Home » Brasil, Capa, Mundo Cristão, Política, Sociedade

Jean Wyllys chama evangélicos de “fundamentalistas” e “analfabetos funcionais” e causa furor nas redes sociais

Notícias Gospel em seu email

Receba Notícias Gospel em seu email gratuitamente! Insira seu email:

Gospel+ no Twitter!

ou no facebook

Jean Wyllys chama evangélicos de “fundamentalistas” e “analfabetos funcionais” e causa furor nas redes sociais

O deputado federal Jean Wyllys causou furor nas redes sociais ontem, ao comentar as críticas que recebe de pessoas contrárias à sua linha de atuação no Congresso Nacional, em defesa das propostas de ativistas gays.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Em uma publicação no Twitter, Wyllys reclamou das menções a ele em tweets enviados por evangélicos que discordam de sua postura, e classificou estes de fundamentalistas e analfabetos funcionais: “Confesso que o mais difícil, nos tweets dos fundamentalistas, é ter de ler a redação típica de um analfabeto funcional… É dose!”.

A publicação foi imediatamente respondida por diversos usuários, incluindo a psicóloga Marisa Lobo, que tem se colocado como uma das principais opositoras às iniciativas de Jean Wyllys: “Vergonha alheia: agora o deputado desequilibrado, boca suja, se fazendo de vítima, acusando todos nós de fundamentalistas religiosos, imbecis , e analfabetos funcionais”, protestou.

Marisa Lobo foi seguida por diversos usuários, que criticaram a postura do deputado e sua conduta: “Aquele bigbrotherzinho Jean Wyllys virou o pior da política brasileira! Fora cristofobia”, escreveu o usuário Alexander Dominguez.

Foram feitas menções à eleição do deputado Wyllys, que conseguiu o mandato pelo quociente eleitoral de seu partido. Nas eleições de 2010, o ex-big brother conseguiu apenas 13 mil votos, mas ainda assim, foi eleito, devido à grande quantidade de votos obtidas pelo seu partido, o Psol. “13 mil votos… Piada… Por causa dele foi reaberto o debate sobre o quociente eleitoral”, criticou Leandro Vaz.

A suposta homofobia de cristãos, que discordam dos princípios defendidos pelo movimento homossexual, foi comparada por um dos usuários com as perseguições religiosas pelo internauta Thiago Polêmico:”105.000 cristãos morrendo por ano, resultado de perseguição. Cristianofobia? Por que não fazem uma lei a favor dos cristãos?”

Em meio a tantos protestos, Wyllys publicou outro tweet, questionando se os protestos contra ele eram justos: “Eu mereço essa gente que dissemina ódio aos homossexuais e às religiões de matriz africana e que não quer oposição a essa estupidez?”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Mais Lidas da Internet

Recomendado para Você - Gospel+

Comentários via Facebook

356 comentaram, comente você também!

  1. É isso ai Jean toca fogo nesses evangélicos que não tem opinião propria, vive em função do que os seus pastores dizem em suas igrejas de fachada

  2. esse arthur è uma bichona igual ao jean mais tomara qui nao seje feio igual a elè nao srrsrsrsr

  3. jefferson Andrade disse:

    Eu as vezes não acredito no que vejo nos setes, sou aqui do Amapá, sou crente da Assembleia de Deus, tô acompanhando tudo pela Internet, eu fico muito triste de ver pastores dizendo que homossexuais são idiotas e homossexuais dizendo que pastores têm terra no c… Que isso que aquilo. Que vergonha sinto te todos.
    Não gosto do Jean por que ele pede respeito e não trata os outros como quer ser tratado, os homossexuais tem todo o direito que homens e mulheres têm, o que não pode é querer tirar o nosso direito de evangélicos, é uma pena se matam homossexuais só por que São gays, mas infelizmente negros morrem, gays morrem, mulheres morrem, e evangélicos também ! Todos por ter uma cor, ideia ou sexo diferente. Por que toda essa briga ? Afinal o que realmente queremos ?

     1 2 3 4

Sua resposta

Adicione seu comentário abaixo, ou faça trackback de seu site ou blog. Você pode também assinar esses comentários via RSS.
Seja legal. Não escreva em CAIXA ALTA. Mantenha no tópico. Limite de 3000 caracteres no comentário.

Há 555,602 comentários no Notícias Gospel.