Pastora é baleada na nuca durante atentado e sobrevive para contar “grande testemunho”

0

Um atentado a tiros que poderia ter terminado com a morte de uma pastora evangélica tornou-se, ao final, um testemunho de livramento.

A pastora Yolande Herron-Palmore, co-fundadora da igreja Kainos Community, estava em um salão de beleza em Minneapolis, Minnesota (EUA), sentada próximo à janela frontal do estabelecimento, quando um homem efetuou disparos contra o local.

Uma das balas atingiu a parte de trás da cabeça da pastora, e rompeu uma artéria. Socorrida, ela foi internada no hospital local e passa bem, de acordo com informações do Christian Post. “Foi tão surreal. Eu simplesmente não podia acreditar que eu estava sentada em um salão e ouvindo aqueles tiros. O sangue simplesmente se espalhou por todos os lugares”, relembrou.

“A bala a atingiu e, fazendo-a pular de seu assento. Ela disse que por um minuto, pensou que iria morrer, até que ela conseguiu levantar a cabeça e disse a si mesma: ‘uau, ainda estou aqui’”, disse Joseph Palmore, filho da pastora.


O homem que efetuou os disparos ainda não foi identificado pela Polícia. Essa foi a terceira vez que alguém efetuou disparos contra salões de beleza em cinco anos, e os proprietários de estabelecimentos desse tipo na região já se mobilizam para instalar vidros à prova de balas, em busca de garantir maior segurança.

Para os médicos que atenderam a pastora, o fato de a bala ter desviado depois de atingi-la – diminuindo os danos à artéria – foi uma surpresa sem muitas explicações.

Depois de receber alta hospitalar na última sexta-feira, 03 de junho, Yolande aguarda a alta médica para poder viajar de volta para sua cidade, em Houston, Texas. O filho dela disse que todos na família entendem que o que aconteceu foi um milagre.

“Eu sei o caminho a minha mãe tem trilhado com Deus, como um pastora e professora. Sabemos do quão ungida ela é e não há nenhuma outra razão para a minha mãe ainda estar aqui, se não for pelas mãos de Deus, que colocaram sua proteção à volta dela […] Ela sabe que poderia não estar mais aqui e ela sente que tem um grande testemunho para contar. Ela tem uma história definitiva para contar agora. Ela pensou que tinha um grande testemunho antes, mas ela realmente tem um agora”, afirmou Joseph.

Os membros da igreja onde a pastora atua estão se reunindo para juntar dinheiro e ajudar a pagar as despesas médicas da pastora.


SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA