Arqueólogos encontram local que afirmam ter sido a casa de Abraão

16

Nessa quinta feira um grupo de arqueólogos anunciou ter encontrado a casa do Abraão bíblico durante escavações feitas em um complexo perto da antiga cidade de Ur. De acordo com a Associated Press, o local foi descoberto por uma equipe de arqueólogos britânicos trabalhando em Tell Khaibar, no sul do Iraque, perto da antiga cidade de Ur.

A estrutura, que se acredita ser de cerca de 4.000 anos, provavelmente serviu como um centro administrativo para Ur na época de Abraão, que teria vivido lá antes de sair para Canaã.

Stuart Campbell, professor de Arqueologia do Oriente Médio na Universidade de Manchester e chefe do Departamento de Arqueologia, disse que é incomum encontrar um sítio arqueológico desse tipo, porque é muito grande (do tamanho de um campo de futebol).

– Este deslumbrante encontrar, e nos sentimos privilegiados de ser o primeiro a trabalhar neste local importante. A paisagem circundante, agora árida e desolada, foi o local de nascimento de cidades e da civilização cerca de 5.000 anos atrás e de casa para os sumérios e babilônios mais tarde – disse Campbell, que explicou ainda que os pesquisadores vão usar tecnologia moderna para ajudar a compreender melhor o período.


Por décadas, locais culturalmente ricos, como Ur, jaziam intocados. Alguns sítios foram saqueados, e outros danificados pela guerra.

– Por causa da falta de trabalhos arqueológicos na região, qualquer novo conhecimento é importante para os arqueólogos nesta área – e esta descoberta tem o potencial de realmente avançar a nossa compreensão da primeira cidade-estado – ressaltou.

Notas da National Geographic apontam que Ur provavelmente se originou “em algum momento do quinto milênio aC” e foi descoberto em 1920 e 1930, após uma expedição. Ur também é apontada por muitos estudiosos da Bíblia como sendo o local de nascimento de Abraão.

Por Dan Martins, para o Gospel+

16 COMENTÁRIOS

  1. Devem ter encontrado uma conta de luz ou de água no nome do Abraão para fazerem tão estupenda afirmação.

    Outro dia encontrei em minha chácara a arca do Noé com todos os bichos ainda dentro. Tenham a santa paciência.

      • “Empate técnico”: Conforme afirmou ‘Alex’, se os arqueólogos não podem provar (científicamente) que ali é o local onde se localizava a casa do patriarca bíblico Abraão, então que se apresente quem possa provar (científicamente) que ali não é o local correto, ou quem sabe até, provar que o patriarca bíblico Abraão nem tenha existido, não passe de um personagem de fábula!…

    • O titulo da materia eh que foi mal traduzido, pois os arqueologos nunca disseram que encontraram a casa de Abraao, mas sim a cidade de Ur de sua epoca. A palavra home no ingles significa casa, mas tambem a cidade ou ate mesmo o pais onde a pessoa mora.

    • Bom dia, muitos preferem não acreditar em achados arqueológicos, uma vez lembrando a arqueologia é uma ciência exata como qualquer outra, vçs acreditando ou não é a realidade a arqueologia assim como provou a existência de TUTANCAMON também prova a existência de Abraão e muitos outros personagens da Bíblia que foram reais, porque acreditar que só existiu a civilização Egípcia, suméria, Babilônica e desconsiderar a civilização Bebréia, ela existiu e ponto final as evidências são inúmeras vçs acreditando ou não existiu e ponto final, é o que diz a Arqueologia, Ciência Exata.

      • Não duvido que encontrem, mas que ele foi um sacana, foi. Casou com irmã, a traiu com a escreva e ainda por cima tentou matar o filho dele, Ismael. Saiu da terra dele, para invadir a terra dos outros.

        • e me diga Daniel, quem é você ou eu para julgar alguém, todos são pecadores todos, mas alguns se arrependem outros não, cabe a Deus somente ele para julgar pois ele é o criador e mantenedor de todas as coisas, que você possa estudar a Bíblia Sagrada a Palavra de Deus certamente Deus ama você e vai ver a diferença que isso vai trazer para sua vida que Deus te abençoe e te guarde.

  2. se este achado é ou não a casa de abraão não importa , o importante é que estou curtindo a inveja do paulo agnostico e felipe benoit kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  3. Acho que ta faltando muita fé. Pra que perder tempo com esse tipo de coisa? Vamos crer na Palavra de Deus. O que isto vai acrescentar no poder de Deus?

  4. Porque tudo que se refere á veracidade da Bíblia é sempre bombardeada com dúvidas? Se alguém achar um monte de m… e dizer que foi dos alienígenas que cairam no deserto do Sahara e que deu origem a população mundial, sem entrar nenhum crédito religioso, aí não se levantará nenhuma dúvida a respeito e passará a ser ensinado como verdade. Como aponta algum fato histórico da Bíblia, o crédito é zero.

  5. Bom dia, muitos preferem não acreditar em achados arqueológicos, uma vez lembrando a arqueologia é uma ciência exata como qualquer outra, vçs acreditando ou não é a realidade a arqueologia assim como provou a existência de TUTANCAMON também prova a existência de Abraão e muitos outros personagens da Bíblia que foram reais, porque acreditar que só existiu a civilização Egípcia, suméria, Babilônica e desconsiderar a civilização Bebréia, ela existiu e ponto final as evidências são inúmeras vçs acreditando ou não existiu e ponto final, é o que diz a Arqueologia, Ciência Exata.

  6. Esse blablabá todo é para tercerteza que Abraã existiu ou não?
    Há coisas mais importante, como viver a fé em Jesus Cristo, Praticar o cristianismo. Mostra q somos diferentes., . Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo.Saber q amar é servir. Q somos todos servos de Deus.

    A nós tem q interessar apenas o Novo Testamento, é pela Fé q cremos.
    Os judeus, tinham por hábito, realizar seus escritos POR PROSA CIFRADA, A BÍBLIA É ESCRITA, POR PROSA CIFRADA,
    Como nas epópéias, escreviam tudo aumentado. Não erravam, pois “Quem conta um ponto” aumenta um ponto”, daí… A luz da ciência, muita coisa n da Bíblia não passa, os arqueólogos, criam, histórias para entrarem para a história neste mundo de ilusões.

    Um dia, o Jô Soares, fez a seguinte piada, um arqueólogo, foi a um planeta onde astronautas já haviam estado, os arqueólogos encontraram o pinico usado pelos astronautas e lá deixado, então afirmaram, ser a próva de vida, havida no plante e que o pinico era o chapéu que os Ets usavam.

    Paz e Graça a Todos v6, Amados

DEIXE UMA RESPOSTA