revolución". O primeiro mundo já não está mais em conflito com o segundo para ver quem vai colonizar o terceiro mundo. Para avançarmos e aprofundarmos a TMI precisamos a extirpar destas categorias retrógadas. Vivemos numa realidade quântica, num mundo dinâmico e cada vez mais pluralista e globalizado. Já que as cicatrizes da ditadura resistem em sarar, talvez o futuro da TMI esteja na mente e coração de uma nova geração, quer seja esta "emergente", "missional" ou não.

  9. geralmente os que são contra ou não conhecem o assunto ou sentem-se ameaçados ..e pra quem tem uma 'teologia capitalista 'posso dizer sem receio de heresia queJesus era mais 'vermelho' do que imaginam em suas vas religiosidades apregoadas…

  10. Quando a Teologia da Missão Integral propõe: “a transformação de toda sociedade”, mostra a que veio, é mais um modelo revolucionário dos comunistas, que buscam conseguir no meio evangélico a mesma hegemonia que conquistaram na igreja católica. Se esquecem que Jesus nunca prometeu um mundo melhor nesta terra, aliás o seu reino não é deste mundo, são apenas farsantes hipócritas !!

  11. Igreja que diz que prega a Jesus e não se importa com a comunidade à sua volta, é comércio.
    É apenas um covil de hipócritas.
    De que adianta sair de casa e ir à igreja e no caminho, tropeçar num viciado, num faminto, fazer de conta que não os viu e entrar na igreja e dizer que Jesus é bom?
    A igreja tem que servir à sociedade, porém sem barganhas e sem interesses.

  12. Natan Generoso Ariosvaldo mesmo que falou que a teologia da missão integral e antes da teologia da libertação ou seja começou por volta de 1969…mais a teologia da libertação começou em 1969 comunista -esquerdista,abortista,gaysista…

  13. O evangelho é tão simples, mas, o homem sempre complicando. Arminianismo, calvinismo, libertação, prosperidade e etc. É simples ame a Deus e a teu proximo, leia e medite na Bíblia, ore ao Espirito Santo pedindo que viva em Cristo e que derrame o amor e o fruto. Tenha uma comunhão sadia com o seu irmãos na fé. Aí o cristão vai viver o que é o simples e verdadeiro evangelho independente a TMI, CALVINISMO, ARMINIANISMO E ETC. Como é slogan de uma operadora de telefonia" Simples assim".

  14. Que cara de pau esse Ariovaldo Ramos.Dizer que Marx que buscou os conceitos da religião crista? Marx sabia que para acabar com o capitalismo era necessario destruir a triplice, a familia a religião( cristianismo) e o estado. De nada adiantava fazer a revolução se não destruir essa triplice. Ta na cara que essa TMI tem sim em sua essncia o marxismo e é esse mesmo marxismo que diz que a religião é o opio do povo. Conciliar a ideologia com cristianismo é o mesmo do que misturar água com oléo,não funciona. Essa esquerda TMI caviar….!

  15. “Uma só coisa te falta; vai, vende tudo o que tens e dá aos pobres e terás um tesouro no céu. Depois, vem e segue-me”. 22 Ele entristeceu-se com essas palavras e se foi todo abatido, porque possuía muitos bens. 23 E, olhando Jesus ao redor, disse a seus discípulos: “Quão difícil é um rico entrar no Reino de Deus!”. 24 Os discípulos ficaram assombrados com suas palavras. Mas Jesus replicou: “Filhinhos, quão difícil é entrarem no Reino de Deus os que põem a sua confiança nas riquezas! 25 É mais fácil passar o camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar o rico no Reino de Deus”. 26 Eles ainda mais se admiravam, dizendo a si próprios: “Quem pode então salvar-se?”. 27 Olhando Jesus para eles, disse: “Aos homens, isso é impossível, mas não a Deus; pois a Deus tudo é possível”

  16. A verdadeira igreja de Cristo, que segundo as Escrituras Sagradas, é invisível e contempla homens e mulheres de todas as épocas, não está presa a nenhuma forma de teologia ou ideologia. Nem mesmo a teologia sistemática, tão necessária à sobrevivência das mais honestas e históricas denominações cristãs é um estudo absoluto e conclusivo, pois sempre haverá espaço para ‘mudanças e revoluções inovadoras’, porém oriundas do plano humano, por mais privilegiadas que possam parecer. O poder do evangelho emana da simplicidade de Cristo e da mensagem que Ele deixou. Entregar-se à direção d’Ele e viver em obediência à Sua palavra é tudo quanto cabe àqueles que sabem que Ele existe. Pela fé devemos fazê-lo, sabendo que o Deus invisível é o dono e Senhor da igreja invisível, e assim porfiar por fazer parte dela, pois Ele sabe quem são seus escolhidos…aqueles que aceitam e abraçam a verdade libertadora de Cristo. Uma vez liberto de dentro para fora, o homem produz os frutos do Espirito, e por consequência, toda sorte de boa obra sobre a face da terra. Nada, em tempo nenhum, nunca foi, nem nunca será maior que isso, pois o poder de Deus se aperfeiçoa no que parece fraco, e na simplicidade do Evangelho de Cristo está o poder de Deus. A isso chamamos como o teólogo Paulo de Tarso, “loucura da cruz”. Somente a loucura de Deus, ratificada lá na cruz do Calvário, produz a mensagem mais eloquente e transformadora, à partir de cada um de nós. Somente por ela cada homem e cada mulher podem ser de fato livres e felizes. Quem puder diga AMÉM!!!

  17. Amados em Cristo Jesus, Realmente este e o tempo da apostasia que havia de vir sobre a igreja estais atento a verdade, para que ninguém vos engane.
    1 Timóteo 4:1,2
    Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios;
    Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência.
    2 Timóteo 3:1-7
    Sabe, porém, isto, que nos últimos dias virão tempos difíceis;
    pois os homens serão amantes de si mesmos, avarentos, pretenciosos, soberbos, maldizentes, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios,
    sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, inimigos do bem,
    traidores, insolentes, presunçosos, amando mais os prazeres do que a Deus,
    tendo a aparência de piedade, porém negando o poder dela.
    Pois deste número são os que se introduzem nas casas e cativam as mulherinhas carregadas de pecados, seduzidas por toda a sorte de paixões,
    Sempre aprendendo, mas nunca podendo chegar ao pleno conhecimento da verdade. AFASTA-TE POIS DESSES.

DEIXE UMA RESPOSTA