Brasil

Lei que institui aulas de ensino religioso em escolas públicas causa polêmica no Rio de Janeiro

Comentários (1)
  1. Desde que não forcem outras religiões e ateus de participarem… a única coisa chata é que mesmo quem não tem religião ou não pertencem a "estas", pagarão para aulas dos filhos dos outros.

    1. Gabriel Oliveira Martins disse:

      Sobre esta questão tenho pontos a favor e contra mas acho que religião se for tratado a nivel de conhecimento sobre o por que de cada uma existe assim seria mais facil entender o que pensa uma pessoa de determinada fé ou mesmos que não tenha nenhuma no casos de ateus , não concordo que estudo deva ser imposto para alunos que não queira ou tenha teor apelativo em favor de uma ou outra religião mas sim de todas as religiões e tambem sobre a cultura ateista tambem.

  2. Um governo democrático e laico no sentido amplo desta palavra não deve fornecer nenhum tipo de suporte a ensino religioso de qualquer tipo.Instituições representativas do Estado e funcionários públicos não devem de maneira nenhuma utilizar recursos públicos para viabilizar doutrinação religiosa.O aprendizado de uma religião decorre de fatores culturais como:a orientação espiritual das famílias e a doutrina religiosa predominante na sociedade.O ensino de religião deve ser uma disciplina que analise de forma científica a expressão de fé como um fenômeno cultural necessário durante nossa jornada evolutiva.A antropologia está aí para explicar a origem de nossos mitos religiosos, suas funções e seus significados.A filosofia nos permite define como funciona as relações de valores morais entre as sociedades e suas manifestações religiosas.Essas supostas aulas de ensino religioso acabará descambando para o proselitismo que beneficiará uma ou outra religião.Os governantes desse país ainda tropeçam e caem de quatro quando são pressionados por autoridades religiosas.Políticos se cagam de medo quando se encontram diante da seguinte decisão:ceder ao assédio de determinado segmento religioso e ter futuros ganhos eleitorais com isso ou recusar-se a ceder o aparato do Estado para disseminação de ideologia religiosa e acabar sendo refutados nas próximas eleições.Essa proposta absurda foi o resultado da pressão exercida por Bento XVI sobre o inconsequente séquito de populistas irresponsáveis do governo Lula.

    1. João Elias Martins disse:

      "Adelino Agnuz Gomes
      Essas supostas aulas de ensino religioso acabará descambando para o proselitismo que beneficiará uma ou outra religião." : FALACIA

      Basta ler o texto todo:

      "E por se tratar de aulas confessionais só poderão participar os estudantes cujos pais deram autorização, durante a pré-matrícula. Para as outras crianças, haverá “educação para valores” (apresentação de temas ligados à ética e à cidadania) durante o período vago."

      Ninguém vai assistir aula de religião se não quiser.

    2. Em primeiro lugar, Jesus deixou bem claro a relação de governo e religião, dizendo o seguinte:Dize-nos, pois, que te parece? É lícito pagar o tributo a César, ou não?
      18 Jesus, porém, conhecendo a sua malícia, disse: Por que me experimentais, hipócritas?
      19 Mostrai-me a moeda do tributo. E eles lhe apresentaram um dinheiro.
      20 E ele diz-lhes: De quem é esta efígie e esta inscrição?
      21 Dizem-lhe eles: De César. Então ele lhes disse: Dai pois a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus.

      O caráter do governo é de cuidar dos interesses coletivos, porquanto todas as formas de atributos que são ali investida é para o bem comum. Ainda que seja algo benéfico e que tragam valores inestimável para sociedade,não devemos como crentes em cisto, que isso deva ser imposto as pessoas, elas devem querer isso naturalmente.

    3. João Elias Martins De qualquer forma o estado não pode suportar com dinheiro público, parte do qual é arrecadado de minha pessoa, religião alguma. Está errado. Caso queira-se oferecer as mesmas aulas, essas devem correr a custo das instituições religiosas correlatas.

    4. sabe o que mais entristece neste país? quando não se faz nada, e as coisas quebram, debandam, se aniquilam, degeneram a culpa é do governo! se o governo propõe algo como este, e isto é um primeiro passo, e que pode trazer benefícios sim, a oferta de valores morais é incomparavelmente melhor do que nenhuma oferta. o grande problema aqui é a vaidade de gente que não constrói nada, mas que se irrita ao ver a possibilidade de outros fazerem algo que possa trazer bons frutos. a violência, o desrespeito, a aniquilação dos bons modos se infiltraram na sociedade de tal forma que a resistência a tudo que traga moralidade às pessoas é combatido. Dizem: é inconstitucional! o estado é laico! se mata por qualquer coisa nesta terra, e o primeiro a morrer é sempre o princípio do amor! o povo incompetente!

    5. João Elias Martins – o nó na garganta dessa gente sem Cristo é tão agudo que tudo que traga a memória os valores de respeito e de fé assusta, são lobos devoradores de tudo quanto propõe vida. ainda vai ficar pior.

  3. Kely Poma disse:

    GRAÇAS A DEUS QUE PODEREMOS FAZER PARTE DO DIA DESSES ALUNOS PODENDO ESTAR NOS RELACIONANDO COM ELES DE MANEIRA SAUDÁVEL E SEM FORÇA E VIOLENCIA POIS A PRÓPRIA PALAVRA DE DEUS DIZ….NEM POR FORÇA NEM POR VIOLÊNCIA MAS SIM PELO MEU ESPIRITO..ENTÃO CREIO QUE DEUS PODE TOCAR NO CORAÇÃO DESTES JOVENS QUE MUITAS VEZES ENFRENTAM SITUAÇÕES EM QUE PODEM ENCONTRAR EM UM SERVO DE DEUS DE VERDADE UM GRANDE AMIGO ASSIM COMO JESUS É CONOSCO….O QUE É BOM TEMOS QUE PASSAR EM FRENTE…A PALAVRA DE DEUS É MUTIO PRECIOSA E VERDADEIRA BÚSSOLA PARA NOSSAS VIDAS….PENA QUE ALGUNS SÓ A RECEBEM EM SEU CORAÇÃO E A VIVE…..
    E NÃO DEVEMOS DISCRIMINAR ALGUÉM QUER QUE SEJA…POIS DEUS AMOU A TODOS E O MAIOR MANDAMENTO É AMAR A DEUS ACIMA DE TUDO E DEPOIS AME SEU PROXÍMO COMO A TI MESMO….FAREI MINHA PARTE…LEVANDO AMOR AO MEU PROXÍMO…SEM DESTINÇÃO DE RAÇA OU CREDO….DEUS OS ABENÇOE.

    1. ISSO É FORÇAR A ALGUEM A SEGUIR UMA RELIGIÃO!
      E ISSO É UMA FORMA DE VIOLENCIA… ELES SÓ VÃO ENSINAR O CATOLICISMO E O EVANGELISMO… E AS OUTRAS RELIGIÕES? NÃO VALEM A PENA SER ENSINADAS? ELAS NÃO PRESTAM? É ISSO?

    2. Seria um grande favor a humanidade se pessoas como vc, ficassem longe de tudo.

  4. Deveríamos também instituir a leitura de autores clássicos da literatura e filosofia.''Assim falava Zaratustra'' de Nietzsche,''O apanhador no campo de centeio'' do Salinger,''Crime e castigo'' do Dostoiévski,''O mundo assombrado por demônios'' de Carl Sagan,''Deus um delírio'' do Richard Dawkins, um pouco de Sartre, um pouco de Bertrand Russel,''A insustentável leveza do ser'' do Milan Kundera e ''Carta a uma nação cristã'' do Sam Harris para fechar o currículo cultural.

    1. a verdade é que o ESTADO está se intrometendo demais nas familias.

  5. Edna Barreiros disse:

    Não entendi o motivo da polêmica!

    A proposta é claríssima: "E por se tratar de aulas confessionais só poderão participar os estudantes cujos pais deram autorização, durante a pré-matrícula. Para as outras crianças, haverá “educação para valores” (apresentação de temas ligados à ética e à cidadania) durante o período vago."
    Qual a dúvida nisso aí?

    Os pais, autoridades sobre os filhos, é que decidirão, no momento da pré-matrícula, se e de qual aula o filho(a) irá participar. Se não autorizada a aula de uma religião, o aluno (a) irá para aula de educação e valores. Isso é excelente!

    Em toda a minha vida de estudante: primário e ginásio (hoje ensino fundamental) e curso Normal (hoje ensino médio) recebi aulas de religião (no primário – Adventista, nos demais – Católica) que me proporcionaram um desenvolvimento saudável e integral como ser humano, sem falar da OSPB (Organização Social e Política Brasileira) e da Moral e Cívica, hoje abolidas das escolas de ensino fundamental e médio. O ensino religioso foi totalmente extirpado das escolas (para o mal das crianças) e substituido pela educação sexual (isso chegou às raias da loucura, sem falar do famigerado kit-gay que a LGBT quer enfiar nas escolas), da "cultura brasileira" (enfiando goela abaixo, de forma mascarada, a religiões afro-brasileiras, naqueles que não são adeptos dessa doutrina). Por que não pegar essas aulas e ministrá-las aos alunos cujos pais autorizarem, como querem com as de religião tão combatidas por tantos?

    O resultado da transformação profunda nas escolas, hoje vemos! Foi para melhor? Não!!! Para pior, péssimo! Porque essa transformação atingiu a família de uma forma maléfica:
    Os pais passaram a achar que a formação da criança como um todo é responsabilidade das escolas.
    Mulheres geram filhos e os depositam, com 4 ou 6 meses, em escolas, por todo o dia, só os recolhendo à noite para levá-los para o "lar" – leia-se "dormitório". Não acompanham o crescimento dos filhos porque têm que trabalhar para ganhar dimdim, para poderem dar o de melhor material para os seus rebentos, esquecendo-se de que o material é coisa passageira, efêmera. Resultado: os pais não conhecem os filhos e os filhos não reconhecem os pais como autoridade sobre suas vidas. Daí as guerras familiares que vemos hoje, os absurdos que ocorrem no seio da família que acaba se desmantelando.

    Pais, se não têm tempo para ver seus filhos crescerem como um ser total, não os gerem! Se os gerarem, pelo menos deixem que a Palavra chegue até eles de alguma forma. Deixem que eles A conheçam para poderem ser seres humanos integrais. (Nesse momento os ateus e agnósticos devem estar me criticando de todas as formas rsrsrsrs. )

    Crescer com temor a Deus (e esse temor não é sinônimo de medo, mas sim de respeito, de reverência, de obediência) é muito melhor do que crescer sem respeito a nada!

    Pensem nisso e fiquem na paz!

    1. O erro não está em você ter à disposição aulas de religião e exercer o seu direito de seguir a crença que quiser, mas no estado ter que arcar com o ônus das mesmas. Quem não quer não é obrigado a pagar tributo, de forma direta ou indireta, aos deuses, não pelo menos segundo a constituição federal.

    2. Edna Barreiros disse:

      Entendi perfeitamente o que você diz, mas vamos raciocinar um pouco:
      O estado, ou seja, o povo, arca com o ônus da malandragem, da roubalheira, dos políticos corruptos, dos mega estádios para uma copa , enquanto hospitais, escolas, estradas, segurança pública – que é de interesse total do povo que paga impostos, estão jogados à traças.
      Um chefe de família trabalha feito um condenado para ganhar um salário miserável (o tal mínimo) enquanto que um condenado por seus crimes recebe um valor bem maior (não sei precisar o quanto), para amparo familiar, enquanto o "coitadinho" está na cadeia; e isto com ônus para o estado, ou seja, o povão!
      Querido, é muito , mas extremamente melhor, o estado (diga-se o povo) arcar com o ônus de umas aulas de religião, ou, conforme o caso, de educação para valores, do que arcar com despesas muito maiores com coisas trazidas pela falta de fé, de temor ou de valor.
      Pense nisto!

    3. Querida! Não sou religioso e não devo nada a ninguém! Incluindo ao estado! Pelo contrário. Na situação atual, ele está a me dever! Sim, é isso mesmo! E lhe digo. O governo é uma merda quando se refere a garantir os direitos do cidadão e saldar seus compromissos, mas o imposto nunca chega atrasado. E se você atrasa, paga multa, mas quando ele paga os atrasados, ainda desconta imposto de renda em taxa maior porque o montante o fez mudar de faixa. E, assim como você, EU TAMBÉM pago os impostos. Sempre fui muito controlado e orgulhoso nesse ponto e não fico devendo nada a ninguém. Não dou meu direito a ninguém também, e por tal não sou corrupto, assassino, assaltante, e nem nenhuma dessas outras coisas "trazidas pela falta de fé", segundo você! Uma coisa é ter gente sem escrúpulos mas leis "corretas", mesmo que não sejam por esses seguidas. Outra é falar que, porque há corruptos no país, ele todo deve virar um bordel, e ai buscar justificar os pequenos erros desses por serem irrisórios diante dos grandes! Desculpe, prezada, religião não é a solução para o que está ai! Basta uma revisão histórica. Religião NÃO define caráter. E tão pouco fé muda a realidade natural! EDUCAÇÃO, sobretudo CIENTÍFICA, de qualidade, é o que requer o maior dos investimentos na área de educação! Prezada, sinto dizer-lhe que, se ainda não aprendeu isso, o mundo natural segue inexoravelmente leis naturais muito bem definidas, e que elas não mudam para beneficiar esse ou aquele umbigos especiais na multidão, mesmo que seus sentidos a engane e lhe dê a impressão que isso ocorre, e tão pouco mudam porque você não sabe como as mesmas são. Sinto muito dizer que, infelizmente, os formandos do nosso sistema público de educação não tem sequer a noção disso. Se concluem o ensino médio sabendo ler e escrever hoje, é muito. Ai, achando que estrela cadente é realmente uma estrela que cai do seu, e que milagres acontecem a torto e a direita para beneficiar seus respectivos umbigos bastando para tal rezar para a divindade certa que ninguém nunca viu ou quando muito escolher a "religião correta" – a sua, não é mesmo? – a única opção desses alunos egressos é realmente colocar a bíblia debaixo do braço, ir rezar, ir se candidatar à uma vaga da "bancada religiosa do congresso" em um estado laico, e o pior de tudo, IR VOTAR!!! E para sobreviver, quando não conseguem emprego por falta de qualificação ou por não ter conseguido o cargo político, uma opção é ganhar dinheiro com o teatro apresentado lá no altar, isso se você realmente quiser considerar honesto o ganho de dinheiro via doação dos fieis em vista do que acontece lá considerando-na um pagamento pelo "show"! Quer uma boa dica! Dentre os corruptos na política, veja quantos são homens de "fé", e quantos não são! Faça uma pesquisa entre os presos, e veja quantos são "senhores de fé", e quantos não! Talvez a ficha caia, e você perceba que não é só na política que tem charlatão não! Você tem todo o direito de ter sua fé se realmente tem consigo que o que acontece lá no altar tem significado real, e o estado não pode e nem deve inibi-la, e nesse ponto luto ao seu lado, mesmo não acreditando, e isso você pode verificar! Sou completamente a favor de você ter sua igreja. Mas lugar de religião é nos templos religiosos para quem é adepto da mesma, não nas escolas ocupando a carga horária e sendo bancada pelo estado as custas do imposto que EU também pago. Assim, querer que o estado suporte a fé e o regresso rápido a idade média diante do que já se conhece de facto e de científico hoje, você não tem esse direito, e estarei contra você, pode "acreditar"! Está errado o suporte do estado à qualquer religião! Está errado o proselitismo. E para terminar, sendo direto, você não tem o direito de falar que os males da nossa sociedade atrelam-se a falta de fé, como o fez o Datena! Tenha um pouco mais de respeito com os ateus! Se olhar, verá que em geral eles são muito mais racionais, sensatos e sobretudo muito mais humanos que os "homens de fé", pois afinal eles reconhecem que são apenas parte da diversidade biológica e da natureza, e que a natureza, incluso os "outros", não foram colocados aqui meramente para servir "aos senhores" ou aos "escolhidos do senhor". Reflita racionalmente, pense nisso, e talvez consiga perceber o que lhe cerca, e que a proposta, diante de uma sociedade tão diversificada, é completamente incorreta! Abraços!

      http://www.youtube.com/watch?v=B0Wr8nx6oDc
      http://www.youtube.com/watch?v=-ZXOfiaJhZ8

  6. Absurdo isso! Primeiro que escola não é lugar de religião segundo que o Brasil não se resume apenas em quatro religiões e muito menos cristãs.Outra o privilégio já começa pelo maior número de professores evangélicos e católicos Religião não pode ser ofertada obrigatoriamente em escola pública, o estado é laico! Se algum pai acha que seus filhos devem aprender mais sobre essas religiões, eles que mandem seus filhos para a igreja. Agora a pai que é espírita vai ter que caçar escolas que menistre a religião dele também, pois os é óbvio que não vai ter em todas escolas.
    Pra mim isso tudo só tem um nome: Máquina de votos, para ganhar votos dos católicos e evangélicos!

    1. Pryma Dona disse:

      Guilherme isso o que estar acontecendo no Brazil agora de religioes querer impor e controlar as pessoas e ate mesmo controlar e exterminar outras religioes ja aconteceu a alguns anos atras aqui nos EUA resultou em muita intolerancia mortes e sangue, muita coisa entao mudou aqui comerciais de religiao e proibido em canal aberto, existem canais especificos pra isso . ainda mais que aqui existem inumeras religioes olha a confusao rssss! cada um tem o seu amigo imaginario mas nao podem agredir ou ameacar o outro por causa disso. religiosos principalmente os mais fanaticos causam muita agitacao e confusao, o brasil e um pais muito supersticioso com dificuldades,pobreza, falta de perspectiva, assassinatos, crimes e etc… precisam da religiao como muletas psicologicas talvez quando a situacao ficar mais extrema sem controle e se transformar num Irã o povo acorde!!!

    2. aula de religião não pode, mas o kit gay pode entrar nas escolas?

    3. Pryma Dona é justamente por isso que os capelães do Departamento de Polícia de Charlotte-Mecklenburg, na Carolina do Norte foram proibidos de usar o nome de Jesus nas suas orações durante as cerimônias oficiais. A merda que vai dar aqui vai ser também no “educação para valores”, se o professor que for ministrar essa aula for religioso, se baseará na religião dele para ministrar essa ou, ou seja acaba trocando seis por meia dúzia. Outra não é dever do estado ensinar religião e nem educação para valores, isso é pegar a obrigação dos pais e jogar para o professor. O professor já sofre para caralho porque tem pais que acham que é obrigação da escola educar os filhos dos outro, imagina com isso…A criminalidade não vai diminuir com esse tipo de coisa. Já está provado que países menos religioso é bem mais desenvolvido. Mas no que depender de alguns políticos como Bolsonaro, Marcos Felciano que são racistas também, o Brasil se transforme em algo até pior do que o Irã.
      A primeira coisa para melhorar o país seria investir em qualidade de ensino, abolir os vestibulares, assim dá liberdade para o professor dar uma aula boa da maneira que ele achar melhor(sem programas) investir no professor, em fim na qualidade de ensino como um todo. Só que com uma aula de ensino religioso isso só atrasa bem mais a educação no Brasil, se ainda fosse uma coisa extra curricular, com matérias como alguma área da ciência, da filosofia, da sociologia em fim…ainda dava para "engolir"

    4. Jessica Pereira Primeiro me responda o que é kit gay pra vc

    5. Pryma Dona a religião não está impondo nada, agora os gays querem impor na sociedade uma ditadura, privelegios, ou seja eu não posso ter aula de religião mas posso ser ensinada a beijar outra menina, só Deus para nos livrar

    6. Jessica Pereira Vc não sabe o que do que se trata o kit gay mesmo. Bom vou explicar para ver se vc intende: O kit gay não ensina "práticas homo afetivas " se trata de um kit que ensina os alunos a intenderem o que é homossexualidade e aprender a respeitar homossexuais, como seus semelhantes. E não ensinar a ser homossexual como vc deve imaginar. Se trata de um kit que ensina a respeitar homossexuais, ao contrário do que muitos dos seus lideres religiosos ensinam…

    7. Pryma Dona disse:

      quando a pessoa estar alienada ela nao consegue perceber ou ter contato com a realidade , num pais corrupto, violento aonde a maioria é crista e ainda se sentem ameacadas e oprimidas por um pequeno segmento a qual e discriminada e perseguida e muitas das vezes assassinadas , chega a ser Hilario! Imagina se a escravidao nao fosse abolida? se o racismo nao fosse criminalizado, a lei maria da penha nao fosse aprovada? Sempre que a moralidade baseia-se na teologia sempre que o correto torna-se dependente da autoridade divina, as coisas mais imorais e injustas podem ser justificadas e estabelicidas.

    8. Pryma Dona E todas essas leis, a igreja lutou, bateu o pé, protestou em fim…E acabou todos sendo aprovadas.
      Agora acho tão absurdo esse papinho de ditadura gay, que seria cômico até se não fosse trágico, vamos analisar só um pouco:
      Temos bancadas evangélicas ou gays no senado?
      Temos emissoras de rádio e TV Gays ou evangélicas?
      Vemos pregações em praças públicas de evangélicos ou da homossexualidade?
      Nas repartições públicas vemos símbolos religiosos ou homossexuais?
      Batem nas nossas portas pregadores cristãos ou homossexuais?
      Vemos programas de TV evangélicos ou GLBTs?
      Envia-se missionários evangélicos ou homossexuais para outros países( isso sem contar as atrocidades cometidas por muitos ao satanizar e torturar a população que não aceita Jesus)
      Prega-se a bíblia ou a homossexualidade?
      Vemos gays batendo em evangélicos, ou evangélicos batendo em gays?
      Gays ou pastores que são isentos de impostos?
      Estão querendo ensinar as crianças o "o caminho de deus" ou "o caminho da homossexualidade" nas escolas?
      Em repartições públicas vemos vemos bíblias, ou livros sobre homossexualidade?
      Agora tudo isso é porque estamos vivendo uma ditadura gay…Patético esse tipo de pensamento!

    9. Pryma Dona disse:

      Muito bem colocado seu Pensamento, concordo.

    10. Pryma Dona – melhor deixar do modo que está não é verdade! os Carlinhos Caxoeiras que o digam, ou os do PCC, queimando os transportes públicos, ou os hospitais sem médicos, que barato! é desse Estado laico que vocês gostam? então levem pra casa! Mas não queiram empurrar isso para os outros. Vocês amam adulterar, mentir, enganar, enriquecer as custas de golpes de das falcatruas da corrupção, querem liberar as drogas, as orgias e todo tipo de imundícia, o pai de vocês o diabo deve estar muito feliz com a latrina mental que vocês carregam na caixa craniana! que pena que gente como vocês não são expostos aos pneus ardentes do crime organizado, vocês são muito filhinhos de papai pra isso, gente covarde que não constrói nada de efetivo e produtivo para o mundo,na verdade se alimentam da destruição e da dor dos outros, não tenho o habito de radicalizar, mas vocês merecem o inferno! apodreçam! vermes!

    11. Cleber Aguiar Bom não é de ateus que as cadeias estão cheias, na política não tem nenhum ateu…Mas é muito bom saber o amor que vc aprende no seu livro de mitologias…

    12. que o senhor jesus venha acordar e abrir os olhos daqueles cujo o inimigo de DEUS OS CEGOU, o mundo esta carregado de iuniquidades,a polulaçâo está cega,só enxergam as prostituiçôes,as drogas em geral,as pornografias,pedofiflias de ambas as partes,satanás na realidade já enyornou o balde da podridâo dele pelo mundoos seres humanos estâo adorando,exemplos,,bailes com bebidas a um real com direito a tudo que nâo presta,o mundo tem que abrir os olhos e ler a palavra de DEUS que está se cumprindo e muitos perderâo a salvaçâo por falta de entendimento,,DEUS possa ter misericordia dos cegos,,, que a paz e o amor de jesus cristo estejam com todos…..

    13. Edison Ribeiro Campos Manda seu Jesus ensinar escrever primeiro, pois tem coisa que você escreveu que não deu para traduzir. Agora sexo pago é prático, paga quem quer(inclusive conheço muitos religiosos, pastores que usam esse tipo de serviço), é só na mente de gente atrasada que isso é errado mesmo. quanto as drogas a bíblia é a pior delas(inclusive dá para fazer uma combinação com maconha, que é menos prejudicial do que lida), quanto a pedofilia eu sou contra, pena que não possa dizer o mesmo de pastores e padres que cometem esse tipo de ato. Agora ira ao baile, beber encher a cara é muito bom mesmo, o ruim é se a pessoa enche a cara e sai dirigir aí nem seu deus salva as vítimas das cagadas desses motoristas.

    14. Pryma Dona disse:

      Cleber me desculpe mas quem carrega latrina craniana sao voces que sao completamente alienados que simplesmente nao questionan nada. acreditam em mentiras e asneiras absurdas a qual sao dejetadas dentro em suas cabecas, outra coisa que vc nao deve saber e que religiao nao define carater esse vaticano podre que se prostituiu com o nazismo e agora com a politica, esses padres safados que nao conseguem conter a coceira debaixo das batinas, ah!! e tem esses pastores canalhas mercenarios da fe os que estao na midia enganando e extorquindo pessoas pobres ignorantes e sem perspectiva de vida. pelo video vc pode ver a classe de pessoas menos afortunadas e sofridas que frequentan esses lugares e ainda saem de la mais pobres e miseraveis , quem financia esse processos judiciais billionarios livrando a cara de padres pedofilos em casos de abusos de criancas sao os fieis cegos com seus dizimos , quem financia mansoes em miami , jatinhos particulares e fazendas desses pastores canalhas sao os fieis cego com o dizimo quando voces se derem chance de sairem da Alienacao( se conseguirem rs) ai entenderao o esquema dessas quadrilhas. a religiao e bom pra quem gosta de que alguem diga e determina o que elas Façam.

    15. Pryma Dona disse:

      senhor Cleber corrigindo outra asneira que o senhor falou, o meu pai nao e o diabo o meu pai e um senhor aposentado, vigoroso e muito querido , se o senhor tem amigos imaginarios e gosta de ter a sua vida conduzida por fantasmas ou pessoas mortas ai ja nao e meu problema e sim de um bom Psiquiatra.

    16. A ciência já trata o ato de crer em deus como alucinações não psicótica…Podendo se tornar psicótica quando a pessoa comete atrocidades em nome desse deus.

    17. E isso tudo é por causa da "falta de fé"? Religião não define caráter, e não é a solução para os problemas do mundo!!! Em verdade, religião sempre gerou e gera muito mais problemas do que resolve!!!! Estude um pouquinho de história para começar! A solução para os problemas crônicos de nossa sociedade é sobretudo EDUCAÇÃO DE QUALIDADE, SOBRETUDO CIENTÍFICA, e não o estímulo a crenças sem conexão com a realidade e o regresso à idade média e à Inquisição. Leia os argumentos de minha resposta à Edna para maiores detalhes!!!! A proposta está drasticamente errada! O estado, certamente, não deve coibir a sua crença, mas não deve estimular tão pouco bancar crença alguma, sobre pretexto algum, também! Abraços!

      http://www.youtube.com/watch?v=-ZXOfiaJhZ8
      http://www.youtube.com/watch?v=B0Wr8nx6oDc

    18. Pryma Dona disse:

      Antes das pessoas cairem na alienacao religiosa profunda deveriam assistir esse video http://www.youtube.com/watch?v=thAzHvoUQrQ

  7. aula de religião não pode, mas o kit gay pode entrar nas escolas?

    1. Também não! O estado NÃO deve se meter na vida particular do cidadão, quer em opção religiosa, quer em opção sexual, quer incentivando, quer coibindo! Na hora que os políticos entenderem isso esse país terá dado um grande passo rumo ao século XXI!

    2. pode aprovar essa lei sem se meter com a opção religiosa de cada um

    3. podemos afirmar que uma criança com conhecimento biblico seraf muito mais dificio ir para o mundo das drogas do crime por que a biblia é um manoal de instrução para se conduzir bem a vida e como disse galileu, a BiBlia é um livro não para explicar o céu mas para te conduzir ao céu!

    4. Denildo Mendes Você não pode afirma nada disso,tem muitos filhos de cristão criados no meio evangélico,com conhecimento da bíblia,no mundo das drogas e do crime.O brasil é um pais de maioria cristã e evangélica,e é um pais que vai de mal a pior,ate no meio evangélico,muitos pastores estão no meio da corrupção,e da safadeza,ensino religioso nas escolas não é solução pra se evitar problemas juvenis.

    5. não afirmei que vai resolver o problema mas que é uma boa ideia isso é, e por essa corrupção eu culpo primeiramente os portugueses, sei que não vai adiantar apenas o ensino religioso é preciso isso e muito mais

    6. por que nem todos somos guiado apenas pela razão e essa edeia de Deus é universal

  8. Escola e religiao não combina,escola é ciencia e religiao é tolice bestialidade a biblia é apenas uma obra morta de culto imperial da época da ditadura Romana os generais possuiam poder sobr tudo e logo eram adorados como um deus que a propria biblia deicha claro deus glorioso na guerra.

  9. Hilton Silva disse:

    Sodoma e Gomorra ainda vão ser dadas como antigos lugares paradisíacos ao serem comparadas com o mundo dos nossos dias, naquilo que ainda está por vir, aguardem. "E se não derem ouvidos, deixai-os; haverá mais rigor no dia do juízo para estes do que para Sodoma e Gomorra." Jesus.

  10. Sensacional, estou na fila de espera para o ensino religioso, sou pastor e formado em teologia. aguardo a vontade de Deus.

  11. Sou o Carlos Antonio Costa Bezerra ok. Deus te abençõe.

  12. podemos afirmar que uma criança com conhecimento biblico sera muito mais dificio ir para o mundo das drogas do crime por que a biblia é um manoal de estrução para se conduzir bem a vida e como disse gallileu, a BiBlia é um livro não para explicar o céu mas para te conduzir ao céu!

  13. Não daria autorização pros meus filhos receberem ensino religioso na escola, preferiria que eles tivessem aula de ética e cidadania.Escola não é lugar pra se ensina religião pra isso existe igreja!!!!!

  14. E as outras religiões?
    E quem não quer ter aula de religião?
    Cadê o estado laico? Só existe no papel?

    1. Outra religião? A escola tem que ensinar bons costumes e moral, e isso só tem na religião católica.

    2. João Henrique Mariano de Campos que preconceito cara…
      Guilherme Kempoviki Cultura Ateísta olha só o comentário hahaha

    3. Dejitaru Dan disse:

      Se é pra ter isso, cadê as religiões orientais, como Budismo, Islamismo e Xintoísmo? Lá também alguns podem encontrar pensamentos positivos para a vida…

    4. Dejitaru Dan disse:

      …Para aqueles que não queiram, poderiam substituir por alguma outra matéria, como aulas de Ética e Cidadania. E esqueci de citar outra religião que deveria ser incluída no Ensino Religioso, juntamente com as 3 que citei: Judaísmo. E ensiná-las numa maneira histórica e não como uma igreja, templo, mesquita…

    5. Dejitaru Dan é isso que tá faltando…Tão segregando a religião no país…

    6. João Henrique, religião não tem NADA a ver com moral ou bons costumes, PRINCIPALMENTE o cristianismo em geral. Religião tem TUDO ver com manipulação, fantasias reconfortantes, lavagem cerebral, castração intelectual, segregação e misoginia. É fonte de discórdia, conflitos, ódio e intolerância.

      Obrigar uma criança a ter aula de religião é enfiar goela abaixo, por imposição absoluta, uma doutrina que não foi escolhida por ela.
      Religião só sobrevive nos tempos atuais porque ela é, na maior parte do mundo, IMPOSTA pelos pais e pela comunidade (cidade, estado, país, cultura). Poucos são os afortunados que crescem pensando por si mesmos para, quando conscientes de suas necessidades e desejos, possam escolher (ou não) por uma fé.

      É inaceitável que um estado que se julga laico obrigue um aluno a ter aulas de alguma doutrina. Caso fosse uma aula de Teologia (sem NENHUMA tendência ou manipulação para qualquer religião ou fé – o que eu duvido, devido ao fanatismo dos evangélicos e a puxação de sardinha de qualquer religioso), TALVEZ fosse uma aula interessante, mas apenas pra ser aplicada do ensino médio pra cima, quando o aluno já tem capacidade analítica mais apurada.

      Portanto, mesmo que sejam aulas de cunho facultativo, não cabe a escola, um local que tem como objetivo ensinar o senso crítico e analítico, do SABER (em contra mão do crer), ensinar sobre fé ou religião. Para isso já existem as igrejas.

    7. Só existe no papel, o Brasil é uma merda, Alá, Deus e etes não existem…

    8. A virdade é que a existência humana é uma merda.

    9. João Henrique auhauhuhauhauaha que palhaço preconceituoso e pretencioso xD leia a biblia e veja se o seu deus é realmente cheio de amor e carinho como vc pensa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.